História Partículas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Drama, Metáfora, One-shot, Romance, Texto
Visualizações 19
Palavras 489
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Mais real que esse texto, impossível.
Acho que eu queria que fosse diferente, mas é como é.
Não vou fingir algo que não está tão bem quanto parece.

Músicas: Candles - Daughter, All Night - Beyoncé, e Deixe-me Ir - 1Kilo

Capítulo 1 - O único vento que me leva é você.


 

Eu nunca amei uma pessoa só. Entre os meus amores platônicos, sempre houve mais de um. Dessa vez, não é diferente.

Ainda que correspondido, amor de longe também é platônico, e eu ainda sinto que te amo dessa forma. Porque eu nunca quis uma resposta, não, porque eu não consigo conter meus amores, não, porque eu não esperava que isso fosse dar certo, sim.

Estava na cara, não estava? Essas coisas não acontecem como imaginamos.

 

Nunca pedi por exclusividade. Também não prometi nada. Amizade é mais do que suficiente para mim, e nesse caso, é tudo que podemos ter.

Por quanto tempo achei que seria capaz de segurar meu coração numa gaiola?

 

Estou sendo clara o suficiente? Eu amei, sempre amei, e por amar, fui tola. Quem ama verdadeiramente nunca deixa de amar. E eu nunca deixei de ter esse carinho especial pelos meus amores platônicos.

Acho que não sei gostar de uma pessoa de cada vez. Um relacionamento é diferente, é diferente se você assume um compromisso com alguém. Mas não temos nada além do sentimento. Sendo assim, tive liberdade de amar outras pessoas.

Esse pequeno fio de liberdade foi o bastante, agora que me deparei com outro amor.

 

Espero que isso não te magoe. Espero que entenda. E saiba que você tem tanta liberdade quanto quiser. Você sabe disso, não sabe? Por favor, viva sua vida com milhares de amores, namoros, relacionamentos. Eu farei o mesmo.

Não é esquecer ou passar por cima. Não é superar ou terminar. É saber que o elo existe, mas nenhuma promessa existe entre nós. As palavras que eu te dei continuam as mesmas, mas agora tenho que acrescentar: vi amor em outro alguém.

Desvendar seus segredos me faz feliz, mas não vou mentir, tem gente querendo desvendar os meus. Espero que encontre alguém que realmente possa desvendar os seus, e não seja uma presença ausente como eu sou. Encontre alguém que não esteja tão longe, e não seja fraco a ponto de perder a esperança. Eu perdi um pouco da esperança cega que tinha no começo. Agora, estou dividida em muitas partes. Uma delas ama você. As outras querem amar o mundo.

Acho que você merece mais do que eu posso oferecer.

 

 

"O Senhor de todos os corações, cansado de ficar de lado, bateu na porta dos que já estavam apaixonados, apenas para atormentar um pouco. Suas batidas eram barulhentas, blam blam blam.

Sem saber que era hora, a menina-cobra abriu a porta. Olhou em volta, não viu nada.

Escrito nas estrelas, estava o nome de seu próximo amor. Logo agora, que já era hora de aquietar e se prender a um ninho. Mas o Alto Senhor de todos os amores não havia se cansado dela ainda.

Com aperto no peito e medo nos olhos, ela voou noite afora. Sem saber se ia voltar, ou quando ia voltar. Sem saber o que esperar.

A menina-cobra se despediu e voltou a amar".

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...