1. Spirit Fanfics >
  2. Patrulha canina:t-e-m-p-o >
  3. Cap:antes

História Patrulha canina:t-e-m-p-o - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Acho que aqui não vai ter ação,mas,origem.

^-^=-_-

Capítulo 8 - Cap:antes


17/05/2040=18:31

-filhotes...opss quer dizer cachorrada!(ryder)

-fala mano ryder!(chase)

-então,  vocês sabem que são incapazes de se reproduzir,mas eu...(ryder interrompido)

-não precisa tacar em nossa cara rsrsrs (ZuMa)

-como eu ia dizendo,eu farei para vocês "filhos".(ryder)

-ou melhor dizendo, adotar.(chase)

-aí  é que você se engana chase!(ryder)

Todos se impressionam,e logo começaram a ficar eufóricos.

-Ray e catarine, traga a maquina para o papai.(ryder)

(Rsrsrs de crianças)

-essa máquina irá  fazer os nossos filhos.(skye)

-por si, só ela faz um clone,mas se combinarmos os DNA's de vocês é capaz de fazer um clone mestiça ao de vocês.

-incrível!

-essa máquina foi testada anos atrás,e deu tudo certo mas ela envelheu rápida de mais,seu nome era:Deodora de nacionalidade brasileira.

-Por que isso aconteceu?(rocky)

-Bom a única explicação dada foi que as células  depois de 10 anos se auto destruíram. 

-nossa que horror.(marshall)

-Mas eu ryder!encontrei a solução!É...(RYDER)

-é...(everest)

-ay ay ay.(tracker)

-é só usar um pouco de DNA humano;-;(ryder)

-porque?(chase)

-estabilidade mental e física,herdada de anos de evolução.(ryder)

-me chegou a cachorrodobia rsrsrsr.(marshall)

-quem quer ser o primeiro?(ryder)

-ei!eu sou solteiro.(rubble)

-hmm.

-Oque acontece se misturar rubble e ryder.(marshall)

-acho que vai acabar nascendo um furry.(everest).

-é vão ficar musculosos.(tracker)

-hmm^-^.(skye)

-um,um não acho uma boa idéia,se sair um monstro desse a humanidade não ia aceitar,e sobraria para gente e além do mais é  anti ético!(falou chase com autoridade)

-sei.(ryder)

-ahh chase para rsrsrs.(skye)

-vamos rubble fazer esse furry.(ryder)

-naooooooooo pelo amor de Deus.(chase)

-tá!(ryder)

-acho que vou criar meu clone-_-(rubble)

-tem certeza rubble?(ryder)

-sim.(rubble)

-tá venha rubble!(ryder)

Ryder pega uma seringa e injeta em rubble e suga seu sangue,depois coloca na maquina e por fim ele pós um papel adesiva a o lado da maquina pois ali está o DNA.Houve muita fumaça saindo até que o primeiro filho de rubble saiu,era um bebê mas já respirava,o momento até emocionou rubble e os outros também,rubble encarava seu filho dentro da maquina,pelo tempo que rubble estava ali ele pensava em algo,um nome,um chamado e o chamado seria:

-Rúben se for menina vai ser...nem um,vai ser menino mesmo.(rubble)

-ei!(everest)

-se for menina vai ser...Bubble!(rubble)

-aaaaaawwwh que fofo rubble,coração mole.(zuma)

Soa um som da maquina alertando que o procedimento havia acabado.

-é um menino!(ryder)

-;-;,eba.(fala rubble meio sem graça)

-sua culpa por ter desprezado as mulheres!(everest)

-vou cuidar dele como se fosse eu!(rubble)

-é uma menina,estava só brincando para ver sua reação.(ryder)

-venha aqui,bubble.(rubble)

Dias atuais

-vamos ler um pouco!(cole)



Notas Finais


Vou tentar fazer algo de ação;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...