História Patrulheiros Dimensionais - Capítulo 17


Escrita por: e PPBBlack

Visualizações 77
Palavras 2.709
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Seinen, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Steampunk, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 17 - Aggregor


- Que merda é essa? – Perguntou Gwen –

- “Pessoal, nós estamos sendo atacados” – Falou Trent usando os seus poderes para se comunicar mentalmente com a gente –

- Quem estar nos atacando? – Perguntou Valdeir –

- “Aggregor” – Ele falou fazendo Valdeir soltar um sorriso, vish já to prevendo merda –

- Nós, nem precisamos ir até ele, o desgraçado veio ate a gente – Ele falou sorrindo – Duncan, mande todos os soldados e recrutas se prepararem, Owen prepare as balas de Infinitium, Gwen posiciona todas as maquinas em modo de ataque, Trent prepare todas as armas do navio –

- Sim Senhor/Capitão!!! – Os quatros gritaram ao mesmo tempo e foram para as suas posições -

- Jim, vai até a sala de controle e cuide da situação dali – Ele falou apertando no Mega Omnitrix e se transformando no Calafrio e ficando transparente e subindo na direção do teto passando direto por ele –

Após isso, eu corro na direção da sala de controle, onde eu tive a visão de uma grande frota de naves espaciais vindo na nossa direção.

- Eles são muitos – Falei com uma feição seria – Soldados, preparem a nave para o Modo Mecha!!! – Gritei –

- Sim senhor!!! – Eles gritaram e foram aos seus postos –

- “As vezes me pergunto se Valdeir é vidente... Ele parece saber o que eu vou fazer” – Pensei olhando para cima imaginando o lugar onde Valdeir estava neste momento e solto um sorriso – Por isso que ele é o capitão – Falei sorrindo –

- Prontos para ativar o Modo Mecha!!! – Gritou Harold –

- Certo... Comecem!!!!! – Gritei e no momento seguinte a Daemon começou a mudar -                                                                                     

 

DIMENSÃO BN–126 – NULIFICADOR – SETIMO SETOR – NARRAÇÃO DE VALDEIR SILVA

 

Eu estava voando na direção da cabine do capitão – ou seja, eu – transformado no Calafrio atravessando as paredes até chegar ao local e então volto ao normal e olho para a cabine.

A cabine na verdade era um pequeno quarto que tinha somente 3 coisas, a primeira era uma pequena cama de solteiro que se encontrava num canto do quarto, a segunda era um painel de controles cheio de botões, alavancas e um volante com um assento na frente dele e terceira coisa se encontrava acima do painel de controle, era uma janela que dava a visão de tudo lá fora.

Ando até o painel de controle e me sento no assento e vejo que um botão vermelho brilhava repetidamente e sorriu, então aperto no botão e então olho pra janela vendo que o Daemon começava a mudar.

Enquanto isso, na sala de comando da maior nave da frota de Aggregor se encontrava um homem sentando num trono no centro da sala enquanto vários robôs mexiam nos painéis de controle da nave. Os robôs são pretos com alguns detalhes em vermelho e prata, tem olhos amarelos e três furos no que seria sua "boca".

A aparência do homem é semelhante à de um ser humano. No entanto, ele tem pequenos chifres em sua cabeça e olhos vermelhos em anel, com marcas pretas. Ele tem cabelos longos e negros e usa uma túnica marrom até o joelho, peito aberto, usa uma calça larga, botas pretas altas da panturrilha e empunha uma lança como arma.

Esse homem era Aggregor um dos maiores inimigos que Ben 10 já enfrentou, ele foi uma pessoa que quase se tornou Onipotente, mas foi derrotado no ultimo momento e foi colocado dentro do Nulificador como um prisioneiro.

- Mestre Aggregor, uma estranha movimentação foi detectada na nave rebelde – Falou um dos robôs para o Osmosiano –

- Então eles começaram a se mover – Falou Aggregor soltando um sorriso – Preparem para lançar o Raio O... – Falou o Osmosiano apontando para a nave rebelde, mas parou no momento seguinte quando viu algo estranho acontecer com a nave – Mas o que? – Perguntou Aggregor chocado –

O Daemon começou a mudar de forma até mudar a sua aparência de nave para uma aparência e humanóide negro

O Daemon agora era um colossal mecha alto e preto, com uma cauda usada para ataques, um capacete adornado com um único chifre e uma placa de boca em sua armadura de peito. Seu corpo possui vários orifícios.

- Mas o que é essa coisa? – Perguntou Aggregor com os olhos arregalados e chocado vendo aquele mecha gigante -

- Essa coisa Aggregor... É o Mecha Daemon!!! – Gritei fazendo o Mecha Daemon cruzar os braços e olhar para a frota do Aggregor –

- Grrr... Se preparem para lançar o Raio Omega!!! – Gritou Aggregor furioso –

- Preparando o Raio Omega – Falou um dos robôs mexendo no painel de controle – 10 minutos para o Raio Omega ficar pronto – Falou o robô fazendo o Osmosiano rosna em fúria –

- MANDE TODAS AS NAVES ATACAREM ESSA COISA!!!! – Gritou Aggregor furioso –

Ouvindo a ordem do seu mestre, todas as naves começaram a atirar na direção do Mecha Daemon que continuava com os braços cruzados.

- Ativar Lançadores de Misseis – Falei e então vários mísseis saíram dos orifícios do Mecha Daemon e irem na direção das naves de Aggregor as destruindo um por um deixando o Osmosiano furioso – É só isso que você tem Aggregor? – Perguntei em deboche – Agora é a minha vez de atacar – Falei fazendo o Mecha Daemon avançar na direção da nave principal de Aggregor –

- Dois podem jogar esse jogo!!! – Falou Aggregor furioso – Usem o Ima!!! – Gritou Aggregor –

- Senhor, para usarmos o Ima precisamos parar o Raio Omega – Falou um dos robôs –

- ENTÃO QUE FAÇAM!!!! – Gritou Aggregor furioso e no momento seguinte ele sentiu a sua nave sendo arremessava para longe causado por um tapa dado pelo Mecha Daemon –

- É serio Aggregor, não agüenta um tapa? Que decepção – Falei em tom de decepção fazendo o Osmosiano rosna furioso –

- ATIVEM AGORA!!!! – Gritou Aggregor e então uma grande corrente elétrica de cor roxa percorreu toda a nave e então todas as outras naves ao redor começaram a serem puxados para a nave -

- Mas que merda esta acontecendo? – Perguntei olhando aquilo confuso –

- Capitão – Falou a voz do Harold através do comunicador  –

- Harold? O que houve? – Perguntei para o galvaniano que neste momento se encontrava no braço esquerdo do Mecha Daemon –

- Eu estou detectando uma segunda fonte de vida vindo do núcleo da nave do Aggregor – Falou Harol – E parece que ela é a responsável por esses raios verdes –

- O que devemos fazer? – Perguntei –

- Nos devemos resgatá-lo, pois parece ele esta servindo como uma espécie de fonte de energia para – Explicou o Galvaniano –

- Então vamos destrui-lo!!! – Gritou Duncan que se encontrava na perna direita do Mecha Daemon através do comunicador –

- Espera, se tem outra pessoa la dentro que esta servindo como fonte de energia pra nave, nós precisamos resgatá-lo – Falei –

- Então o que devemos fazer? – Perguntou Jim que neste momento se encontrava no peitoral do Mecha Daemon juntamente com Trent –

- Escutem, alguém vai ter que entrar na nave do Aggregor e resgatar ou destruir a fonte de energia, para então fugir da nave e logo depois os que ficaram aqui controlando o Mecha Daemon irão destruir a nave do Aggregor, entenderam? – Expliquei o plano para os quatros -

- Sim capitão!!! – Falou Owen que se encontrava no braço direito do Mecha Daemon –

- Mas agora a duvida, quem vai invadir a nave do Aggregor? – Perguntou Gwen que neste momento se encontrava na perna esquerda do Mecha Daemon –

- Eu tenho que controlar o braço esquerdo – Falou Harold -

- E eu o direito – Falou Owen –

- Eu tenho que controlar a perna direita – Falou Duncan -

- E eu a esquerda – Falou Gwen –

- E eu tenho que cuidar do tronco – Falou Trent –

- E qual vai ser a sua desculpa Jim? – Perguntei revirando os olhos já imaginando o que viria do descendente de Dragão –

- Acho que eu não conseguirei ultrapassar aquele campo de eletricidade e bom... Sabe... Alguém aqui tem um alien que é imune a eletricidade – Explicou Jim -

- É serio isso? – Perguntei irritado –

- Hum rum – Murmuraram os cincos ao mesmo tempo –

- Jim, fica no meu lugar, Harold prepare o Lançador de Mísseis – Falei suspirando pesado e me levantando do assento – Desgraçados, eu queria controlar o Mecha, bando de preguiçosos do caralho – Resmunguei furioso –

Me levanto do assento e mexo no Mega Omnitrix e o aperto fazendo uma luz amarelada cobrir o meu corpo, e após a luz cessar eu estava transformado no Calafrio, então fico transparente e ultrapasso e chão e vou voando na direção do braço esquerdo onde se encontrava um dos orifícios de onde era lançado um dos mísseis, então chego lá e vejo dois soldados colocando um missel dentro de uma cabine para onde o missel era lançado. Enquanto isso Jim voava a toda velocidade pelos tubos do Mecha indo na direção da cabine do capitão.

- Tirem o missel, eu vou entrar – Falei então os soldados tiraram o missel de dentro da cabine – Obrigado – Falei entro dentro da cabine do missel – Jim já esta na cabine do capitão? – Perguntei para o dragão enquanto me posicionava para ser lançado –

- Já estou – Falou Jim na forma de dragão entrando na cabine através de um tubo no chão e voltando a forma humana e andando até o assento e se sentando e pegando nos controles –

- Harol, prepare para me lançar – Falei –

- Certo capitão – Falou o galvaniano mexendo nos controles enquanto Jim movia o braço do Mecha e apontava na direção da nave do Aggregor que agora era uma grande bola de naves amassadas –

- Certo, me jogue no três – Falei para o galvaniano - 1.... 2.... 3!!!!! –

No momento seguinte após eu gritar, eu sou arremessado na direção da nave de Aggregor, então abro as minhas asas e vôo a toda velocidade na direção da bola de naves e após chegar próximo, eu fico transparente e ultrapasso a esfera e após alguns minutos, eu entro dentro de um corredor escuro que parecia não ter ninguém.

- Eu entrei, agora vou começar a procurar a fonte de energia da nave – Falei, mas não tenho nenhuma resposta – Alo... Alguém ai? – Perguntei olhando para o Mega Omnitrix – Hmm, parece que alguma coisa esta afetando os comunicadores – Falei colocando a mão no queixo pensativo – Bom, isso não importa, eu tenho que achar a fonte de energia e terei que ser bem rápido – Falei apertando no Mega Omnitrix e me transformando no Velociraptor – E velocidade é com o Velociraptor!!! – Gritei e começo a correr pelos corredores da nave –

Enquanto isso, no Mecha Daemon, Jim e os outros ficavam calados olhando para a grande esfera de naves coberta de eletricidade com uma feição seria.

- Harold, recebeu alguma coisa? – Perguntou o dragão para o galvaniano –

- Eu recebi uma mensagem do Mega Omnitrix do capitão, mas alguma coisa esta interferindo nos comunicadores – Falou o galvaniano mexendo nos controles da sua cabine –

- E eu não estou conseguindo me conectar a mente dele – Falou Trent forçando os olhos tentando se comunicar comigo, mas falhando miseravelmente -

- Então ele deve ter conseguindo entrar na nave e agora deve estar procurando a fonte de energia – Falou Gwen –

- Espero que o capitão esteja bem – Falou Owem preocupado –

- Deixa eu te mandar a real, tetramando gordão... – Falou Duncan – O capitão não merece preocupação, quem merece preocupação é o Aggregor!!! – Falou Duncan com uma feição seria –

- É você tem razão, ninguém é pareou para o capitão – Falou o tetramando alegre –

- Mas e agora, o que devemos fazer? – Perguntou Trent –

- Agora... Devemos só esperar – Falou Jim com uma feição seria –

 

DENTRO DA ESFERA DE NAVES

 

- Vocês estão mais lerdos que eu em dia de feriado!!! – Falei desviando dos tiros dos robôs do Aggregor que atiravam em mim a toda velocidade, mas errando miseravelmente – Acho que seria bom eu para de brincar, então vou acabar logo com isso!!! – Falei correndo a toda velocidade usando as minhas garras e caudas cortando e atacando com a minha cauda e a cada ataque que eu fazia, eu jogava cada robô um em cima do outro – E agora como gran finale – Falei começando a correr ao redor do monte de robôs criando um furacão que começou que jogou os robôs para cima, então após eles baterem no teto e bato no Mega Omnitrix me transformando em um novo alien –

Eu estava com a aparência de uma forma de vida humanoide baseada principalmente em magma. Meu corpo é constituído por um interior de magma brilhante coberto por rochas vermelhas escuras e marrons. meu corpo irradia grandes quantidades de calor. Meus pés têm apenas dois dedos e uma parte traseira pontuda.

- Um alien mais quente que a Bruna Sufistinha – Falei estendendo as minhas mãos na direção do monte de robôs que caiam na direção do chão e lançando uma rajada de fogo na direção deles e quando a rajada de fogo se chocou contra eles, uma grande explosão aconteceu destruindo os robôs – Nossa... Não sabia que podia fazer isso – Falei surpreso olhando para as minhas mãos – Acho que esse Alien aqui é mais forte em poder de fogo em comparação com o Planta Ardente e já tenho até um bom nome para você, Chama!!! – Falei alegre – Bom... Ainda tenho que procurar a fonte de energia – Falei apertando no Mega Omnitrix me transformando no Velociraptor – Agora espero que.... Mas o que?!! – Perguntei após sentir um forte tremor – Quer merda esta acontecendo? – Perguntei –

 

NO MECHA DAEMON

 

- Vice-Capitão, alguma coisa esta acontecendo na esfera de naves – Falou Harold olhando para os painéis que mostravam o monte de naves se fundindo em uma bola de metal que começou a mudar de forma ficando com uma aparência humanóide -

- Por favor, não me diga que eles também tem um Mecha? – Perguntou Jim preocupado, mas parece que nada estava do lado dele, pois a logo após ele falar, o ser humanóide tomou forma -

O Mecha possui uma cor dourada, com detalhes cinza e branco por todo o corpo. O design da cabeça é bastante pesado e singular. Possui um único sensor vermelho sem olhos visíveis. Ele também tem uma cúpula verde transparente, semelhante a um sensor, juntamente com outro tipo de cabeça de parafuso, amarelo no topo da cabeça.  Sua armadura de peito inclui uma peça em forma de V juntamente com duas peças arredondada. O Mecha também tem uma placa extra ao redor do tronco e entalhes no qual o reforço se encaixa.

- Mas que merda... – Falou Owem olhando para o Mecha branco –

- Hora de fazer o Test Drive no M-White – Falou a voz de Aggregor vindo da cabeça do Mecha enquanto ele se posicionava para lutar –

- Valdeir, se você estiver me escutando, seja o que quer que você esteja fazendo, que seja rápido!! – Falou Jim fazendo o Mecha Daemon ficar em posição de batalha -

 

DENTRO DO M-WHITE

 

- Mas que merda esta acontecendo? Desde quando esse lugar tem corredores verticais? – Perguntei correndo sobre o chão/parede – E por que diabos esse lugar parece menor? – Perguntei aterrissando num corredor horizontal e olhando ao redor –

- “Por favor, me ajude” – Falou uma voz feminina na minha mente –

- O que? – Perguntei olhando ao redor a procura da dona da voz –

- “Olhe pra cima” – Falou a voz novamente, então olho para cima e vejo um grande sistema de tubulações–

- São pequenos demais, não vai dar para eu passar... – Falei olhando para os tubos que eram pequenos demais para eu conseguir entrar – Mas não na forma do... – Falei apertando no Mega Omnitrix e me transformando em uma nova forma – Cinzento!! –

Eu estava com a aparência de um alienígena de pele cinza, e semelhante a um sapo humanoide. Tinha quinze centímetros de altura, e usava uma roupa cinza com uma faixa preta passando pelo seu corpo. Meus olhos são verdes e suas pupilas são retangulares, pretas. E o símbolo no Mega Omnitrix se localiza no meu peito.

- E tem pessoa que diz que ser pequeno não é de nada – Falei pulando na parede e me grudando depois subindo entrando na tubulação –

- “Por favor, venha rapido, eu estou ficando sem energias” – Falou a voz feminina novamente na minha cabeça –

- Espera mais um pouco ai senhora, o Cinzento não é veloz não – Falei para a dona da voz enquanto subia na tubulação -



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...