1. Spirit Fanfics >
  2. Pecados Na Escuridão -ItaHina >
  3. O compromisso e a obrigação: Um Hyuuga?

História Pecados Na Escuridão -ItaHina - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Olá, desculpem pela demora.
Boa leitura ♥

Capítulo 4 - O compromisso e a obrigação: Um Hyuuga?


Fanfic / Fanfiction Pecados Na Escuridão -ItaHina - Capítulo 4 - O compromisso e a obrigação: Um Hyuuga?

Kakashi aguardava Haruno Sakura em seu escritório, como Rokudaime as noticias difíceis sempre caiam sobre suas costas, mas aquela conversa especificamente ele escolheria ter independentemente disto, pois a rosada é uma de suas pupilas.

-Kakashi-sensei me chamou? –Sakura pergunta após entrar e fechar a porta atrás de si.

-Sim. –o mais velho responde olhando para a face inquieta da ex-aluna. –Sakura, eu já avisei Sasuke sobre quem está aqui. Precisa se preparar porque em breve ele irá voltar.

Sakura sente por um momento como se o chão lhe fugisse aos pés. Sasuke estava voltando. O homem a quem ela amou por toda a sua vida estava voltando. A rosada já não tinha palavras.

-Eu sabia que ficaria assim Sakura, por isso quis lhe avisar antes. Para estar pronta. Eu tenho certeza que ele procurará por você.

...

(...)

-Eu tenho uma pergunta Hinata. –Itachi diz.

Hinata está de costas para ele, ela caminha pelas aguas observando uma imensa variedade de peixinhos coloridos. O genjutsu de Itachi felizmente não era para feri-la.

-O que você quer perguntar?

-Porque ainda não se libertou? Sei que pode, se quiser.

-Sim eu posso, e o farei. Mas antes preciso saber, se o que me disse é verdade.

-Sobre a nossa união?

-Sim.

-É verdade Hinata.

-Agora que você está vivo, imagino que serei obrigada a isto. –Hinata disse pensativa.

-Bem isso é provável. A menos que eu seja morto novamente. –ele diz com um sorriso irônico.

-Não acho que isso ocorrerá, embora não discorde de que é o certo.

-Quer a minha morte?

-Não se trata da minha vontade. Se trata de alguém poderoso demais e sem nenhum tipo de consciência.

-Eu tenho consciência Hinata, acredite. Não foi fácil para mim.

-Mas ainda assim o fez. O que me garante que não fará novamente?

-Eu jamais irei fazer algo que possa ferir você Hinata.

-Acabou de me conhecer. Não tem porque me dizer tal coisa.

-Ainda assim é verdade.

-Bem Itachi, depois de pensar acho que sei o que posso fazer afinal. –ela diz fazendo alguns selos com as mãos, o byakugan ativo.

-Até mais Hime... –ele diz antes do genjutsu desaparecer.

(...)

Quando Hinata acordou e recebeu os cuidados médicos, foi imediatamente ver o hokage.

-Kakashi-sensei –ela diz entrando na sala.

-Hinata, que bom vê-la bem. Entre.

-Preciso fazer uma pergunta.

-Claro.

-Eu e Itachi realmente temos um compromisso antigo de nossos clãs que diz respeito a um casamento arranjado?

O mais velho suspira passando a mãos pelos cabelos.

-Sim. Vocês realmente tem esse compromisso. É claro que nessa situação nada poderá obriga-la a isso.

-Eu tenho uma proposta Sensei.

-Diga Hinata.

-Posso utilizar isso para proteger o Naruto-kun de uma sentença de prisão por essa...loucura. E eu consigo usar as 64 palmas aliada aos leões gemêos para todos os dias mantê-lo sem nenhum chakra, sendo assim impossível que ele apresente um perigo para a vila.

-É uma idéia deveras interessante Hinata, mas você se sacrificaria a esse ponto?

-Acho que somos capazes de tudo por quem amamos.

-Sim, eu entendo. É uma ideia que irei apresentar então diante do conselho no julgamento que Naruto provavelmente sofrerá. E Itachi também.

-Combinado Sensei. Uma ultima coisa.

-Nessa situação você pode pedir o que quiser Hinata.

-Quero eu mesma dar a noticia a ele.

-Claro, fique a vontade para fazer isto.

-OK. Eu voltarei, antes preciso ir ao clã Hyuuga resolver algumas coisas.

Kakashi concorda. Dando o assunto por encerrado Hinata faz alguns selos e desaparece.

...

Sakura acabara de tomar banho e saiu pra colocar o lixo pra fora, estava voltando para seu apartamento quando ouviu a voz dele.

-Sakura.

-Sasuke-kun. –Ela se vira encarando aqueles olhos negros.

-Isso é realmente verdade? –ele pergunta lhe mostrando sua carta.

-Sim. Naruto esta vivo mas não sei quando irá se recuperar, e ele...seu irmão, ele esta vivo.

-Naruto é realmente um idiota.

-Sim, ele é. –ela concorda lembrando-se de como o chakra do Uzumaki estava fraco da ultima vez que o vira.

-Eu irei até lá imediatamente.

-Não. –ela diz tocando a mão dele. –Por favor, espere, vamos amanhã comigo, a minha amiga Hinata está presa no genjutsu com ele agora, não irá adiantar ir hoje.

-Compreendo. Bem neste caso ficarei na floresta. Encontro com você amanha cedo.

-Porque não dorme aqui? –ela pergunta, o rosto corado.

-Sakura eu não amo você. Se eu entrar, o que acontecer não irá significar absolutamente nada para mim.

-E-eu entendo. Eu só quero estar com você Sasuke-kun. Mesmo que uma vez só. Mesmo que você vá embora novamente amanha. –ela diz sentindo as lagrimas em seus olhos querendo escorrer.

-Não me culpe se depois se arrepender. –ele diz e antes que Sakura pudesse responder sente os lábios dele envolvendo os seus. Tomando-os para si sem pedir permissão.

Suas pernas estremecem.

Sakura se lembra da ultima vez que alguém a beijou de tal forma:

(...)

Sakura estava no escritório de Kakashi e recebeu a noticia de que ele não voltaria. Não conseguiu evitar as lagrimas de cair.

-Odeio vê-la chorar por ele. –Kakashi dissera lhe entregando um lenço.

-Eu sou uma idiota mesmo. Logico que o Sasuke-kun não me amaria. Eu nem sou bonita...

Ela nem se dera conta, apenas sentiu quando ele percorreu sua coluna até seu pescoço com a mão experiente, e depois abaixou a mascara revelando um rosto tão lindo que mesmo as lagrimas não a impediram de ficar impressionada. E então ele a beijou.

Segurou seu corpo com força contra o dele e a colocou sobre a mesa, ficou entre suas pernas e beijou demoradamente seus lábios provocando sensações que Sakura nem sabia que era capaz de sentir.

De repente a tristeza e as lagrimas foram substituídas por um rosto corado e muito desejo.

-Me desculpe Sakura. –ele disse se afastando dela de repente. –Isso não deveria ter acontecido.

Sakura corada e confusa correu dali e nunca mais tocaram naquele assunto.

(...)

Os beijos de Sasuke eram diferentes, os lábios finos não pediam permissão. Apenas iam tomando tudo que ela podia oferecer e exigindo mais.

Sakura sentiu quando Sasuke a pegou nos braços e carregou pra dentro numa velocidade incrível. Ele a colocou sobre a cama bruscamente e começou a se despir na frente dela.

Sakura tremia por dentro. Ainda era virgem. Ainda era inocente e tímida demais para tudo isso. Ainda amava aquele Uchiha. Ainda o amava.

Ela não resistiu quando ele começou a despir seu pijama. Ficou corada quando ele olhou seu corpo com desejo.

-Você é linda Sakura.

Ele disse antes de se atirar sobre ela, sugou seus seios e beijou seus lábios varias vezes. Enquanto sua mão desceu tocando-a por baixo da calcinha.

Sasuke desceu os beijos pelo pescoço , demorou nos seios até ver Sakura se contorcendo embaixo dele. Então desceu mais.

-Sempre soube que você era rosa aqui também...-ele disse abocanhando a intimidade úmida e chupando lentamente até Sakura chegar ao seu limite.

Sakura chegou ao orgasmo deliciosamente, gemendo e pedindo mais. Sasuke sorriu ao vê-la corada e entregue de tal forma.

-Agora... –ele disse se posicionando entre as pernas dela. –Prometo que essa será a única vez que ira doer.

Ela concorda.

Sasuke a penetra. É incomodo e meio dolorido no inicio. Nada insuportável ou algo assim. Era uma sensação diferente e Sakura sentiu enquanto via aquele lindo homem chegar ao ápice em cima dela, que poderia ficar muito gostoso ainda.

Sasuke não goza dentro dela.

Quando termina ele se deita ao seu lado por um momento, recuperando o ar.

-Sasuke-kun eu te amo.

Ele não diz nada. Apenas acaricia os cabelos róseos. E quando Sakura adormece, ele vai para a floresta novamente. O contato com alguém que o amava tanto chegava a doer. Sasuke não sabia mais receber amor.

...

A noite Itachi recebe a visita dela.

-É um prazer vê-la novamente Hinata.

-Não posso dizer o mesmo.

-Então o que a trás aqui? –ele pergunta.

Itachi estava preso por vários correntes, além de vários selos bloqueando o seu chakra e o seu poder. Estava sentado imóvel. Mas os olhos mais atentos que nunca.

Hinata não diz nada. Ela anda até ele colocando em sua mão uma aliança.

-O que significa isso?

-Você agora é um Hyuuga. –Hinata responde.

-Irá se casar comigo?

-Sim. Iremos nos casar. Dormiremos juntos uma vez para consumar nosso casamento, e eu irei garantir todos os dias que você não machuque alguém. E assim o Naruto-kun não perderá seu sonho ou sua liberdade.

-Fará isso por amor a ele? –perguntou incomodado.

-É claro. Não acha que poderia me encantar com seus beijos? Como a uma menina boba?

-Não posso acreditar que fará isso. Se entregará a mim para proteger o Naruto.

-Mas é o que farei. Você será um Hyuuga agora. Será meu. E eu protegerei Konoha e o Naruto-kun de você. E não pense nem por um momento que terei amor por você. Isso aqui. –ela diz apontando para a alinça no dedo dele. –Não passa de uma obrigação para mim.

-Um dia você foi considerada a mulher mais doce do mundo ninja, o que houve com você?

-Essa mulher esta se casando com um assassino. –ela responde.

Para a surpresa de Itachi, ela se aproxima dele e sela seus lábios nos dele dando um beijo. Quentes e macios os lábios dela faz com que os dele se abram para ela. A língua da Hyuuga era quente e atiçava seus instintos mais primitivos.

Queria estar livre naquele momento e tocar o corpo dela, beija-lo inteiro, possui-la, fazê-la gemer seu nome e desafia-la a lhe dizer que ele era uma obrigação novamente.

No melhor do beijo ela separa os lábios dos dele.

-Uma obrigação. –ela repete olhando friamente para ele antes de se virar para ir embora.

-Apesar disso, nós teremos todos os dias do resto de nossas vidas para ter certeza de seus sentimentos por mim. Sejam eles amor ou ódio. E até mesmo o seu desejo. Não pense nem por um momento que pode esconder por trás desses belos olhos o fogo que há em seu coração.

Hinata o ignora e vai embora dali antes que caísse desmaiada no chão de tão tremulas que suas pernas estavam.

...


Notas Finais


KakaSaku ou SasuSaku?
O que voces esperam de ItaHina?
Muitos capitulos hot ainda nos aguardam, e muitas reviravoltas tambem e.e
obrigada por ler ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...