História Pelos caminhos da vida.. (SasuSaku) - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Fugaku Uchiha, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Karin, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Visualizações 209
Palavras 953
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Galera que acompanha a fic, segue mais um capítulo para vocês, não é tão grande, mas recomendo no próximo. Bjuss 🌸✨

Capítulo 8 - Noite na casa do Naruto



A ida para casa de Naruto foi tranquila, eles falaram sobre poucas coisas. Sasuke por incrível que pareça iniciou o diálogo perguntando sobre o dia da rosada e se ela sentia-se bem, típica preocupação de um "coração apaixonado", acho que podemos dizer assim, mas ele ainda não quer acreditar. Sakura, respondeu o que fez e ficou feliz por o interesse demonstrado, falou que não pensava em ir para o Naruto, mas de certa forma foi coagida a fazer isso. Depois de alguns minutos calados, Sasuke ligou o rádio do carro e sintonizou na primeira estação que achou, quando a música começou a tocar, eles se olharam e um sorriso de canto apareceu, é a primeira música que eles ouviram juntos, do primeiro dia que se conheceram, aquilo aqueceu seus corações e ambos continuaram a ida com sorrisos no rosto. 
Alguns alguns minutos eles chegam na casa do amigo, já eram 20:00h, Sasuke pediu que Sakura esperasse um pouco dentro do carro enquanto ele saía, andou em volta do carro e parou em frente a porta de Sakura, abriu-a e em seguida ofereceu sua não a rosada, essa situação fez com que a menina corasse de imediato, nunca tinha dito esse tipo de tratamento, mas não poderia também reclamar, pois nunca deu abertura para ninguém.
Desceu do carro e andaram juntos em direção da casa do loiro.
 - Toc..toc...toc
 Aguardaram alguns instantes e logo escutaram: 
- Sakuraaaaaa-chann ; Temeeeeeeee. Que bom que já chegaram, alguns amigos também já estão aqui, já já todos estaremos reunidos.
-Oi, Naruto. Disse Sakura, Sasuke apenas acenou com a cabeça. 
-Vamos entrando, sintam-se avontade, a casa é de vocês. Teme, preciso te apresentar a todos.
- Galera, esse é o teme, teme essa é a Galera, Shikamaru, Temari, Ino, Saí, Hinata você já conhece, Sakura-Chan também é falta chegar mais três. 
- Prazer Teme, falaram todos em uníssono e começaram a rir.
- O nome dele é Sasuke, gente. Sasuke. Disse Sakura e todos acentiram e voltaram a conversar.
Sasuke e Sakura estavam se ambientando com a galera, tinha várias bebidas, salgados, petiscos, Naruto realmente preparou tudo, com ajuda da Hinata claro. Estavam jogando conversa fora, logo a rosada senta perto de Ino, Sasuke vai para próximo a bancada tomar uma cerveja, mas de onde ele está consegue escutar tudo que todos dizem, foi quando ouviu:
- Testuda, hoje você precisa abrir esse seu coração, daqui a pouco o Lee chega aí e você ainda não deu a chance que ele pede desde seus 16 anos, tá na hora de desencalhar não é?
- I-i-Ino, não fale isso por favor.
- Tô te falando, ele não vai desistir, hoje ele vai apostar todas as fichas em você.
Sakura baixou a cabeça e ficou sem jeito, não poderia apenas dizer a sua amiga que se tivesse alguém a qual fosse entregar seu amor, não seria Lee, mas sim um certo moreno, mas se dissesse algo ali, Ino não a deixaria em paz tão cedo e a faria inúmeras vergonhas. Então tomou coragem e falou.
- Por favor porca, o sentimento que tenho por Lee é de amizade, não confunda as coisas, não estou preparada para isso agora e peço que respeitem minha posição.
- Nunca tá preparada, daqui a pouco, está você e trezentos gatos em casa.
- Para o amor, sempre aparecerá a oportunidade e o momento certo.
-Hummm, como ela tá poética hoje.
- Para porca, só peço que respeitem.
- eu posso até respeitar Testuda, mas fala para aquele cabeça de cuía que vem logo ali.
Sakura tremeu na base quando o avistou, olhou para o lado e viu que Sasuke o fuzilava com os olhos, quando mirou para o moreno, ele olhou e demonstrou uma insatisfação gigantesca, até parece que ele ouviu a conversa, mal sabia Sakura que realmente ouviu e não gostou nada de saber que alguém pode atrapalhar o que eles estão criando juntos.
- Sakura-Chan, minha lady, dei-me sua mão para agraciá-la com um beijo. (Falou Lee)
Logo escutaram um som de rangido na garganta.
- RAMranran...
Sasuke fez isso com intenção de Sakura perceber que aquele cara era um retardado e que ela não deixasse-o chegar perto, mas também chamou a atenção de todos.
- Lee, pare! Sabe que não gosto dessas coisas, não confunda nossa amizade com nada mais. 
- Minha Sakura, não se preocupe, esperarei o tempo necessário.
- Não ouviu o que ela falou? Sasuke disse curto e grosso. - Acredito que ela falou na mesma língua que você. 
- Quem é você, rapaz? Perguntou Lee.
- Alguém que você não queria ter colocado inimigo, Sasuke rangeu os dentes.
Sakura olhou para Sasuke e deu a entender que queria falar com ele lá fora, no jardim. Ino percebeu e não perdeu a oportunidade.
- Hummm, tá rolando coisa nova por aqui.  
- todos disseram: Cala a boca Ino! 
- aff, só estou dizendo verdades.
------X--------
Enquanto isso, no jardim....
-Sasuke-kun, Lee a anos vem com esse mesmo discurso, eu nunca deu cabimento a ele, mas não sei mais o que fazer para ele desistir desse sentimento que ele diz ter por mim, não me entenda mal, nem fique com raiva de mim e nem de ninguém. (Sakura terminou de dizer e estava com um semblante triste, não queria que se distanciassem por algo que não existe.
Sasuke por sua vez, pegou no queixo da rosada, levantou-o e disse:
- Não se preocupe quanto a você, ele que deve se preocupar comigo. Não gosto que se metam ondem não devem. Vejo que hoje a noite será longa e de muita paciência.
- Desculpe Sasuke-kun.
- Não se desculpe. Ainda no jardim o moreno puxou Sakura e deu um forte abraço.


Notas Finais


Sinto cheiro de treta com o rock Lee. O que vocês acharam? Sugestões?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...