História Pen's Nuzlocke Chronicles: Emerald - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Pokémon
Tags Nuzlocke, Pokémon, Pokémon Emerald, Pokémon Nuzlocke
Visualizações 16
Palavras 1.491
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Fantasia, Ficção, Luta, Shounen

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Mas eu ainda sou forte!


Fanfic / Fanfiction Pen's Nuzlocke Chronicles: Emerald - Capítulo 3 - Mas eu ainda sou forte!

Logo ao entrar na cidade era possível ver o Centro Pokémon e a Loja Pokémon,  em conjunto com algumas habitações pitorescas.

Nesse momento a chuva já havia parado completamente e o sol espreitava por entre as nuvens. Devido a isso grupos de Wurmples, Zigzagoons e Pochyenas começavam a sair de suas tocas, e a route começava a ganhar cor e a ficar mais animada. Também os Taillow e as Butterfly saíram de seus refúgios preenchendo os céus.

Pen continuou a andar até chegar ao Centro Pokémon de Petalburg, onde foi recebido por uma Enfermeira Joy:

-Pen? É você? Como você cresceu, está tão bonito!- a Joy parecia feliz por ver o garoto e apertava a bochecha direita dele com os dedos indicador e polegar- Como está sua mãe?

-Ela está ótima, obrigado…-Pen parecia desconfortável com a situação e torcia para que ela parasse de apertar sua bochecha logo

Pen era bem famoso entre as Enfermeiras Joy, por ser filho de uma delas.

-Fico feliz em saber. Esse pequeno deve ser seu Pokémon! Como vai querido?- a Joy agora tinha parado de apertar a bochecha de Pen e passado a apertar ambas as de Torchic, que aparentava gostar do cafuné

-Estamos ótimos, estavamos só treinando para o primeiro ginásio. Pode restabelecer ele?

-Mas é claro!

Pen colocou Nugget dentro da Pokébola e a Joy levou ela para algum tipo de máquina. Alguns segundos depois voltou e devolveu-a.

-Aqui está, boa sorte no ginásio! Espero ver você de novo, mande beijos para sua mãe quando falar com ela!

-Obrigado, eu mando, pode deixar!- abriu a Pokébola libertando Torchic

-Obedeça seu treinador querido! O Pen é um bom menino, proteja ele!

-Tor!

Após mais uma seção de cafuné no alaranjado, saíram do Centro Pokémon e dirigiram-se à Loja.

-Eu sei que você está ancioso, mas precisamos nos preparar antes de desafiar o ginásio, sim?

Entraram e compraram cerca de 10 Potions e mais 5 Pokébolas, pagaram usando algumas poupanças que a mãe de Pen tinha lhe dado no dia antes do início da sua jornada e saíram enquanto colocavam tudo na mochila.

-Agora sim! Vamos acabar com esse ginásio, Nugget!

-Chiiicc!!!- o pequeno piava mais animado que nunca

Caminharam apressadamente, a cidade era pequena então não tinha sido difícil encontrar o caminho para o gym. Assim que chegaram admiraram por alguns segundos a estrutura: Um grande edifício semelhante a um templo japonês, extremamente luxuoso comparado aos demais daquela cidade. Pen colocou as mãos na porta de correr e abriu a mesma, que se separou em duas abrindo a passagem. Apenas um estrado de madeira e mais ao fundo duas portas eram vistas de lá, no entanto sem sinal de humanos ou Pokémon. Mas havia um som chamativo atrás daquelas portas.

Pen foi e abriu a da direita:

-Seviper, use Poison Tail!

Após o comando, a lâmina na ponta da cauda da cobra adquiriu uma cor roxa e brilhante. Esta ganhou impulso e lançou-se contra o corpo de um outro Pokémon, um que se assemelhava a um grande e gordo macaco e que estava deitado e sonolento: Um Slaking. Mesmo sem comandos de seu treinador e sem se levantar, Slaking agarrou Seviper pela cauda e rodopiou o corpo desta até a lançar contra uma parede.

Um homem grande e imponente de cabelos negros bocejou. Pen reconheceu-o, era Norman, o líder de ginásio e pai do seu melhor amigo de infância.

-Se continuar vai acabar perdendo seu companheiro, moleque! Saia daqui antes que eu faça algo que não queira!

Os olhos do ‘’moleque’’ já estavam molhados em lágrimas e este corria em direção ao Seviper quase morto no chão. Pegou nele e envolveu-o nos braços, e de seguida correu dali para fora sem ligar para mais ninguém. Assim que saiu, Norman reparou em Pen.

-Pen? Você aqui?- a sua expressão séria mudou rapidamente para uma alegre e paternal.

-Bom dia tio Norman! Eu vim desafiar o gym!

Como Pen era amigo do filho de Norman  desde pequeno, tinha ganho o hábito de chama-lo de ‘’tio Norman’’

-Calma, calma… não vejo você à… desde que você foi para Sinnoh! Ficou tão alto, como está?

-Estou bem… recebi hoje o Nugget!- Pen tirou Torchic dos seus ombros e pegou nele aproximando-o de Norman

-Incrível. Treine ele direito, é um ótimo Pokémon se for bem treinado! Já falou com meu filho desde que voltou?

‘’O Albert… eu esqueci dele! E agora, o que eu falo? Era suposto saírmos na jornada juntos’’

-Ainda não, eu acabei saindo cedo para não me atrasar. E sobre o gym, vim para ganhar minha insígnia!-Pen dizia tentando desviar o assunto

-Chic!

-Que seja, se esse é o assunto… não leve para o lado pessoal, mas não gosto de misturar trabalho com relacionamentos... E como Gym Leader apenas tenho a dizer...- o seu semblante ficou sério mais uma vez e o seu tom de voz aumentou- ...vaza daqui, moleque. Você não está preparado para mim. Não viu a batalha que acabou de acontecer aqui? Aquele Seviper ficou apenas seriamente ferido, mas um moleque acompanhado apenas de um Torchic recém capturado acabaria morrendo. Vá treinar!

-Mas nós acabamos de tre....

-Não quero ouvir seus argumentos, moleque. Você não está preparado, volte quando tiver, no mínimo, 4 insígnias. Tem um ginásio aqui perto na cidade de Rustboro, começe lá!

-Chic, chic!- Torchic parecia revoltado e pulou para o chão provocando o homem, este apenas respondeu com um olhar ameaçador que encheu Nugget de medo e obrigou o alaranjado a recuar

‘’Esse não é o Norman que eu conheço… é a primeira vez que vejo ele assim…’’-Pen pensava

O homem suspirou e a sua expressão alegre voltou, do nada, em menos de segundos. Uma incrível habilidade para mudar rapidamente de atitude.

-Tudo bem, mas nós vamos voltar! E aí acabaremos com você e ganharemos nossa insígnia!

Enquanto isso Torchic explorava, impressionado, o enorme corpo de Slaking que havia adormecido no chão.

 -Estarei esperando. Estou ancioso para ver sua evolução como treinador- olhou para Torchic- e a do seu amiguinho também. Boa sorte para os dois!

Pen voltou a pegar Nugget e a coloca-lo no seu ombro: -Vamos, Nugget, precisamos treinar mais! O ginásio de Rustboro nos espera!

-Tor!

-Esse é o espírito!

Pen e Nugget saíram do ginásio e procuraram pela saída da cidade: Um novo objetivo estava estabelecido, algo novo para ficar ancioso: Desafiar o ginásio em Rustboro! Não havia tempo para simplesmente descansar e aproveitar a maravilhosa brisa de Petalburg, havia muito tempo depois quando voltassem, no futuro, para desafiar Norman.

‘’Vamos conseguir essas insígnias e acabar com o tio Norman!’’

Assim que encontraram a saída e estavam prestes a sair foram interrompidos por um homem baixo e gordo, de cabelos curtos e castanhos e óculos escuros. Vestia roupas casuais, uma camisa azul e uma bermuda branca:

-Menino… você não estava em Sinnoh? Acho que você é o moleque que desafiou Cynthia, a campeã… Sim, era você! Lembro perfeitamente do seu rosto quando anunciaram que havia um novo candidato a campeão, mas acabou perdendo, certo!?

‘’Aff, não preciso que fiquem me lembrando que perdi’’ -Sim, era eu…

-CHIC???- Torchic não acreditou direito no que havia ouvido e pensava ter ouvido mal

-Ah, verdade, não falei pra você ainda Torchic… Foi isso que ele falou, antes de voltar para Hoenn eu tinha viajado por Sinnoh e cheguei à Elite dos 4… mas perdi para a campeã…

-CHIC!???- Nugget piava mais impressionado que nunca, tentando processar a informação

-Eu conto as histórias depois, hehe…-o garoto ria sem graça colocando a mão na nuca

-Ainda bem que acho alguém como você aqui! Estava precisamente procurando treinadores fortes por aí, mas… você só tem esse Torchic? O que aconteceu com sua equipe forte de Sinnoh?

-Eles ficaram no laboratório do professor Rowan... não seria legal nem justo começar uma jornada em outra região com Pokémon já treinados.

-Entendo… nesse caso esqueça o que eu falei, vou continuar procurando… Talvez um dia voltemos a nos encontrar.

-Eu ainda sou forte!

Torchic ainda estava perdido.

-Você era forte. Sem sua equipe você é um garoto normal com um Torchic fraco, simples assim. Até mais!

-Ele não é fraco!- Pen tentou contra argumentar, mas o homem já estava indo embora para o centro da cidade

-Primeiro o Norman, depois esse homem… Nugget, vamos mostrar a todos eles que não somos fracos! Vamos para a próxima rota logo!

Torchic acenou positivamente com a cabeça. Aquilo apenas o motivou a continuar para mostrar a todos que tinha potencial, mas Pen… parecia confiante por fora, mas as palavras de Norman e daquele homem estavam o corrompendo por dentro. No fundo estava frustrado com aquilo tudo, e não motivado. Naquele momento estava capaz de fazer qualquer loucura para ficar mais forte rápido e calar a boca deles. Algo rápido, qualquer coisa por pior que fosse, só queria mostrar que não era fraco! Respirou fundo tentando conter esse lado negro dentro dele, com sucesso… pelo menos por agora...

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...