História Pensamentos... - Capítulo 43


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ajuda, Depressão, Drama, Pensamentos, Poesia, Sociedade
Visualizações 6
Palavras 208
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Lírica, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Yo seus lindos, tenho mais um pensamentozin, leiam com paciência.

Capítulo 43 - Sonho e realidade.


Sonho e realidade.

Sabe como é a sensação do sol queimando sua pele?

Eu sinto isso na carne.

Sabe com é viver sem saber o que fazer?

Me culpo todas as vezes por isso,

Por não sei o porque vivo.

Ah quem dera eu,

Viver de sonhos,

Assim poderia eu,

Viver com os mais singelos sorrisos,

Vivendo de verdade,

Uma vida de fantasias...

Na verdade,

De mentiras.

À quem quero enganar?

Se nem a mim mesmo consigo enganar,

Tento viver de um jeito leve,

Disfarçando minhas falhas;

Gafes,

Tentando ser algo que não sou,

Querendo ser mais um,

Mais um daqueles que vão,

Voltam,

Travam batalhas,

Ou quem sabe...

Morrem.

Eu apenas queria viver,

Normalmente,

Sem ter que conhecer a dor que sempre volta,

Mesmo que fosse apenas mais um,

Pelo menos tentaria ser importante,

Não famoso,

Mas apenas em saber que há alguém que me reconhece,

Já me dou por satisfeito.

Se eu pudesse escolher,

Na verdade escolheria poder,

Escrever,

Ver,

Sentir,

Viver,

Morrer,

De um modo diferente,

Com as poesias em minha frente,

Sentindo o ar batendo em meu rosto,

Vivendo sem desgostos,

Ver os pássaros cantando,

Escrevendo em meio a tudo isso,

E morrendo sem ressentimentos.

Eu queria apenas isso,

Mas entendo que é pedir demais,

Então boto meu dois pés atrás,

E escolho,

Não tentarás,

Vivendo a realidade,

Encarando as desilusões,

Vivendo as angústias,

As mágoas,

E morrendo cansado de viver...

Estes são meus sonhos,

Meus pesadelos,

Minhas realidades,

Meus medos,

Se escondendo em seus meios,

Sem perder o medo,

Medo de sair de seus meios,

Para não ferir o meu peitos,

E morrer miseravelmente,

Se bem que,

Tanto faz não é.

~Synoho.


Notas Finais


É isso. Até mais.
Beijin. ;3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...