História Pensamentos de um Poeta Apaixonado - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Visualizações 13
Palavras 604
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


"Nem Cazuza descreveria aquelas mil rosas roubadas..." - Anônimo

Capítulo 4 - Incompreensão...


Fanfic / Fanfiction Pensamentos de um Poeta Apaixonado - Capítulo 4 - Incompreensão...

"Quanta falta eu sinto de você; E quanta dor eu sinto por você; Fica difícil realmente entender; O entendimento que outrora tive ao rever; Conceitos e ideias trágicas; Que só retiraram o brilho da sua mágica; Mas nunca me importei em não te ter; Minto se digo isso à você; Mas, não se iluda ao ler; Estas palavras de uma mente culta; Louca de amor por você; Que sara a escuridão da penumbra; Local em que os poetas se perdem continuamente; Pois pensam em amar exageradamente; Te digo porém, uma coisa; Nem Cazuza saberia descrever aquelas mil rosas roubadas; Que, sinceramente, no segredo escondi; Pois sou suspeita de um crime perfeito; Cometido somente e para ti..."

Este minuto de poesia te fascinou, caro leitor? Quem dera fascinasse aquela à quem busco... Quem dera! Porém deixo esses versos aos seus cuidados, leitor querido. Tu talvez saibas para quê utilizá-los, porque parece que eu não  sei... Se fizesse isso por dinheiro, pelo menos receberia algo em troca e não sofreria tanto, mas faço isso por amor e agora sei como é se sentir miserável...

Dói, dói, dói... Cada vez que converso com ela... Dói, dói, dói... Cada vez que vejo sua imagem... Só peço que não fuja, mas ela foge... Só peço que não me abandone, mas ela, sinto eu, me abandona... Por quê? Precisa jogar na minha cara que gosta de outro alguém? Já não sofri demais por uma pessoa só? Por quê??? Eu não quero mais isto!!! NÃO!!! Então pare coração de bater, por favor... Pare...

Quem dera você me amasse... Sinto em lhe informar que tu seria feliz ao meu lado e, apesar das dificuldades, poderias sorrir todos os dias... Mas parece que só se importa consigo mesma!!! É legal ver-me agoniar de amor? É legal??? Achas graça quando sofro por você? Queres ser exaltada? Tudo bem... Independente da resposta, continuarei te amando e sofrendo vagamente... Como o vento que vaga deprimente entre os lírios do campo, esse serei eu perante vós... Mas já chega! É hora de acabar com esse amor, antes que acabe com meu eu... CHEGA!!!

Mas... Mas... Por que leitor, me responda por favor, por que não para de bater? Por que o meu coração bate? Por quê? Ele sabe que não vale a pena lutar por algo perdido, mas quer amá-la... Por quê? (...) Estou desesperado leitor... Desesperado... Eu a amo... Me ajude... Qual é a fórmula para esquecer o amor? Qual? Eu preciso de auxílio... Por que, Deus, me fizeste conhecê-la? Tu, que sabes de tudo e me conheces, sabia que estaria assim, sabia! Queres tomar-me o que mais? O coração? (...)

É melhor eu parar, caro leitor, senão estarei ultrapassando a lógica desta vida... Não devo reclamar. Deus me deu o que pedi e pode tirar de mim... Não tem importância mais... É melhor que tire do que dê... Assim aprendo que a vida se resume em sofrer por amor e o amor em viver... Então tudo bem... Deus me deu aquilo que pedi: o amor, do jeito que pedi: em todos os sentidos (literal e figurativo), então, quem sou eu, para reclamar? Em minhas canções orei: "Se ela for feliz, tudo bem se fico ou não com ela, mas a abençoe Senhor, em nome de Jesus."

Agora me despeço meu leitor... Perdoe-me o "meu" na frase, mas como não pude fazê-la minha, pelo menos não ainda, quero que você, aquele que ouve meus anseios sem contradizer ou julgar, quero que você seja MEU... Preciso aliviar minha dor e o melhor jeito, é me iludindo... Adeus... Talvez eu volte, talvez não...

Mas tu sabe que volto...


Notas Finais


"Não ignore minhas mensagens, nem meus anseios, nem minhas verdades... Eu te amo e não quero perdê-la..." - Anônimo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...