História Pequeno Moranguinho (Yaoi) - Capítulo 6


Escrita por: e cobrafu

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Andy, Chris, Genitaniafeminina, Kawaii, Nick
Visualizações 262
Palavras 1.252
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Fluffy, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - O beijo


Fanfic / Fanfiction Pequeno Moranguinho (Yaoi) - Capítulo 6 - O beijo

Andy on 

Eu acordei me espreguiçando e olhando direto para o relógio que marcava 10:30, Resolvi  então levantar e ir para o banheiro fazer minhas higiene matinais, depois que fiz tudo que tinha de fazer, desci para tomar café, pois hoje tenho aula com o professor Jonas, logo  avistando o Chris e a Nick.

Andy — Bom dia! – me sentei pegando um dos pãos que estavam em uma cesta.

Nick/Chris — Bom dia!

Nick — Pera o Chris deu "Bom dia"?– falou increndula.

Chris — Vou dar uma outra chance, para mim mesmo – falou com um sorriso bonito.

Andy off 

Chris on 

Andy — Cadê a Tia Suzy? –falou mordendo o pão com Geleia de morango, sujando o canto da boca, eu fui até ele e limpei com meu polegar.

Nick — Teve que ir mais cedo para a Instituição.

Eles conversavam entre si, e eu peguei um pote com Morangos e fiquei comendo, o Andy me olhava com uma Cara de quem falava mentalmente "Não vai oferecer um?" Eu rio e falo:

Chris — Quer? – falei estendendo um morango. 

Ele não fala nada e pega o Morango dos meus dedos com a boca, aquilo me deu uma Tesão.

Sua boca é quente e ele foi carinhoso para não morde meus dedos, ah como eu queria aquela boquinha no meu Pau, eu não consigui me conter, e meu Membro já estava ereto, eu sou tirado dos meus pensamentos pela Nick

Nick — Chris você está bem?  

Chris — S-sim 

Andy — Não parece 

Chris — estou sim....toma os Morangos eu vou trabalha Tchau para vocês – me levantei muito rápido parecia até o " The Flash".

Como pode um moleque como ele ser tão Sexy e Fofo daquele jeito... Eu não vou conseguir me conter por muito tempo perto dele.

Chris off 

 Andy on 

Quebra de tempo,h final da aula particular do Andy

O assunto da aula de hoje foi sobre o acasalamento dos animais, e interessante, mais me deixa constrangido. 

O professor começou a me olhar esquisito, isso está me  deixando assustado e constrangido, estou começando a ficar vermelho que nem  um morango.

Jonas — está com medo de mim pequeno Andy? – falou colocando sua mão direita em minha coxa.

Andy — É...Que....O....Senh... –falei começando a tremer e não consigui terminar a frase.

Jonas — andy – parou me acariciando na coxa – já faz uma semana que não faço Sexo, Sabe por que? – meu coração acelera e ele chega perto do meu ouvido e susurra – Porque eu estou obessecado por você – eu levanto com as pernas tremulas e ele sentado fala –  com essa postura fofa e sexy, deixa qualquer um doido para tirar sua pureza.

Ele me segurou forte pelo Braço, deixando uma marca, roxa, eu tentei correr, mais ele me derrubou no chão, me deixando de bruços, ficando em cima de mim, deslizando sua mão que se encontrou com minha bunda apalpando-a,  eu comecei a chorar, com muito medo.

Se meus pais estivessem aqui tudo seria diferente, Jonas passou seu Membro, já duro, em cima da minha bunda, porém ainda ambos estavamos de roupa, ele  chegou perto do meu ouvido falando:

Jonas — Eu vou fazer com que você sinta prazer, meu pequeno Andy – passando a língua no meu pescoço.

Andy — Para por..Por favor –Falei chorando.

Jonas - CALA A BOCA! SE VOCÊ CHORAR EU NÃO VOU CONSEGUIR ME CONCENTRAR, VOCÊ NÃO TEM IDÉIA DE COMO EU VENHO TE DESEJANDO.

Ele me levanta do chão, me tacando com força na mesinha da sala, fazendo eu bater as costas e gemer de dor, me prendendo de novo, passando a sua mão nojenta pelo meu corpo.

Andy off

Chris on 

Não sei o porquê mais eu não me senti bem no trabalho, então resolvi voltar para casa.

Senti um aperto no peito e sai depressa da empresa, correndo até meu carro entrando no mesmo e dirigindo até minha casa.

Chegando lá caminho até a porta a abrindo, quando vejo a cena, meu deus, me sobiu uma Raiva do capiroto, vendo o FILHO DA PUTA do Jonas em cima do Andy, o mesmo estava Chorando muito.

Chris — COMO VOCÊ PODE MACHUCAR UM MENINO COMO O AMDY, SEU PAU NO CÚ DESGRAÇADO 

Eu corri até eles dando uma joelhada no SAFADO DO JONAS, depois de levantado pela gola joguei-o novamente na mesinha da sala, quebrando a mesma, quando percebi que ele ia me dar um soco, eu me abaixei dando uma porrada em seu queixo.

 Fiquei em cima dele dando vários socos no mesmo que já estava sangrando e falei com ódio, Por ter machucado o meu Andy.

Chris — NÍNGUÉM ENCOSTA EM UM FIO DE CABELO, DO MEU "MORANGUINHO" – respirou – ESTÁ ESCULTANDO SEU DESGRAÇADO .

Sou tirado de cima dele pela Polícia que já estava em nossa residência.

Policial — Calma, já deu, o Cara levou uma surra, Levem ele para o Hospital depois para delegacia

Eles me lagaram e o Jonas foi levado para o hospital, eu fechei a porta de casa olhando para o Andy, que permanecia assustado com o telefone na mão, chorando rios e lagos, logo vindo me abraçar.

Andy — Obrigado...... por ter vindo.....Ele....poderia ter me Estrupado mais você apareceu, Obrigado Chris – falou colocando a cabeça no meu ombro e chorando, eu retribui seu abraço, o confortando em meu braços, fazendo-o se acalmar.

Chris — imagina eu sempre vou voltar por você – Ele se afastou e me olhou nos olhos que brilhavam como a Galáxia. 

Andy — obrigado, Mas como você sabia que eu precisa de você e de sua ajuda? – Falou soluçando. 

Eu coloquei minha mão no seu rosto limpando suas lágrimas, ficando fazendo carinho na região rosada que é sua bochecha e falei:

Chris — Eu... é... Andy eu Não sei falar com Palavras e sim com gestos por que dizem que " Um gesto vale mais que Mil palavras" – ele olhou confuso e falou 

Andy — É que Gesto seria esse? 

Chris — Assim 

Eu o segurei pela cintura, lhe dando um selar caloroso e sem maldade, Foi uns dos melhores beijos da minha vida, sentir seu gosto de morango, me deixou louco.

 Que ironico ele só vive comendo morango, então provavelmente teria gosto do mesmo, sua boca farta é tão fofa e quente ao mesmo tempo, eu delirei.

Pedi passagem com a língua e ele cedeu, eu senti as melhores emoções da minha vida, beijar o Andy é como se eu estivesse em paz comigo mesmo, ele é melhor que as mulheres que eu fiquei, Até que ele beija bem para seu seu primeiro.

Chris off

Andy on 

Esse foi o meu primeiro beijo, e eu Gostei eu amei a boca do Chris é grande e molhada e bem gostosa sua língua é macia e seu alito de menta, Eu me sinto seguro e confortável nos seus braços musculosos.

Nos separamos por falta de ar, e eu fiquei corado com ele me olhando com uma cara de bobo.

Chris — É...Eu....D.....Desculpa eu não... – eu o interropo

Andy — Tá...Tudo....bem... Eu gostei e muito 

Chris — Serio? – Falou com um sorriso enorme na cara .

Andy — S-sim, Mas e agora? 

Chris — Bom eu acho que....a gente é Namorados agora néh? – Falou cosando atrás da cabeça.

Andy — Meus pais sempre disseram que quando eu tivese um namorado "Era para eu pedir permissão para eles" 

Chris — É serio? – falou com um sorriso 

Andy — S-sim e......muito sério, Quando a Tia Suzy chegar você pede para ela – Falei sério. 

Chris — Minha própria Mãe 

Andy — Ela é minha responsável 

Chris — Ta bom 

Nós limpamos a bagunça e o Chris cuido de mim, Do meu braço e ficamos assistindo um filme Chamado "O Rei Do Show" foi bem emocionante ficamos abraçados juntos e comemos Morangos.

CONTINUA...........



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...