1. Spirit Fanfics >
  2. Pequeno Príncipe (yoonmin) >
  3. Quando você consegue o que quer, mas não o que precisa

História Pequeno Príncipe (yoonmin) - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Quando você consegue o que quer, mas não o que precisa


Louco por mim mesmo
Eu saí da minha casa como se tudo fosse dar certo se
Eu abrisse a porta

 

 A experiência de viajar o mundo conhecendo pessoas e culturas diferentes era a melhor experiência que Jimin estava tendo para descobrir quem realmente era; foi necessário se desconstruir por inteiro para poder construi-se novamente sem interferências externas de terceiros lhe dizendo como agir e pensar.

Siwon o tio de Jimin costumava fazer perguntas filosóficas o forçando a ter pensamentos e os próprios ideais. Não o apresentava apenas os pontos turísticos das cidades onde iam,  as partes belas, também mostrava o outro lado bairros pobres com pessoas simples algumas felizes com a vida que tinha, outras buscavam por uma melhoria e existia as que buscavam por mais tentando chegar ao final do arco-íris e ter a felicidade em um pote de ouro, mas de que adiantava a busca e percorrer aquele caminho se deixavam de aproveitar a paisagem que existia? Bastava apenas virar um pouco a cabeça para o lado, mas não, as pessoas que buscavam pela alegria dourada só pensava no prêmio final e somente via as pedras e buraco no caminho. Jimin não só chego a essa constatação com as pessoas menos favorecidas existia milhares dessas pessoas em seu meio e isso as tornava mais lamentáveis. Se iludir com o desconhecido que parecia tão belo e perfeito olhando de longe era compreensível, só quer desejar além do que suas mãos poderia segurar era triste, mesquinho e sem sentido do que adianta ter tudo quando tudo não é suficiente? Nada. De nada adiantava pois o mais conhecido dos clichê estava certo existia coisas que o dinheiro não comprava essa era uma verdade que não se tem como mudar, e para pessoas ambiciosas o tudo sempre vai se igualar ao nada.

Quando a viagem chego ao fim Jimin quis mais de sua liberdade, ele também tinha se tornado uma pessoa ambiciosa. 

— Você não vai para a festa da Lisa? Sabe que a Somin tá esperando encontrar você lá — disse Jungkook agora o trio taekookmin estavam na mesma faculdade e dividiam um apartamento luxuoso em Seul. 

Jimin estava largado em sua cama trocando mensagens com um colega   sobre nada importante só bobagens do dia. 

— Não tô no afim. 

— Não tá afim da festa ou da Somin? — dessa vez foi Taehyung que pergunto ele estava encostado no batente da porta — Se for isso melhor  dizer logo, não fica iludindo a garota. 

— Não estou iludindo ninguém ela que começo a criar expectativas sozinha — Jimin não olhava para os amigos durante a conversa preferia fingir que a troca de mensagens estava mais interessante. 

Jimin não sabia o motivo de seus relacionamentos serem todos superficiais ele procurava algo que não sabia o que era, só tinha a certeza que deveria encontrar. 

— Isso é o que você diz. O que você sempre diz. — disse Jungkook dando de ombros e começo a caminhar para fora do quarto e deu o tapa de leve no ombro do Kim ao passar pela porta dizendo sem palavras que ele deveria o acompanha. 

════ ✥.❖.✥ ════


Dez anos tinha se passado desde a última vez que Jimin piso na sua casa e durante todo esse tempo nada parecia ter mudado, tudo se encontrava do mesmo jeito a ponto do Park se sentir novamente como um adolescente até mesmo ouvia os empregados o chamando de principezinho por suas costas. Exatamente como acontecia antes. Jimin já nem tentava entender aquele tratamento algumas pessoas o julgaria e não gostaria dele somente pelo fato dele ter nascido rico e não dava para mudar esse tipo de pensamento e o Park não ia pedi perdão por ter nascido como um herdeiro de uma fortuna, esse só era outro tolo problema de pessoa rica sem a mínima importância. 

— Esto nervosa para hoje a noite, sinta minhas mãos elas estão geladas — disse Nayeon a noiva de Jimin a garota era de família tão rica quanto a do Park. 

— Você vai se sair bem, sei que todos vão adorar você. — Jimin beijo de leve os lábios da garota só para tranquiliza-la. 


.


Mais uma vez Jimin se encontrava em uma festa de sua família e essa era dedicada a sua noiva para apresenta-la a amigos e seus familiares e como sempre acontecia o loiro se sentia deslocado como se não pertencesse aquele lugar e querendo ir para o mais longe que suas pernas levasse. 

Na tentativa de relaxar Jimin começo a beber para sua sorte com o passar dos anos foi se tornando tolerante a grandes quantidades de álcool não seria umas vinte e poucas taças que o deixaria alterado – ou quem sabe um pouco mais que isso. – Jimin sabia como beber e se comportar de maneira natural como se não houvesse ingerido uma única gota. 

— Jimin. Park Jimin. 

Uma voz baixa e receosa chamo pelo Park e foi capaz de deixa-lo tonto, confuso o tirando de órbita como se tudo ao seu redor tivesse sumido, a música, as pessoas nada mais existia só ele e o homem para o qual ele se viro. 

— Yoongi hyung — Jimin falo em meio um sorriso e surpresa seu coração bateu acelerado e uma onde de emoções o atingiu e a sensação foi como se enfim estivesse bêbado em menos de um segundo o Min conseguiu o que os pais de Jimin não  foi capaz nem aquela casa. Basto apenas olhar nos olhos negros do mais velho que o Park se sentiu em casa como não se sentia a muito tempo. 

— Hyung... — Yoongi falo baixo em um sussurro estranho ser chamado assim pelo Park o garoto sempre o chamo apenas de Yoongi desde o momento que trocaram as primeiras palavras. — É uma bela festa. Onde está a noiva? — Yoongi se recompôs dando um pequeno sorriso educado e falso. Jimin sabia que era. 

— Minha mãe a arrasto por aí, disse que precisava apresenta-la a algumas pessoas. 

— A senhora Park parece feliz e também parece gostar muito de sua noiva. 

– Sim, ela ama a Nayeon enfim encontrei a nora perfeita para minha mãe. 

— E...

— Finalmente encontrei você e me achei. Caralho essa casa é enorme só em ir no banheiro já me perdir — disse Hoseok parando ao lado de Yoongi o empedindo de falar. — Você é o noivo, parabéns pela festa. — Hoseok não fazia o tipo tímido ou que esperava para ser apresentado, ele era espontâneo que falava muito e um tanto desligado e sem noção. 

— Obrigado, e você é o... 

— Hoseok. Jung Hoseok meu namorado — foi Yoongi que respondeu deixando Jimin atordoado com a revelação. 

— Foi um prazer cconhecê-lo. Queria poder conversa mais. Só quer... eu tenho uma noiva para acompanhar e outras pessoas com quem falar. — Jimin só falo o que lhe veio primeiro na cabeça por algum motivo ele sentiu uma necessidade de se afastar. 

Yoongi viu Jimin indo para longe e tropeçando no nada durante o percurso. 

— Estsmos namorando é? — Hoseok pergunto arqueado a sobrancelha. — A Joy vai amar saber disso. 

— Ela não precisa saber. — Yoongi deu ombros e foi atrás de uma bebida e foi seguido por Hoseok aquela seria uma noite longa. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...