1. Spirit Fanfics >
  2. Pequenos Detalhes(Revisada e Editada) >
  3. Capítulo 19

História Pequenos Detalhes(Revisada e Editada) - Capítulo 19


Escrita por:


Capítulo 19 - Capítulo 19


Fanfic / Fanfiction Pequenos Detalhes(Revisada e Editada) - Capítulo 19 - Capítulo 19

Sábado, 21/05/2016.

~~sonho on~~ (música opcional  little things)

A aula tinha chegado ao fim. Estávamos apenas eu e ele na sala. Pedi para que me esperasse, pois tinha algo muito importante para lhe contar.

- Eu me apaixonei por você. E sei que não deveria, considerando as circunstâncias, mas não é uma coisa que eu consiga controlar. - Eu dizia, me segurando, em vão, para não chorar. -  Por mais que eu tenha esse sentimento, não quero perder sua amizade.

- Calma Julie! Nada nunca vai acabar com a nossa amizade. - Ele me abraça. - Me desculpa por não poder retribuir esse sentimento. Mas você sabe que eu ainda a amo.

Tudo ficou escuro, tudo ao nosso redor sumiu. Nos separamos, ele se afastou de mim e então pude ver dois de seus amigos se aproximarem. A escuridão foi embora, e vi agora  que estávamos no pátio da escola.

- Podemos conversar? - Perguntei chamando sua atenção.

- Claro. - Ele diz se afastando de seus amigos, apenas o segui.

- O que está rolando entre a gente? - Perguntei me referindo aos últimos acontecimentos. - Já não somos mais os mesmos um com o outro.

- Eu realmente não sei.- Demonstrava estar tão nervoso quanto eu.

- Eu estou confusa(o) - Falamos juntos.

- Beijos entre amigos não é a coisa mais normal do mundo. Você disse que ainda amava ela.

- Eu amo, mas sei lá... - Passou as mãos pelo rosto e soltou um longo suspiro. - Eu me sinto atraído por você. Não sei explicar.

- Eu não quero me machucar.

- Não vou te machucar. - Depois de um longo silêncio ele propõe. - Podíamos tentar.

- Tentar? - Estava insegura com suas palavras.

- Sim. Amigos com benefícios. Se não rolar aquela química, voltamos a ser amigos. Apenas amigos, e sem deixar isso afetar nossa amizade.

- Tudo bem, eu aceito. - Não está nada bem, o que eu estou fazendo?

Tudo ao meu redor voltou a sumir, dessa vez incluindo Nicolas. Dando lugar ao cenário da nossa sala de aula, pela segunda vez, vazia. Me sentei em uma das cadeira, logo Lucas se sentou de frente pra mim.

- Já soube da novidade? - Ainda não havia contado da minha nova "amizade" com Nicolas.

- Que novidade? - Perguntei desinteressada.

- Seu amiguinho voltou com a Carol.

Foi naquele momento que meu mundo caiu. Meu coração se despedaçou por completo. Nunca me senti tão usada e traída. Nicolas entrou na sala, o chamei para conversar e disse as palavras que nunca pensei precisar usar.

- Não quero ter mais nada com você. Dessa vez nem amigos podemos ser. Por favor, nunca mais fala comigo.

~~sonho off~~

Acordei ofegante e com lágrimas nos olhos. Não acredito que podendo sonhar com tantas pessoas, tinha que ser justo com ele. Quem me fez chorar, quem me fez sofrer, quem me machucou depois de prometer que nunca o faria. Fui ao banheiro lavar o meu rosto. Voltei para o quarto peguei meu celular para ver a hora, eram 8:43 a.m. Vi que tinha uma nova mensagem do Jhon. Dizia "Precisamos conversar.", junto com a frase tinha um vídeo anexo. Abri e vi que era minha apresentação com Daniel. Não acredito que já está na internet. Ótimo, mais um problema para eu resolver. Me desliguei desses pensamentos com uma nova mensagem no grupo Hidden Wish.

  ~~Chat (Hidden Wish) on~~

Daniel: N se esqueçam do churrasco, mato vcs se faltarem.

Daniel: Pf tragam roupa d banho, n quero ser o único na piscina.

Julie: Qm ousa me acordar essa hr da madrugada?


Daniel: Dsclp, n foi minha intenção. :( 

 Julie: kkkk to brincando bobo. ;p 


Daniel: Eu sei kkkk


Daniel: Mas já ta bem tarde pra senhorita ta na cama, né?!

Julie: Não


Julie: Tá mt cedo, isso sim kkkk


Lucas: Vdd nunca vi julie levantar antes das 10h num FDS.

Daniel: kkkk

Matheus: Concordo com a Julie

Matheus: Ta muito cedo kkk

Camille: Deixa d ser preguiçoso.

Camille: Já basta a Julie kkkk  

Julie: Eu ainda to aqui tá.  -_-


Felipe:Gente, para com isso

Felipe: EU TO TENTANDO DORMIR

Daniel: kkkkkkkk

Camille: hahahaha

Matheus: asjeushueas

Julie: Bom, acho q são dois ao meu favor Kkkk


Felipe: Daniel, que horas é msm o churrasco?

Daniel: Começa 12h

Felipe: Vlw. Vou chegar 11h kkk

Matheus: Eu tbm kkkk

Daniel: OK, a gente vai lá pro campinho e joga uma bola.

Camille: Zzzzzz

Camille: Vcs só pensam em futebol 

Julie: Vou me arrumar na sua casa miga. Vou dormir ai.


Camille: Dexei? Brincadeira kkk vem logo. Bjs

Julie: Lucas vai tbm.


Lucas: OK, já tô lá kkk

Daniel: Reunião secreta isso?

Matheus: Tbm quero participar kkkk

Camille: Vcs vão jogar bola.

Felipe: Isso é um não?

Camille: Sim.

Lucas: É.

Julie: Com certeza.


Daniel: Depois dessa vou até embora.

Felipe: Eu tbm.

Matheus: Fui.

Julie: Até mais tarde bobões.kkk


~~Chat off~~  


Guardei meu celular, fiz minha higiene matinal, arrumei uma bolsa com algumas coisas que iria precisar levar e desci para tomar café. Quando estava prestes a sair, minha mãe entra em casa segurando algumas sacolas de mercado.

- Oi filha. Vai sair? - Pergunta largando as sacolas no chão da sala.

- Sim, vou me arrumar para o churrasco na casa da Camille.

- Então só me espera guardar essas coisas que te deixo lá. Vou ajudar a Patrícia com a arrumação.

Patrícia é a mãe do Daniel. Esperei ela guardar as coisas, e a ajudei, claro. Saímos e ela me deixou na Camille. Foi tia Ana quem atendeu a porta. Subi as escadas e Camille estava estirada na cama conversando com Lucas que estava vendo alguma coisa no computador.

- Oi.

- Olha quem finalmente chegou. - Disse Lucas.

- Haha, tive que esperar minha mãe para conseguir uma carona.

- Eu já até acostumei. - Respondeu Camille dando de ombros. - Agora pode dizendo. O que você queria falar com a gente?

- Eu sonhei com o Nicolas. Na verdade foi tipo um flashback, coisas que já aconteceram com a gente. E pra melhorar, o Jhon quer falar comigo sobre eu ter dançado com o Daniel no concurso.

- Nossa, que barra. - Camille falou.

- Ferrou. - Lucas.

Conversamos um pouco e logo começamos a nos arrumar. Colocamos um biquíni por baixo da roupa, eu optei por um short jeans e uma camiseta, Camille preferiu um vestido soltinho. Saímos e em menos de cinco minutos andando chegamos na casa do Daniel. Bati na porta e um homem de aproximadamente 45 anos nos atendeu.

- Boa tarde! - Cumprimentei-o. - Sou Julie.

- Otávio, boa tarde! - Ele deu um grande sorriso. - Então você é a famosa Julie?

- Famosa? - Perguntei.

- Pai não começa. - Disse Daniel saindo de uma porta que acho ser a cozinha. - Que bom que vocês chegaram.

Ele nos cumprimentou, nos apresentou a seu pai e depois nos levou para parte de trás da casa. Matheus, Felipe e Milena estavam na piscina, e a julgar pela roupa e cabelo molhados de Daniel acho que também estava lá. Milena saiu de dentro da água e veio correndo me abraçar, molhando toda minha roupa. E logo depois voltou para a piscina.

- Milena! Comporte-se. - Disse uma mulher loira, muito bonita. - Desculpa a minha filha.

- Está tudo bem, já estou acostumada com ela. - Digo simpática.

- Acostumada? - Parecia intrigada. Analisou meu rosto por longos segundos e logo percebi que ela estava encarando o colar que Daniel me deu.

- Sou a Julie, amiga do Daniel.

- Julie, claro! Que bom finalmente conhece-la. Vou ficar feliz em conversar melhor com a filha da minha melhor amiga e garota que roubou o coração (literalmente) do meu bebê.

- Mãe, eu já falei para não me chamar mais assim. E pedi pra não mencionar colar. - Ouvi ele sussurrar a última parte.

- Ok, desculpa. Vou deixar vocês conversando um pouco. - Disse saindo logo em seguida.

- Desculpa ela, eu pedi para não falar nada. - Disse Daniel me puxando pra um canto menos movimentado.

- Relaxa, ela é muito simpática. Mas confesso que fiquei um pouco envergonhada. - Falei abaixando a cabeça.

- E você fica linda envergonhada.

Ele levantou meu rosto com a mão em meu queixo. Me perdi em seus olhos e senti-o se aproximar. Acho que cansei de adiar esse momento. Me deixei levar e já podia sentir o toque dos seus lábios dos meus. Só que o destino ama acabar com nossos momentos.

- Daniel! - Mih aparece gritando. - Ela chegou, ela chegou!

- Jura? Eu não acredito. - Ele diz, aparentemente muito empolgado. - Vem Julie, quero te apresentar uma pessoa.

Ele me puxou para sala e quando chegamos tinha uma menina mais ou menos da nossa idade, cabelos ondulados, abaixo dos ombros e pretos. Muito bonita! Ela estava abraçando a mãe do Daniel e tinha duas malas do seu lado. Daniel se aproximou dela e assim que ela o viu, se abraçaram como quem não se vê a anos e se gostassem muito. Senti uma pontada de ciúmes.

- Bombom, nem acredito que você chegou. - Até apelidinho tem? - Eu estava morrendo de saudades.

- Eu também anjinho, não via a hora de chegar.

- Vem aqui, quero te apresentar uma pessoa. - Falou puxando ela pra perto de mim. - Julie essa é a Bruna, uma amiga de infância. Bruna essa é a Julie minha mais recente e melhor amiga.

- A famosa Julie, ouvi coisas maravilhosas de você!

- Bruh! - Daniel a repreendeu.

- A Milena, foi ela que falou de você. - Com certeza foi o Daniel. - É um prazer te conhecer.

- O prazer é todo meu. - Falei e ela me abraçou.

- Colar bonito. - Elogiou ao me soltar.

- Bombom, por que você não vai trocar de roupa e deixar suas coisas lá em cima?

- Ok, eu vou. - Disse seguindo para o segundo andar.

Depois que ela subiu, fomos para beira da piscina novamente. Não fui muito com a cara dessa garota, essa troca de apelidos fofos, esses abraços, odiei tudo. Pode ser infantilidade, mas sim, eu estou com ciúmes. Me sentei ao lado de Daniel e começamos a conversar.

- É impressão minha ou ela tem sotaque do sul? - Perguntei.

- Eu comentei dela pra você no dia do jantar na casa da Natália. Minha amiga Bruna de Curitiba, minhas melhores férias. Ela vai passar um tempo aqui no Rio.... - Ele foi interrompido.

- Sobre isso, ouve uma pequena mudança de planos anjinho. - Disse a morena ao aparecer do nada. - Eu vou morar aqui.

- O que? - Perguntou o loiro que agora atende por "anjinho".

- Meus pais deixaram eu terminar o ensino médio aqui e meus titios queridos. - Disse olhando em direção aos pais de Daniel. - Vão deixar eu morara aqui, na sua casa.

- Ai meu Deus! Eu não acredito! - Disse dando outro abraço nela. 

Nem eu estou acreditando! Eu definitivamente não suportei essa garota. Fui pegar um copo de água na cozinha e ouvi minha mãe falando no celular na sala.

~~ligação on~~

- Leonardo, por favor, tenha paciência. - Ela dizia.

- .....

- Eu vou contar pra Julie no momento certo. - O que eu preciso saber?Então era de mim que ele estava falando naquele dia?

- .....

- Eu sei...

- .....

- Eu sei, mas não é tão fácil assim dizer pra sua filha que você teve outro filho.

~~ligação off~~

Não acredito. Eu tenho um irmão? Como isso é possível? Por que minha mãe esconde isso? Preciso descobrir isso direito. Meus pensamentos foram despertados por Daniel e Jackson.

- Olha quem chegou Julie. - Disse Daniel.

- Oi Jack. - Cumprimentei-o.

- Oi Julie. - Nesse momento minha mãe entra na cozinha.

- Mãe, quero te apresentar meu professor e padrinho da Hidden Wish.... - Nem deu tempo de eu terminar de falar. Minha mãe o olhava de forma estranha, parecia assustada.

- Jason?

CONTINUAÇÃO.....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...