História Pequenos inocentes - Capítulo 33


Escrita por: ~ e ~KimDodo

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Chenle, Doyoung, Haechan, Hansol, Jaehyun, Jaemin, Jeno, Jisung, Johnny, Kun, Mark, RenJun, Taeil, Taeyong, Ten, Winwin, Yuta
Tags Jaeje, Jaeyong, Marksung, Nct, Renle
Visualizações 257
Palavras 738
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drabble, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello babies dreamies and gotics. It's me, KimDodo. Tudo bom?

Hoje eu fiz uma apresentação de kpop, mas aconteceu alguns erros na hora e algumas garotas (que não dançam uma graminha) riram. Eu fiquei com raiva, mas pra mim a apresentação foi boa. Meu grupo fico com uma boa nota ^^. Sabia que o nosso nome é LGBTH (H de hetero viu?)

Enfim...

Eu escrevi até que rápido esse cap. Milagre né?

A fanfic finalmente entra em uma nova fase e fica mais "próxima" do final (;-;). Para a felicidade de vocês, ainda vai acontecer algumas coisas e tals. Se quiserem eu faço bônus e tals.

Enfim...(x2)

Boa leitura.

Capítulo 33 - Pequeno resgate


Fanfic / Fanfiction Pequenos inocentes - Capítulo 33 - Pequeno resgate

— Falta quanto mais, hein, senhor espertalhão?

— Calma que vai dar certo.

Vocês devem estar pensando que a missão “Resgate ao tampinha” (nome dado por Gon) iria ser algo bem sério e tal, mas neste momento os três garotos estavam quase morrendo.

Por que?

Simples. Eles tiveram a ideia brilhante de ir olhando pelas janelas e até abrindo as mesmas para ver se Jisung estava ali, mas digamos que não deu muito certo.

Por que? (x2)

Um gato arranhou a cara de Gon, uma senhora deu um tapa em Mark por estar trocando de roupa e tiveram a dolorosa visão de uma gordo batendo uma. Pra piorar assim que ele viu Haechan na janela, já saindo, ainda piscou pra ele e disse:

— Que taradinho, né? Não quer vir me ajudar?

Preciso dizer que o Gon lançou um sapato na cara do porco? Não? E que eles tiveram que sair correndo pelas ameaças dele? Também não? Tá certo então.

Quando estavam quase desistindo, encontraram uma janela coberta com uma tipo de manta preta. Para os três aquilo foi bem suspeito. Sem pensar duas vezes os mesmo levantaram um pouco a cortina querendo ver o que tinha ali. Se surpreenderam ao ver que tinha pessoas ali. Uma mulher e um cara para ser específico.

O trio, não querendo presenciar outra cena que os traumatizasse mais ainda, já iam saindo quando ouviram a seguinte frase:

— Podemos matar ele? — a voz era feminina.

— Óbvio que não!

Após isso voltaram rapidamente para a janela dessa vez atento a tudo que acontecia. A garoto, dona de cabelos avermelhados, parecia enraivecida por sua proposta ter sido recusada. O garoto que tinha os fios negros e certas gorduras limpava uma arma.

— Então o que vamos fazer com ele?

— Nossa irmã apenas disse para deixá-lo aí e se possível fazê-lo apodrecer — falava de forma desinteressada.

— Isso é muito chato — a garota revirou os olhos — Queria poder matá-lo na frente de todas aquelas fãzinhas mimadas dele e do resto daquele bando de viadinhos.

— Acordou com o pé errado?

— Acho que com os dois — disse e bufou.

Rapidamente os que se escondiam se entreolharam e Haechan pegou o celular.

— Alô? É da polícia? Temos informações do caso particular de Park Jisung. Isso. Encontramos ele — sussurrava com medo de ser pego — O endereço é XxxxxxX. Estamos nas escadas de emergência escondidos. No 7° andar — a ligação foi encerrada.

Continuaram vidrados naquela janela apenas esperando a polícia entrar em ação. O nervosismo era compartilhado pelos três ali.  

Em alguns minutos um rapaz alto chega carregando um garoto machucado. Esse nem mesmo conseguia ficar mais em pé. Infelizmente esse rapaz era Park Jisung.

Sinceramente eu acho que não é nem um pouco necessário dizer que tiveram que segurar certo Minhyung. O mesmo ficou furioso ao ver seu pequeno ferido daquele jeito. Gon com medo de que o Lee fizesse algum gesto precipitado se posicionou atrás do mesmo e o imobilizou. Donghyuk que estava morrendo de medo lançou um olhar assustado para o japonês que sorriu pequeno tentando o tranquilizar.

— Por que o trouxe? — perguntou o gordinho da sala

— Ele estava fazendo muito barulho. Pensei que poderiam lhe dar uma lição.

Assim que o garoto falou isso o Park levantou a cabeça rapidamente.

— Não. Por favor, não — implorou — Eu estava apenas chorando. Eu só queria ir pra casa.

— É tão ridículo o fato de você ser fraco e precisar implorar — A ruiva dali comentou com uma cara de nojo.

O aperto de Gon no loiro teve que ficar mais forte. A face raivosa de Mark definitivamente estava assustando Haechan. Quando o aperto estava já para ceder, a porta foi arrombada por um grupo de policiais armados.

— Mãos na cabeça!

Isso foi a deixa para Mark se soltar e ir até o corpo caído de Jisung. O Park ao perceber que o mais velho ia em sua direção se arrastou querendo apressar logo aquele encontro. Quando este aconteceu, lágrimas de alívio desceram pelos olhos do menor. O calor do abraço apertado de Mark o acalmava e o fazia esquecer de tudo que havia acontecido a minutos e horas atrás.

— Vai ficar tudo bem, meu pequeno. Eu vou cuidar de você.

Com assentidas de leve, Jisung se deixou ser pego no colo e levado finalmente para casa. Para junto de seu hyung.


Notas Finais


Gostaram?

Jisung foi salvooooooo!!!!

Eu ouvi um amém? *Coloco mão no ouvido querendo escutar sua voz*

Até o próximo.

Beijinhos my babies. Bye bye S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...