1. Spirit Fanfics >
  2. Perdão Meu Amor... >
  3. Eu voltarei...

História Perdão Meu Amor... - Capítulo 14


Escrita por:


Capítulo 14 - Eu voltarei...


Fanfic / Fanfiction Perdão Meu Amor... - Capítulo 14 - Eu voltarei...

Kaguya sofreu uma grande perda no passado, porém alguém repentinamente preenchia seu vazio e sua dor esvaia, a fazendo esquecer de tudo por um momento... Esse foi seu primeiro amor...

======== Departamento =========

Seu irmão agora havia perdido seu futuro posto no exército. Para ele tudo ocorria daquela forma por conta de sua irmã, a primogênita, ser diferente dos demais, isso era uma fraqueza para ele, como um calcanhar de Aquiles...

Ele não podia deixar ela tomar o trono dele, ela não tinha nenhuma capacidade para isso, ela afundaria o clã em fraquezas e discursos inúteis, para ele uma fraca com ela deveria receber apenas o desprezo...

Então ele foi até um dos melhores guardiões do exército...

Guardião: Sim, homens!! Ficarei esperando respostas sobre as buscas — dizia sentado em um banco ordenando alguns soldados...

Príncipe: Ei, homem...

Guardião: Oh, pois não príncipe, que honra!! O que faz aqui? Como vão as coisas?

Príncipe: Péssimo, as coisas vão de mal a pior, e é por isso que vim até aqui...

Guardião: O que houve?? Posso ajudá-lo?

Príncipe: Não estou interessado em falar, não posso perder tempo, mas sim... Quero sua ajuda!!

Guardião: Em que posso ajudá-lo então? Me diga o que deseja!

Príncipe: Eu quero ficar mais forte...

Guardião: O príncipe já é muito forte, muito acima dos demais e...

Príncipe: Não Importa!! Isso já não é mais suficiente, eu quero mais poder...

Príncipe: Vermes no caminho serão exterminados, o meu poder divino vai se unir a minha vida eterna...

Guardião: Pois bem, se é o que a realeza quer... Quando quer começar meu caro?

Príncipe: Hoje mesmo!!

Guardião: Mas...

Príncipe: Não tenho tempo para perder... — ele se virava de costa e saia...

Príncipe: Espero você no campo de treinamento...

Guardião: ...

======== Chegando em Casa =====

O general chegava com Kaguya em suas costas, deixando na porta de sua casa...

General: Ei, acorde... Já chegamos...

Kaguya: O que? — ela despertava e olhava para frente, vendo a sua casa...

General: Você dormiu no meio do caminho, então eu decidi deixar você dormindo, sabe? Não queria te incomodar... — Ele então deixava Kaguya descer de suas costas

General: Pronto! Agora trata-se de descansar ou não poderá ficar mais forte! — ele abria um sorriso!!!

Kaguya também sorria agora e sua dor realmente tinha amenizado um pouco...

General: Bem princesa, eu vou indo!! Se precisar de mim me fale, assim que eu estiver livre eu te ajudarei no que quiser...

Kaguya: Certo!! — ela sorria de ponta a ponta e o abraçava de surpresa...

General: Uh? — ele se surpreenda, mas logo a abraçou de volta com um sorriso

General: Você é muito doce — ele dava um beijo em sua testa!!

Kaguya: Hm... — ela se corava

General: Fique tranquila!!! Até amanhã!! — ele abria um portal e acenava...

Kaguya: Até amanhã !! — ela também acenava

Então ele sumia pelo portal, enquanto Kaguya se despedia...

Kaguya: (É... Agora tudo vai ser diferente daqui para frente!!)

Rainha: Parece que você fez um novo amigo!! — sua mãe chegava surpreendendo...

Kaguya: Mamãe??

Então sua mãe se aproximava

Rainha: Filha eu sinto muito, seu pai já puniu o seu irmão, você não precisará se preocupar... — disse a abraçando

Kaguya: Obrigada mamãe!! Eu realmente não queria o mal do irmão...

Rainha: Ele buscou e apenas está usufruindo as consequências de seus atos!! E quanto a tudo... Está melhor?

Kaguya: Eu já não sinto a mesma dor, ele me confortou com aquela carta!! Eu sempre estarei com ele!  — ela sorria e abraçava fortemente sua mãe

Rainha: Minha querida... — ela sorria de volta e deixava lágrimas cair...

Kaguya: As estrelas do céu me guiarão, eu tenho certeza... e quando o fruto desabrochar, o futuro será mais lindo do que nunca...

Rainha: Kaguya...

Kaguya: Mamãe eu ainda vou fazer o irmão mudar de idéia, e também vou fazer muitos amigos para me ajudarem, o papai  e você vão se orgulhar...  — ela cessava o abraço. Agora ela sorria e ria para a sua mãe...

Rainha: Eu tenho certeza que sim!! Eu tenho certeza — seu rosto sorria novamente...

Kaguya: Um futuro de paz, eu vou lutar por isso até o fim...

No campo de treinamento...

Guardião: (Incrível!!)

Príncipe: Agora!!! Caçar da Fênix!!

Ele destruía tudo ao redor com seu enorme poder, potencializado pelo seu Byakugan!! Dominando o estilo fogo como ninguém, ele fazia coisas improváveis até mesmo para um guerreiro da alta classe do exército Ōtsutsuki...

Guardião: (Este poder é incrível, ele realmente é diferente dos outros...)

Guardião: Seria o sucessor perfeito...

Ele paira até o chão de pé, soberano, ele havia destruído todo o terreno que o seu ataque atingiu, e também matado todos os escravos que estavam servidos de cobaia para teste de habilidades!!!

Príncipe: O que achou?? Estou sempre um passo na frente dos demais não é?... Um não... Um milhão!!!

Guardião: Você tem razão, seu poder é comparável a poucas pessoas, mas você pode ficar ainda mais forte...

Príncipe: Como assim? Explique-me!!

Guardião: Existe um item, chama-se Elixir de Cinábrio...

Príncipe: Elixir de Cinábrio?

Guardião: Exato!! Ele armazena uma grande quantidade de Chakra dentro de si...

Príncipe: Incrível... — seus olhos brilhavam

Guardião: A antiga lenda diz que ele descende das árvores de chakras divino, e ele pode ser ingerido através de pílulas que concedem prolongamento de vida e enorme quantidade de chakra ao usuário...

Guardião: Com ele você vai se tornar muito mais forte  rapidamente, sem nenhum esforço!! Esse poder somado a sua força... Tornaria você imparável!!

Príncipe: Isso é divino!! Onde conseguimos isso??

Guardião: Precisaríamos dominar planetas e extrair seu chakras de forma que comprimidos, os chakras existentes seriam transformados em pílulas, mas estamos sem as ferramentas nescessárias...

Príncipe: Merda!! Preciso deste poder urgentemente!!

Guardião: Porém existe outro jeito...

Príncipe: O que? E Qual seria esse jeito? Me conte logo!!!

Guardião: Existe um Doujutsu que seu pai e sua mãe estão destinados, mas não despertaram ainda...

Guardião: Para despertar este Doujutsu precisa ter uma perda grande e um grande acúmulo de chakra remanescente desse usuário...

O nome deste Doujutsu se chama "Rinnegan".

Príncipe: Perda...

Príncipe: (Isso significa que eu preciso perder algo ou alguém que tenha ou já teve um significado para mim... Kaguya, minha irmã...)

*Ele relembra dos bons momentos*

Guardião: Com isso, você já sabe o que tem que fazer futuramente...

Príncipe: Sei... É claro que sei!!!

Príncipe: Eu vou trazer a morte daquela que nunca deveria ser destinada ao poder!!!

Enquanto o príncipe se afundava nas profundezas da arrogância e escuridão, Kaguya se encontrava com seus pais novamente, em busca de treinar e trazer toda a paz pra quem amava...

Na noite daquele dia...

O reino dormia em paz e seu rei descansava em seu profundo sono, mas uma terrível previsão vinha em sua mente...

Rei: (*Dormindo*)

Rei: Onde estou???

Ele via um lugar parecido com seu planeta, estava destruído completamente, e não tinha mais sua esposa e vários componentes do clã estavam mortos...

Ele caminhava em lágrimas e não via seus filhos por lá

Rei: Filha? Filho?? Mulher?? Onde estão vocês??? — ele se ajoelha no chão negro...

Rei: Logo ele vê sua esposa morta e corre até lá

Rei: Esposa... Me perdoe... — ele chorava

Quando ele olhava pra cima um homem pairava sobre ele, porém só sentia sua presença, já que a nuvem estava tampando e a escuridão consumia o lugar...

Rei: Quem é você?
Me diga!! QUEM É VOCÊ??

???: Sua destruição...

Rei: O quê??

O homem saia, sua identidade ainda não era completamente visível, porém sua silhueta negra foi o suficiente para ele ter idéia de quem era...

Rei: Não posso acreditar...

???: O fim desta era chegou!!! Um verdadeiro paraíso vai ser criado!! — ao anunciar um forte escuridão foi varrendo e consumindo tudo e antes que chegasse até ele uma luz branca o cegou e ele teve uma visão... Ele visualizava uma mulher de cabelos brancos e roupas parecidas com a de seu clã, e logo associou a sua filha!!

Rei: Parece uma Deusa, ou melhor parece com você... Kaguya...

Porém a escuridão a consumia também e chegava até ele como todo seu planeta se pulverizando...

Rei: Não, espere!! Mulher, Filhos!!... — já era tarde demais e ele foi consumido, assim acordado assustado...

Ele pegava um retrato de sua família... Enquanto lágrimas pingavão nela...

Rei: Não Med diga

Rei: Nosso fim, chegou???

Sua esposa dormia e ele a abraçou aliviado por um momento, mas tenso por outro, enquanto pensava no seu destino...

No outro dia...

Já de manhã...

Rei: Filha, fico feliz que tenha feito amizade com ele.

Rei: Ele é como um filho pra mim e será um amigo perfeito para te ajudar nesse caminho...

Kaguya: Acho que somos mais que amigos...

Rei: Hmmm...

Rei: Então você teve sua primeira paixão?? (*Risos*)

Kaguya: ... — ela corou...

Rei: Não tenha medo, os sentimentos são inexplicáveis, não é amor ? — ele olhava para sua mulher e sorria

Rainha: Com certeza!! — ela devolvia o sorriso...

Kaguya: Bom, hoje eu irei treinar pra aprimorar minhas técnicas e ficar mais forte!! Então eu já vou indo papai, mamãe!!

Rei/Rainha: Tudo bem!!

Rainha: Vá em paz filha, e volte bem

Rei: (Você é o nosso futuro...)— por mais que quisesse transparecer segurança ele ainda pensava sobre a noite anterior...

Kaguya: Certo, até mais!!

Então Kaguya partia para treinar com seu novo amigo e amor, pronta para lapidar o futuro através da paz e trazer finalmente o fruto da esperança pro mundo...

Kaguya: (Finalmente cheguei!!)

(*Sem ninguém no ambientes*)

Kaguya: Onde está ele?? Acho que ele não veio...

General: Aqui!!!

Kaguya: ? — ela se virava para trás e via ele sentado em uma árvore local...

General: Achou que eu iria me esquecer???

Kaguya: Não!! No fundo eu sabia...

General: Muito bem, acho que podemos começar...

Após um longo e intenso treino, já estava de noite!!

Kaguya: (*cai no chão*)

General: (*segura ela*)

General: Está bem Kaguya??

Kaguya: S-Sim

General: Você não deveria se esforçar tanto...

Depois de um tempo, os dois se recuperam e sentam lado a lado em uma árvore...

General: Você foi muito bem, agora você já está conseguindo dominar o Byakugan em bom nível, vai ser uma ótima sucessora ao trono...

Kaguya: É verdade, estou melhorando cada vez, meu esforço está sendo recompensado...

General: ... — ele estava diferente...

Kaguya: O que houve?? É em relação a mim?

General: Não, não!! Não tem nada haver com você...

Kaguya: O que é então?

General: Uma nova guerra vai se iniciar, e parece que eu estarei comandando a linha de frente pela primeira vez!!

Kaguya: ...

General: Bem, acho que esse vai ser nosso último treino...

Kaguya: Não fale assim, parece até que está se despedindo de mim pra sempre!! — ela o repreendia

General: Fique tranquila, eu voltarei...

General: Você tem que se preparar para assumir o império...

General: Esta guerra trará muitas perdas...

Kaguya: Oh eu não quero mais perder ninguém... — ela abaixava a cabeça...

General: Nós temos força para vencer, apesar da minha pouca idade eu tenho a noção do nosso tamanho e do nosso dever, não devemos temer ninguém!! — ele erguia a cabeça dela

Kaguya: Tudo bem...

General: É claro que está tudo bem...

...

Rei: Como será que Kaguya está se saindo com ele

Rainha: Não sei, mas será de grande importância pra ela, após essa grande perda...

Rei: De toda forma preciso a avisar que entramos em uma nova guerra...

Rainha: De novo????

Rei: Sim...

Rainha: Oh céus...

Rei: Preciso organizar a linha de frente e...

(*Porta se abrindo*)

Guarda: Rei! Rei! É URGENTE!!

Rei: DIGA!!!!

Guarda: O PERGAMINHO! O VERDADEIRO PERGAMINHO QUE CONTÉM OS SEGREDOS DO NOSSO CLÃ FOI ROUBADO!! UM FALSO FOI POSTO NO LUGAR!! EXISTE UM TRAIDOR ENTRE NÓS

Rei: ISTO É IMPOSSÍVEL!! — ele se levantava furioso

Rainha: COMO ISSO FOI ACONTECER?! Em plena guerra, isso é um desastre!!

Rei: Se isso cair em mãos erradas, será o nosso fim!!

Rei: Ei guardas, reúnam-se e vão para linha de frente, eu estarei lá em breve!! Convoque o General e considerem as buscas encerradas, vamos focar apenas em abater os inimigos!!!!

Os guardas então começam a seguir as ordens do rei e partem para linha de frente...

Rei: Preciso me preparar...

Rainha: Como assim?? Nós sempre fomos frios e calculistas, sair agora sem conhecer o inimigo pode ser extremamente perigoso, ainda mais se ele conter informações preciosas...

Rei: Amor, eu te amo, e amo nossa família junto com nosso povo!! Eu não posso deixá-los morrer!! Eu preciso proteger está geração e manter o ciclo para o futuro...

Rainha: Amor... — lágrimas de preocupação e desespero desciam de seu rosto!!!

Rei: Não chore!! — ele limpava as lágrimas e a beijava... Eles não imaginavam...

Rei: Sua boca ainda continua com o melhor gosto do mundo...

Rainha: Isso parece uma despedida...

Rei: Antes de ir, nós vamos salvar eles...

Rainha: Mas por quê?? Eles ainda são crianças, não estão preparados ainda... E pra onde elas irão, se forem reconhecidos em território inimigo eles serão mortos...

Rei: E se permanecerem aqui também!!

Rei: Eu sei que é triste e duro, mas nós e grande parte do clã não passaremos de hoje!!

A Rainha ficou espantada

Rainha: O que está dizendo??

Rei: Nosso ciclo acabou...

Rei: Este clã está fadado a grandes percas hoje... Meu Doujutsu sempre previu tudo, mas ontem eu senti através coração... Eu sonhei com um homem que destruía tudo em nossa volta, nós morremos nele, mas ainda há um pingo de esperança...

Rainha: E o que isso seria??

Rei: Uma mulher, ela parecia divina, e ela estava em um mundo de paz, que eu pude sentir por breves segundos...

Ela se parecia com nossa filha Kaguya...

Rainha: Kaguya... — a mulher se derramava em lágrima...

Rei: Porém isso não muda o fato de salvar ela e seu irmão... E também ele...

Rei: Independente de ser ela ou não, salvar o que temos é o nosso dever de pais!! É uma maneira de deixar nosso legado vivo!!

Rei: O meu dever é inspirar a nova geração, e mostrar a paz ainda existe... A esperança nunca morrerá enquanto existir nos corações de nosso povo... Kaguya é o exemplo!! Vamos!!

Rainha: Certo!

...

General: Kaguya, estou sentido algo de ruim...

Kaguya: O que foi??

Guarda: GENERAL!!

General/Kaguya: ?

General: O que está acontecendo??

Guarda: O pergaminho!! Ele foi roubado, o inimigo está se aproximando e um meteoro repentino está aumentando de tamanho, ele vai se chocar com o Planeta em breve!!

Kaguya: (*arregala os olhos*)

General: Impossível!! — fechando os punhos

Kaguya: O que será de nós??? Preciso ajudá-los!!

General: Não!!

Kaguya: O quê??

General: Você deve ficar e proteger seu irmão... Eu vou ir até lá e proteger todos, afinal eu sou um dos líderes agora!!

Kaguya: Mas você pode...

General: Não Importa!! Kaguya entenda... O ódio só nasce pra proteger o amor não é uma opção, e isso será assim até que o ciclo se encerre, e eu como você quero criar uma realidade onde isso não aconteça, nem que isso seja a força!!

Kaguya: Mas... — ela se seguva para não chorar, enquanto ele se virava de costas...

General: Mesmo que eu tenha que corromper minha alma... Mesmo que no fim não reste nada de mim, nem pó...  Muitas pessoas serão salvas desta desgraça, agora deste clã eu sou uma parte da esperança!! — ele se virava com seu Doujutsu ativado, então ele se teleportava...

General: Tome você tinha deixado cair!! — ele entregava o fruto de seu amigo!!

Kaguya: Oh...

General: Guarde, e não se esqueça de mim, eu vou indo!! Eu realmente não sei se volterei

Kaguya: Por favor não morra...

General: Eu só queria poder te dar o último beijo... Adeus!! — ele se teleportava pro campo de batalha...

Tempo depois, várias clones negros começaram a invadir o planeta...

Kaguya: O que está acontecendo?? — ela olhava ao redor... E via pessoa morrendo como se não fosse nadas, clones negros se desmancharam junto com a vida de muitas pessoas... O príncipe se aproveitou do momento...

Príncipe: (Ela está sozinha, é hora de ganhar meu poder e salvar este mundo da escuridão e me tornar o rei...)

Quando ele iria executar seu plano...

Príncipe: (Papai?? Mamãe??)  — seus pais apareciam junto com o guardião

Príncipe: ( O que fazem aqui???)

Kaguya: Papai, mamãe! O que está acontecendo aqui?? — ela chorava em prantos...

Príncipe: Papai!! Mamãe!! — ele corria da escuridão...

Rei: ...

Rainha: Filha...

Rei: Filhos, venham até aqui...

Eles se aproximam de seus pais...

Rei: Filhos, vocês partirão daqui!!

Kaguya/Príncipe: O que????!!!!

Rei: Infelizmente nosso futuro está se esvaindo... Eu tentei fazer a paz guiar o meu o meu caminho, mas eu acho que eu falhei... Olhando esse passado não posso ter orgulho, tudo que eu trouxe foi mais guerras e destruição no fim de tudo, tristeza e ganância neste mundo, comparado com o que o sábio disse eu seria, eu fui insignificante mesmo que eu fizesse diferente...

Kaguya: Papai — ela derramava lágrimas...

Príncipe: O que está dizendo?? Você é o orgulho do clã...

Ele então se agachava e se aproximava junto de sua mulher, ele colocava a mão em suas cabeças e dizia...

Rei: Eu apenas desejo que vocês tenham um futuro próspero e recheado de paz!!!

Rei: Filha... Você será o nosso futuro, você tem um enorme coração que confortará enormes pessoas, você vai trazer a paz para esse mundo cheio de guerras e dor, mas não se engane, não será fácil!! Você ainda tropeçará, sofrerá e irá amargurar por um tempo, mas a paz logo vira pra você e você guiará o ciclo novamente!!! Como um legado interminável, essa é a verdadeira eternidade e o fruto colhido será a paz!!!

Filho, assim como sua irmã você carrega um enorme poder e orgulho consigo, assim como eu fui um dia!! Tenho orgulho de se tornar tão forte cedo, carregando o nome do clã com seu orgulho inquebrável, mas ainda precisa amadurecer... o
O poder não é tudo e a ganância e o orgulho em demasia, poderá afundar você nas ruínas da solidão e amargura, trilhando em um caminho de dor e escuridão... Lembre-se disso e ajude sua irmã a construir um futuro melhor...

Rei: Guardião!!!! Leve os para longe daqui, você ficará encarregado de cuidar deles...

Kaguya: Papai, Mamãe!!

Príncipe: ...

Kaguya: Veremos vocês novamente???

Rei/ Rainha: ...

Rei: Algum dia...

Rainha: Eu e seu pai voltaremos para buscarem vocês...

Kaguya: Papai, mamãe... — ela derramava lágrimas, pois sentia que aquela seria a ultima vez...

Seus pais o abraçam e dão um beijo na testa de cada um, aquilo seria um adeus...

Guardas: O METEORO ESTÁ SE APROXIMANDO!! O CONSELHEIRO ESTÁ MORTO, HOMENS JÁ FORAM DÍZIMADOS... INCLUSIVE A CRIANÇA...

Rei: Então ele também se foi... Perdão me perdoe, não fui capaz de te proteger também... — ele olhava pro céu...

Kaguya: (Ele também...o general...) — ela fechava os olhos em lástima

Rei: É hora de tomarmos a frente juntos... — ela sorria...

O guardião os pegava, enquanto o rei usava seu doujutusu para abrir um portal que daria saida a eles em outro lugar...

Príncipe: Espera, eu não vou deixar nosso povo cair em destruição!!! Eu sou o herdeiro, eu não vou deixaaaaarrr... — ele chorava...

Kaguya: — (lágrimas e mais lágrimas...)

O Rei e a Rainha se aproximavam pondo as mãos nos rostos de Kaguya e do príncipe... Logo assentindo para o guardião...

Rei: Adeus, filhos...

Rainha: Adeus!! (*sorria*)

O Guardião então pegava os dois e entrava no portal de vez em direção da salvação, enquanto seus pais ficavam apenas observando suas idas sem voltas...

Kaguya: MAMÃE!!! PAPAI!!!

Príncipe: MAMÃE!!! PAPAIII, ME SOLTA!!! ME SOLLLLLTA!!!! (*desaparecia, entrando no portal*)

Trevas e raios agora cobriam o mundo, era o final de tudo!! Uma meteoro estava na direção do planeta e vinha pulverizando tudo. O seu destino? Se chocar com o planeta Sinju causando sua destruíção. Parte da população já estava morta, aniquilados por estacas e também mortas pelos clones negros, e restavam apenas uma pequena quantidade de vivos, então o rei e a rainha decidiram escolher seu destino de uma vez por todas...

Um homem pairava sobre o planeta, avistado pelos dois, estava encapuzado e tinha uma aura mortal...

Rei: Aquele é o homem no qual invadiu meus sonhos ontem...

Rainha: Não há tempo para lamentarmos... — ela dava mão a seu amor e sorria...

Rei: Eu não deixarei que interfira no nosso legado!! — ele direcionava suas palavras ao homem...

???: Seus sonhos fracos deixarão de existir a partir de hoje!!

Rainha: Está errado, nossos sonhos viverão no corações de nosso filhos e de todos que acreditarem na paz!!!

Rei: Não deixaremos mais ninguém morrer!!

???: Não importa pra mim!! E também não importas quantos tenham que morrer, pra cumprir meus ideais!

???: Com o fruto darei a este universo uma realidade de sonhos sem fim, onde nada de ruim vai existir, sem mortes, sem destruição, sem mágoas e rancor... Através das minhas mãos...

???: Fracos como vocês nunca saberão o que é isso, o mundo inteiro terá a verdadeira paz que tanto almejou e um verdadeiro líder...

Rei: ...

???: Nínguem vai sofrer mais o que sofri —  ele extendia o braço e o meteoro que se expandia nível colossal...

???: Este mundo... Está realidade...

???: Isso vai ser... um paraíso!!!

O meteoro agora ía em velocidade maxima...

Rei: Agora!!!!!!!!!!!

Rainha: Vamos!!!

Os dois extendiam os braços. O rei usava seu doujutsu para poder diminuir o tamanho do meteoro, enquanto a rainha usava seu outro doujtusu para cobrir a área do planeta para tentar impedir que o impacto destruísse tudo...

...

Príncipe: Olha... O meteoro vai se chocar.... Eu não posso...

Kaguya: (*fechou os olhos*)

...

Moradores: É o fim...

Homens: Isso é um poder de um Deus?

Guardas: ....

Rei: Não É HORA DE VOLTAR ATRÁS!! NOSSO CLÃ É UM SÓ!! É HORA DE DEIXAR O EGO E AS DIFERENÇAS DE LADO,  CADA UM DE VOCÊ É PAZ!! CADA UM DE VOCÊS SIGNIFICA ESPERANÇAAAA!!

Todos: Uh...

Rei: Vamos nos unir, agora... Nosso futuro será... PRÓSPERO, ESTE É O NOSSO VERDADEIRO PODER!!

Naquele momento o coração dos moradores se encheram de esperança, e todos sem exeção, se uniam independente de classe ou poder, apenas unidos pela paz!!

Todos: (*gritos de fúria*) — Eles usavam todos seus poderes contra aquule destino cruel...

Todos: Nós viveremos!!!

Mesmo que a destruição fosse certa eles lutaram até o fim...

O poder só aumentava, mas suas perseveranças só aumentavam

???: É inútil!!

Rei: Não para!! É um poder muito forte, nós não vamos conseguir... 

Rainha: O que faremos? 

Rei: Rápido, invoque a estátua sagrada... — na mesma hora sua mulher invocava a estátua sagrada, nela seria armazena uma mensagem que só seria direcionada para a pessoa no qual ele grava o nome, nela iria conter todos os segredos e mensagens do clã...

O meteoro agora consumia tudo e já não teria como pará-lo, era o final de seus destinos...

Rei: Pai... Me perdoe....

Rainha: ...

Rei: Minha vida foram apenas falhas e fracassos... Não pude salvar a mulher que amo, não pude salvar nosso povo, não pude salvar a criança... — ele abaixava já a cabeça, sua roupa manchada de sangue enquanto se preparava para escrever...

Rei: (A profecia estava errada?) —  ele olhava para frente com um olhar sem vida e cheio de arrependimentos...

Rei: NÃO!!! — de alguma forma no final de sua vida, ele teve a esperança que nunca tivera

Rainha: (*lágrimas*)

Rei: MINHA MORTE NÃO SERÁ DE UM DERROTADO QUALQUER!! NO FIM, EU VOU DEIXAR VIVO A PROFECIA, NESTA ESTÁTUA SAGRADA!!!! —  ele anotava a mensagem sagrada destinada a seus filhos...

Rei: VOU MORRER COMO UM HOMEM QUE VAI MANTEU O CICLO VIVO E QUE FINALMENTE  CUMPRIU O SEU LEGADO!!

Ranha: Esse é o nosso destino... (*Lágrimas e um belo sorriso em seu rosto*)

No fim de suas vidas, eles perceberam a suas verdadeiras essências, mostrando perseverança e orgulho, mesmo no fim, eles descobriram o que deveriam fazer...

Rei: Amor me desculpe, mas não chore por mim, eu não mereço e nem aceito!!!

Rei: Ei Homem!!! Se a paz não existe, eu vou ser a ponte para cria-la, porquê a esperança da paz nunca vai morrer enquanto tiverem pessoas para nela acreditar!!!! — ele dava a mão a sua esposa

*Kaguya: "As estrelas do céu me guiarão, eu tenho certeza... e quando o fruto desabrochar, o futuro será mais lindo do que nunca... Eu vou trazer a paz!!"

O meteoro finalmente se choca, e graças ao sacrificou de sua mulher, eles conseguem transferir o impacto pra si, evitando que mais pessoas fossem mortas embora grande parte ainda tenham morrido no impacto, afinal o clã estava em ruínas, mas antes que pudessem morrer, o rei teleportava a estátua para outra dimensão onde só pessoas com a linhagem sanguínea deles poderiam acessar...

Rei: Agora sim!! — ele e sua esposa já de mãos dadas deixam suas lágrimas escorrerem e encontram a paz...

...

Kaguya/príncipe: MAMÃEEE, PAPAIIIIIII!!

(*Meteoro se choca*)

(*Explosão gigantesca*)

Kaguya estava de costas, e um forte impacto do Meteoro foi em direção deles, fazendo ela se separar e abrir um buraco negro...

Guardião: Droga!!! Me sua mão princesa, RÁPIDO!!

A ventania impedia que o homem conseguisse a pegar, ela apenas agarrou o fruto...

...

Já no planeta, uma forte luz apareceu e mostrou o rosto do homem que trouxera a destruição de todos...

Rei: Então foi realmente você?? — sua esposa já estava morta e ele ainda estava vangando sobre o impacto...

Rei: Querida nossas criança...

Rei: Filha, Filho... Me perdoem eu não poderei voltar pra buscá-los...

Rei: Irônico eu poder ver meu futuro e ainda sim morrer!! Talvez por quê o destino não se vê, mas se escolhe... A paz nunca vai acabar, pessoas vão extender esse legado no futuro, este é o real destino que enxerguei agora...

(*Visualiza imagem de Kaguya adulta*)

Rei: A paz, eu posso finalmente descansar feliz...

Rei: Adeus... Povo, mulher e meus queridos filhos... — ele abria um sorriso, enquanto fechava seus olhos!!

O impacto consumiu O rei e a rainha, levando o fim de suas vidas, mas não o fim de seus legados!! Dentro dos ciclos sua paz e ensinamentos viverian eternamente entre gerações e gerações... Aquele foi o caminho que o destino traçou...

Enquanto isso...

Kaguya: O que está...acontecendo? — a ventania o abatia...

O impacto a fez um grande dano, e a ventania cessou, seu irmão acabou indo embora com o Guardião enquanto Kaguya era absorvida pelo portal do buraco negro sendo levada a outra galáxia...

Príncipe: NÃO!!! — ele sumiu através do portal...

Kaguya foi deixada em outra galáxia enquanto vagava desacordada e crescendo sem ver o seu destino... Até que ela caiu em um lugar...

7 anos depois...

Kaguya ainda vagava, abraçada com seu fruto há espera do destino, até que ele desabrochou como uma flor e envolveu Kaguya, liberando seu poder já remanescente dentro de si, já que ela estava destinada aquele poder divino!! Então já jovem, ela vai em alta velocidade, o  suficiente pra chegar próximo e  caír em direção da Terra, um planeta ainda menor que seu natal, mas tão forte quanto, e talvez naquele lindo lugar depois de tanto tempo ela encontraria sua tão almejada paz...

"*Tenji/Naruto: Eu também almejo a paz!! Assim como você Kaguya...

Kaguya: Todas as amarguras... Tiveram um propósito e o pai no fim estava certo !!

Kaguya: Isto é tudo que me lembro Naruto, eu e meu irmão nos separamos, mas o destino que meu pai projetou há séculos atrás... Ainda está de pé...

Naruto: Então esse é o significado do céu para você? De você estar sempre esperando por eles...— ele observava o lindo luar e o céu estrelado!!

Kaguya: Eu olho para o céu estrelado em memória a Renshiki e ao que se foram na guerra, e também fico sentada, esperando meus pais virem até mim, mesmo que sinta que um eles não virão mais... — ela observava o céu

Naruto: ... — ele sabia que eles não voltariam nunca mais...

Naruto: Kaguya-chan — ela a abraçou de lado, ela havia se corado, mas também se sentiu acolhida e confortável...

Naruto: Você é a mulher mais forte que eu já vi...

Kaguya apenas olhou...

Naruto: Não é sobre poder que eu falo!!

Naruto: Eu estarei contigo pra sempre... Tá vendo aquelas duas estrelas coladas... — ele apontava...

Kaguya: Sim...

Naruto: Somos nós, é eu e você!! Nosso amor é o céu, e nós somos as estrelas, e eternamente nós estaremos juntos, tô certo!! — dizia olhando pra estrela enquanto Kaguya derramava lágrimas e sorria reconfortada...

Naruto: Eu te amo!! — ele se virava

Kaguya: Eu também te amo... — ela também

Eles davam as mãos, enxergavam seus futuros, finalmente Naruto entendeu a verdadeira importância do passado e Kaguya a verdadeira importância do futuro, pois estes estavam conectados assim como ela e Naruto!

Kaguya: Naruto...kun!! — ela abria um sorriso enquanto o puxa para um abraço...

Então eles ficaram juntos como duas estrelas no céu, sendo reconfortados um pelo outro, levando sua vida como um paraíso e buscando a paz mais do que nunca!!

Estava selado o seus verdadeiros destinos...

Continua...






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...