1. Spirit Fanfics >
  2. Perdidos no Triângulo das Bermudas - Mitw >
  3. 15 - A prova da coragem

História Perdidos no Triângulo das Bermudas - Mitw - Capítulo 15


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 15 - 15 - A prova da coragem


Fanfic / Fanfiction Perdidos no Triângulo das Bermudas - Mitw - Capítulo 15 - 15 - A prova da coragem

Pov.Mike 

12:35 da tarde 

Estava com Pac sentado no meu colo, estava fazendo carinho em sua cabeça, ouço alguém entrando na caverna olho para frente e era Pk e Calango

Eu - Oi gente beleza? - olho o pescoço de Calango e estava todo marcado - uhmmmmm safados 

Pk - Cala a boca 

Felps - Gente, o Cellbit não está com vocês? 

Calango - Não, achei que ele estaria dormindo ainda, a gente não viu ele saindo daqui não - vejo a feição de Felps mudar para preocupado - por que? quando ele saiu?

Cauê - de manhã, eu havia acordado com ele saindo, foi tipo, um pouco depois de vocês 

Felps - eu vou procurar ele - vejo ele se levantar 

Eu - tem certeza? 

Felps - sim - vejo ele saindo da caverna com passos firmes 

-Quebra do Tempo-

15:48 da tarde 

Felps acabou voltando depois de horas olhando para nós cansado e ofegante 

Felps - eu não achei ele, merda - vejo ele socar a parede 

Pac - devemos procurá-lo, por que ele iria ficar tanto tempo fora?? deve ter acontecido algo - vejo Felps imediatamente me olhar de determinação - vamos agora, peguem o que precisarem - a gente se levanta pegando tudo que precisava, Felps, Pk e Pac carregavam uma adaga, enquanto eu, Cauê, Authentic, Jv lanterna, e Calango carregava uma corda - vamos andar todos juntos, se um a mais sumir já era - saímos dali indo em uma direção apenas, todos juntos e atentos, mesmo que ainda esteja de dia, eu segurava a mão de Pac para não poder perdê-lo de vista 

Eu - então, da onde vcs tiraram a adaga? 

Pac - uhm? ah, isso é meio que costume de família, carregar uma adaga de herança de algum antepassado nosso 

Eu - entendo, espero que nunca me mate 

Pac - engraçadinho - continuamos andando por mais um tempo até que Felps para do nada indo para um canto específico se abaixando 

Cauê - o que foi? - Felps pega algo e fica quieto por um tempo

Felps - o galho tá quebrado

Cauê - tá mas e daí? 

Felps - a questão é, esse quebrado é recente

Eu - caramba como sabe disso? 

Felps - eu fiquei anos no exército, me expecialisei em muitas coisas, e eu sei ver isso pelo fato de o galho estar meio úmido, e acontece que não choveu, quando você acaba pisando, dependendo do galho ou árvore acaba contendo bastante água, quando pisou nisso provavelmente liberou um pouco da água, Calango, Pk, vocês passaram por aqui? 

Calango - não

Felps - estava nessa posição, então... ele foi pra lá, vem vamos - a gente acaba seguindo ele, esse caminho me era familiar 

Pov.Pac 

Eu continuava seguindo Felps quando a gente encontra uma bifurcação na trilha de dois caminhos 

Authentic - para onde ele foi será? - ficamos olhando por um tempo até eu ver uma moça na trilha esquerda, é a mesma que encontrei na casa destroçada outro dia, logo ela acaba sumindo 

Eu - é para lá - aponto na direção esquerda 

Jv - como você sabe? - estranho justo o Jv perguntar isso junto rápido

Eu - apenas me sigam, eu tenho certeza, venham - começo a andar com o paço apertado, fico uns minutos andando até não sentir o chão quase caindo em um buraco, por sorte Mike me segurou 

Pk - que merda é essa? - fico encarando e parecia familiar aquilo 

Eu - vamos lá - desço com cuidado o buraco, e lá levava para uma caverna, olho para frente e não enxergava nada - me joguem uma lanterna - acabo pegando uma lanterna que jogaram para mim e acendo ela mirando para frente, caio de joelhos não acreditando, era a porta que eu acabei sonhando, do mesmo jeito que estava - desçam rápido!!! - todos acabam descendo e Mike vem correndo até mim 

Mike - o que ouve? 

Eu - essa porta, é a mesma do meu sonho, está do mesmo jeito, eles devem estar aqui - avançamos para a porta e percebo que estava meio aberta - eu vou sozinho 

Felps - não, nem pensar! está louco? você pode morrer ali ou se perder 

Eu - no sonho eu vi coisas horríveis acontecendo, não quero ninguém entrando comigo 

Cauê - a gente vai junto com você, queremos nem saber do que você sonhou 

Eu - mas-

Mike - ele tá certo, mesmo que aconteça algo ruim com a gente, iremos com você - ele segura minha mão com firmeza e acaba por me olhar firmemente, concordo com ele - vamos - olho pra porta segurando a maçaneta a abrindo devagar encarando um lugar escuro, acendo a lanterna que me deram e vejo um caminho reto 

Eu - é agora

Pov.Jv 

Eles são louco 

Eu - Mike, não devemos entrar, to com uma sensação péssima - falo baixo para ele ouvir 

Mike - deixa disso e anda logo, e não vai ser qualquer comentário seu que vai me impedir de entrar aqui - ele vira as costas para mim entrando logo em seguida 

Eu - droga 

Pov.Pac 

Eu estava atendo segurando minha adaga, a gente acabou fazendo o seguinte, quem estava com a lanterna vai na frente, o Calango que estava com a corda vai no meio, e quem está com a adaga vai atrás, desde que continuemos andando sempre em frente vai ser fácil achar algo, havia uma trilha de sangue no chão e isso não era nada bom 

Authentic - uma bifurcação - falei cedo demais - não é só isso, a trilha de sangue termina aqui - ficando muito tempo olhando os dois lados que havia ali - vamos ter que nos separar 

Pk - isso era o que não deveríamos fazer 

Cauê - se não fizermos isso podemos demorar mais tempo pra achar os dois - a gente ficou de entre olhando por um bom tempo 

Eu - vamos dividir em dois grupos 

Mike - Authentic, Cauê, eu e Pac vamos na direita 

Pk - eu, Calango, Jv e Felps vamos na esquerda 

Eu - se acharem os dois ou um, voltem para cá, a mesma coisa com a gente, vai ser nosso ponto de encontro aqui 

Felps - certo - a gente se separa em grupo - a gente se vê, boa sorte 

Eu - boa sorte - agora estávamos em uma situação complicada demais, torcer para não encontrarmos mais nenhuma bifurcação 

Pov.Felps

Estávamos andando por aquela área por minutos, já estava cansando, até que encontramos mais uma bifurcação 

Eu - a não, tá de brincadeira - ficamos olhando por um tempo e decidi - eu e Jv vamos na direita, Pk e Calango, vocês vão na esquerda - eles concordam - vamos Jv.... Jv? - olho para trás e não vejo mais ele, apenas a sua lanterna no chão, pego ela

Pk - cadê ele??

Eu - sinto que ele esta metido nisso, vamo deixar isso de lado, só vamos seguir em frente, vou sozinho 

Calango - tem certeza? 

Eu - sim, nada vai me impedir de achar os dois - seguro com firmeza minha adaga, a gente se vê - saio dali entrando no túnel direito Tenho que achar eles logo, o sumiço de Jv está me causando um mal pressentimento




Continua....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...