História Perfect - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 9
Palavras 1.815
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Ela é diferente


Fanfic / Fanfiction Perfect - Capítulo 2 - Ela é diferente

Jeon jungkook

- Agora sabemos o porque esse povo estava estranho - Hope diz olhando a garota que estava sendo o assunto do dia. Revirei os olhos, como é que ela pode ser tão popular assim em menos de um dia? - Ela é bem mais bonita pessoalmente. - ele diz fazendo que eu o olhasse de jeito estranho

- Concordo - Suga diz a olhando sério - Estrangeiras tem um toque a mais, só delas.

- Desde quando acompanham essa menina? - eles me olharam indiferente, ignoraram a pergunta e voltaram a olhar pra ela

- Foi estranho aquilo - Suga chama nossa atenção e continua - Achei que ela ia ocupar seu lugar e empinar o nariz como uma patricinha original. Ela é diferente.

- "Diferente" como? - perguntei

- Sei lá, só é diferente do que imaginam - ele diz e pega seu celular. Virou mestre dos magos agora? Deixa uma frase misteriosa no ar.

Estávamos apenas esperando o sinal para sairmos pra intervalo. Obviamente _______ sentaria com os populares, ela já nasceu nesse grupo social. As garotas famosinhas aumentaram seus cochichos e nem seuquer disfarçavam que era sobre a novata. Certeza que iriam querer que a garota andasse com elas pelos corredores e sentassr na mesa dos populares. Em troca de que? Um pouco de fama a mais, talvez.
O sinal tocou e todos saem pela porta como animais com fome, correndo e se empurrando. Chegamos na cantina onde todos já estavam em suas devidas mesas, sentei na nossa e esperei os caras que foram comprar algo para matar a fome. Suga logo chegou e sentou de frente comigo reclamando do Hoseok me fazendo rir.

- Saco sem fundo, não para de comer  - realmente Hope comia muito mesmo, sua desculpa era que ele gastava muita energia em suas aulas de dança então tinha que comer muito, pra mim ele era magro de ruim.

- Me deixa, Suga - Hope senta do seu lado colocando a bandeja na mesa.

Nossa atenção se dirigiu até a porta da cantina onde entrara a novata, logo escutamos gritos histéricos chamando seu nome e alguns elogios bestas. A mesma ignorava a todos, portanto eu sabia que Sunmi não a deixaria quieta até te-la em seu "grupinho das poderosas". Dito e feito, a menina se levantou e andou até  _______ com um sorriso ridiculamente falso, a estrangeira estava no celular mas ao notar a outra se aproximando dirigiu seu olhar a mesma, e pude notar que ______ era um pouco mais alta. Sunmi a abraçou fazendo ela ficar sem reação, mas pra não ser sem educação devolveu o comprimento.
Vi ela falando algo pra morena sorrindo e puxando-a em direção a mesa dos mais populares, ______ parou e puxou o braço delicadamente. Notei ela sorrir sem graça e sair andando após falar algo, fazendo Sunmi ficar vermelha de raiva. Ela havia negado? Como assim? Olhei para os meninos e eles estavam com a mesma cara que a minha, surpresos ainda mais com ela. Olhamos para novamente e ela se sentou em uma mesa vazia e voltou a mexer no celular.

- Jungkook - Hope me chamou mas não tirava os olhos dela, ele estava com os olhos arregalados - Ela ta na mesa dos...

Olhei de novo e entendi oque ele estava dizendo, naquela mesa sentava os caras mais problemáticos da escola, faziam parte dos neutros mas não se importavam com nada, com certeza fariam alguma maldade com ela se a vissem. Ouvi a porta da cantina ser aberta e lá estavam eles, distraídos conversando, todos olhavam para ela sem dizer nada e também não faziam absolutamente nada. Sunmi a olhava sorrindo maldosa, sabia que ela se ferraria. 


Levantei rapidamente e corri em direção a morena, a puxei pelo braço fazendo-a levantar quase caindo, ela me olhou sem entender mas me seguiu em silêncio. A larguei e sentei na minha mesa olhando os caras sentarem na mesa deles a olhando com cara feia, mas parecia que haviam ignorado isso.
Ela sentou na nossa mesa e nós três a olhamos estranho, por que ela sentou aqui? Ela nem pediu pra sentar, não teve aulas de modos princesa?

- O que foi? - ela nos olhou - Não posso sentar aqui também?

- Pode - Hope responde simpático e ela sorri pra ele, o encarei e ele me ignorou. 

Ela olhou em volta meio inqueita e respirou fundo depois de ver que muitos olhavam pra nossa mesa, Sunmi principalmente, nos olhava com um certo ódio no olhar. Sussurrou um "desculpa" e eu fiquei sem entender, olhei pros caras na minha frente vendo eles confusos também.

- Estão todos olhando pra vocês com olhares estranhos - explicou e eu olhei em volta, a maioria nos olhava como ela tinha dito,  eu fiquei meio incomodado com isso, não estava acostumado a ter tanta gente a me olhar.

- De boa - Suga diz calmo, ele realmente não ligava para oque os outros falavam dele. Ele apenas a olhava meio...curioso?

- Meu nome vocês já sabem. Mas eu não conheço vocês... - ela se endireita deixando o celular jogado na mesa, olhei para o objeto e arregalei ao ver que era um Iphone X. Fechei a cara na hora, metida.

- Jung Hoseok, mas pode me chamar de J-Hope ou como você quiser - ele estica a mão e a comprimenta sorrindo alegremente

- Sou Min Yoongi, ou também Suga - ele diz e faz um aceno com a cabeça para a ela que sorri ao ouvir seu apelido - Nem pergunta - ela acente e me olha.

- Você é o Jungkook, certo? - ela estica a mão e eu a comprimento para não ser mal educado, mas não melhorei a cara feia.

- Jeon Jungook - não direi meu apelido a essa patricinha, nem que me obriguem, não confio a ponto de dar essa intimidade a ela.

- O seu coreano é muito bom, nem parece que tem sotaque. - Suga elogia e ela agradece

- Fiz aula de coreano por uns anos, comecei quando escutei uma conversa de meus pais sobre vir pra cá. - ela diz, mas não senti firmeza em sua fala - Qual o problema dessa escola?

- Oh - Hope ri alto pelo jeito que ela se referiu a tudo e a mais nova olha sem entender

Suga passou um bom tempo explicando tudo detalhadamente sobre os grupos sociais, dizendo que ela teria que entrar em algum grupo, disse como era escola e como os alunos agiam, ela achou tudo ridículo criticando tudo, fazendo os hyungs rirem. Eu passei esse tempo todo mexendo no celular e ignorando o fato de ela estar ali fazendo geral olhar pra gente. O sinal tocou e eu não fiquei nada feliz por terem gasto nosso intervalo com essa garota. Nos levantamos e ela se desculpou novamente saindo de perto de nós andando na frente até a sala.
Eu era terrível no quesito disfarçar então estava estampado na minha cara "Estou puto da vida com vocês, seus otários", eles não falaram nada apenas riram.


Nunca vi esse mercado mais tedioso como hoje, apenas uma senhora veio até aqui para comprar algumas coisas e falar que eu era parecido com minha mãe. Eu ficava sentado no caixa olhando o relógio a cada dois minutos, o tempo parecia não passar, ainda eram três da tarde e eu só saio as seis. Eu trajava o uniforme que era uma camisa azul claro com "Jeon's" escrito pequeno no peito na cor preta em letra cursiva, trajava a calça jeans preta e um all star velho vermelho. Brincava com a caneta azul como se fosse a coisa mais impressionante do mundo, ja tinha gastado umas folhas desenhando coisas aleatórias e agora só girava a caneta pra lá e pra cá. Ouvi o sininho da porta mostrando algum cliente, olhei de relance e vi a pessoa ir passar pelos corredores e ir até os freezers pegando algo. Ignorei e continuei a mexer na caneta com o dedo.

- Essa caneta parece bem divertida - ouvi uma voz feminina e me surpreendi ao ver ela ali sorrindo e segurando um suco de laranja de garrafinha. Ela trajava um short curto azul escuro, uma camiseta de alguma banda não tão comprida, quase tampando o short e calçava um all star vermelho velho igual ao meu.

- Achei que tivesse empregadas pra comprar sucos pra você. - sorri a encarando de braços cruzados vendo ela rir 

- Elas não sabem qual suco que eu gosto - ela mostrou a garrafinha de uma marca qualquer - Também não sabem onde achar desses, não são vendidos em mercados grandes. São os meus preferidos.

- Entendi - peguei o suco e passei na máquina, por dentro eu estava curioso sobre essa garota. Acho que Suga hyung tinha razão sobre ela. - Só vai levar isso? - a olhei depois de colocar a garrafa em um sacolinha azul.

- Também quero um chiquele de morango com amora - ela aponta pra caixinha que estava ao meu lado cheia deles - Acho que achei meu supermercado favorito. - não deixei de sorrir ao ouvir aquilo, peguei um deles e passei na máquina e coloquei na sacolinha.

- Deu 12 wons - entreguei a sacolinha e ela tirou o dinheiro do bolso me pagando - Você veio a pé ou com seu motorista particular na sua limosine chique ? - disse fazendo uma voz engraçada a fazendo rir mais, sua risada era gostosa e contagiante me fazendo rir também

- Você é engraçado, Jungkook - ela me olhou se acalmando - Eu vim a pé,  estava andando por ai conhecendo o bairro, ai vi uma loja escrito "Jeon's", quis entrar pra matar minha curiosidade

- Não tem medo de paparazzis, não? - ela me olhou como se eu tivesse falado merda

- Você tem mesmo essa visão de mim? - a olhei sem entender e ela revirou os olhos - Deixa quieto. Eu despistei todos os paparazzi, antes de vir aqui. - ela disse séria mas num certo tom de ironia

- Me desculpa, eu falei... - ela balançou a cabeça negando

- Não se preocupe. - ela olhou pra sacola em suas mãos e depois pra mim - Melhor eu ir indo. Tchau - ela não sabia oque fazer então só fez um aceno e foi em direção a porta. - A propósito, gostei dos tênis - ela disse e saiu.

Aish. Eu sabia que tinha falado merda, eu nunca fui que nem os outros mas estava sendo, a julgando sem a conhecer. Eu sou um idiota. Hoje ela estava tão diferente das fotos que postava, nem parecia ser aquela garota que estava estampada em inúmeras revistas com o título de "garota perfeita", mas não era ela mesma. Hoje eu pude ver uma parte dela que poucos já viram, uma garota normal.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...