História Perfect Imperfections - ChanRin - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Do Kyung-soo (D.O), Kim Jong-dae (Chen), Kim Jong-in (Kai), Kim Jun-myeon (Suho), Kim Min-seok (Xiumin), Oh Se-hun (Sehun), Park Chan-yeol (Chanyeol), Personagens Originais, Zhang Yixing (Lay)
Tags Chanrin, Chanyeol, Exo
Visualizações 8
Palavras 1.621
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Ficção, Fluffy, Hentai, Literatura Feminina, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


"Ain Ninna, uma foto de capa com o Xiumin? Mas ele não tá no exército nesse momento da história?!" Sim, mas olha a carinha do Baozi, fiquei com pena de cortar ;-;

Annyeong my people!! #SeElly tá perto, UHULLL!!!!

Este capítulo é um prólogo da história. @MonbebeOnce, espero que goste muito desse presente feito com muito carinho ❤

Bon apetit e nos vemos nas notas finais com o link da spinoff #SeElly!

Capítulo 24 - Elly assanhada


Fanfic / Fanfiction Perfect Imperfections - ChanRin - Capítulo 24 - Elly assanhada

__A senhora vai ver, mãe. O lugar é lindo demais!

__Pelas fotos de vocês, com certeza é lindo.
__E com certeza vai ficar babando pelos meninos. - Sorrio maliciosa.
__Claro! Tanto homem bonito assim perto de mim, acha mesmo que eu vou me fazer de santa?! - Rimos alto, e Chanyeol riu mais ainda.
__Fazer o quê, somos lindos mesmo!
__Então, não tem aquele ali dirigindo o carro? - Apontei para Chanyeol. - Ele é o que se acha mais, se pudesse, namorava o espelho.
__Mas como não posso, namoro uma brasileira engraçada e baixinha que me faz bem mais feliz do que o espelho! - Pegou minha mão e deu um beijo rápido, acariciando-a ainda de olho na estrada.
__Mas então, Chanyeol... quando que você vai pedir a minha filha em casamento?
__MÃE! - Na mesma hora, Kai acordou assustado, e Baekhyun apenas ria da situação do parceiro. - Desculpa, Nini!

Ele apenas me olhava ainda processando aquele apelido, até que sorriu.

__Não, tudo bem. Já estava na hora de acordar mesmo. Falta quanto, Hyung?
__Só mais dez minutos. Pode continuar, sogrinha.
__Audrey já tem dezoito anos, você tem um bom emprego, ama ela, ela te ama, o que falta pra vocês se juntarem?
__É bem mais complicado que isso, pois por mim eu casava com ela hoje mesmo.
__Entendi... tomara que descomplique logo.
__Eu também, sogrinha... eu também.

(...)

__Chegamos! - Anunciei em coreano e saíram, maravilhados com a natureza. - Lindo, não?
__Bastante!
__Estávamos pensando em ir para o lago aqui perto, que tal?
__Boa ideia! Aqui é realmente quente! - Disse Chen abanando-se com a mão.
__Querem café ou algo do tipo? - Perguntou minha mãe e eu traduzo em coreano.
__Acho que um café está ótimo. - Respondeu Lay.
__Como se diz "bolo" em português? - Perguntou Baekhyun e eu respondo. - BOLO! - A fluência daquela palavra me deixou de queixo caído.
__Parece que mais alguém aqui tem vocação para português!
__Mas em compensação o inglês é ruim. - Complemento sarcasticamente.
__Amor, limpa o canto da sua boca. - Disse Chanyeol, apontando para a própria boca.
__Por que?
__O veneno está escorrendo!
__Ainda tem muito mais para ser liberado, baby! - Pisco para ele e os meninos começam a rir alto.

(...)

Engraçado como minha mãe cativou os meninos a ponto de eles estarem se esforçando para aprender algumas palavras em português apenas para conversarem melhor. Advinha quem foi rebaixada a professora?

__Não, Sehun. Tente colocar menos ênfase nesse "o" .
__O-obr-igado. Melhorou, Noona?
__Bastante, agora tente mais rápido.
__Obrigado.
__Perfeito!
__Português é difícil, aigoo!
__Eu avisei. Agora você, Suho.
__Amor, vamos naquele lago antes que eu jogue o Chen lá dentro. - Disse Chanyeol entrando na sala.
__Eu não vou poder tomar banho.
__Você fica apenas no balanço.
__Sério Noona, o lugar é lindo demais! A água é bem cristalina, e na beira nós podemos fazer um piquenique! Anda, vamos! Vai ser divertido!
__Eu vou perguntar pra minha mãe se ela vai, ok? Enquanto isso vocês trocam de roupa. - Todos correram para cima como crianças, animados, e eu fui para a sala onde a mais velha fumava seu cigarro e tomava café.
__Qual o motivo dessa alegria toda?
__Tem um lago perto daqui e os meninos querem ir. Você vai?
__E perder a chance de ver eles sem camisa? Claro que não!
__Eu conheço esse sorriso... nem adianta, a senhora não vai nadar pelada com eles!
__Estraga prazeres... - Fez bico e deu uma última tragada no cigarro, o apagando no cinzeiro. - Eu vou, mas antes preciso ver se o bolo está pronto. Baekhyun come demais!
__O Nini também.
__"Nini" é? Parece nome de cachorro de madame! - Rimos de sua afirmação. - Tá pronto, eu vou só cortar e colocar em um pote.
__Ok.
__Espera, você tá menstruada, então não vai poder entrar na água.
__Ah se a senhora soubesse o que já rolou na água... - Fez cara de nojo.
__Já tomei minha decisão: naquela piscina eu não ponho os pés. Mas... e aí, foi bom?
__Foi ótimo!
__Esse meu genro tá te transformando em uma tarada! Mas eu te entendo, não existe coisa melhor no mundo que comer, dormir e transar!
__Filosofando sempre! - Rimos mais alto ainda.

(...)

__OLHA A BOMBA! - Gritou Chanyeol pulando na água, espirrando água em mim.
__Desgraça!
__Te deixei molhada, meu amor? - Começaram a rir, pulando um por um no lindo lago, e eu infelizmente virei expectadora ao lado de minha mãezinha, que faltava babar nos meninos.
__Tem como melhorar mais essa visão? - Perguntei para mim mesma.
__Tem, se eles ficassem pelados.
__Meu Deus, mãe! E depois eu que sou a tarada!
__Olha lá, o Sehun tirando a camisa... - Apontou para o único que estava apenas de sunga. - Misericórdia, que gostoso! - Sehun percebeu meus olhares e eu desviei para a minha mãe. - Ih, minha filha... não queira ver a cara do Chanyeol agora! Tá vindo pra cá, disfarça. - Olhei para frente. Chanyeol molhado já é sexy, imagine com cara de bravo e colocando o cabelo para trás... - O que houve, genro?
__Nada demais, sogrinha... só vim ver como a minha princesa está.

Ouvi o celular de Sehun tocar, e ele saiu para atender, porém franziu o cenho. Escutei alguns gritos que eu conhecia muito bem. Elly, ligando pro Sehun? Corri até ele e percebi que o celular em questão era o meu.

__O que eu fiz pra você ter me tratado tão mal?
__Ne! (Sim) - Pelas risadas e a língua presa, posso apostar que ela está bêbada.
__Você me acha com cara de idiota, não é mesmo?
__Ne!
__Me dá o celular, Sehun.
__Não! Eu preciso de uma resposta, Noona!
__Ela não vai te dar resposta alguma nesse estado. - Me entregou o celular e saiu pisando forte até as roupas, visivelmente com raiva.
__O que houve, Noona? - Perguntou Suho preocupado.
__Alguns problemas que eu vou resolver em breve.
__Como você diz, minha amiga, Oh "lá em casa" Sehun!
__Menina, que merda tu fez?! Sehun tá super chateado contigo!
__Ahn? O que ele disse?
__Tu tá bêbada?
__Um pouquinho assim! - Indicou um pouco com os dedos, e pelo sorriso estava bem alterada.
__Ele perguntou o que ele tinha feito pra tu tratar ele tão mal e depois... perguntou se ele tem cara de idiota, cê responseu que sim, mulher!

Deu um pulo na cadeira, pensando um pouco.

__É como diz aquele velho ditado: eita! - Começou a rir feito uma gralha com dor de barriga, e eu continuei olhando pra ela com decepção. - O que tu quer que eu faça?! Ele que foi chato!
__Ai caramba, o que eu não faço por ti...? - Desliguei e saí correndo atrás de Sehun pelo caminho de volta, que estava se vestindo. Ele tinha que ter pernas tão longas assim?! Tá sendo uma perseguição policial pra alguém com perninhas tão curtas! Só consegui alcançar ele na porta de entrada da casa. - Sehun-ah! - Gritei e ele se virou, abaixando a camisa. Não olha, menina... - Eu... sei o que você deve estar pensando sobre Elly. Ela só tem vergonha de se relacionar com outras pessoas por medo.
__Mas não precisava me tratar daquele jeito!
__Aquele jeito como?
__Entra no meu quarto que eu te mostro. - Olhou por cima de meus ombros e parecia ter ficado com medo. - Depois que eu trocar de roupa e tomar um banho.

Entrou e eu apenas fiquei me perguntando pra quê tanto mistério. Até ser interrompida por um toque no ombro, uma mão que eu já conhecia muito bem.

__Elly mencionou uma vez que Sehun estava mandando mensagem para ela, mas faz tanto tempo... por que ele continua chateado com ela?
__Sehun odeia Elly, ao mesmo tempo gosta. - Me virou para encara-lo. - Ele me pediu ajuda pra traduzir as mensagens.
__E por que você não me disse nada?!
__Por ele ter me pedido segredo, por vergonha de você.
__Ele me pediu pra ir no quarto dele depois.

Chanyeol's POV

Respira fundo, Chanyeol... é só uma conversa, nada demais...

__Tudo bem, depois você vai lá. - Abracei ela, e começou a rir.
__Para!
__Vem cá! - Peguei-a no colo e andamos até o nosso quarto.
__Me solta! Você tá me molhando! - Gritou no meio do corredor, dando tapas em meu ombro. - Me põe no chão, eu sei andar muito bem sozinha!

Chegamos no banheiro, e tirei minha camisa em sua frente. Ela ficou olhando para mim, maravilhada.

Se eu estava fazendo isso por vingança? Ainda não sei. Contudo gosto de observar como ela olha para mim, sempre com desejo.

__A-amor, é melhor não fazermos isso.
__O que? Tomar banho juntos?
__Vai acabar em outra coisa, tenho certeza!
__Relaxa, é só um banho.

(...)

Até eu estava duvidando da minha palavra, mas foi apenas um banho mesmo. Olhei para Audrey na frente do espelho, parecia bem pensativa ajeitando o vestido. Larguei o celular na cama e me sentei na beirada.

__Preocupada com Elly?
__Pra caramba. Ela já foi grossa comigo, mas nós somos amigas há muito tempo. Só que... não a vejo sendo grosssa com Sehun.
__Eu li tudo, baby girl... eu tava lá. Ela o tratou rudemente.
__Eu já vi ela ser rude de brincadeira, e já fiquei chateada pelo jeito que ela fala, parece que não está brincando! Será que não foi isso?
__Com certeza não. Bom, acho que Sehun precisa conversar com você em particular.
__Ok, não vou demorar muito. - Veio até mim, dando um beijo em minha bochecha.
__Entendo se você demorar um pouco, ele precisa de uma boa conversa.
__Não vai ficar com ciúmes ou nada parecido?
__Não, fique tranquila. - Ela sorriu e eu dei um beijo carinhoso, olhei para ela e acariciei suas bochechas. - Eu confio em você, Cherry.
__Obrigada. - Deu outro beijo e saiu.

É, agora só aguardar os próximos capítulos dessa história...


Notas Finais


Uiiiiisss, que fogo é esse, amiga @MonbebeOnce! 🌚🌚
Quero ver como essa treta vai desenrolar hehe!

👉Unfair - Um amor injusto: https://www.spiritfanfiction.com/historia/unfair--um-amor-injusto-seelly-17652106

Ppoppos hago saranghae 💖💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...