1. Spirit Fanfics >
  2. Perfect Tease - NCT (Haechan) >
  3. Cineminha com a Namoradinhaa

História Perfect Tease - NCT (Haechan) - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


eita gente, esse capítulo é pra deixar vocês boiolas kkkk
ENJOY!

Capítulo 10 - Cineminha com a Namoradinhaa


 

O dia começou de um jeito bem legal, acordei e hoje ao meu lado na cama estava o corpo do moreno mais lindo e sensual que já pisou nessa terra. Ele dormia de costas para mim, o abracei de leve e pude sentir Haechan se virar devagar para me encarar.

- Bom dia minha princesa. – ele falou me dando um beijo na testa. – Estamos atrasados?

- Não, temos uma hora para nos arrumarmos e irmos para a faculdade. – falei e depositei um beijinho nos lábios do garoto que estava lindo com os olhos inchados meio abertos me encarando.

- Senti falta disso. – Hyuck falou.

- Do que? – perguntei curiosa.

- De acordar ao lado do amor da minha vida sem roupa enquanto me abraça. – Hyuck falou e escorregou na cama ficando na altura dos meus seios. – Ver eles pela manhã realmente me deixa bem animado. – Hyuck falou mordendo um dos meus seios me enchendo de tesão tão cedo pela manhã.

- Não vamos fazer nada agora se não vamos acabar nos atrasando de fato. – falei e vi o rosto do mais novo me encarar me olhando de baixo da coberta.

- Ok, usou um bom argumento, só por isso eu vou te liberar, mais amanhã eu estarei aqui para dormir com a minha namorada novamente, meu esporte preferido é dar carinho a ela... – Hyuck falava se aproximando a minha boca para me beijar de leve.

- Não sou sua namorada, sabe disso certo? – perguntei e recebi um beijinho carinhoso nos lábios.

- Sabe que é minha namorada certo? – Haechan falou e saiu da cama em direção do banheiro.

O moreno tomou banho e voltou apenas de toalha para a parte do quarto onde eu me encontrava, minha nossa, o abdômen pouco definido do Hyuck me deixava sem reação, ele é realmente gostoso, ainda bem que eu estou atrasada e meu corpo naturalmente rejeita qualquer ideia acerca de sexo quando estou atrasada para algo. Fui para o banho me sentindo quente, me arrumei e descemos juntos para tomar café. Começamos a comer todos em silêncio e minha cabeça não parava de pensar em uma forma de rejeitar Haechan e ao mesmo tempo me traia quando me pegava pensando no sexo que vamos fazer amanhã à noite quando ele vier ou como vamos nos beijar todas vezes que nos encontrarmos na rua. Não posso acreditar que a minha cabeça já aceitou a ideia, preciso resistir mais!

- Meninos eu terminei, vou sair primeiro. – falei.

- Estamos todos indo para a mesma faculdade, não pode ir conosco e nos dar uma carona? – Haechan perguntou.

- Posso, eu vou esperar vocês lá na sala em 15 minutos ok?

- Ok, Princesa. – Hyuck falou e Mark apenas fez uma cara de nojo para ele.

 

Os meninos se arrumaram e fomos para o carro, Hyuck fez questão de ir no banco da frente junto comigo, passou todo o tempo disponível olhando minhas pernas, pois eu usava uma calça muito colada.

- Noona, o que acha de ir ao cinema comigo? Tem um filme de comédia muito bom em cartaz. – Hyuck falava com um pouco de vergonha pois nunca tinha me convidado para ir a um encontro com ele. Mark apenas fazia contato comigo pelo espelho retrovisor me mandando aceitar e dizer que sim.

- Acho muito bom Haechan, podemos ir sim. Quando quer ir?

- Quero ir hoje após o seu estágio, eu posso preparar tudo e te encontrar na entrada do cinema. - Hyuck falou.

- Tudo bem então, quando sair do estágio te ligo e te aviso para te encontrar. – falei e deixei os garotos na entrada do prédio deles.

- Xau namorada, boa aula. Eu te amo – Hyuck falou apoiado na minha janela se aproximando dos meus lábios depositando um beijinho de despedida e logo em seguida indo para dentro do prédio com um sorriso bobo nos lábios.

Eu adoro ver ele feliz assim, meu estomago fica formigando loucamente de ver o meu moreno assim, o toque dele, os beijos carinhosos, tudo me deixa extremamente boiola, adoro me sentir assim, adoro essas sensações provocadas no meu corpo pelo Hyuck.

Fui para meu prédio, assisti as minhas aulas mais feliz do que o normal, fui para o meu estágio e trabalhei alegre demais para alguém que não queria ter um namorado. Quando chegou o horário de ir embora a vontade de sair correndo de alegria pelos corredores era notória. Olhei o meu celular e tinha uma mensagem, era de Taeil. Ele estava no mesmo shopping para onde eu iria e queria me entregar algo, pediu para me encontrar perto do cinema.

Estacionei o carro na garagem e fui para o andar do cinema, antes de chegar muito perto do cinema vi Taeil sentado em um banquinho me esperando e apenas me aproximei com um enorme sorriso e o abracei.

- Oppa, o que queria falar comigo? – perguntei sentando ao seu lado.

- Percebi que você estava triste a um tempo atrás e resolvi te comprar chocolates. Espero que isso te deixe mais feliz e melhore seu humor. – Taeil falou com a mão em meu ombro enquanto me dava a pequena caixa de chocolates.

- Muito obrigada, eu adorei. Eu vou comer tudinho pode deixar! – falei me levantando do banco com pressa.

- Onde vai? Tem mais algo a fazer hoje? Quer tomar um café comigo? – Taeil perguntou.

- Na verdade eu vim para o cinema hoje.

- Posso ser seu acompanhante? – Taeil falou se aproximando um pouco do meu rosto.

- Não, hoje eu estou acompanhada de um garoto incrível. Perdão por não poder assistir ao filme com você Taeil. Te vejo depois. – falei e ganhei um beijo na testa do meu amigo.

Andei em direção ao cinema e lá estava o meu moreno, me esperando com as entradas e as pipocas nas mãos. Meu coração nunca palpitou tanto em tão pouco tempo. Era realmente algo de se admirar. Ele estava tão lindo com uma calça apertadinha que valorizava o quadril lindo que ele tem e uma blusa de botão um pouco aberta mostrando um dos seus sinais no tronco de seu corpo.

Estava em verdadeiro pecado de tão lindo. Espero que a minha mente fotografe esse momento e me faça sonhar com ele todos os dias. Me aproximei dele sorrindo e recebi de volta um dos sorrisos mais belos que os meus olhos puderam contemplar enquanto viva. Não tem como não sorrir para ele quando me olha desse jeito tão amoroso.

Me deu um beijo incrível quando me recebeu na entrada do cinema me fazendo sentir cada cantinho do meu corpo arrepiar. Começamos a entrar e fomos para a sala. Nos sentamos e logo o filme começou. Quase na metade do filme Hyuck me pergunta algo:

- Onde comprou essa caixa de chocolate?

- Eu ganhei. – afirmei.

- Ahhh. – voltou a prestar atenção no filme.

Assistimos todo o filme de mãos dadas como os verdadeiros casais fazem, por vezes ele me beijava, não de maneira demorada, mas de maneira carinhosa. Conseguia sentir o cheiro gostoso que vinha do corpo do meu moreno. Adoro o cheiro dele, passei uma parte do filme cheirando o pescoço do garoto, o cheiro realmente é bom.

- Não vai prestar atenção no fim do filme? – Hyuck perguntou.

- Não, por que todas as vezes que você usa esse perfume eu perco a concentração. Da vontade de ficar te cheirando para sempre. – falei ouvindo em seguida uma risada baixa de Hyuck.

O filme acabou e fomos para o carro, eu iria deixar Haechan em casa. Seguimos o trajeto ouvindo nossas músicas preferidas e claro Hyuck me matando de rir com o jeito dele de cantar.

- Não me lembro de você ser tão engraçado assim a 4 anos atrás... – falei sorrindo.

- Me tornei essa pessoa que hoje você namora apenas recentemente. Eu precisava ser mais atrativo para você então aperfeiçoei os meus pontos fortes. – Hyuck falou.

- Hyuck, sobre sermos namorados... – Hyuck me interrompeu.

- Sim, somos namorados, não insista em dizer o contrário. Mesmo que não concorde me dê ao menos a chance de tentar te conquistar por completo. Se em algumas semanas ainda assim você não quiser ser minha namorada eu vou entender. Não vou desistir de você, mais vou entender se não quiser. Mais por enquanto não dê uma resposta precipitada, você precisa experimentar o que é me namorar antes de me chutar da sua vida ok? – Hyuck falou e fiquei sem reação.

- Ok, se por algum motivo eu achar que não vai dar certo nas próximas semanas eu te aviso. – falei e vi o rosto do garoto se iluminar.

- Quem te deu a caixa de chocolate? – Hyuck perguntou.

- Ahh foi o Taeil. – falei sorrindo.

- Aquele garoto da cafeteria? Por que você aceitou? Por que ele pediu para te ver? – Hyuck perguntou um pouco irritado.

- Está chateado Hyuck? Taeil é apenas meu amigo, ele disse que ficou preocupado comigo por que eu estava triste e me trouxe chocolate, apenas isso.

- Não tem problema, desde que ele não tenha segundas intenções com você. Eu sou um pouco ciumento, me desculpa princesa.

- Tá tudo bem, não acho que Taeil tenha segundas intenções comigo. Eu disse a ele que viria ao cinema para sair com alguém.

- Disse? – Hyuck perguntou animado. – e falou mais o que? – perguntou outra vez.

- Nada, eu apenas disse que estava indo a um encontro.

- Você não disse que tinha namorado? – Hyuck perguntou decepcionado.

- Não. Por que eu não tenho. – falei.

- Noonaaaa, claro que tem. Eu sou seu namorado.

- Você nunca me pediu em namoro Hyuck. – falei direta. – Chegamos. – descemos do carro e nos encostamos no mesmo.

- Me perdoa por não ter feito um pedido apropriado, eu vou corrigir isso e eu espero que a sua resposta possa ser sim. – Hyuck falou encostando o corpo dele no meu e dando início a um beijo carinhoso.

- Vou esperar ansiosamente por isso. – falei de maneira safada e o moreno entendeu do que se tratava.

Pressionou meu corpo contra o carro e passou a apertar o meu corpo com as suas mãos quentes me fazendo estremecer de prazer. Mordeu a extensão do meu pescoço e a ponta da minha orelha arrancando um gemido rouco de mim.

- Noona, eu gosto da maneira como você fica entregue quando te toco assim. – falou e encostou o membro completamente duro coberto pelo jeans. – Também gosto de como geme meu nome quando fazemos amor. – sussurrou no meu ouvido brincando com a minha sanidade mental.

- Ok, você não vai me fazer perder o juízo no meio da rua, pode entrar na sua casa, está tarde e você vai dormir na minha casa amanhã então... – falei levantando a sobrancelha e o moreno entendeu.

- Vou dormir com você e te dar mais uma noite incrível de sexo Noona. – falou e mordeu meu lábio inferior.

Separamos nossos corpos e seguimos nossos rumos completamente opostos. Hyuck entrou na casa dele e eu fui para a minha pensando nas palavras do moreno a respeito do namoro.


Notas Finais


eu queria dividir algo com vocês hoje.
eu descobri apenas hoje que o Haechan tem uma irmã gemea
e que se ele fosse cantar uma musica para alguém que seria parceira dele seria essa aqui. https://www.youtube.com/watch?v=KzPCbmnHK60

eu passei um bom tempo meditando na letra dessa musica.
chegue a seguinte conclusão. ele ainda não se apaixonou de verdade e pelo visto ele sente o mesmo vazio que eu por querer estar apaixonado por alguém e não gostar de ninguém.
é triste, mais toda a letra da música é tão verdade que eu nunca me identifiquei tanto com o Haechan até o dia de hoje por conta dessa musica.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...