História Perfectione - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Min Yoongi (Suga)
Tags Bangtan, Bts, Capítulos Curtos, Fantasia, Hoseok, J-hope, Namjoon, Powerpuffboys, Seokjin, Suga, Yoongi
Visualizações 7
Palavras 523
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Comédia, Fantasia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Slash
Avisos: Linguagem Imprópria, Pansexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oi voltei com minha nova filha uhu, aliás to acabando o capítulo de TE, já já ele estará entre nós

Capítulo 2 - Helium


“Estamos ao vivo diretamente do centro de GwangjuVille, onde uma casa está em chamas! Os bombeiros já estão trabalhando e a perícia tenta desvendar o motivo.”

A repórter dava as últimas notícias sobre o ocorrido na madrugada de quinta-feira.

“Aconteceu no laboratório do renomado cientista, professor Kim Seokjinium. Não foram encontradas vítimas no local.”

Seokjin desliga a pequena televisão, sua cabeça doía demais e ele não consegue se lembrar de muita coisa depois de acordar no hospital.

Seu maior questionamento é: como chegou até ali?

— Bom dia, professor Kim. — o médico responsável entra sem bater, lendo a prancheta em suas mãos.

— Ótimo dia. — responde irônico, revirando os olhos.

— É sim, um milagre o senhor ter sobrevivido ao acidente.

Seokjin odiava sua terrível mania de revirar os olhos para tudo, mas, às vezes é necessário. Não acredita em milagres, apenas na evolução da ciência e da medicina, então, por que médicos insistem em rebaixar seu próprio trabalho para falar de “milagres”?

— Como eu cheguei até aqui?

— Três garotos lhe trouxeram. O senhor não tem filhos?

— Não…? — responde com dúvida, como assim “filhos”? Ainda por cima três!

O médico dá de ombros, sorrindo, e sai. Deixando o professor ainda mais confuso.

Momentos depois, a porta é aberta novamente, Seokjin esperava alguma enfermeira que lhe traria remédios para dor de cabeça.

— Não me empurra, caramba! — alguém resmunga, um menininho de cabelos verdes entra, brigando com o que está atrás.

— Você que pisou no meu pé, seu feio! — outro de cabelos azuis responde, mostrando a língua para ele.

— Calados, os dois! — o de vermelho faz cara de bravo, empurrando eles para dentro do quarto.

O professor olha horrorizado, quem são essas crianças barulhentas invadindo seu espaço assim, sem mais nem menos?

Os três continuaram discutindo, um tentando falar mais alto que o outro.

— Invasores, irei chamar os seguranças!

Eles abrem a boca em sincronia, com os olhos arregalados e desesperados com a ameaça.

— Mas pai, o senhor não se lembra de nós? — o de cabelos vermelhos pergunta tristinho.

— O que? — agora Seokjin que está horrorizado.

— Sim, você nos criou! — o azul responde animado, dando pulinhos.

— Ah pronto, bateu a cabeça e teve amnésia. — o verde fala entediado e revira os olhos.

— Cala a boca, Rap Monster! — o vermelho lhe dá um tapa na cabeça.

— Não me chama assim! — ele avança no garoto ao lado e os dois rolam no chão.

— Oi, oi, eu sou o Suga! — o menininho de cabelos azuis, chamado Suga, se aproxima do professor, ignorando os irmãos encrenqueiros. — Aquele ali é o J-Hope e o que tá apanhando é o RM.

— Kim Seokjin... — o professor responde ainda incerto, mas, por algum motivo, havia gostado desse com sorriso gengival, parecia um neném.

— Sim, eu sei! Te amo papai! — ele abraça o homem, mas logo se afasta, com medo do professor lhe dar uma bronca. Mas Seokjin o achou adorável.

— Não precisa ter medo, apenas explique o que aconteceu no laboratório e como vocês me trouxeram até aqui.

— Que pergunta boba, professor, é claro que nós te carregamos, a gente sabe voar!

E Seokjin quase desmaiou ali mesmo após ouvir aquilo.


Notas Finais


*-*

ele não respondeu com ironia no final ta gent
acho que os capítulos vão ser curtinhos assim pq é bom (pra mim kkk)

e foi isto tchau


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...