História Perfectly Wrong - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Shawn Mendes
Tags Shawn Mendes
Visualizações 31
Palavras 1.054
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Literatura Feminina
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa na foto é a Elena

Capítulo 2 - Me mudando


Fanfic / Fanfiction Perfectly Wrong - Capítulo 2 - Me mudando

- Não acredito que seu pai fez isso comigo, eu trabalhando pra manter essa casa e ele me traindo, vou pedir divórcio

- Calma mãe, eu tô com você. Vou pro aniversário da Vitória e mais tarde te vejo em casa

- Tá bom filha, depois conversamos

Fui pra festa da Vitória sem ânimo nenhum. Fiquei uns minutos lá e vim embora pra casa

Chegando em casa meus pais tavam discutindo, fui direito pro meu quarto e comecei a chorar. Porque meu pai fez isso? 

Minha mãe bateu na porta e eu mandei ela entrar

- Filha, nós vamos nos divorciar 

- Tá tudo bem mãe, você fez o que é certo

- Nós duas vamos nos mudar pro Canadá

- Sério? - falei toda feliz, era o meu sonho morar lá

- Sim. Pedi transferência pra lá, quero ficar o mais longe possível do seu pai

- E quando nós vamos?

- Na semana que vem, vou pedir sua transferência pra escola de lá, já estou procurando uma casa pra gente

- Qual cidade nós vamos morar?

- Em Toronto

Comecei a pular de felicidade, sei que não deveria tá assim, mas morar no Canadá

- Eu tô muito feliz com isso mãe

- Que bom minha filha. Vou te deixar descansar

- Tá bom mãe

Minha mãe saiu do meu quarto e não pude me conter de felicidade, sei que estarei deixando tudo aqui, mais nada melhor que um bom recomeço.

Tirei a maquiagem, tomei um banho e vesti minha camisola

Acordei já era umas 11 horas da manhã, tô acordando tarde porque estou de férias. Tomei um banho, troquei de roupa e fui tomar café da manhã, eu vou na casa da Vitória contar pra ela, sei que terei que me despedir, mais a gente poderia visitar uma á outra

Cheguei da casa da Vitória e contei pra ela tudo que aconteceu

- Não acredito que sei pai foi capaz de fazer algo desse tipo

- Nem eu. Minha mãe ta devastada

- Seu pai é um canalha

- Pois é amiga, quero ele bem longe de mim

- Vou sentir saudades amiga

- Eu também amiga

Passamos a tarde juntas, aproveitando o tempo que temos juntas, nós combinamos de ficar a semana inteira juntas, aproveitando cada segundo

Cheguei em casa e fui pro meu quarto. Minha mãe entrou pra conversar comigo

- Já resolvi tudo em relação á nossa mudança. Iremos na segunda que vem. Lá o pessoal tá de férias também, só volta daqui a dois meses, então vai dá tempo de você se adaptar

-  Não vejo a hora mãe

- Nem eu, não aguento mais ter que ver seu pai

- Ah mãe - abracei ela enquanto ela chorava - vai ficar tudo bem mãe, eu tô com você

- Vou deixar você domir

Fiquei a semana toda com a Vitória me despedindo

Uma semana depois:

Estava arrumando minha mala pra ir pro Canadá, a gente iria viajar às 10H dá  manhã e chegaríamos ás 7H em Toronto, a diferença do Brasi (horário de Brasília) é 1H só. Iriamos até São Paulo pegar o vôo (eu moro no Rio)

- Tudo pronto filha?

- Tá sim mãe

Meu pai veio falar comigo

- Tchau filha

- Tchau, agora vá ficar com sua mulherzinha

Ele tentou me dar um abraço, mas eu desviei dele

- Vou sentir sua falta

- Deveria ter pensando antes de trair minha mãe

Peguei minha mala e bati a porta com raiva. Eu e minha mãe pagamos o uber e fomos pro aeroporto

Chegamos no Canadá ás 8 horas, o vôo deu uma atrasada. Quando cheguei na casa, eu abri a boca de impressionada

- Meu Deus, que casa linda mãe - corri pra abraçar minha mãe - te amo mãe!

- Também te amo filha. Amanhã eu e você vamos no matrícular na auto escola e vou te levar pra conhecer sua escola

- Vai me dar um carro?

- Sim filha, e você vai escolher

- Você é a melhor mãe do mundo

- E você a melhor filha

Entramos na casa, e ela me deixou escolher um quarto, a casa tinha 4 quartos. Escolhi o segundo maior, já que minha mãe ficaria com o maior. Entrei no quarto e ele já tinha uma cama de casal, mais eu teria que deixar ele a minha cara, tinha até uma sacada. Fui pra sacada, e tinha uma sacada no quarto na frente do meu. Tinha um menino lindo sentado na cama cantando. Fui tomar um banho, troquei de roupa e fui descer pra sala. Derrepente alguém bate porta. Minha mãe abriu a porta e entrou ela e o filho dela, era o menino do quarto. Aí meu Deus

- Oi sua sua vizinha, meu nome é Karen Mendes, e esse é meu filho: Shawn Mendes

- Prazer. Meu nome é  Ana Brooke, e essa é minha filha: Elena Brooke

Eu apertei mão da mãe dele e a dele

- Quer entrar? - Ana

- Claro - Karen

- Elena, leva o Shawn pro seu quarto pra vocês se conhecerem - Ana

- Tá bom mãe

Minha mãe e a Karen ficaram conversando e eu levei o Shawn pro meu quarto

- Então... - falei toda tímida

- Quantos anos você tem?

- 16 e você?

- Também, veio da onde?

- Do Brasil, Rio de Janeiro

- Então, amanhã tem uma festa na casa de um amigo meu, quer ir comigo? É bom pra você conhecer pessoas

- Vou sim. Que horas?

- Ás 7. Venho te buscar aqui

Nós descemos e começamos a conversar. Eles foram embora  porque tava ficando tarde, e eu subi pro quarto, fui fechar a cortina e Shawn tava só de cueca, fiquei olhando aquilo tudo, que corpo, meu Deus. Ele olhou pra mim e deu um sorrisinho sem graça, e eu provavelmente fiquei igual um pimentão. Fechei a cortina e fui dormir

Acordei tomei um banho, fiz minha higiene diária e fui tomar café, minha mãe tava lá fazendo o café

- O Shawn me chamou pra uma festa

- E você vai? 

- Sim

- Ele é um gatinho ein

- É mesmo, até demais - comecei a ri com ela

- Eu vou sair com a Karen hoje

- Vão aonde?

- Pra balada

- Um safadinha - começamos a ri de novo

Fiquei até a hora de me arrumar pra festa vendo The vampires diares. Deu 5 horas fui me arrumar, tomei um banho, fiz uma maquiagem de festa, coloquei um vestido colado coloquei os sapatos, me olhei do espelho e eu tava linda. Quero ver o Shawn resistir. Fiquei esperando ele me pegar em casa. A porta bateu e eu fui atender, ele me olhou dos pés a cabeça

- Você tá linda






Notas Finais


Acompanhem os próximos capítulos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...