1. Spirit Fanfics >
  2. Perfectly Wrong >
  3. Ele está com a Lisa

História Perfectly Wrong - Capítulo 38


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 38 - Ele está com a Lisa


Fanfic / Fanfiction Perfectly Wrong - Capítulo 38 - Ele está com a Lisa

Minutos depois...

 

— Ela tá viva! – Quando percebo, estou sentado em uma cama. Minha cabeça fica zonza por eu sentar rápido demais. Agora as coisas fazem sentido, ou não... só sei que desmaiei!

— A pressão dele deve ter caído – Hanna está parada na porta do quarto me olhando — E se eu for pegar água com açúcar?

— Se a sua intenção for matar o garoto – Damon comenta.

— Como é? – Hanna o questiona.

— Sal, minha querida... desça pegar sal pra ele, por favor – É o mais paciente possível.

— Claro – E ela sai do quarto. Ficando nele apenas, Emma, Damon e eu.

— Ela está viva, Damon! Eu vi – Afirmo.

— Eu sei tanto quanto você, ok?

— Quem está viva? – Emma, confusa, pergunta.

— A namorada do Noah, Emma... é a minha irmã que nunca achei o corpo!

— Ah meu Deus! – Seu semblante é chocado — Ela é uma vam... – Dá uma pausa.

— Pra estar nova daquele jeito, com certeza – Damon completa por ela.

— Preciso conversar com ela – Levanto da cama.

— Não vai lá embaixo falar com ela sobre isso, né? – Damon entra na minha frente.

— Eu a chamo aqui, ok? – Emma caminha até porta — E mantenho todos afastado. Só tentem não demorar – E sai do quarto.

 

...

 

Como era possível ela estar viva? Não fazia nenhum sentido. Ela sabia sobre vampiros? Ou ela era só alguém muito parecido com a minha irmã? Podia ser uma filha dela, ou algo do tipo... eu tinha tantas perguntas para se fazer e não fazia ideia de por onde começar.

 

— Me chamou? – A voz doce continuava a mesma.

— Sabe quem eu sou, não sabe? – Me arrisco em perguntar.

— O meu irmão – Seus olhos enchem d’água e nos abraçamos na mesma hora. Eu não fazia ideia de que precisava daquele abraço, até sentir aquele abraço de novo.

— Como é possível? – Pergunto, sem sair do abraço.

— Tenho pouco minutos, se não vão estranhar nossa demora – Sai do abraço.

— Prometo não te atrapalhar, mesmo querendo ficar abraçado em você o tempo todo – Rimos.

— Foi horrível superar sua morte repentina, Shawn... nossos pais sofriam todo santo dia e eu também – Me sinto péssimo em ouvir isso — Eles resolveram fazer uma viagem e eu fui para um acampamento bem longe de Toronto... lá conheci um garoto incrível chamado Simon, fizemos uma amizade enorme a ponto de contarmos um para o outro os nossos segredos mais sombrios e... – Ela dá uma pausa respirando fundo — Foi aí que ele me contou sobre vampiros, me disse que era um fazia anos e me mostrou todas as coisas que eram possíveis se fazer quando se é um e...

— Calma – A corto — Está falando desse Simon? – Mecho no meu celular, encontrando uma foto do meu amigo, ou melhor, único amigo.

— O próprio! – Afirma com um sorriso — O conhece?

— Somos amigos – Respondo — Eu não fazia ideia de que se conheciam... a verdade sobre você estava embaixo do meu nariz.

— Do que importa isso agora, maninho? Se estamos juntos novamente? – Sorrio ao ouvir isso — Preciso continuar – Ela diz — Tudo começou a bater, Shawn... você tentando me atacar, tendo medo do sol, atacando a geladeira do nada. Acreditei que pudesse ser um vampiro e implorei para o Simon me transformar, e em todos os dias do acampamento, ele me ensinou a sobreviver. Quando voltei pra casa, hipnotizei nossos pais para que eles pensassem que você estava viajando para algum lugar, para eles não sofrerem mais, eles morreram bem e sem saber da morte de um filho e a partir desse momento, te caço feito uma louca.

— E me encontrou – Me abraço nela novamente.

— Sobre o Noah, sou apaixonada de verdade nesse garoto... ele já sabe sobre mim faz um tempo, mas nunca me falou sobre você. Só da irmã ter um namorado muito legal – Saímos do abraço.

— Ele sabe sobre vampiros então? – Ela afirma com a cabeça.

— Oi – Emma entra no quarto — Eu lamento atrapalhar, mas meus pais estão estranhando a demora.

— Estamos indo – Sorrio para ela.

— Agora estamos juntos novamente, maninho. E ninguém vai nos separar – Apertamos nossas mãos e eu tinha certeza que essa promessa ia ser cumprida.

 

Outro dia cedo...

Casarão do Shawn

 

— Não sou um cozinheiro nato, mas foi o que consegui fazer – Sirvo Aaliyah de panquecas. Ela vai morar com a gente agora, o que me deixa super feliz em tê-la de volta. Passamos a noite toda juntos contando tudo da vida um do outro, e não escondemos nadinha.

— Pelas risadas de ontem, aposto que minha sobrinha já sabe de todos os acontecimentos – Damon se senta com a gente.

— Que transformou meu irmão? – É direta — Por uma vingança tosca? – Vejo o rosto dele corar — Eu sei.

— Depois dessa, acho melhor eu me retirar – Está constrangido.

— Mas sei também que ajudou ele a viver, tio Damon – Segura sua mão, o impedindo de levantar da mesa — Isso é mais importante que qualquer coisa – Ficamos em silencio por alguns minutos. Por mais que Damon não fosse o exemplo de tio, eu estava gostando de me sentar novamente em família e tomar um café da manhã normal.

— Desculpa entrar assim – Olhamos imediatamente para porta e é a Emma com o Noah, os dois estão com semblantes assustados.

— O que aconteceu? – Levanto na mesma hora.

— Lisa, Shawn! O Caio está com ela e quer vingança por vocês vampiros!

 

Continua...


Notas Finais


Está na reta finaaaaaaal ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...