1. Spirit Fanfics >
  2. Pérola >
  3. (13) bebê

História Pérola - Capítulo 13


Escrita por:


Capítulo 13 - (13) bebê


Gean : fazer uma massagem.

Peróla : mas eu já fiz.

Gean : no meu pau mas com a boca.

Peróla : há não amor.

Gean : qual é amor ,oque agente faz sempre fica entre nós dois.

Peróla : ai amor,você mija por ai.

Gean : você também mija por ai e eu não ligo.

Peróla : eu não sei fazer.

Gean : eu te ensino.

Ele tirou a roupa dela e ela a dele.

Peróla : a porta estar trancada?.

Gean : estar sim,e Dayse não é de entrar aqui.

Peróla : ela é a melhor pessoa que você trouxe para trabalhar aqui.

Gean : que bom que dessa vez gostou de uma mulher que eu contratei.

Peróla : gosto de quem nós respeita.

Gean : tabom deixa isso para lá.

Ele a beijou.

Gean : você é linda.

Peróla ficou corada.

Ela começou o mamar.

Gean : amor para.

Peróla : estou machucando?.

Gean : você estar botando o dente ,não faz assim .

Peróla : vou fazer como?.

Gean : faz com amor com carrinho.

Ela sorriu sem graça.

Gean : vem bem devagazinho.

Ela fez,começou lembendo a cabecinha mas sem segurar com a mão,depois começou chupar-lo todo.

Gean : nossa amor que delicia.

Ela ficou ali até ele gozar.

Peróla ela engoliu.

Gean : Você é perfeita.

Peróla o olhou com uma carrinha triste.

Gean : calminha  que já vai ser sua vez.

Ela sorriu.

Gean : vem cá vem.

Ela veio com atitude fez o deitar,e o beijou sorrindo.

Ela brincou de beijar,isso fez exitar.

Ela pegou o pau dele e enfiou nela,olhou para ele mordendo os labios e começou a rebolar o olhando ele apertou os seios dela.

Ela ficou rebolando e gemendo logo ela gosou.

Ela abaixou e o beijou.

Saiu dali devagar.

E deitou.

Gean foi para cima dela.

A beijou.

Fez uns carrimhos.

Peróla : já gosei amor.

Gean : eu sei vamos gosar juntos agora.

Peróla : eu vou sentir dor.

Gean : eu vou bem devagazinho,só me beijar.

Ela o beijou e ficaram se beijando até que ela se hubrificou ele pos o Penis dentro dela e ficou bem devagar.

Eles ficaram se beijando.

Em poucos segundos gozaram juntos.

Ele saiu dali a beijando e o cobriu com a coberta se abraçaram

Gean : eu amo você.

Peróla : eu amo você o dobro.

Gean : é isso é verdade.

Eles dormiram.

No outro dia.

Gean foi para a cozinha.

Dayse : conheço bem esse sorriso.

Gean : eu amo a Peróla.

Disse sorrindo.

Dayse : eu sei ,todos sabem e ela como estar.

Gean : estar dormindo cansada,diga para que ninguém a chame.

Dayse : tudo bem.

Gean : vou ao centro comprar livros novas para Peróla graças a você ela ler e ler muito bem quero fazer uma surpreza.

Gean : mas não vou demorar nãovquero ficar um minuto longe dela e do nosso bebê.

Ele foi e quando voltou Peróla estava andando tonta ele foi rapidamente até ela e a segurou.

Gean : oque houve?.

Peróla : acordei um pouco tonta,vi que não estava na cama e vim te proucurar.

Gean : vamos comer.

Ele a levou para mesa.

E ela comeu.

Peróla estou muito cansada.

Gean : vamos descançar.

Peróla : onde você estava.

Gean : fui no centro.

Peróla : é?.

Gean : hum rum.

Ele pegou os livros.

Gean : olha que trouxe.

Peróla : eu adoro ler obrigada amor.

Ela sentou no colo dele e o beijou.

Gean : vamos dormir um pouquinho vamos.

Peróla : não eu tenho que me ageitar para ir com você comprar as coisas do bebê.

Gean : não vamos hoje,precisamos dormir e o céu estar ameaçado chuver,você é muito fragil não vamos por a sua nem a saude do nosso bebê.

Peróla :tabom.

Ele foram para cama.

No outro dia bem cedo eles foram.

Jade chegou.

Dayse : filha .

Ela a abraçou.

Jade : oi mãe.

Ela o olhou e reparou a casa toda.

Jade : preciso descançar.

Dayse : já preparei o seu quarto venha.

Ela foi com a mãe.

A mãe perguntou coisas sobre a viagem.

Jade : agora não por favor.

Dayse : tabom minha filha.

Dayse saiu.

Pascoal : senhora eu era o motorista particular do pai dela preciso de emprego.

Dayse : espere os senhores chegar ele são muitos generosos tenho certeza que vão arrumar algo para você.

Pascoal : brigado senhora é tão diferente da sua filha.

Dayse: como assim?.

Pascoal : deixa para lá.

Eles ficaram conversando e sorrindo até Gean e Peróla chegarem.

Peróla : o quarto dele vai encher.

Chegaram rindo.

Peróla : quem é esse?.

Dayse : o senhor Pascoal trouxe minha filha ,era motorista Particular do pai de jade,ele estar precisando de emprego.

Gean : hum, Dayse leve as coisas para o quarto do bebê.

Gean : irei conversar com o senhor Pascoal.

Elas foram.

Gean : aqui não precisamos de motoristas particulares até por que só andandos a cavalo .

Gean : mas como Dayse recomendou,podemos ver alguma coisa.

Pascoal : já sou um senhor queria muito viver no campo viver da plantação ter uma vida tranquila.

Gean : tem quantos anos?.

Pascoal : 40.

Gean : você é maduro,aqui na casa tem sempre espaço para mas um.


Notas Finais


Esse livro é mas longo que os outros tá, vai até o capítulo 25.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...