História Pesadelo - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Acidente, Animais, Anthro, Feral, Furry, Pesadelo, Poderes, Tragedia
Visualizações 4
Palavras 368
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Científica, Luta, Magia, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Yay!
Leia e veja a tragédia :3

Capítulo 3 - A tragédia


Quando Krahō se vira, o homem da um soco no rosto do mesmo.

- Devon! - Seika corre até ele e tenta empurra-lo para trás. - Por favor vá embora.

- Desde quando eu devo obedece-la? - Ele a joga para o lado e vai em direção a Krahō que estava desnorteado por causa do soco. - Você vai se arrepender rapaz.

- Por que fez isso?! - Ele limpava o nariz escorrendo sangue com a mão.

- Porque você merece, seu malandro! - Ele novamente soca Krahō que quase cai no chão.

As pessoas em volta só observavam e filmavam. Seika não podia fazer nada. Krahō não era forte o suficiente para lutar contra Devon, mas ele não podia apanhar de graça.

Quando Devon foi dar outro soco, Krahō devia, o soca e rapidamente o empurra para dentro da piscina. Os dois lutam dentro da água. Não podia-se ver nada o que estava acontecendo la em baixo. De repente, os dois voltam a superfície super rápido, com a respiração ofegante.

Saindo da piscina eles continuam lutando. Trocando chutes e socos. Logo, Krahō sente um mal estar, mas não por causa da luta, era outra coisa. Ele via coisas, estava tendo ilusões. Não conseguia lutar direito e ele estava apanhando, muito.

Devon estava o empurrando em direção a uma avenida muito movimentada. Ele estava prestes a chuta-lo quando Seika rapidamente o empurra e chuta para longe de Krahō.

- Krahō! Saia daqui agora! - Ela disse desesperada.

Ele a escutou, mas não conseguiu sair correndo. As ilusões atrapalhavam tudo, ele não conseguia enxergar quase nada.

Ele conseguiu ver Devon agredindo Seika, então ele separou os dois e puxou Devan para frente, os dois estavam a dois passos de distância da avenida.

- Seu malandro, desgraçado! Você vai morrer! 

- Você é maluco! - Krahō range os dentes.

- Se afaste de mim! - Devon grita, logo depois empurra Krahō na direção da avenida.

...

...

A luz. Ele viu apenas a luz. Antes da escuridão tomar conta de tudo.

Muito tempo se passou e apenas a escuridão ficou.

Uma pequena faísca de luz surgiu. Estava de baixo de algo grande e havia muito, muito sangue. As vozes abafadas gritavam seu nome "Krahō!!". 

Não muito tempo se passou. Até a escuridão tomar conta de tudo outra vez.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...