1. Spirit Fanfics >
  2. Physical Education (Lucas - WayV, Nct, SuperM) >
  3. 33

História Physical Education (Lucas - WayV, Nct, SuperM) - Capítulo 33


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura anjinhos ♡︎

Capítulo 33 - 33


Fanfic / Fanfiction Physical Education (Lucas - WayV, Nct, SuperM) - Capítulo 33 - 33

Saí do quarto juntamente com Johnny e fomos até a cozinha. 

- Hoje eu visitei a nova casa do appa. - Sentei na mesa olhando minha mãe, que estava cozinhando junto de seu namorado. 

S/M: Você conversou com ele? - Falou com um sorriso. 

- Não, ele não estava em casa.. Acho que cheguei muito cedo. - Ri sozinha. - Mas encontrei três demónios lá. 

Yunho: Hum? Como assim? - Perguntou parando de cozinhar. 

- As irmãs Choi e a psicóloga doida estavam lá. - Minha mãe e Johnny ficaram surpresos. 

Mark: E quem são elas? - Falou levantando uma sobrancelha.

Johnny: Umas loucas que trabalham na escola. - Cruzou os braços. - Elas já tentaram matar a S/N. 

Yunho: Que horror! - Ele e seu filho mais novo ficaram surpresos também. 

S/M: Elas fizeram algo com você? - Neguei. 

- Elas até tentaram, mas eu bati nelas com meus saltos. - Mark soltou uma risada mas logo foi repreendido por Johnny, que bateu em seu braço novamente. 

Mark: Ai! Para de me bater. - Fez um biquinho e a campainha tocou. 

Johnny: Oh, Lucas chegou.. Vamos atender a campainha S/N. - Se levantou e me puxou para eu ir juntamente com ele. 

Assim fomos juntos até a porta, que logo foi aberta pelo meu novo irmão mais velho. Lucas estava arrumado formalmente, ao contrário de mim. Eu trajava uma roupa confortável, uma calça moletom e uma blusa de frio soltinha. 

Lucas: Boa noite. - Sorriu e me cumprimentou com um beijo na bochecha, pois minha mãe, Mark e Yunho estavam nos olhando. 

- Boa noite.. - Retribui o sorriso e também o beijo na bochecha. Ele cumprimentou Johnny e fomos até a cozinha. 

S/M: Olá Lucas, como está? - Cumprimentou o professor. Mal ela sabe que é a sogra dele.. Até quando vou ter que esconder isso? 

Meu namorado cumprimentou as restantes pessoas que estavam na cozinha, no caso, meu outro novo irmão e meu padrasto. 

Lucas: Obrigado pelo convite. - Falou com um sorriso gentil. 

S/M: Não precisa agradecer, você sempre será bem vindo. - Sorriu também. 

[...

Eu e minha mãe acompanhavamos Lucas até seu carro. Durante o jantar, fui até meu quarto juntamente com Wong e ficamos conversando sobre a possibilidade de falar para minha mãe sobre nosso relacionamento. 

Eu tinha muito medo de qual seria a reação dela, mas eu também não poderia esconder isso para sempre. 

- Omma.. - Chamei a mais velha que me olhou quando chegamos perto do carro do meu namorado.

S/M: Hm? - Perguntou com um sorriso. 

- Eu preciso falar algo com você.. Aliás, nós precisamos. - Falei abaixando a cabeça, olhando o chão. 

S/M: Oque aconteceu? Você está me preocupando. - Segurou meu queixo, levantando minha cabeça. 

Lucas: É que a senhora precisa saber uma coisa sobre nós dois. - Ele entrelaçou as próprias mãos. 

S/M: Agora você também está me preocupando Lucas. Oque aconteceu? É algo grave. - A mais velha pegou minhas mãos as acariciando. Eu respirei fundo fechando meu olhos. Depois de alguns segundos, os abri a olhando. 

- O-omma, eu e o L-Lucas estamos.. - Ela continuava com um olhar preocupado. - Nós estamos namorando.. - Falei baixo, mas num tom em que ambos conseguiam escutar. 

S/M: Vocês estão oque? - Minha mãe estava normal, pelo menos até agora. 

Lucas: Você escutou bem senhora, eu e a S/N estamos namorando há algum tempo.. - Ele abaixou a cabeça e minha mãe bateu palmas. Espera ela está animada com isso? 

- Você não vai brigar com a gente? - A olhei com um pouco de medo e ela negou. 

S/M: Claro que não! Eu estou feliz por vocês! - Falou um tanto animada. Afinal eu estava errada em relação à reação dela sobre nosso relacionamento. 

Lucas: Isso é um alívio! Obrigado. - Suspirou e logo soltou uma risada. 

- Eu pensei que você iria ficar chateada com a gente e nunca mais iria olhar na nossa cara.. - Coloquei meus cabelos atrás da minha orelha e ela riu. 

S/M: Meio que eu já estava desconfiando.. E não vou te julgar, pois se você está feliz eu vou estar também hum? - Acariciou meu rosto e eu a abracei forte. 

- Obrigada omma. - Disse baixinho. 

[...

Algumas semanas depois..

Agora posso dizer que minha vida estava ótima, tirando o facto do meu pai e da familia de cobras Choi claro. 

Apesar de não ter voltado a viver com minha mãe, nós conversavamos todos os dias por mensagem ou ligação e todas as sextas feiras eu a visitava. Ela também entendeu minha decisão e não me julgou por ela. 

Entrei na sala de aula sorrindo, sim agora eu estava a todo o momento sorrindo. 

- Bom dia bom dia. - Me sentei do lado de Yeri, como fazia habitualmente. 

Yeri: E a senhora felicidade chegou. - Eu e meus amigos rimos. 

Taeyeon: Vamos rezar para que essa felicidade dure para sempre. - Juntou as mãos. 

Key: Amém. - Fez o mesmo. 

- Você estão me zuando porque sentem falta de macho! - Cruzei os braços. 

Amber: Eu sou L.É.S.B.I.C.A. - Falou com algumas pausas. 

- É mesmo. - Novamente rimos. 

Sana: S/N, você já percebeu que já teve um crush no seu irmão? - Perguntou e eu arregalei os olhos. 

- Porque você foi me lembrar isso? - Bati minha cabeça na mesa com alguma força. - Ai! - Reclamei de dor. 

Yeri: E é isso que acontece quando você é burra. - Acariciou minha testa tentando aliviar minha dor. 

Key: S/N, já que seu irmão era e ainda permanece meu crush será que há a possibilidade de eu ser seu cunhado? - Me olhou com uma sobrancelha levantada. 

- Depende, mas você pode conversar com ele. - Ri ainda com minha cabeça deitada na mesa. 

Lucas: S/N preguiçosa. - Falou baixinho quando passou pela minha mesa e eu ri. 

Levantei minha cabeça da mesa, para evitar escutar a professora de ciências reclamar comigo, mas pelo oque percebi alguns minutos depois, ela não estava na sala. 

??: Onde a professora Choi está? - Uma aluna perguntou ao meu namorado. 

Lucas: Bom eu iria falar isso agora mesmo. - Sorriu e arrumou suas coisas na mesa. Assim que terminou foi até a frente do quadro, ficando de frente para todos os alunos presentes. - A Choi e a Choi Jimin, no caso, as professoras de ciências e de história de vocês, foram expulsas da escola. 

- OQUÊ? - Não pude segurar minha surpresa e acabei gritando. 

Lucas: Isso mesmo, elas foram expulsas para sempre da escola. - Fez questão de reforçar o "sempre". 

Sana: Os meus rituais resultaram, acho que vou fazer mais vezes. - Brincou.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...