História Pinecest-The man and the Little angel - Capítulo 35


Escrita por:

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Bill Cipher, Dipper Pines, Mabel Pines, Personagens Originais
Tags Biltty, I Love Potato
Visualizações 20
Palavras 377
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Científica, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem

Capítulo 35 - Capitulo 28 temp. 2 Crianças nao sao tao tolas


-NÃO ME VENHA COM PAPO FURADO SEU IMBECIL, VOCÊ ACHA MESMO QUE SOU BURRO?!

O esverdeado tentou escapar de mim.

Bill off/Bella on

Minha mãe foi conversar com a tia Charlotte eu e meu primo fomos para a rua brincar. Somos estranhos aqui pois nossas mães vem do mundo de cima.

Peguei minha mochila, o Aaron pegou dinheiro e fomos caminhando pela rua, ia olhando tudo ao redor ate concentrar meu olhar numa loja de balas, doces e chocolates, so tinha um pequeno problema que me faria mudar tudo isso, eu esqueci de pegar dinheiro antes de sair de casa.
  -Aaron, sabia que eu te amo?!
  -Interesseira, eu também vi a loja, eu não sou cego.
  -Mas a gente pode ir lá?!-fiz cara de cachorrinho que caiu da mudança.
  -Ok, mas tem que me devolver, OK?!

Fomos andando até a loja de doces, quando estávamos quase chegando o Dill nos parou pois estávamos sozinhos na rua. O mais velho perguntou: -O que estão fazendo aqui?-Nosso tio falou num tom autoritário nos parando.
 Aaron tentou disfarçar, mas não deu muito certo: -Mente Bella!
  -Aaron, não fala nada!
  -Eu não aguento criança chata!-nosso tio falou irado com a fala do Aaron-Eu quero ver se você vai falar isso para mim quando eu bater em você engraçadinho, e Bella não ache que vou te poupar!
 Calmamente falei
  -Bate, pode bater. Eu quero ver o que o meu pai vai fazer com você, será que vai sobreviver dessa vez?!-Eu e Aaron invocamos várias facas enormes-Não somos idiotas titio!
  -Posso fazer as honras?-Aaron falou com uma voz assustadora para uma criança de oito anos.
  -Pode, mas não machuca muito!-falei sorrindo malvada para nosso tio.

Uma mulher fez uma cara estranha para nós dois, uma cara de nojo, reprovação. Sumimos as facas deixando o demônio esverdeados fugir de duas crianças psicopatas.

Continuamos nosso caminho para ir a compra de doces na loja.

Break time

Depois de comprarmos os doces fomos caminhando para uma pracinha, a mesma que tinha uma fonte da juventude, mas ela foi retirada, não sei o motivo. Abri minha mochila onde tinha um tecido para cobrirmos o chão para comermos sem nos sujar nem a grama ficar incomodando nem pinicando, quando coçamos acabamos arrancando parte de nossas pernas, normal.

Continua...


Notas Finais


Bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...