História Pinwheel - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Junghan "Jeonghan", Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi"
Tags Dino, Dokyeom, Hoshi, Jeongcheol, Jeonghan, Scoups, Seokhoon, Seungcheol, Seungkwan, Seventeen, Soonchan, Verkwan, Vernon, Woozi, Yaoi
Visualizações 122
Palavras 1.315
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


CALMA, SEGURA A PEDRA MAIS UM POUQUINHO.

Gente, eu sei que eu demorei uma caralha de tempo pra atualizar, e tenho minhas lindas desculpinhas. Eu estava em um dilema sobre o andamento da fic (que aliás, Reyd meu xuxu me ajudou, obrigado sua linda), com um mini bloqueio criativo, e com muita falta de tempo. Vou tentar compensar tentando postar com mais frequência daqui em diante, prometo.

Bem, aproveitem o capítulo!

Capítulo 9 - I Love You


Fanfic / Fanfiction Pinwheel - Capítulo 9 - I Love You

Sorria vendo os traços do rosto do mais velho, sonolento em seus braços. Vernon e Seungkwan assistiam um filme até que o Boo ficara com sono, deitando no colo do mais novo. "Eu te amo, Boo" Vernon diz, sorrindo enquanto observava a beleza dele. "Eu também te amo, Vernonie..."

-x-

Se SoonYoung achava que aquilo pararia Chan, ele estava muito enganado. Ele nunca desistiria de seu Hyung.

Todos os dias, no intervalo, e mesmo com as reclamações de SoonYoung, Chan continuava a sentar com ele. Poderiam não conversar direito, já que SoonYoung insistia para Chan sair, mas ele apenas continuava ali como se não ouvisse nada, e continuava sua refeição. E aquilo estava enlouquecendo SoonYoung. O que porras ele queria com aquilo? Piorar a situação dele?? Primeiro se afastara, brigara com o mais velho, e então, depois voltara a falar com ele. E então, mesmo com a indiferença dele, continuara ali, sem nem se importar. O que ele queria provar com aquilo?

-Olá Hyung! - diz com um aparente bom humor, se sentando à mesa com ele.

-Oi... - diz baixo, sem olhar para o mais novo.

-Ah, hoje é um bom dia... - sorri para SoonYoung, começando a comer. - Estou comunicativo hoje... E consegui uma boa nota no trabalho, já estou sem tantas preocupações mais...

SoonYoung o olhava por um momento, mas volta a encarar a comida, remexendo ela sem real vontade de comer.

-Que bom... - murmura, levando uma garfada à boca.

Ouve a risadinha de Chan, e olha para ele, confuso. O mesmo passa o dedo ao redor de seus lábios, fazendo com o que o mesmo sentisse seu inútil coração bater um pouco mais forte do que o normal.

-Parece um bebê se sujando assim enquanto come, Hyung... - Chan diz, rindo.

SoonYoung suspira, soltando os talheres e apoiando o rosto no braço, olhando o mais novo.

-Então, sobre o que era seu trabalho?

Chan sorri satisfeito, suspirando de alívio internamente. Ele tinha conseguido ter a confiança de seu Hyung novamente. E aquela era uma brecha que o mais velho dera para voltarem a ser como antes. Ele não disperdiçaria essa oportunidade.

-x-

Jeonghan faz uma carinha de bravo vendo aquilo, mas acaba sorrindo. Segurava um cartaz colado em seu armário, bem como em toda a escola. Havia uma foto sua nele, junto com a legenda "Viu esse garoto? Não, ele não está desaparecido ou procurado, apenas queria que soubessem que eu amo ele". Seungcheol era inacreditável.

Segurando o cartaz, caminha até o armário do mais velho, tentando manter sua expressão brava.

-Ei... - cutuca o braço de Seungcheol, com um biquinho. - Pode me dizer o que é isso?

Seungcheol, vendo Jeonghan ali, solta um sorriso, e se vira, abraçando sua cintura.

-Hmm.. Parece um cartaz... - solta um risinho, dando um selinho no mais novo, seguido de vários outros.

Jeonghan acaba soltando um sorriso, contornando o pescoço do outro com seus braços.

-Agora está promovendo nosso namoro por aí? - diz sorrindo, dividindo seu olhar entre o mais velho e o cartaz.

O mesmo vira o mais novo, apoiando as costas dele no armário, enquanto tocava o rosto dele com a ponta dos dedos.

-Ah, eu sinto que se eu não honrar essa pessoa tão, mas tão linda na minha frente, eu não estou cumprindo minha missão nessa terra - ri baixinho, e puxa o mais novo para um beijo.

Jeonghan solta um suspiro, retribuindo o beijo enquanto enrolava seus dedos no cabelo do mais velho.

-Seungcheol... - murmura entre o beijo, sorrindo com seus rostos próximos, e a respiração do mais velho batendo em seu rosto.

-Ih! Ta pegando, hein Coups?! - um conhecido de Seungcheol, provavelmente algum jogador, diz, enquanto passava pelo corredor.

-Pegando? Ah, eu quero casar com ele, não se engane... - Seungcheol diz, olhando para o amigo rapidamente.

-Seungcheol! - Jeonghan sorri bobo, dando um tapinha em seu peitoral.

-Que foi? É verdade... - Seungcheol volta a olhar Jeonghan, sorrindo risonho para ele.

Agora o Jeonghan quem beija o mais velho, sorrindo entre o mesmo.

-Você não existe...

-x-

-Jihoon... - Seokmin tentava impedir o mais velho, enquanto o mesmo beijava ele.

Jihoon apenas ignorava ele, continuando a beijá-lo enquanto pressionava-o levemente na parede.

Perdendo a paciência, Seokmin empurra Jihoon para trás, o separando de si.

-Jihoon! Droga... - suspira pesado, passando as costas da mão pelos lábios. - O que pensa que está fazendo?!

Jihoon se assusta com o ato, mas logo se recompõe, andando devagar até Seokmin novamente.

-Acho que te beijando... E pretendo continuar a fazer isso... - quando se aproxima novamente de Seokmin, é empurrado de novo pelo mais novo, que bufa.

-Olha aqui, Jihoon... Eu sei que te disse que entenderia se você não retribuisse meus sentimentos... Mas eu não disse aquilo como se fosse permissão para me agarrar por aí quando quisesse... Eu fui claro! Se não retribuir meus sentimentos, tudo bem, mas se for o caso, se afaste de mim! Nós podemos ser muito bem amigos se você se sentir bem com isso, mas eu não quero apenas.......isso com você. Ficar apenas nos pegando em qualquer canto... Isso apenas prova que você está me usando, Jihoon...

O menor arregala os olhos, rindo incrédulo.

-Quem te disse isso? Quem falou isso pra você?! Que eu te uso?! - diz, o olhando furioso.

-Não interessa Jihoon! Não interessa quem foi!! Se quer provar o contrário, que me ama, então apenas diga! Não precisa espancar ninguém para isso. Muito menos alguém que me ajudou a perceber isso... - diz em um tom frio - Diga! Se ama, apenas diga!

Ouvindo um silêncio na sala, solta uma risada irônica, se virando para sair da sala.

-Você realmente estava me usando... Eu não acredito que fui tão cego... - diz, andando devagar até a porta. - Sei que posso parecer um boneco pra você, mas eu tenho sentimentos, Lee... Eu te amo...

Quando o vê atravessar a porta, Jihoon solta um grito de raiva, dando um soco na parede.

-Droga!

-x-

-O QUE? VOCÊ É LOUCO CHWE HANSOL?! - Sophia, a irmã mais nova de Hansol, diz incrédula, olhando para o irmão como se tivesse ouvido o maior absurdo.

-Que foi? Isso foi tão ruim assim? - diz confuso.

-VOCÊ CANTOU O MENINO COM AS PIORES CANTADAS DO MUNDO, E ACHA QUE FEZ CERTO? - solta uma risada irônica sem ainda acreditar. - Pelo menos conseguiu o número dele...

-Sophie~ Maninha~ - diz com uma voz fofa, piscando para ela.

-Argh... O que foi? - ela diz sem paciência, olhando para o mais velho em sua frente.

-Me ajuda... Por favor... - sorri para a irmã - Eu posso lavar a louça pra você por um mês!!

-Feito! - sorri também. - Vamos começar pelo básico... Chama ele pra sair, já que você tem o celular... Conversa com ele como quem não quer nada, mas dá umas indiretas... Nada de cantadas! E elogia ele bastante. Eu te ajudo com a roupa.

Hansol assente sorrindo, marcando tudo mentalmente.

-Obrigado, meu anjo - beija o topo de sua cabeça, correndo para pegar o celular.

-Só estou fazendo isso pela louça ok? - sorri. - Certo, vamos fazer isso...

-x-

[17:37] Número Desconhecido

Hey Boo

Eu [17:37]

Oi?

Hum... Quem é você, exatamente?

[17:38] Número Desconhecido

Meu nome é Hansol...

Mas pode me chamar de Han,

Eu [17:38]

NÃO, NEM TERMINA

[17:38] Hansol

Tudo bem... HAHAHA

Hm... Tudo bem?

Eu [17:39]

Tudo... E você?

[17:39] Hansol

Na verdade não... Não até você disser sim...

Quer sair comigo amanhã de noite?

Eu [17:39]

Hansol...

[17:39] Hansol

Vamos! Eu pago ;)

Eu [17:39]

Espera aí um pouquinho

-x-

Eu [17:40]

HANNIE, S.O.S

HANSOL ME CHAMOU PRA SAIR

EU ACEITO? REJEITO?

[17:40] Hannie

Aceita logo Seungkwan...

Ou quer ficar aí o fim da tarde vendo Netflix enquanto acaba com o pote de Nutella?

Eu [17:41]

Tá... Tudo bem

-x-

Eu [17:51]

Ei

[17:51] Hansol

Ah, você está aí...

Já estava aceitando uma rejeição

Sabe... 10 minutos nunca passaram tão devagar...

Eu [17:52]

Ah, desculpe...

Fui ajudar minha mãe com as compras...

[17:52] Hansol

Oh... Tudo bem :)

E então? O que me diz?

Eu [17:53]

Ok... Vamos

[Localização]

Passa aqui amanhã às 19:00

[17:53] Hansol

Tuuudo bem...

Até amanhã na aula então...

Eu [17:53]

Até...

-x-

-EU CONSEGUI!! - grita Hansol, rindo vitorioso - SOPHIE, EU CONSEGUI!

-Parabéns, Hansol... Agora me deixa dormir, obrigada?

-Eu consegui! - se joga na cama, com um sorriso bobo. Abraça o travesseiro, suspirando. - Ah, o que você faz comigo, Kwannie?


Notas Finais


Espero que tenham gostado <3

GENTE, TEEN, AGE É A MELHOR COISA CRIADA PARA O ENTRETENIMENTO E SALVAÇÃO DO MUNDO, PUTA MERDA.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...