1. Spirit Fanfics >
  2. Piri >
  3. Estrelas

História Piri - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Bem vindos ao penúltimo cap, poise, é uma pena

Mas espero que gostem

Boa leitura uwu

Capítulo 6 - Estrelas


Sigma se viu em um jardim, um local repleto de beleza e coberto por plantas raras e animais que nunca tinha chegado a ver, este andou por um longo período de tempo até entrar no centro desse jardim, o lugar tinha diversos pássaros voando e flores se abrindo. Quando este chegou mais perto, deu de encontro com Nikolai de costas, cutucou seu ombro levemente e perguntou:

 

— Nikolai, o que é isso tudo? — Perguntou o de cabelos coloridos para o jovem de costas

 

— Ah, isso? Era uma surpresa para você.... — Diz Nikolai se virando para Sigma com um sorriso doce em seu rosto

 

— Sério? Mas não precisava tudo isso... — Sigma riu levemente com a intenção do outro, que não deixava de ser fofo

 

— Eu sei que não, mas eu só queria fazer algo especial, sabe? — Nikolai disse pegando as mãos de Sigma de forma gentil

 

Sigma ficou com as bochechas avermelhadas com a ação feita por Nikolai, e logo depois, os dois começam a andar pelo jardim e por um momento de distração, o jovem de cabelos brancos pegou a mão de Sigma de novo enquanto andavam, e este não se importou, estava feliz com aquilo. Após muito tempo de caminhada, estes chegaram perto uma árvore e se sentaram a sua sombra, o de cabelos coloridos deitou sua cabeça no ombro de Nikolai e os dois começaram a olhar as estrelas no céu.

 

Nikolai se depara então em seu quarto novamente, dessa vez, o jovem tocou em seu ombro por simplesmente conseguir lembrar da sensação quente que dominou seu corpo quando Sigma encostou sua cabeça em seu ombro, por mais que fosse em sonho, conseguiu sentir até fora dele. Para sair de seus pensamentos, este se levantou e foi se arrumar para enfim ir para a estação de ônibus, quando chegou lá, não viu Sigma, provavelmente ou já tinha ido ou ainda não havia chegado, o que era um problema por culpa da diferença de horário que eles começavam a trabalhar — infelizmente, o de cabelos brancos teve que ir sem a companhia de Sigma para o trabalho.

 

*Quebra de Tempo*

 

No momento que começou o intervalo da hora do almoço, Sigma se aproximou da mesa de Nikolai, e cumprimentou o outro, alegre por ver o de cabelos brancos e depois se explicou que se atrasou por algumas razões, mas isso não o impediria de ir com ele na volta do trabalho. Nikolai respondeu que não tinha porque o outro ter se desculpado, porém o de cabelos coloridos era muito educado para deixar de se desculpar por um erro dele. No fim, Nikolai teria desculpado ele de qualquer forma, não importava a razão para qual ato.

 

Ao terminar o turno de ambos, os dois foram para um local ali perto para comerem alguma coisa e conversarem um pouco, tudo parecia comum e os dois conversaram sobre tudo que gostavam e descobrindo coisas novas em relação a um ao outro. Isso terminou com os dois garotos brincando a caminho de casa e teve um momento para conselhos e um que Nikolai colocou seu chapéu na cabeça de Sigma, causando ainda mais risadas. Finalmente, o de cabelos brancos deixou o outro jovem em casa e resolveu seguir seu caminho para a sua, com o outro jovem em sua cabeça.

 

*Um Tempo Depois*

 

Os dias se passaram, e a medida que a relação de Sigma e Nikolai progredia, mais Sigma sentia que esse ''amor'' ou qualquer outra coisa que passava por sua cabeça começou a dar medo ao mais jovem, os sonhos continuavam a mexer com sua cabeça mais do que deveria e a ansiedade tomava conta de seu corpo. Por sorte ou por azar, o chefe de Sigma o mandou para trabalhar para um lugar longe da cidade em que o de cabelos brancos e o outro jovem moram por algumas semanas, 3 semanas no máximo. Sigma teve um tempo para se arrumar e resolveu não avisar nada para Nikolai, entretanto, não adiantou muito pois Ivan acabou contando para ele. Por dias, Sigma evitou falar com Nikolai, e focou em seu trabalho, até o fim daquela viagem.

 

*Após a Volta de Sigma*

 

Quando o jovem voltou de sua viagem a trabalho, ficou ainda mais alguns dias sem falar com Nikolai, mas quando voltou a fazer o mesmo caminho de antes — desde a parada de ônibus, sabia que não podia mais guardar aqueles sentimentos para si, se esconder da pessoa que ama se tornou um desafio doloroso para Sigma. Ao chegar no trabalho, resolveu focar em tudo que tinha que fazer antes do intervalo e assim foi feito, o de cabelos coloridos precisava a todas as custas falar com Nikolai — este resolveu avisar a Ivan e Fyodor, precisava fazer com que os dois consigam convencer Gogol a falar com Sigma no intervalo. Demorou muito, mas enfim, os jovens conseguiram atingir seu objetivo.

 

Nikolai foi para um lugar mais afastado do resto das pessoas, de onde estavam acumuladas para almoçar na empresa. Sigma estava nervoso, mas sabia o que deveria dizer, como deveria agir perto dele. Quando o outro jovem chegou, Sigma o olhou e disse:

 

— Oi Kolya... — Sigma disse de maneira tímida

 

— Ivan e Fyodor disseram que você queria falar comigo.... — Nikolai disse se aproximando do outro, um pouco receoso

 

— Sim, eu precisava esclarecer tudo entre a gente.... — Sigma disse um pouco baixo, mas Nikolai estava acostumado com isso.

 

— Pois então....Comece a dizer... — Nikolai disse ficando atento as palavras que viriam da boca de Sigma

 

Muitas palavras foram ditas, Sigma estava sendo sincero com seus sentimentos e sabia também que fugir não poderia mais, após terminar de dizer tudo. Nikolai se aproximou de Sigma, e o de cabelos coloridos não recuou e enfim, o jovem disse:

 

— Eu fiz aquilo tudo....eu fugi de você, porque não aguentava essa pressão.... — Sigma disse quase que sufocando com a verdade que estava presa em sua garganta

 

— Que pressão?... — Nikolai perguntou curioso

 

— A pressão de te amar.... — Sigma disse pegando no rosto do outro e acariciando o mesmo — Eu precisava de um tempo para reorganizar meus pensamentos sobre isso e... — Sigma ia continuar falando, porém foi interrompido por Nikolai

 

— Sigma.....eu....também te amo.... — Nikolai disse acariciando o rosto do outro por alguns segundos antes de se aproximar mais e mais

 

Os dois aproximaram seus lábios e quando encostaram, foi algo especial, sentimental, ambos sentimentos eram recíprocos, seus corações batiam na mesma velocidade e seus corpos esquentavam, a medida que aquilo se tornava mais único mais o de cabelos brancos não queria se afastar daquilo. Aquilo não foi contado, então quando se separaram, Sigma sorriu para Nikolai e disse:

 

— Cuidaremos um do outro agora, não haverá segredos, podemos construir algo novo juntos... — Sigma pegou as mãos de Nikolai e as beijou carinhosamente

 

— Está bem.... — Nikolai disse sorrindo para Sigma docemente

 

 

 

''Eu vou encontrar a paz ao seu lado, Kolya...''

 

 

 

 

 

Continua.....


Notas Finais


UwU


UwU



UwU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...