História "Piroquinha mixuruca"(Jikook-Kookmin) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink
Personagens Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin)
Tags Comedia, Flex, Gay, Honey, Jikook, Kookmin, Xlaw, Yaoi
Visualizações 117
Palavras 832
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Fantasia, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong mochis! Como estão?
Espero que estejam bem.
Bom, me desculpem pela enrolação em atualizar não só PM mas sim todas as minhas fanfics. Ultimamente não estou tendo nenhum ânimo pra escrever, estou pensando até mesmo em apagar minhas fics e deixar minha conta em hiatus por um tempo.
Vim aqui atualizar PM só pra não deixar vocês na mão. Me perdoem por ter demorado tanto.
Não sei quando irá sair atualização nova e muito menos quando meu ânimo pra escrever vai voltar... Por isso, não fiquem com tantas expectativas... Talvez eu nem volte mais aqui kkk...
Enfim, tenham uma boa leitura.
Espero que gostem!

Capítulo 5 - Melhor ir se preparando, Park.



Continuação...

Após finalmente ter conseguido acalmar a fera do meu amigo, decidi voltar para minha sala de aula.
Os olhares que me direcionavam não estavam sendo nada agradáveis. Eu só queria enterrar minha cabeça num buraco e nunca mais sair de lá.

Um suspiro pesado escapou por meus lábios assim que entrei na sala de aula. Peguei meus materiais e os coloquei na mesa mais afastada, no fundo da sala.
Taehyung observava tudo sem dizer nada, apenas acompanhando com o olhar meus movimentos inquietos por todo o cômodo.

— Taehyung, acho que eu vou pra casa... Não tô com cabeça pra ficar aqui.— Ditei choroso, escondendo meu rosto em minhas mãos.

— Jungkookie, se você acha que é o melhor a se fazer, faça. Ficar aqui na escola por agora não é uma boa ideia, sabe?— Coçou a nuca, provavelmente procurando as palavras certas para usar.— Se você quiser, eu posso ir com você, tá?— Sugeriu, dando leves batidinhas em meu ombro.

— Não precisa, TaeTae.— Falei, baixinho.— Não quero que você tenha problemas aqui no colégio por minha culpa.— Me levantei, colocando a mochila nas costas.— Vou ir na secretaria e inventar uma desculpa esfarrapada pra eles me liberarem.— Ri levemente, vendo Taehyung fazer uma careta.

— Seu espertinho.— Semi-cerrou os olhos, apontando com o indicador em minha direção.— Vai lá. Espero que eles te liberem.— Sorriu, me puxando pra um abraço desajeitado.

Era incrível como Taehyung conseguia ser maravilhoso até mesmo em momentos ruins.

— Obrigado, TaeTae.— Agradeci, colocando o capu do meu moletom em minha cabeça.

— Você tá parecendo um maloqueiro.— Gargalhou.

— Deixa de ser besta.— Ri.— É pra não me reconhecerem.— Disse num sussurro.

Mesmo sabendo que provavelmente iriam saber que era eu ali, eu preferia mil vezes esconder meu rosto daquelas pessoas do que ter que vê-las rindo de mim.

— Se você diz né...— Ergueu os braços em rendição.— Fica bem, coelhinho.— Beijou o topo da minha cabeça.— Me manda mensagem quando chegar hein?

— Pode deixar.— Assenti levemente, finalmente saindo da minha sala.

Os corredores ainda estavam cheios, provavelmente era aula vaga para alguns ali.
Acelerei o passo, passando em meio a eles de cabeça baixa.
Algumas piadinhas idiotas foram direcionadas a mim e eu dei o meu melhor para ignora-las, segurando o choro que entalou em minha garganta.

Abri a porta da direção com pressa, adentrando o cômodo o mais rápido que pude. Diretora Lee me fitou por cima de seus óculos fundo de garrafa, franzido levemente o cenho.

— O que faz aqui em horário de aula, Jungkook?— Indagou, deixando de lado a papelada que estava lendo.

— Não estou me sentindo muito bem...— Falo baixinho, usando meus dots em atuação para convencê-la.— Hoje eu nem iria vir pro colégio, mas minha mãe me obrigou.— Falei choroso.

— O que está sentindo?— Arqueou uma sobrancelha.

— Muita dor de cabeça e minha barriga dói.— Levei minha destra até minha barriga, apertando levemente aquela região.

Um suspiro pesado saiu pelos lábios da mulher mais velha, que logo voltou a me fitar.

— Vou pedir pra te liberarem.— Pegou o telefone em cima da mesa, ligando para o porteiro do colégio para que ele me deixasse passar.

— Obrigada, senhorita Lee.— Fiz uma reverência.

— Tudo bem garoto. Agora vá pra casa e toma um remédio, sim? Não quero que meu melhor aluno fique doente.— Sorriu levemente.

Saí de dentro da sala, caminhando até o portão do colégio. O porteiro liberou minha passagem e então quando notei que estava longe da escola, comecei a correr em direção a minha casa.

***


... Terça-feira...


Me levantei com uma leve dor de cabeça, ouvindo o despertador tocar.

No dia anterior omma me encheu de perguntas, querendo saber o porquê de eu ter chegado mais cedo em casa. Obviamente eu menti

Cocei minha nuca, bocejando logo em seguida. Ouvi meu celular vibrar em cima do criado-mudo ao lado da minha cama e o peguei, notando que era uma mensagem do Taehyung.
Entrei no WhatsApp, o respondendo que eu estava bem e que não tinha motivos para ficar preocupado.

Franzi levemente o cenho ao notar que a foto do perfil de Jimin havia voltado a aparecer para mim.

Mas ele nao tinha me bloqueado?

Cliquei em seu contato, vendo que o desgraçado havia de desbloqueado. Fechei os olhos, sentindo a saliva descer como pedra por minha garganta. Comecei a digitar rapidamente, enviando a mensagem sem pensar duas vezes.


"Eu ainda vou te provar que eu tenho uma rola grande, seu baitola incubado!"

10:30AM✓✓


Após a mensagem ser enviada, bloqueei rapidamente o contato do loiro, me levantando da cama e rumando o banheiro.

Ahh Jimin... É melhor se preparar pro que te aguarda. Eu ainda me vingarei de você e farei com que pague por toda a humilhação que está me fazendo passar.


Notas Finais


Espero que tenham gostado. =)
Não se esqueçam de seguir meu perfil: _Honey-
Até mais💜 amo vocês.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...