1. Spirit Fanfics >
  2. Play With Fire and Ice - Shoto Todoroki. >
  3. Katsuki e Margarita

História Play With Fire and Ice - Shoto Todoroki. - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Oiiiiiiiiiii. Como vocês estão? Espero que estejam bem, hoje eu trouxe um capítulo que eu me diverti na hora em que eu o escrevi. Espero que gostem e boa leitura.😘😘😘😘😘

Capítulo 20 - Katsuki e Margarita


Fanfic / Fanfiction Play With Fire and Ice - Shoto Todoroki. - Capítulo 20 - Katsuki e Margarita

[.....] 1° de Abril.



Ufa! Já é Abril finalmente. Como eu posso dizer, as coisas estão meio monótonas aqui na U.A, eu gosto de correria e amo coisas novas, sempre tento fazer algo novo e a U.A.....be., ninguém mais me dá atenção, acho que eu me apeguei muito a todos aqui mais a nossa real intenção é estudar né, vídeos aqui para nos tornarmos heróis. Agora eu já estou shippando gente aqui da sala, vamos começar com o shipp da Uraraka e Midorya, Eles são super fofos juntos e com certeza eu acho que eles combinam, eles são super fofinhos, dá vontade de esmagar eles dois em um abraço bem apertado, eles são super fofinhos.


    Já o meu outro shipp favorito é o da Jirou e do Pikachu, eles são engraçados juntos, vivem juntos agora, tanto que ele até já me trocou e já me esqueceu, ninguém me ama nessa sala! Continuando, eles dois já estão bem próximos, eu já vi eles dois lutando na USJ juntos, a roupa deles é parecida, quando eu perguntei da Jirou ontem ele ficou animado e começou a relatar o quanto ela é legal, eu já não tenho mais o Kaminari isso é fato, ele já me trocou, mais eu shippo.


Outro Shipp bacana é o da Hagakure e só Ojiro, eu não posso ver ela, mais eu posso ouvi-la, eles conversando são tão bonitinhos, de todos os garotos ali ele é oque mais dá atenção para ela, tanto que nas aulas práticas eles treinam juntos e tudo mais, apoio esse támbém.


     Também temos o nosso Kiri Kiri com a Mina, eles dois já se conheciam, são amigos e tudo mais, porém ainda não vi muito avanço, mais ele super a admira desde um ocorrido quando ela salvou algumas alunas de um vilão na época em que eles estudavam juntos, quero mais avanço nessa bagaça.


Bom, por último até agora eu estou shippando o Picolé de pimenta com a Momo, sei lá, eles se dão bem e parece que ela é a única em que ele trata bem e presta atenção,porque o resto ele ainda é um pouco frio e também vive no mundo da lua, eu já vi eles dois juntos indo para o portão, já vi eles dois conversando, eles se sentam um ao lado do outro e algumas vezes debatem algumas tarefas, eles são os melhores da turma e são os mais inteligentes, Momo comparada a mim ela é uma deusa, eu não sei fazer nada direito, ela é inteligente, ela é educada e gentil, ela é legal e sabe fazer de tudo, além do fato dela ser burguesa coisa que eu não sou, agora eu, sou uma Margarina, não tenho muito peito e nem bunda, não tenho a barriga chapada que nem a dela, não sou inteligente, não sou boa com a minha individualidade, e também não sei fazer muita coisa, sou explosiva e chata, com toda certeza ela é a próxima Deusa Grega, pera? Por que eu tô me comparando mesmo? Eu tenho essa mania de me rebaixar, estou acostumada mesmo.


 Eu não tenho nada muito marcante na minha aparência e isso eu vou mudar e hoje, amo meu cabelo longo, mais não dá para lutar muito bem com ele, e támbém eu quero mudar mesmo, eu vou cortar ele beeeeeem curto, sempre sonhei em ter ele bem curtinho, e como o papai e a mamãe não estão aqui eu irei realizar meu desejo, irei cortar o meu belo  cabelo. Eu quero quebrar um pouco os padrões japonês de que garota bonita só é aquela que tem o cabelo liso e grande, eu não gosto de ser igual a todo mundo, eu gosto de ser diferente, para mim é bacana garotas terem o cabelo bem curtinho, eu acho simplesmente lindas as garotas que tem I cabelos assim, não que eu não ache bonitas as garotas que tem cabelos longos, porém eu quero cortá-lo e vendê-lo, estou precisando do dinheiro para comprar umas roupas e pagar a mensalidade da U.A pois o meu lindo tio não mandou esse mês o dinheiro, eu tenho um pouco guardado para emergência, e terei de arrumar um emprego de meio período, não posso depender somente dos meus pai e do meu tio.


- Hinata-san, eu irei cortar o cabelo, a senhora quer ir comigo? A senhora disse que quer cortar o cabelo, a hora é agora - Eu digo entrando no quarto da mais velha, a dona da casa estava deslumbrante, ela usava um vestido longo e uma jaqueta preta por cima, sem falar nos seus belíssimos cabelos loiros que estavam presos em uma trança para o lado.


- Vá se arrumar que eu já estou terminando de me arrumar, quero cortar o meu cabelo e ver se ele consegue ficar menos espetado do que já é kkkkkkkkkkk - Hinata-san diz e eu ri um pouco dela, seus cabelos são um pouco espetados e me lembra ao cabelo do Katsuki só que menos espetado e mais longo.


- Já vou me trocar - Eu digo e corro para subir as escadas, encontro o Benjamin saindo do quarto arrumado.


- Para onde esse Deuso grego vai ? Estás  gatinho - Eu digo para o mesmo e logo vejo a coloração do seu cabelo mudar com o meu comentário proposital e logo o seu cabelo fica rosa, eu amo quando ele fica envergonhado, os seu cabelo toma um rosa tão lindo.


- Eu sei que você gosta do meu cabelo rosa, mais não precisa provocar justamente na hora em que eu vou sair  - Ele diz e eu vejo seus cabelos se tornarem na sua coloração natural que é ruivo passando para o loiro, uma das coisas que eu descobri depois de ficar um dia sem falar com ele para tentar ver ele no seu normal e eu descobri que a cor do cabelo dele natural quando ele está de boas é essa.


 - Mais eu não posso negar que amo como o seu cabelo ruivo é lindo - Eu digo passando a mão nos mesmos e eles logo voltam para a coloração rosa. Ele suspira e toma a falar. - Eu irei no parque - Ele diz e dá um selar na minha testa e vai até a porta principal - Até mais Margarina - Ele diz de longe acenando brevemente e sai do cômodo.


Eu vou correndo e pego uma blusa cinza e uma calça preta um pouco rasgada, pego uma bolsinha preta e coloco meus documentos,dinheiro, meu celular e fones, juntamente com meu liptin que eu não posso sair sem, dessa vez eu vou caprichar, quero usar ao menos um gloss ou quero levantar meus longos  cílios


 Eu me troco rapidamente, penteio meus belíssimos e longos cabelos ruivos e os amarro em um rabo de cavalo, eu pego minha pulseira de ouro que eu ganhei do Papai e coloco, passo meu liptin, um gloss de morango e levanto os meus cílios, eu passo um perfume e calço o meu All Star preto com uma meia branca, eu saio do quarto fechando a porta e me encontro com a Bakugou na sala me esperando.


- Bem pontual em Margarita, agora vamos logo que eu estou enpolgadíssima para ver seu cabelo curto, vai ficar ainda mais linda - Ela diz me arrastando e eu só ri e a acompanho. Ela entra no seu prisma preto e eu a acompanho, eu não conheço muito Musutafu, é grande e tem muitas coisas que eu ainda não sei, apenas sei onde fica o aeroporto, sei onde fica a U.A, o Shopping e a estação de metrô támbém, sem contar que eu já sei ao menos andar sem me perder no centro da cidade que é cheio de placas e de coisas que me faz ter dor de cabeça.


- Hinata-san a senhora vai querer cortar o cabelo como? - Eu digo já animada imaginado os possíveis cortes de cabelo que ficaria bom nela, ela é belíssima, os olhos verdes e loira, sua pele e seu corpo deduzem que ela tem uns 20 anos, ela tem a individualidade de espalhar glicerina pelo corpo e isso ajuda a sua pele estar sempre mais jovial.


- É SUR-PRE-SA - A mais velha diz já me corroendo de curiosidade, ela sabe que eu sou super ansiosa e ama brincar com isso me deixando sempre mais curiosa. Eu cruzei os braços e virei o rosto para o lado da janela emburrada.


 - Kkkkkkkkkkk você parece o meu sobrinho, hoje eles virão aqui, quero te apresentar ele, vocês dois tem uma personalidade parecida - Ela diz dirigindo porém empolgadíssima, quem deve ser esse garoto que ela tanto fala que é parecido comigo? Tenho certeza que me darei bem com essa pessoa, porém eu sou temperamental e pelo visto essa pessoa também, então vai ser um pouco complicado.


- Estarei ansiosa esperando eles, quero conhecer meu irmão gêmeo - Eu digo e ela solta uma gargalhada, ela é realmente como uma mãe, ela é muito legal, ela é super animada, ela é compreensiva e também é muito sábia para uma mulher de 36 anos, ela é bem legal, e se possível eu quero me tornar uma mulher assim, impressionante.


 - Chegamos Margarina, agora vamos logo - Ela diz já saltando e em segundos ela já está me arrastando, eu apresso as minhas pernas e a acompanho, nós duas de mãos dadas começamos a pular na entrada do salão. 


Nós entramos e cumprimentamos a Cabeleleila Leila kkkkkkkkkkk brincadeira, cumprimentamos a Cabeleleila Mitsuha.


- Oque as duas beldades irão querer no cabelo hoje? -  Ela diz e nós duas explicamos como nós queríamos cortar o cabelo, ela dá um joinha e nós senta na cadeira e começa com o seu trabalho.


[......] Alguns minutos depois.


- Minha nossa senhora das Deusas desconhecidas, Hinata-san a senhora está uma gata. - Eu digo elogiando a mais velha, ela fez uma hidratação e uma escova, ela tá bém cortou seus belíssimos cabelos loiros em um corte V e fez um franjão maravigod, meu Deus, que vontade de ser o marido dessa muié, sortudo da peste, ele tem uma Deusa Grega ainda desconhecida ao mundo.


- Meu Santo Jabiroca tu estás linda Margarina - Ela diz passando as mãos nos meus cabelos já bem curtinhos, eu pedi para a moça cortar de um jeito que desce para fazer um aplique e que eu possa vender, e ela mesmo quis comprar, ela disse que meu cabelo iria fazer sucesso pois ele é de uma belíssima cor e é 100% natural, e eu levei uma boa grana com ele, ainda bem que ele estava no bumbum e ainda bem que eu estava cuidando muito bem dele.


- Agora eu quero ir pra casa para mim tomar um banho e depois me arrumar para o jantar - Eu digo para a mais velha olhando no relógio que marca exatamente 06:30 da tarde ela assentiu comigo e nós duas damos as mãozinhas e saímos da Cabeleleila Leila saltitantes, estamos belíssimas, eu estou linda com esse cabelo, sempre soube que esse corte cairia bem em mim, agora o problema é, como eu vou explicar para a minha mãe hoje?


- Eu tou super ferrada, como é que eu vou explicar para a Mamá? - Eu digo já desesperada com as mãos na cabeça e Hinata-san apenas começa a gargalhar da desgraça alheia.


- Lasquei-me - Eu digo e nós entramos no carro preto, ela dirige rindo e contando que quando ela era jovem ela já fez isso e tomou umas cintada da mãe dela kkkkkkkkkkk. Nós chegamos no portão de casa, ela estaciona o carro na frente do portão mesmo e eu desço.


- Nós vamos jantar fora hum? Eles também vão, eu não sou muito boa cozinhando e nem quero - Ela diz e desce uma gota da cabeça dela,eu ri um pouco da cara dela e concordo que sim com a cabeça.



Eu tomo uma ducha e lavo os cabelos também, eu os seco na toalha e saio do banheiro com uma toalha envolvida em meu corpo e uma em meus cabelos eu os seco esfregando a toalha no mesmo várias e várias vezes até ele enxugar.



 E agora, que roupa eu vou usar? Eu reviro a mala até que eu acho uma blusa branca com botões e com gola ( imagem da capa), eu pego a minha saia rodada curta de veludo da cor marrom(imagem da capa), e pego uma rasteirinha marrom também (imagem da capa). Eu pego um sutiã preto e um top preto também, eu visto a blusa branca e dobro um pouco as mangas na ponta, eu coloco um short e coloco a saia, eu escovo os meus dentes e ajeito o meu cabelo rapidamente porque não tem muita coisa que se faça né, cara eu estou linda, eu pego a mesma pulseira de ouro que eu estava usando ainda agora, eu pego uns anéis prata e coloco no dedão e no dedo indicador. Eu passo um perfume e calço a rasteirinha, eu pego minha identidade um dinheirinho e coloco na capinha do celular. Eu passo uma base de leve, eu levanto os meus cílios, passo um um pó compacto rapidamente, passo o lip tint e passo o gloss de morango. Tiro umas fotos e saio do quarto.


- Estou pronta Hinata-san, quando nós vamos iremos jantar? - Eu falo descendo as escadas ajeitando a blusa para dentro da saia e eu vejo o Benjamin, a Pâmela( Brasileira) e a Anne ( Estado Unidense ) prontos. Eu só vejo o queixo do Benjamin da Pâmela e da Anne cair, deve ser por causa do meu cabelo.


- Oh my good - A Anne escapa de sua boca e ele vem em minha direção, ela estava vestida com um short preto e uma blusa Oxford branca com uma bota preta, ela usava um cordão dourado com um pingente de um sol.


 - Nossa Senhora das Muié bonita - A Pâmela diz se achegando na minha direção, ela está vestida com um cardigan vermelho vinho, uma blusa branca juntamente com um colar, uma calça capuccino e um ALL Star branco.


- Me taca um ovo que eu tô chocado - Ele diz e seus cabelos se tornam rosas, ele me achou tão bonita que mudou a cor do cabelo dele? Ele está vestido com uma blusa preta preta de manga curta sem gola e uma calça estampada estilo militar, juntamente com um tênis preto e branco, como acessório ele usa um relógio de couro juntamente com uma pulseira hippie, seus cabelos estavam amarrados,bom, pelo menos oque dá para amarrar né.


- Gostaram do meu cabelo?-Eu digo sorrindo e pegando no mesmo, eu deixo os meus dedos massagearem um pouco o meu cabelo. 


- Amamos, você tá uma gata - Eles falam em uníssono, eu sorrio em resposta e eles fazem um breve cafuné em meus cabelos.


- Gente alguém vai ter que ir em outro carro, somos 6 aqui. - Anne diz e eu prontamente me vonluntario para ir no outro carro,porém,um ser é mais rápido que eu.


- Eu vou - Pâmela diz, a morena estava encantadoramente linda e com toda certeza ela vai conseguir fazer amizade com o sobrinho da Hinata e eu não vou ter nem chance para conversar com o meu irmão gêmeo perdido na maternidade kkkkkkkkkkk (brinks).


- Então está bom -  Dissemos e vemos Hinata e Hiroshi saem do quarto vestidos, e uau, esses dois são o casal mais lindo do Japão, não é possível, Hiroshi está um gato com essa blusa gola polo cinza juntamente com essa calça moletom preta da Adidas. E Hinata então está mais lindíssima, ela está vestindo uma blusa amarela e uma saia de prega preta e um salto fino, seus cabelos estão soltos e os dois estão com um colar de metadinha, dois fofos juntos.


- Vocês estão lindíssimos, o casal mais bonito do Japão disso eu tenho certeza absoluta - Eu digo de queixo caído no quanto eles são bonitos, um filho deles dois seria completamente lindo(a).


- Sério? Eu peguei algo casual mais pelo visto eu fiquei bem, concordo completamente que Hinata está linda, eu sou um sortudo por ter comigo a mulher mais perfeita que poderia existir - Ele diz e dá um beijo no topo da cabeça da esposa e ela imediatamente cora tanto que até um tomate teria inveja.


- V-você também H-hiroshi - Ela diz e esconde o rosto no peito do marido com vergonha, nós começamos a rir com a Hinata envergonhada e ela muda de assunto, dessa vez para me fazer ficar envergonhada assim como ela.


 - Se arrumou, passou até maquiagem em Margarina, aposto que quer ver o meu sobrinho - Ela diz e dessa vez é a minha vez de ficar com vergonha, eu queria enfiar minha cara na terra e nunca mais sair.


- E-eu quero só conhecer, nada demais, e aliás eu me arrumei para mim mesma - Eu digo e me escondo atrás do Benjamin que começa a rir juntamente com os outros.


- Bom, quem vai com a minha irmã? Já se decidiram? - A mais velha diz mudando de assunto, já está acertado é a Pâmela que vai.


- Pâmela vai com ela - Benjamin diz e Hinata apenas assente confirmando um sim com a cabeça. Ouvimos um carro apitar na porta de casa.


- Eles já chegaram - Benjamin diz e abre a porta, nós saímos, a Hinata e o esposo foram cumprimentar os mesmos e Pâmela vai junto porque  ela vai ir no carro deles né.


- Tomara que seja uma pizzaria eu estou louca para comer uma pizza- Eu digo me sentando no banco do passageiro atrás juntamente com Anne e Benjamin, eu me sento no lado direito na janela, Benjamin no meio e Anne no outro lado. Eu apoio minha cabeça no ombro do maior bocejando.


- Eu também estou com muita vontade de comer pizza - Benjamin diz e Anne concorda olhando o celular. Eu dou um breve cochilo até ser acordada por Benjamin.


- Chegamos, vamos comer pizza, uhuuuuuul - Ele diz e na mesma hora eu me acordo e comemoro com os outros dois. Nós saímos do carro e vimos de longe as pessoas saindo do outro carro, dois loiros e apenas um de cabelo castanho, eu penso comigo mesma tentando distinguir quem era quem.


Mais égua, eu conheço ou já vi aquela silhueta, égua, tá né vai ver é paranóia minha, eu digo e sigo o casal Bakugou que entrava na pizzaria juntos e nós três os seguimos.


 Nós ficamos parados no começo da pizzaria tentando escolher que .está nós iremos nos sentar. A nós escolhemos uma mesa e nós sentamos, não demorou muito e eles chegarão, primeiro veio uma mulher muito bonita assim como a Hinata porém com os cabelos mais espetados com a cor dos olhos carmesim, que linda. Depois veio um homem de cabelos castanhos aparentemente seu esposo, depois veio a Pâmela e depois veio um loiro....pera aí, eu conheço este garoto, pera?


- Katsuki? - Acaba escapando dos meus lábios o seu nome, é ele mesmo, ele está vestido com uma blusa preta e uma blusa de mangas compridas brancas por debaixo da mesma, ele está usando uma bermuda marrom e um ALL Star branco. Uau, o Katsuki consegue ficar mais bonito a cada dia, então ele é o sobrinho da Hinata-san? Então ele é pessoa que é super parecida comigo na personalidade.


Eles chegam e nós nos levantamos e cumprimentamos o casal e o filho, tenho certeza que Katsuki ainda não me reconheceu porque ele ainda não me cumprimentou e muito menos me olhou. Arrogante como sempre.


- Margarina, esse é o meu sobrinho, aquele que eu disse que é parecido com você em questão do temperamento forte - Ela diz e o Katsuki apenas olha para mim e depois olha para outro lugar.


- Não seja mal educado e cumprimente ela Katsuki, me desculpe pelo meu filho - Ela diz e dá um beliscão no braço dele e ele começa a murmurar, ela houve e dá um coque bem em cheio na cabeça dele, kkkkkkkkkkk eu vivi para ver o Katsuki apanhando da mãe, já gostei da senhora tia, a senhora bota moral é isso aê kkkkkkkkkkk. Eu me seguro para não rir e acaba escapando um risonho contido dele.


 - Quer morrer? - Ele diz todo afrontoso, eu só fecho o meu punho e dou um coque na cabeça dele e levanto o meu rosto para cima já que ele é maior que eu e ele não estava vendo direitinho que era eu.


- Não ouviu sua mãe não? E você não fala assim comigo - Eu digo e ele me olha com fúria mais depois que percebe que sou eu Margarina ele derrete um pouco a raiva dele.


- Tu cortaste o CABELO MARGARINA? - Ele se assusta ao ver que sou eu de cabelo curtinho. Eu pego na minha franja e esfreos meus indicador e dedão nela.


- Cortei - Eu digo e solto a minha franja - Gostou? - Eu digo e ele vira a cara. - Não tá mais feia que antes - Ele diz e eu sorrio com a resposta, ele gostou do meu cabelo.


- Vocês já se conhecem? - Hinata-san diz e eu e Katsuki damos um joinha. - E pelo visto vocês se dão bem né - Hinata-san diz e eu agarro o pescoço do Katsuki. - Melhores amigos Hinata-san - Eu galo e o Katsuki bufa.


- Me desculpe por ser tão indelicada Bakugou -san, meu nome é Margarita Villanueva, é um prazer conhecê-la - Eu digo me curvando e eu tenho uma atitude inesperada da mais velha.


- Você é a amiga que o Katsuki disse? Nossa, você é muito fofa mesmo - Ela diz e aperta as minhas bochechas e me puxa para um abraço, eu correspondo e dou um sorriso, então o senhor Katsuki já falou sobre mim é? 


- Katsuki é muito parecido com a senhora, a senhora é muito bonita, você e sua irmã tem cara de 20 anos. - Eu digo e por um momento eu vejo seus belíssimos olhos carmesim brilhar.


- Tá vendo Katsuki, ela me acha mais nova e bonita, finalmente tu arranjou uma amiga que eu gostasse, aqueles teus amigos eu não gostava de alguns - Ela diz me abraçando e eu sorrio e dou a língua para o Katsuki.


- Agora vamos comer? Estou com fome - Katsuki diz mudando de assunto, nós rimos e nós sentamos, eu me sentei ao lado do Benjamin e da Pâmela, e eu estou de frente para o Katsuki e do lado dele estão Anne e Hinata-san com o Hiroshi e do nosso lado estão os pais de Bakugou.


- Eu quero pizza de camarão - Eu e Benjamin falamos juntos e nós olhamos na mesma hora e sorrimos. - Eu quero pizza de Frango com catupiry - Pâmela diz passando a mão na barriguinha dela.


Eles começam a debater qual era a melhor pizza e lá estava eu olhando para o Katsuki que também estava olhando para mim, bixo bonito que me faz ter uma parada cardíaca a cada vez que eu olho para ele.


- Oque foi Katsuki? - Eu digo e ele parece sair de um transe, ele olha para as mãos que estavam juntas em cima da mesa e me olha de novo.


- Eu gostei do cabelo - Ele disse e eu vi que o explosivo realmente tinha gostado pois não tinha parado de olhar para mim. Eu sorrio e digo um obrigada.


 - Katsuki, a sua mãe tem quantos anos? - Eu digo e ele se engasga com o vento, pelo visto a idade é algo que não se pode tocar.


- Não posso dizer -  Ele diz e eu começo a rir, dona Mitsuki treinou muito bem esse garoto, aê dona Mitsuki.


- Chegou a Pizza - Eu digo com o garfo e a faca nas mãos, eu já corto lindamente o meu pedaço e já recheio com maionese e ketchup. Eu olhei para frente e vi um loiro explosivo que estava com dificuldade em pegar o pedaço de pizza, eu pego e coloco no prato dele, ele me olha e diz um obrigado sem som.


 - Kkkkkkkkkkkkk Katsuki tu não sabe cortar a pizza? É assim ó - Eu digo tentando mostrar como se corta com o garfo e faca, ele mesmo resmungando ele tentou fazer como eu estou fazendo e ele consegue.


- Katsuki tu acredita que a Hinata-san achou que eu me arrumei para conhecer o sobrinho dela? Kkkkkkkkkkk, não imaginava que era você - Eu digo e ele solta um tsc e um sorriso contido apenas no canto da boca sem mostrar os dentes.


- Tu é muito tapada Margarina, meu sobrenome é o mesmo que o da minha tia - Ele diz e bate na testa rindo, nossa, que sorriso lindo, não é um simples sorriso, é um sorriso natural de Katsuki Bakugou, o nosso explosivo, meu Deus, acho que eu morri e ressuscitei nesse céu , meu Deu meu coração parou.


- Katsuki acho que meu coração está parando de bater - Eu digo colocando a mão no peito direito tentando sentir o meu coração bater dramatizando uma novela mexicana aqui, sou ótima em atuar.


- Idiota - Ele diz ainda sorrindo e coloca um pedaço de pizza na boca, eu faço um clone meu nascer atrás dele e eu faço com que meu clone se abaixe e coloque os dedos nas suas costelas o fazendo cócegas, ele se contorce um pouco mais não resiste e solta uma gargalhada juntamente com um SHINEEEEEEEEEEE, eu desfaço o meu clone rindo e termino o meu pedaço de pizza.














Notas Finais


Cara eu amo essa amizade sério, eu amo muito. Espero que tenham gostado, obrigada por ter lido, me perdoem por erros ortográficos e por erros gramaticais. Até o próximo capítulo, beijo na bundinha e Adios 😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...