História Playground-Imagine Jeon Jungkook-BTS - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga
Visualizações 88
Palavras 477
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Volteei!
Vou fazer um suspense maior pra esse capítulo, eu acho que me superei, hahah * - *
Comentem o que acham, espero que gostem!
Os próximos só dessa vez saem na Terça, se eu puder, mas vou tentar postar...
Boa leituraaa

Capítulo 17 - Capítulo 17-O destino está com inveja de nós.


Fanfic / Fanfiction Playground-Imagine Jeon Jungkook-BTS - Capítulo 17 - Capítulo 17-O destino está com inveja de nós.

- DICA: LEIA OUVINDO SERENDIPTY –

Sentamos na beira do penhasco, enrolados em dois cobertores de um pelinho grosso, admirando as constelações. Eu tirei algumas fotos, inclusive com o Jeon.

-Jungkook..

-S/n..

Falamos ao mesmo tempo, depois sorrimos

-Pode falar primeiro- ele disse

-Não, fala você. O que eu ia dizer não era tão importante. Coisas da minha cabeça.

-O que eu ia perguntar também não. Pedra papel tesoura pra ver quem fala ? – ele disse, ri e fizemos, deu empate nas duas vezes, mas na segunda, ele venceu, e então disse :

-Você e o Taehyung parecem bem...Apaixonados. Combinam muito, são bem fofinhos juntos. – disse sorrindo – Fico feliz por ele ter encontrado alguém legal. Mas notei uma coisa hoje; Você voltou estranha da conversa com o Hoseok no estúdio. O que rolou lá? Pode ser sincera. Ele te fez algo? –perguntou

-Não, ele não fez nada, eu adoro ele. É só que...Ele me contou uma coisa que me deixou um pouco relutante sobre o Tae. Sobre a identidade dele.

-O que tem isso?

-Ah, sei lá... Eu venho procurando por um melhor amigo de infância muito especial meu há anos. Eu o perdi, foi muito triste, e eu o amava, ele também. Seu apelido era Kookie. Nossas mães eram muito amigas, sempre íamos um na casa do outro... – sorri lacrimejando – Eu perguntei pro Taehyung no dia do piquenique se era ele, ele comentou que sim, eu já suspeitava, seu jeito era semelhante. Mas aí... O Jhope falou que chamam VOCÊ desse jeito,  e o Tae nunca comentou nada sobre essa história toda.Eu me sinto enganada...

Ele começou a lacrimejar.

-O – o que foi? Algo de errado? A história é tão comovente assim? – perguntei sorrindo em meio a algumas lágrimas

-Eu acho que eu te encontrei. – ele falou – Eu sou o “Kookie.” Da Dupla de Caramelo. Não ele. Você se enganou sim, mas me encontrou. – sorriu chorando – Desculpa por isso – ele soluçou – É que eu sempre vagava por aí na esperança de te achar. Eu exagerei em te isolar depois daquilo mas... Eu  realmente te amei muito. Eu sempre achei você parecida com a minha melhor amiga dos Kinder’s ovos. Mas nunca comentei nada pra não dar uma de... – o abracei chorando muito, ele retribuiu.

Éramos eu, ele, cobertores, lágrimas quentes e um céu esplendido. Eu nunca imaginei esse reencontro, e olha que pensei nele por anos.

Ele começou a me beijar. Como se estivesse descontando em meus lábios todo esse tempo seu desejo em me ter de volta, e o meu também. Ele parou o beijo quente e rápido e disse:

-Eu te amo. Sempre te amei. Ainda bem que não desistiu de nós depois do que te disse aquela noite, caso contrário não estaríamos aqui, agora. Obrigada.

Voltei a o beijar. Fomos pra debaixo das cobertas. De crianças, não tínhamos mais nada...

Pense o que quiser...


Notas Finais


<3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...