História Please don't go(Errink) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Papyrus, Sans
Tags Dustberry, Errink, Horrorkiller, Shipis
Visualizações 103
Palavras 985
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Noite e Beijo


Fanfic / Fanfiction Please don't go(Errink) - Capítulo 6 - Noite e Beijo

On Ink

Quando saímos daquele brinquedo do amor, eu olhei para o relógio e já era 00:42, lembrei que tinha que levar o Blue para a casa, e também que eu precisava dormir.

- Error, eu tenho que ir em bora - Falei meio triste, já que ia sentir saudades, mesmo que fosse por algumas horas.

- ok, vamos se encontrar na quela barraca, você procura seus amigos, que eu vou procurar os meus - Falou ele se distanciando.

Fiquei andando o parque inteiro, mas não achei Bluberry ou Dream. Estava ficando preocupado, até que alguém colocou a mão em meu ombro, quando eu olhei para trás era Error com Horror no lado.

- Você achou Dust ? - Perguntou ele - Eu não estou conseguindo achar em lugar nenhum - Completou

- Não, eu rodei o parque todo - Falei cansado e com um bocejo

- Já sei a onde ele deve está - Falou Horror - Ele deve está atrás do parque, lá tem um Ponte de sofás velhos, mas aconchegantes - Disse ele completando a frase

- O Bluberry deve ter ficado com sono, ele dorme cedo, alendo mas, ele ficou acordado a noite toda ontem - Falei revirando os olhos e seguindo eles

 Com Nightmare e Dream ( on Dream  )

A gente estava fora do parque, Nightmare disse que queria me mostrar uma coisa, eu fiquei curioso, então, eu disse sim, mas Ink deve tá me procuram. Deixa!

Chegamos em um lugar escuro medonho, eu fiquei com medo.

- N-N-Nightmare? - Chamei o nome dele. Eu senti uns braços me abraçando, e alguém colocando a mão em minha cintura.

- Calma, vai fica tudo bem - Falou ele calmamente - Saiba que na escuridão tem magia - Falou ele

- C-C-Como a-a-assim?! - Perguntei meio nervoso

- abra os olhos - Falou ele fazendo alguma coisa, só que eu não vi, pós estava de olhos fechados, quando eu os abri, vi uma coisa linda.

Era um laguinho com uma ponte, cheio de vagalumes, mas parecia que aquele lugar estava abandonado, oque deixava aquele lugar quieto, e mas bonito.

- Que lindo, Nightmare! - Falei com estrelas nos olhos

- Só não tão lindos quando seus olhos - Falou ele - Cof Cof quero dizer Cof Cof estrelas - Falou ele meio nervoso

- Owwwnn, você gosta dos meus olhos! - Falei meio corado, deixando ele com muita vergonha.

- C-Cala boca ! - Falou ele virando o rosto para o lado

Eu cheguei perto dele e abracei seu braço, e fiquei olhando para ele até ele me notar. Ele olhou para mim e eu dei um beijo na bochecha dele, oque fez ele corar um pouco

- Vamos voltar para o parque, os meus amigos devem está preocupados comigo - Falei fazendo ele ficar um pouco triste

- Nos encontramos amanhã na porta do parque? - falou ele com um sorriso

- Claro - Sorri

 Com Ink, Error e H ( On Error ) 

Estávamos de boca aberta com a sena que estávamos vendo, Bluberry no meio das pernas de Dust e dormindo no peito do mesmo. Puta que pariu, Dust tá muito pegador. Ink estava sem palavras, e Horror não disse nada, só ficou tirando fotos. Finalmente, quando descidimos . acordar os dois, eles ficaram com muita vergonha e só levantaram.

Nos saímos de lá e fomos até a porta do parque, quando chegamos, Ink e eu vimos um garoto com Dream. Ele estava beijando as bochechas do mesmo, em quando o Dream pedia para parar

- Heh, para seu bobo ! - Falou Dream com o rosto muito ruborizado

- Heh Tá bom, até amanhã - Falou aquele garoto com uma coroa de meia lua

Eu e Ink fingimos que não vimos nada, alendo mas, eu e Ink ficamos muito contentes pelo Dream, mas também ficamos com vergonha quando olhamos um para o outro.

Chegamos no portão, todo mundo estava se despedindo, e perguntando oque aconteceu de bom, eu cheguei perto de Ink e puxei ele para um canto.

- Oque foi Error? - Falou Ink olhando para mim

- Você não acha, que o garoto do seu sonho sou eu? Porque, para pra pensar, eu falo mesma frase todo o dia como você, eu as vezes quando falo essas frases eu as vezes choro, e quando eu durmo, escuto um garotinho com uma voz parecida com a sua. - Falei olhando para os olhos dele também

- Então…. você era meu amigo de infância? Você era meu melhor amigo, aquele que eu sempre brincava, aquele que eu nunca saída de perto? - Perguntou ele olhando para mim

- Eu acho que eu sou - Falei com vergonha e meio tímido

Ink me abraçou e eu devolvi o abraço, derrepente eu escutei alguns barulhos de choro, estavam vindo do Ink me abraçando.

- F-finalmente! E-eu encontrei V-você! * Snif* Error! - Falava ele me abraçando mas forte

- Hey, Hey, não chora, eu não gosto quando você chora, calma - Falei saindo do abraço e segurando o queicho dele, olhando para seus olhos.

- Não chora, ok? - Falei dando um beijo em sua bochecha, e ele chegou para trás, e encostou as costas na parede.

- E-Error? - Falou Ink, mas foi interrompido por um beijo meu

Eu explorava cada canto da boca de Ink, sentia seu sabor viciante, esse era meu desejo, dês do começou. Meu beijo foi respondido, e Ink me emprensou na parede. Era um sabor de tutti frutti muito forte, era muito viciante que eu não queria parar, até chegar a maldita falta de ar. Nois nos separamos, ficamos conectados por um fio de saliva bem fino.

- Ruru ~~ - Disse ele me chamando

- Sim? - O respondi

- por favor, nunca mas se vá - Falou ele me abraçando

- Eu prometo, Kinky - Falei respondendo o abraço.

Depois de um tempo, saímos do esconderijo a onde a gente estava e fomos para direções opostas. Eu fiquei com muitas saudades do Ink, e de sentir o gosto dele denovo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...