História Plebleia - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 253
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Não tenho direito sobre as imagens e essa historia é uma mistureba inspirada em várias coisas que gosto de livros,animes, mangá, cartoons, séries que também não tenho qualquer direito.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Plebleia - Capítulo 1 - Prólogo

Disseram que sou uma garota de sorte. Por que nasci morta,ma conseguiram me resucitar no último momento. Eu não compartilhava dessa mesma opinião. Ficava pensando se não teria sido melhor morrer do que viver em uma família desfucional.

Minha mãe foi obrigada a se casar com o cara que a engravidou.Ela sempre olhava pra mim como se eu fosse a causa de todo o seu sofrimento.Meu pai era um alcoólatra infiel.

Consegui sobreviver aos primeiros anos da minha vida ficando calada e sendo obediente.Fugindo sempre que minha tinha ataques de fúria. Me escondendo sempre que meu pai chegava bêbado em casa. A situação se tornou critica depois que minha mãe tentou matar meu pai. Não a culpo, mais cedo ou mais tarde uma de nós teria feito isso. Sem contar as amantes do meu pai.

Minha mãe foi internada em um hospital psiquiátrico. Após a experiência de quase morte meu pai parou de beber, se tornou um novo homem, até se casou de novo.

Já eu fui mandada para um orfanato.Onde conheci meu anjo da guarda. Uma prostituta, que tinha se tornado muito rica atendendo clientes importantes. Ela me adotou mesma já tendo uma filha morando no colégio interno. Minha irmã  nem desconfia da profissão da nossa mãe. Sei que ela me adotou e me deu a melhor educação somente para garantir que alguém vai sustenta-lá na velhice. Afinal se pode ser a prostituta mais bem paga do reino para sempre. Essa é a historia d como verei rainha.



Notas Finais


Só um prologo de uma ideia que eu tive.Uma ideia que não sei se vou ter capacidade de desenvolver


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...