História Poder sobre mim. - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias It: A Coisa, Riverdale, Stranger Things
Personagens Beverly "Bev" Marsh, Chefe Jim Hopper, Dustin Henderson, Eleven (Onze), Lucas Sinclair, Maxine "Max" Mayfield / "Madmax", Mike Wheeler, Steve Harrington, Will Byers
Tags It: A Coisa, Riverdale, Stranger Things
Visualizações 11
Palavras 637
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Tô aqui dnv e mais cedo Kkkkk
Bom vamos lá terminar a maratona né? Boa leitura minhas amoras
5/10

Capítulo 20 - Eu vou acabar com isso


Fanfic / Fanfiction Poder sobre mim. - Capítulo 20 - Eu vou acabar com isso

-Foi assim. 

Flashback on*

A gente estava lá discutindo.

Até que a El cai no chão.

-QUEM VOCÊ PENSA QUE É GAROTA? DANDO EM CIMA DO MEU NAMORADO!- Beverly grita chamando a atenção de todos.

-SAI DESSA BEVERLY! OLHA O QUE VOCÊ FEZ! SUA IDIOTA!- Grito me abaixando para socorrer El.

Beverly a empurrou e ela bateu a cabeça no carrinho de bebidas, que um dos garçons estava a trazer.

Ela estava desacordada e eu já estava aos prantos, eu não podia perder a minha menina. A testa dela estava jorrando sangue. E eu não sabia como fazer para parar.

-VOCÊ NÃO FEZ ISSO SUA CADELA!- Max chega dando um tapa na cara de Beverly.

-QUAL É MAXZINHA? A GENTE ERA AMIGAS LEMBRA? FOI ELA QUE ME ATACOU!- Ela sorri.

-SUA PUTA!- Max pula em cima dela, e bate o mais forte que pode.

Enquanto Steve estava vomitando no banheiro. Lucas foi pegar gelo para colocar na testa de El.

-El acorda por favor! Acorda! Eu preciso de você. Aqui, comigo! Acorda!- Eu começo a chorar e ela acorda.

-ELA ACORDOU! LUCAS ELA ACORDOU!- Eu a beijo e parece que o mundo para. Parecia que só existia eu e ela no mundo.

-O que aconteceu? Ai!- Ela coloca a mão na testa.

-Vamos para casa El! Lá eu vou cuidar de você.- Eu falo a pegando no colo, estilo noiva.

-Ok...

Na casa dos Wheelers, 06:30.

Eu entro em casa. Não tem ninguém. Estão todos no salão.

-El, vamos lá para cima.- Ela começa a gragalhar. Bebida.

-Vai subindo. Só vou pegar um remédio.- Eu vou até a cozinha e pego a caixa de primeiro socorros.

-MIKEEE! SOBE DE UMA VEZ! QUERO VOCÊ AQUI COMIGO!- Ela grita e eu estranho.

Eu subo.

E ela está só de calcinha e sutiã.

-Uoou!- Eu fico olhando.- Vem cá Mike!- Ela chega perto e eu saio do transe.

-Eleven! Se cobre!- Eu enrolo o roupão nela.

-Vamos tomar um banho gelado!- Eu digo e ela me olha com malícia.

-Vamos!- Ela sai toda saltetante.

Coloco ela embaixo do chuveiro e tiro o roupão dela.

-Vai me deixar sozinha mesmo Mike? Mais uma vez?- O jeito que essa garota lida com as palavras me comove.

-Não Eleven. Nunca mais.- Suspiro e me sento no chão virado para o box.

-Eu já volto. Só vou pegar uma roupa pra você tá legal?- Ela assente.

Volto para meu quarto.

Pego uma blusa larga e uma calça de pijama que ela deixou aqui, das vezes que dormiu aqui em casa. Ano passado.

-MIKEEE!- Ela grita do banheiro.

-OOOOOOOI!

-AS ROUPAS!- Levo as roupas até o banheiro.

Ela se veste e vem para o quarto.

-O que aconteceu com a minha testa?- Ela pergunta colocando a mão em cima do machucado.

-Ah Beverly...- Ela me interrompe.

-Shiiiiii! Tô com sono.- Ela esfrega os olhos e se deita na minha cama.

-Vou trocar de roupa, já volto.- Eu saio em direção ao banheiro e ela me puxa.

-Pode trocar aqui. Eu não ligo!- Ela sorri.

Eu troco de roupa e me deito no sofazinho do quarto que tem do lado da minha cama.

-Mike...- Ela me chama baixinho por causa que meus pais já chegaram.

-Eu?- Eu falo baixinho também.

-Pode deitar comigo.- Ela levanta e me puxou para cama junto com ela. Assim que a gente deita na cama ela se aconchega em meu peito e assim dormimos agarradinhos.

Flashback off*

-E agora estamos aqui tendo essa conversa.

Eu levanto.

-Entendo. Então foi a puta da Beverly que machucou a minha testa? Eu mato aquela vadia!- Eu começo a andar de um lado para o outro. E ele ri de mim.

-Por que está rindo?- Me sento na cama.

-Você é muito fofa brava!- Ele me beija.

Continua..




Notas Finais


É isso kkkkk
Volto em seguida minhas amoras


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...