História Poemas de uma noite chuvosa - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Poesia
Visualizações 2
Palavras 89
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Magia, Mistério, Poesias, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oiiii

Este poema, foi inspirado em uma das minhas histórias mais loucas, aonde existe uma sociedade secreta, de seres muito poderosos , denominados ,como ceifadores ou colecionadores, que são encarregados de cuidar da coleta das almas, e do seu julgamento. E bem...esse poema foi baseado na personalidade, e na personagem principal da narrativa, que seria a filha do líder dessa sociedade secreta. O poema vem do ponto de vista de um dos personagens que é o melhor amigo da personagem principal.


M. B.

Capítulo 8 - "Sete-alem"


SETE-ALEM

Ela é o pecado...

O pecado reencarnado.

Ela não teme a verdade,

Pois ela é a rainha, a majestade.

 

Seus olhos queimam como fogo,

E em sua veias corre o *soró.

Ela tem a pele como gelo,

A pele que tocar anseio.

 

Teus cabelos como a noite,

E teu toque ardente como um açoite.

Seu olhar,

É como as mãos a me afogar.

 

Mas eu gosto de ser seu escravo,

Pois sei que só em seus braços eu relacho.

Sua palavra é a água,

Que lava mim alma.


Notas Finais


Oiii

Comentem pfv!!


M. B.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...