História Poesias Poema e Prosa - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amor, Novela, Pensamentos, Poema, Poesia, Prosa, Romance, Versos
Visualizações 78
Palavras 172
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 15 - Mar de lágrimas


Fanfic / Fanfiction Poesias Poema e Prosa - Capítulo 15 - Mar de lágrimas

Era um oceano salgado e morno do qual em suas gotas eu me afogava.

Esse mar de lágrimas que minha alma inundava com suas tempestades e seus furacões.

Minha alma inquieta sofre com a tormenta, o vento que hora me leva um passo a frente, hora ao passado me retorna.

É como embalar- me no balanço do desespero.

Se eu correr a solidão me pega, seu eu ficar o amor me cega.

A dor transpassada através da vidraça do tempo.

Espantou a doce primavera e os raros raios de luz que se podiam ver aqui de dentro  ja não vejo mais.

Só os meus gritos arranhavam os vidros nas manhãs geladas de outono.

E os meus dias agora anoitecem mais cedo.

Me fecho no escuro de mim mesmo e agora sempre é noite aqui dentro.

No meu outono nebulozo e triste  despeço -me de mim mesmo deixando tudo que existe.

Me tranco em solidão e nada me fará falta .

Será este meu pedido de trégua ao meu exausto estado de guerra   


Notas Finais


Gostaria de agradecer imensamente ,todos [email protected] que leram ,comentaram e add nos favoritos .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...