História Pokémon - O Destino Final - Capítulo 47


Escrita por: ~ e ~MiyazonoGardner

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Agatha, Blue, Brock, Charizard, Crystal, Gold, Leaf (Green), Lt. Surge, Mew, Misty, Pikachu, Professor Carvalho, Red, Silver, Yellow
Tags Anime, Aventura, Blue, Continuação, Green, Mangá, Pikachu, Pokémon, Pokémon Adventures, Pokemon Special, Pokeshipping, Red, Yellow
Visualizações 21
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Suspense, Violência
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aqui o capítulo que descreve mais ou menos a viagem que eles estavam fazendo para Hoenn, não é muito longo é mais um resumo, ate chegar a parte importante!

Capítulo 47 - Em alto mar - pt.1


Fanfic / Fanfiction Pokémon - O Destino Final - Capítulo 47 - Em alto mar - pt.1

Red:

O navio tinha zarpado e finalmente saído da costa de Vermillion, iriamos seguir com o SS. Anne do Surge, que já estava livre faz um tempo, depois da minha volta de Johto. Ele iria nos dar apoio e conforto para seguirmos nessa jornada, e o Líderes de Ginásio cuidariam de Kanto para nós, depois que o Green havia os comunicado sobre o que acontecia claramente. 

A viagem se iniciava pelos oceanos, a mare estava calma e tranquila e o vento sereno e fresco, estávamos seguindo o fluxo do mar e a correnteza que nos levaria a Hoenn facilmente, mas já esperando algo, o acontecimento que tinha ocorrido por lá, uma inundação.

- Quanto tempo vai levar para nós chegarmos Surge? - Eu perguntei a ele, enquanto ele deixava no piloto automático.

- Cerca de umas oito horas ou nove, se ficar firme no curso. - Ele me olhou e respondeu brevemente o tempo que levaria, após fazer alguns cálculos.

- Certo, eu irei ficar com os outros... - Antes que eu pudesse entrar na área aonde os outros estavam, Gold me arrastou pela camiseta e começou a correr ate uma área meio aberta do navio - E-eeii Gold!! O que ta fazendo? - Eu perguntei surpreso depois que ele me levou e me largou.

- Red!! Tome cuidado com aquela treinadora, ela é coisa séria. - Gold mostrou-se preocupado e depois me olhou sério. 

- Pode deixar amigo, não vou decepciona-lo. Nós temos as megas evoluções, usaremos ela caso a coisa ficar difícil demais. - Eu logo o assegurei o que iriamos fazer e depois juntos  voltamos para a área aonde os outros estavam, ficando conversando, as vezes jogando cartas, ou jogando em nossos aparelhos tínhamos trazido (game boys). O tempo se passava, e as ondas nos levava junto com as e hélices e força no návio, com uma frente e rumo linear, da onde as correntes iriam se propagar, nos levando ao alto mar, ate que chegássemos a um ponto aonde não poderíamos mais contar com as correntes marítimas e teríamos que lutar contra o mar que se encontrava em um nível maior, devido a subida da maré pela chegada da noite escura e fria. 

Os ventos estavam bem gelados, davam para ser sentidos dentro dos quartos, felizmente tínhamos cobertas e roupas de frio, para nos aquecermos naquela friagem. O tempo já estava tarde, e nós estávamos prontos para dormir e descansar, caindo no sono nas camas do navio do Surge e acordando de manhã cedo para avistarmos como iria a viagem. 

- Bom dia pessoal.. - Eu disse depois de bocejar e me espreguiçar, olhando a todos que estavam de pé. - Sério que eu fui o último a acordar? - Eu olhei para todos e eles começaram a rir da minha cara de sono.

- Foi. - Green logo me respondeu e deu um soco no meu ombro e depois apontou para as janelas. - É melhor comer logo, Surge disse que enfrentaremos uma tempestade. 

- Uma tempestade?! - Eu falei surpreso.

- Mas relaxa Red, ele parece ser um cara experiente... - Gold falou enquanto estava jogando no vídeo game portátil, apertando os botões e as vezes olhando para a tela. 

- É verdade... e essa embarcação é grande, deve aguentar uma chuvinha.. - Eu murmurei enquanto eu ia lá para cima, verificar com Surge quanto tempo ainda faltava. - Ei, quanto tempo ainda falta? - Eu perguntei depois de chegar na cabine do capitão.

- Cerca de umas três horas... - Surge respondeu enquanto lia uma revista.

- Três horas.. hum.. pouco tempo. - Eu desci enquanto falava e depois aguardei quieto no meu quarto, olhando os meus pertences e coisas, ate que de repente houve um forte estrondo. - O-o que foi isso?! - Eu perguntei após sentir um grande tremor no navio.

Rapidamente eu sai do meu quarto e fui ate o corredor, vendo se os outros também tinham ouvido e sentido isso, e quando cheguei todos estavam olhando na parte de fora.

- O que está havendo? - Eu perguntei depois de chegar próximo a todos, mas eu quase cai depois do próximo estrondo. 

- Aaah!! - Todos gritaram enquanto a luz piscava e quase todos perderam o equilíbrio com a curva arriscada que o navio tinha feito para o lado.

A tempestade estava pior do que esperávamos, o mar estava gigantesco e pesado, suas ondas eram fortes e devastadoras, a correnteza era intensa e desequilibrada, e por estar meio de tarde, a maré do mar havia subido junto com a tempestade, elevando fortes e gigantescas ondas e um enorme barulho de raios e chuviscadas  da tempestade que se propagava. Mal sabíamos que aquilo tudo não era de proposito, tudo tinha um sentido, e aquilo iria se revelar adiante para a gente, quanto mais próximos ficávamos de Hoenn.

- Todos vejam imediatamente para a cabine do capitão!! - A voz de Surge se propagou pelos rádios do navio, dando o anúncio e chamada da gente - Repetindo, venham a cabine já!!! - Ele gritou e um barulho sonoro horroroso de interferência se propagou junto.

Corremos rapidamente para a cabine, e demos de cara com Surge que pilotava o navio furioso e meio nervoso, tentando lutar contra as correntes do mar, a embarcação chegava a se inclinar para os lados, e as ondas sempre batiam na lateral no navio, em outras ocasiões nas costas e nos empurrava fortemente para frente. De forma resumida o mar estava nervoso!

- Algo de estranho está no radar no navio, olhem ai!! - Ele continuou pilotando e segurando o timão (volante do navio), tentando lutar contra o forte mar. 

Nos aproximamos do radar e logo vimos que uma grande criatura estava a volta do navio e que sempre que se mexesse, o mar criava mais uma onda ou impulso forte contra a gente, como se tudo fosse causado por aquela criatura que sabíamos mais que tudo que aquilo era um pokémon, mas não qualquer um, mas o pokémon que já havíamos lutado uma vez no passado...

Aquilo tudo não era uma simples tempestade, era influenciado por uma força maior, e desta força sabíamos que já encarraríamos o nosso primeiro inimigo...

Continua...  

 


Notas Finais


Já já teremos uma grande ação! Gostaram do capítulo? Espero que sim! Deu um pouco de trabalho, pois nunca escrevi sobre uma viagem de barco ou navio


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...