História Pokémon : A nova lenda - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Pokémon
Tags Ash, Blue, Brook, Clemont, Dawm, Gold, Iris, Leaf, May, Misty, Pokémon, Red, Serena
Visualizações 12
Palavras 2.161
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Romance e Novela, Saga, Shounen, Violência

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


fala galera hoje eu lhes trago mais um capítulo dessa saga, espero que vocês estejam gostando de ler tanto quanto eu estou gostando de escrever.

Capítulo 6 - A festa , A vidente e o Caos.


Fanfic / Fanfiction Pokémon : A nova lenda - Capítulo 6 - A festa , A vidente e o Caos.

Nossos heróis, Léo e Sindy , haviam decidido fazer sua aventura juntos e por tal razão eles caminhavam em direção a próxima cidade, Petalburg. Léo queria desfiar o líder do ginásio da cidade, Max, tio de sua amiga de infância Sapphire , já Sindy , ia pra conhecer melhor os pokemóns da região . 

Quanto mais eles se aproximavam da cidade mais movimento eles viam, muitos carros e pessoas indo a direção a cidade, e Léo achava aquilo estranho. 

-Esse movimento todo é estranho – disse Léo 

-por que? - pergunta Sindy 

-Você que não é da região não sabe, mas a cidade de Petalburg não é muito grande, por isso não deveria ter tanto movimento 

-ah deve ser por causa da apresentação de Serena. 

-Serena? - Pergunta Léo 

-Ah não, a apresentação dela foi ontem, hoje deve ser apenas o restante das pessoas chegando pra festividade da cidade. 

-Que festividade ?, quem apresentação? , que Serena ?, e como você sabe de tudo isso ? - diz Léo 

-A festa de aniversário de 200 anos da cidade , o primeiro dia de festas foi ontem , e abriu com a Apresentação da melhor e mais famosa Performer do mundo , Serena. 

-Espere um minuto, você está falando da Serena ketchum , esposa de Ash ketcum , também conhecida como a rainha de Kalos , é dessa Serena que estamos falando? 

-Ela mesmo. 

-incrível, não acredito que ela esteve por aqui, isso era algo, que valeria a pena ser visto , ei espere um momento, será que ela fara outro apresentação hoje? 

-Não, provavelmente ela deve estar indo pra outra cidade, ela tem apresentações por toda Hoenn . 

-como você sabe disso Sindy? 

-Eu sou fã número 1 dela. 

-Então você é fã número 1 dela e do Ash, espere um minuto, você não é uma daquelas garotas que ficam shipando casal ,é? 

-Sou sim , dei até um apelido para eles , AMOURSHIPPING. 

-Meu deus, HAHAHAHAHAHAHA , vocês mulheres são todas iguais. 

-Não deboche de mim , se não eu mando meu pikachu de dar um chooque do trovão em você 

Pika- pika , pequena faíscas saem da bochecha do pokémon, que fazem que com que Léo se assuste . 

-Ok ok , não vou mais debochar . 

-HAHAHAHAHAAH - só estou brincando com você - disse a garota 

Os dois riem e continuam a sua caminhada. Finalmente eles chegam na cidade, logo na entrada eles veem um cartaz gigantesco anunciado o aniversário da cidade, haviam centenas de pessoas nas ruas, elas iam e viam entre as barracas de comida e as de entretenimento, havia uma música festiva que tocava através de altos falantes espalhados por toda a cidade. 

-UAU, está tudo tão lindo- disse sindy com os olhos brilhando 

Pika pika 

-É verdade , tudo parece tão divertido – disse Léo enquanto olhava para as barracas de comida. 

-Ei , Léo , tive uma ideia , por que não aproveitamos a festa um pouco? 

-Claro, mas só depois de eu ganhar minha insígnia . 

-AAAAAH , mas vai demorar. 

-Não se preocupe , vou vencer rápido e depois vamos nos divertir pra comemorar minha vitória  

-Aaaaaaah , mas eu estou com fome – Sindy faz cara de aborrecida. 

-ok , façamos assim , você vai lá comigo , e quando sairmos de lá , eu lhe pago um lanche. 

-VOCÊ JURA?!?! - fala a garota com os olhos brilhando. 

-Sim eu juro. 

-É ISSO AI , EU TOPO , RUMO AO GINÁSIO. A propósito , você sabe onde fica o ginásio Léo? 

-Só me siga.- diz o garoto que começa a correr. 

-EI LÉO, ME ESPERA – diz Sindy tentando acompanhar a corrida de seu amigo. 

Léo corre entre a multidão , ele já havia visitado o ginásio antes quando era mais novo, ele conhecia o caminho . Após uma breve corrida ele já podia ver o ginásio. Ele olha pra Sindy , que vinha logo atrás e aponta o ginásio para ela , empolgado , ele aperta ainda mias o passo , ele estava cada vez mais próximo. 

-Ei cuidado , vá devagar , você vai dar com a cara na porta- disse Sindy ofegante. 

-Está tudo bem , a porta é auto- AAAAAI. 

A porta não abre e ele da  com a cara nela. 

-AI AI AI AI AI – geme léo com dor. 

-Eu avisei – disse sindy se abaixando do lado do garoto , para ver como ele estava. 

E nesse momento um homem surge perto dos dois. 

-ei vocês , o que acham que estão fazendo? 

-Desculpe senhor , eu tentei avisar pra ele ir devagar – disse Sindy 

-Meu deus , pra que essa correria toda? E o garoto?está bem? Ei, espere um momento , é você Leon? 

Léo limpa os olhos que estavam lacrimejando por causa da dor , ele olha pro homem e o reconhece , era Max o Líder do gínasio. 

-caramba é você mesmo, quanto tempo . Sapphire não está com você ?- falou Max enquanto ajudava Léo a se levantar. 

-Quem é Sapphire ? - pergunta Sindy 

-Minha sobrinha , ela e Leon são amigos de infância . 

-Deixa isso pra lá, Max eu vim te desafiar para uma batalha pokémon - disse Léo com fogo nos olhos. 

-Opa opa ,calma lá campeão ,antes de qualquer coisa por que você não lê aquela placa bem ali na porta . 

Léo observa que tem uma placa na porta , ele se aproxima pra ler . A placa dizia . 

 

GINASIO DE PETALBURG 

FECHADO POR UMA SEMANA 

DEVIDO A FESTA NA CIDADE 

 

-OOOOOOOOOOOOOOOOQUEEEEEEEEEEEEEEEE?????? 

Léo fica extremamente desapontado , isso era um balde de água fria para ele, ele estava tão ansioso por aquilo. 

-HAHAHAHAHAHAHA- Sindy começa a gargalhar  

-do que você está rindo? 

-nada é so que é engraçado saber, hahahaha 

Léo se vira pra Max e esbraveja. 

EEEEEEI MAX , EU EXIJO MINHA BATALHA , AQUI E AGORA. 

-Pode tirar o cavalinho da chuva, eu mereço uma folga – diz max 

-Mas você como Líder der ginásio, você não pode negar uma batalha. 

-Sim eu posso, mas somente nos dias que o ginásio estiver fechado, e no regulamento dos líderes de ginásio diz que podem ser no máximo 30 dias, ou seja , estou dentro da legalidade. 

-Isso é um absurdo. 

-Para de reclamar Léo, todos tem direito a uma folga. - diz Sindy interrompendo a reclamação do garoto. 

-Mas eu quero minha batalha eu vim de tão longe. 

-mas não vai ter, aceite  

-NÃO 

-NÃO SEJA IMATURO LÉO 

-Eu não vou discutir com você, agora , Max me ouça be.... UÉ? CADÊ O MAX? 

Enquanto Léo e Sindy discutiam Max tinha ido embora , deixando apenas um bilhete para trás , Sindy pega o bilhete e o lê em voz alta. 

 

DESCULPA PESSOAL , EU ADORARIA FICAR AQUI DISCUTINDO COM VOÇÊS , MAS AI EU ME LEMBREI QUE A CIDADE ESTÁ EM FESTA E QUE EU DEVO CURTIR MINHAS FÉRIAS. ENTÃO,HASTA LA VISTA. 

 

                                         COM AMOR , MAX 

 

PS: LEON, VOLTE SEMANA QUE VEM PARA EU TE DAR UMA SURRA NA BATALHA DO GINÁSIO. 

 

Sindy olha para Léo , tentando segurar o riso , o garoto estava petrificado , ele não acreditava , ele estava tão empolgado , e agora ele teria que esperar uma semana para batalhar. 

-então, o que vamos fazer agora? Barraca de lanches ? Barraca de jogos?- disse a garota empolgada. 

-Não sei, tanto faz – fala Léo extremamente desanimado. 

-AH vamos lá não fique assim, semana que vem você tenta de novo. 

-você não entende... 

-Sabe o que vai te animar? No caminho do ginásio eu pude ver a loja de uma vidente, e sabe o que você pode pedir a ela? Que mostre a você como será a próxima batalha contra o Max , assim você teria a vantagem . 

-Você acredita mesmo nessa baboseira? 

-AH vamos lá vai ser divertido. 

-Se eu não for você vai me infernizar, não vai? 

-Sim, vou sim. 

-Tá que seja, vamos logo. 

-EBAAAAAAAAAA!!!!! 

Muito empolgada, Sindy toma a frente e começa a procurar pela loja vidente, leva um pouco de tempo até encontrarem a loja, mas com a perseverança de Sindy eles a encontram e entram na loja. 

Lá dentro era um local exótico, as eram acolchoadas e da cor vermelha, o lugar era apertado , cheio de prateleiras com objetos estranhos , a luz do lugar era fraca , e tinha cheiro de incenso muito forte, entrando um pouco mais a dentro da loja eles encontram um pokémon. 

-ok,esse eu não conheço- disse Léo 

-esse é o alakazam , um pokémon do tipo psíquico - responde Sindy. 

-Obrigado ,pokédex humana ,então esse é o vidente? 

-obviamente que não -disse uma voz vindo das sombras, a vidente se mostra , era uma mulher muito idosa , ela andava curvada , e usava um longo vestido roxo. 

-esse é meu alakazam , ele é meu ajudante, eu sou a vidente e me chamo Lucy, e você meu jovem rapaz se chama Leon, e já essa linda mocinha se chama Sindy. 

-INCRÍVEL- disse Sindy , empolgada. 

-Incrível é você minha menina, eu vejo a grandeza correndo em suas veias , e isso lhe dá muito orgulho , mas também ,  lhe dá medo, você não quer passar a vida nas sombras de seus pais , e sombra é muito grande. 

Sindy cora , a velha vidente parece ter tocado em um ponto sensível , vendo isso Léo decidi se retirar do lugar pra deixar a menina ser atendida , primeira , ele sai da loja e se senta em um restaurante logo em frente , ele pode um refrigerante e espera . 

A espera foi tanta que o garoto acaba cochilando, sendo acordado por Sindy. 

-Meu deus, quanto tempo levou? - disse Léo esfregando os olhos  

-só duas horinhas , vai é sua vez , eu vou te esperar aqui.- disse a menina. 

Léo se levanta e se dirige lentamente até a loja , com a lerdeza de quem acabou de acordar , ele entra na loja e vai até a sala da vidente , onde ela já o aguardava. 

-por favor senta-se  - diz a vidente , e assim o garoto o faz , ela olha fixamente para ele por 5 minutos sem dizer nada, até que então ela fala. 

-Estranho , eu não consigo ler você , muito estranho.... 

-Isso é preocupante? 

-verei na minha bola de cristal. 

A velha senhora passa a mão sobre a sua bola de cristal ,e no mesmo instante ela da um grito e cai da cadeira, 

-meu deus , você está bem?- diz Léo preocupado. 

-M-meu menino, ah meu menino, eu vejo , eu vejo , o toque do destino em você- diz a vidente com cara de assustada. 

-como é ? Do que você está falando- diz léo confuso. 

A senhora pula na direção do Léo ,o agarra pelos ombro e grita 

-É O DESTINO , O DESTINO E ELE ESTÁ VINDO , ESTÁ VINDO NA SUA DIREÇÃO , ESTEJA PRONTO MEU MENINO ESTEJA PRONTO. 

Léo tenta se soltar da senhora , quando ele ouve gritos pela rua , e então , uma forte explosão , e tudo fica escuro. 

Dor , muita dor  era o que Léo sentia naquele momento , ele sente algo quente escorrer pela sua cabeça, ele passa a mão e vê que é sangue , a loja estava destruída , havia fogo e fumaça pelas , ruas , e então Léo se lembra de Sindy , ela estava no restaurante , ele levanta com dificuldade, sentia muita dor, ele seguem em direção ao restaurante , mas não econtra a menina , ele apenas encontra o lugar destruído. 

-SINDY ONDE VOCÊ ESTÁ ? ME RESPONDA SINDY. 

Ele chama pela garota , mas não tem resposta , ele tenta caminhar para procurar por ela , mas ele está com muita dor, sua cabeça está girando. Então ele vê alguém se aproximando dele , eram duas pessoas, mas não era quem ele esperava , um dos homens que se aproximam era um dos bandido que tentaram sequestrar a Sindy na Floresta, e o outro ele não reconhecia mas usava o emblema da equipe magma. 

-é ele chefe , é aquele garoto que eu falei.- disse o bandido. 

-que foi? Contou tudo pro seu namorado e veio tirar satisfação foi? ,hahahaha- disse Léo tentando mostrar força. 

-você tem algo que me pertence, eu quero de volta – disse o homem com a roupa da equipe magma. 

-Eu não sei do que você está falando – responde Léo. 

O homem ri , e estala os dedos ,e nesse momento surgem outros 6 capangas da equipe magma com seus pokémons , eles cercam Léo por todos os lados. 

-se você não vai falar, eu vou fazer você gritar. 

Léo, olha para os lados procurando uma saída , mas não havia nenhuma , aquela era uma situação ruim , muito muito ruim , não havia como escapar, ele ia ter que lutar. 


Notas Finais


chegamos ao fim de mais um capítulo , espero que vocês tenham gostado, sugestões ou críticas vocês podem deixar nos comentários, um forte abraço a todos e até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...