História Pokémon Restructure: Sinnoh Arc - Capítulo 177


Escrita por:

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Aaron, Ash Ketchum, Barry (Jun), Bertha, Braixen, Brock, Conway, Cynthia, Dawn Hikari, Delia Ketchum, Fantina, Flint, Gary Carvalho, Grace (mãe de Serena), James, Jessie, Johanna, Kenny, Khoury, Leaf (Green), Looker, Lucas, Lyra, Meowth, Nando, Paul, Personagens Originais, Pikachu, Professor Carvalho, Professor Rowan, Red, Riley, Serena, Tobias, Ursula, Zoey
Tags Amourshipping, Arceus, Ash, Batalhas, Breedershipping, Concursos, Dialga, Equipe Galáctica, Lendas, Liga, Missão, Palkia, Pearlshipping, Penguinshipping, Pikachu, Pokémon, Rivais, Romance, Serena, Sylveon
Visualizações 149
Palavras 3.403
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shounen, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


O Grande Festival começou pra valer, e tanto Serena quanto Dawn começaram com adversárias difíceis a seu modo. Serena mostra sua grande habilidade derrotando Ursula, enquanto Dawn, completando mais uma combinação, derrota Nicole. Assim como as duas, Chaz, Zoey e Nando também passam, e outros ainda podem vir.

Capítulo 177 - Resolvendo a Pontuação! Os Coordenadores de Twinleaf



— Agora, é hora de passarmos para a nossa próxima batalha, então deem as boas-vindas aos nossos próximos competidores! – anuncia Marian.

 

De uma forma incrível, usando Breloom e Floatzel, Kenny também vence sua batalha, enquanto Sheila passa usando Zangoose e o Persian Alolano. Agora, terminava a primeira batalha do Bloco D, onde Jesselina havia vencido usando Cacnea e Seviper.


— Caramba, a Jessie conseguiu de novo! – anima-se James.


— Gosto de pensar em nós como líderes de torcida como um investimento para nossa saúde. – diz Meowth.


— Woooobbuwobbu...


__________________________________

 

Enquanto as últimas batalhas iam acontecendo, Jesselina vai para o vestiário, onde vê seus parceiros a esperando.


— Vocês viram? – pergunta Jessie – Eu não preciso de uma arquibancada pra vencer.


— Qualé, isso não dói. – diz James – Fizemos um merchandising e levantamos uma graninha.


— É mesmo? – Jessie ergue as sobrancelhas por um instante, e então repara nas costas de Meowth – E então, o que tem no saco?


— Isso não é nada... – Meowth pega um dos cartões, tremendo um pouco – Por alguma razão, esses cartões terminaram criando... poeira.


— Wowowobbu... – diz Wobbuffet, também tremendo, quando Jessie pega o referido cartão da mão de Meowth.


— EU?! – indigna-se Jessie: o cartão de Jesselina era o que não havia feito sucesso, o que faz James e os demais tremerem – Eu vou dar um jeito nisso rapidinho. – a arroxeada puxa uma canetinha e autografa a foto – Cartas de glamour assinadas pela própria Jesselina. Elas vão se mover tão rápido que vocês vão ficar chocados! A número um dos torneios de cartões de venda! HAHAHAHAHAAAA!

 

Ela dá sua risada cacarejante, e James, Meowth e Wobbuffet, que tinham ficado nervosos há poucos segundos, dão um suspiro de alívio.


__________________________________

 

No final da tarde, Ash e Brock tinham se reunido a Serena e Dawn, recostadas na tenda mais próxima da Arena Valor. Zoey e os demais já tinham retornado ao hotel, com Ursula tendo saído sem dizer nada a ninguém, enquanto Nicole tinha cumprimentado e agradecido Dawn pela batalha incrível.


— A Nicole tinha razão, você fez uma ótima batalha, Dawn. – elogia Ash.


— Piplup. – secundou Piplup.


— E claro, que você também foi magnífica, Sere. – Ash traz a namorada pra junto de si, dando-lhe um beijo no canto da boca.


— É mesmo, foi uma vitória tremenda contra a Ursula. – sorri Dawn.


— Depois das coisas que ela falou, eu tinha que provar o que eu deixei no ar pra ela em Daybreak, né? – Serena dá um sorriso com um pequeno toque de maldade.


— Mas amanhã, vai ser uma batalha mais difícil pra você, hein, Dawn? – Brock fala.


— Kenny... – suspira Dawn – Mas claro, eu não pretendo deixar que ele me vença.


— Já sabe quem vai usar? – pergunta Ash.


— Vou chama-los ainda hoje. – Dawn fala – E tenho que pensar no próximo desafio, caso eu passe.


— O mesmo vale para mim. – Serena fala – Afinal, quem vem não é nenhum amador...


— Chaz... – lembra Ash.


— E no Bloco B, com sorte, amanhã poderemos acabar testemunhando uma batalha entre a Zoey e o Nando. – lembra Brock.


— Vocês estão no caminho pra disputar diretamente. – Ash fala – Boa sorte.


— Obrigada, amor. – Serena fala.


— E não precisam se preocupar, nós vamos conseguir. – garante Dawn, obtendo o aceno de aprovação de Serena.


___________________________________

 

Durante a noite, o quarteto estava no quarto de Ash e Serena dessa vez, já que ambas as Coordenadoras não estavam conseguindo dormir, ansiosas pelo dia seguinte, e apenas estavam sentadas na mesa da sacada, olhando para o céu noturno.


— Ainda perdidas em pensamentos? – as duas se viram para Ash, que vinha com Pikachu e Brock.


— Não dá pra negar a ansiedade. – Serena responde.


— Afinal, amanhã são as batalhas que vão definir os semifinalistas. – completa Dawn.


— Sim... mais de cem Coordenadores entraram, e apenas quatro de todos vão para o penúltimo dia. – diz Serena.


— Sim... se conseguirmos, vai mesmo parecer um sonho. – sorri Dawn.


— O Grande Festival para vocês já é real, e amanhã vocês vão conseguir transformar o objetivo da semifinal em realidade. – Brock fala – Tenham a certeza de que vocês serão duas dos quatro que passarão pras semifinais.


— E se um encontro entre vocês só for possível na final, façam tudo pra estar lá e darem aos fãs a batalha das batalhas. – incentiva Ash.


— Sabemos que podemos conseguir. – sorri Serena.


— É, não precisa se preocupar. – concorda Dawn – Certo, Piplup?


— Piplup! – Piplup afirma com energia. Nesse momento, todos escutam um belo som: o som de uma harpa.


____________________________________

 

Do lado de fora do hotel, um Swablu vinha descendo e se junta a outros tantos Pokémon que tinham se reunido para ouvir a bela melodia da harpa de Nando. Atraídos pelo som, Ash e os demais também tinham saído do hotel e ido até o local onde estava o menestrel.


— Uau... – suspira Dawn.


— Isso é incrível... – Serena diz com uma expressão sonhadora.


— Eles foram atraídos pra cá pela linda música de Nando. – diz Brock. Todos ficam em silêncio, apenas sentindo a música tocarem fundo seus corações, até que Nando percebe a presença do grupo e para de tocar, se aproximando com um sorriso cordial.


— Boa noite, meus amigos.


— Boa noite./Pika./Piplup. – eles respondem, e logo Dawn continua sozinha – Que música linda e relaxante.


— Chegar ao terceiro dia da competição tem sido uma surpresa pra mim. – Nando fala com humildade – Pelo menos, eu tenho a minha música para aliviar os afazeres do dia.


— Que alívio. – outra voz se faz ouvir, e todos veem Zoey se aproximando, também com suas roupas de dormir – E eu pensei que era a única que não conseguia dormir.


— Com certeza não é. – todos veem mais duas pessoas se aproximando: eram Kenny e Sheila, cujo Persian também queria chegar até o local da música.


— Zoey, Sheila, Kenny... – Serena acena para eles.


— Pelo visto, todos estamos com o mesmo problema de ansiedade extrema. – Sheila comenta.


— Ei, Nando. – Zoey olha para o menestrel – Vai fazer um grande show amanhã.


— Obrigado. – responde Nando.


— Isso também serve pra todos nós, né? – Zoey olha para Dawn, Serena, Sheila e Kenny.


— Isso aí. – concorda Kenny – Esteja pronta pra perder amanhã, D’D.


— Mas nem no seu sonho, Kenny. – responde Dawn.


— Bom, quem de vocês passar, irá me enfrentar, porque eu planejo vencer. – ronrona Sheila.


— É essa animação toda que queremos ver. – Ash fala – Vão dar o seu melhor amanhã.


— E vamos mesmo. – Serena fala.


______________________________________

 

No dia seguinte, a agitação na Arena Valor era quase palpável enquanto os fãs acompanhavam a primeira batalha do dia. Era a batalha do Bloco A, onde Serena estava enfrentando um jovem de terno chamado Bart, que usava uma equipe de Drifblim e Bellossom, contra as Wormadam e Milotic da kalosiana.


— Bellossom, use Petal Dance! Drifblim, use Spit Up agora! – comanda Bart. Bellossom libera um grande ataque de pétalas, que circunda um raio branco disparado por Drifblim.


— É mais uma poderosa combinação de Bart, liberando o poder que Drifblim acumulara! – narra Marian, e os pontos de Serena abaixam.


— Milotic, use o Twister agora!/Mioooooo! – a bela serpente-marinha libera seu tornado, cuja rotação faz o ataque duplo de Bart espiralar por ele – Wormadam, Quiver Dance!


— Wooooorm! – Wormadam começa a dançar, enquanto o tornado de Milotic termina de redirecionar os ataques, explodindo-os no ar e fazer uma chuva de brilho e pétalas cair suavemente sobre as duas Pokémon, destacando o sorriso de Milotic e a dança de Wormadam.


— Mais uma vez, Serena mostra um contra-ataque incrementado com movimentos dançantes! – sorri Marian, e os pontos de Bart abaixam mais, ficando menores que os de Serena.


— Agora Wormadam, use o Attract!/Wooorm. – Wormadam dá uma piscadinha para os dois adversários, liberando coraçõezinhos que os atingem. Drifblim não é afetada, mas Bellossom sim, entrando em transe apaixonado.


— Bellossom, saia disso! – Bart exaspera-se, preocupado com o Pokémon flor – Drifblim, use Shadow Ball!


— Driiiiiiifbliiim! – o Pokémon dirigível lança sua bola negra.


— Milotic, Aqua Ring, e Wormadam, use Psychic! – Serena sorri. Milotic ergue a cabeça para o alto ao serpear de forma elegante e saltar, liberando os anéis de água ao redor do corpo, enquanto Wormadam flutua acima dela, usando seu poder psíquico para fazer os anéis girarem, absorvendo a bola fantasma quando ela se choca com os anéis – Agora!


— Miooo! – a um movimento de cauda de Milotic, os anéis combinados com os poderes psíquico e fantasma, são pulverizados e criam mais um incrível efeito em volta das duas Pokémon, baixando mais os pontos de Bart.


— Vamos, Bellossom, use Leaf Storm! – comanda Bart, mas Bellossom ainda estava paralisado pelo estado apaixonado.


— Milotic, use Water Pulse, e Wormadam, use Iron Head! – Serena instrui, fazendo uma pose dançante. Milotic cria uma esfera de água e a lança no chão, criando uma onda poderosa, enquanto Wormadam avança direto, atrás da onda, como um cometa prateado. A onda cai sobre Bellossom, enquanto Wormadam atravessa a onda de água com vigor, acertando Drifblim, com a água arrastada criando um arco-íris com a passagem de Wormadam por Drifblim.


— E aí está! É mais um ataque arrasador de Serena, cheio de luz e elegância! – narra Marian.


Trés belle! – emociona-se Fantina, e mais uma vez os pontos de Bart diminuem, no que o relógio finalmente soa.


— Acabou o tempo! E com isso, quem irá para a terceira rodada é... Serena! – aponta Marian, o que faz os fãs mais uma vez ficarem enlouquecidos.


— Milotic, Wormadam, nós conseguimos! – Serena abre os braços para receber suas Pokémon. Milotic enrola suavemente parte de seu corpo na kalosiana enquanto recebe o abraço, com Wormadam pousando nos ombros de Serena, que a acaricia.


— Ela arrasou de novo!/Pikaaa! – animam-se Ash e Pikachu.


— A Serena fez uma batalha impecável do começo ao fim, e mesmo com o Stockpile e Spit Up do Drifblim sendo surpreendentes, ela não perdeu o compasso. – sorri Brock.


— Aquela Milotic dela é mesmo linda... – Nicole comenta consigo mesma, sentada em outra parte da plateia, enquanto em outra parte, Ursula assistia com uma cara de quem comeu e não gostou.


___________________________________


— A Serena veio mesmo com força pra isso. – diz Zoey.


— Ouvi ela com o Ash ontem, dizendo que queria experimentar Wormadam e Milotic juntas. – Dawn fala.


— Incrível como ela fez esses dois Pokémon colaborarem de forma tão elegante. – avalia Nando, enquanto Chaz, recostado em seu canto, assistia em silêncio.


— Bom, mas ainda assim, está chegando a nossa vez. – Kenny olha para Dawn – Está preparada pra isso, D’D?


— Você vai ver o que te espera, Kenny. – Dawn sorri, pensando nos Pokémon que iria usar.


______________________________________

 

Nas batalhas seguintes, completando o Bloco A, Chaz passa com uma colaboração tremenda de Shiftry e Golem, e no Bloco B, Zoey e Nando também ganham suas batalhas, e portanto, se enfrentariam na terceira rodada. Agora, estava para começar a primeira batalha do Bloco C.


— Agora, teremos um confronto entre Coordenadores da mesma idade e mesma cidade! – anuncia Marian – À minha direita, está Kenny, da cidade Twinleaf, e à minha esquerda, está Dawn, também da cidade Twinleaf!


— Uau... eu sinto que essa vai ser uma grande batalha. – comenta Ash.


— Dawn e Kenny estão visivelmente animados, mas também estão colocando bastante orgulho em jogo. – Brock percebe – Um quer mostrar ao outro que é o melhor Coordenador da cidade.


— Vamos ver quem vai levar essa.../Pika./Piplup. – dizem Ash, Pikachu e Piplup.


— Cinco minutos cravados no relógio, e... vamos lá! – brada Marian, com o tempo começando a correr.


— Wormadam, Ambipom, arrasem! – Dawn lança suas Pokébolas, que liberam uma chuva de estrelas coloridas.


— Woooormadam!/Ambipooom!


— Empoleon e Breloom, arrebentem! – das Pokébolas de Kenny, uma chuva de papéis picados nas cores amarela e vermelha explode, e os dois Pokémon surgem do meio dela.


— Empoleooon!/Breeeeloom!


— Wormadam, Signal Beam! Ambipom, Swift! – instrui Dawn. Wormadam começa com seu raio rosado, que é complementado pelas estrelas douradas de Ambipom, que giram em volta do raio.


— Dawn começa com um duplo movimento de um belo efeito visual! – narra Marian.


— Breloom, Mach Punch! – Breloom se posiciona, e com um soco rápido certeiro, atinge o centro do ataque combinado, pulverizando-o – Empoleon, Hydro Cannon!


— Eeeempoleon! – Empoleon dispara sua bala de água, que passa pelo restante do brilho pulverizado dos ataques de Dawn, pegando Wormadam e Ambipom, afastando-as uma da outra.


— Kenny dá uma grande resposta, numa brilhante demonstração de força! – os pontos de Dawn são os primeiros a cair.


— Breloom, use Mach Punch de novo, e Empoleon, Flash Cannon! – Breloom avança, e Empoleon rapidamente dispara o canhão prateado, cujo poder é absorvido no punho de Breloom, que emite uma intensa luz prateada.


— Ambipom, evasiva! Wormadam, Grass Knot!


— Ambiiii! – Ambipom vai em frente, destemidamente encarando Breloom, saltando e girando em evasiva, enquanto o punho de Breloom passa por ela sem fazer nada. Wormadam por sua vez, faz seus olhos brilharem, e folhas de grama surgem do solo, amarrando as pernas de Breloom e fazendo-o tropeçar.


— Breloom! – Kenny arregala os olhos.


Focus Punch!/Ambiiiiiipom! – Ambipom chega rapidamente em Empoleon, acertando o pinguim-imperador com um soco potente, baixando os pontos de Kenny.


— Usar a evasiva daquela forma colocou a Ambipom na melhor posição pra acertar o Empoleon, uau. – percebe Sheila.


— Ambipom, use Swift, e Wormadam, Psychic! – com uma cambalhota, Ambipom volta para seu campo, e dispara novamente suas estrelas douradas, e Wormadam, usando seu poder psíquico, une várias delas em uma gigante.


— Isso não vai funcionar contra a gente. – Kenny sorri – Empoleon, use Metal Claw!


— Eeeeeempoleon! – Empoleon energiza suas asas e ataca, destruindo a estrela gigante, que se estilhaça nas menores.


— Agora, Wormadam! – sorri Dawn. Wormadam, manipulando as estrelas douradas, direciona todas contra Empoleon e Breloom, atingindo-os e baixando mais os pontos de Kenny – Ambipom, Shadow Claw!


— Ambiiiiiipopom! – Ambipom avança entre as estrelas, e liberando energia sombria de ambas as mãos nas caudas, acerta Breloom e o joga para trás.


— Dawn usa habilmente aquele Swift como camuflagem para uma linda Shadow Claw! – narra Marian, enquanto os pontos de Kenny abaixam mais.


— Breloom, use Stun Spore! E Empoleon, Flash Cannon! – comanda Kenny. Os dois Pokémon se recompõem, e enquanto Breloom libera uma nuvem de pó paralisante, Empoleon dispara o canhão prateado de novo. A rajada de luz absorve a poeira, que gira em volta do ataque e chega até Ambipom e Wormadam, afetando-as.


— Essa não! – preocupa-se Dawn.


— Kenny revida com um movimento duplo de dano e efeito! – narra Marian, e os pontos de Dawn abaixam de novo enquanto ela vê seus Pokémon tremerem devido a paralisia.


— Agora, Breloom, use Sky Uppercut! – Breloom avança, certo de jogar Ambipom para o ar, mas a macaca olha brevemente para Dawn, que entende.


— Ambipom, use Counter agora! – o comando de Dawn faz Kenny se surpreender, mas Breloom já estava atacando, e seu punho se choca na aura avermelhada que rodeava Ambipom.


— Ambiiiiipom! – Ambipom devolve o impacto com o dobro de dano, jogando Breloom para o alto.


— Empoleon, Hydro Cannon!/Eeeeeempooo! – Empoleon dispara uma bala de água maior.


— Wormadam, use Signal Beam!/Woooorm! – a bicho de cesto dispara seu raio rosado em resposta, chocando e anulando os ataques, fazendo ambos os Coordenadores perderem pontos.


— Está na hora de pegar mais pesado com a D’D. – Kenny estreita o olhar – Empoleon, use Drill Peck! Breloom, Seed Bomb!


— Breeeee... loom! Loom! Loom! – o Pokémon cogumelo dispara algumas sementes de sua cabeça. Empoleon salta e então começa a mergulhar como uma broca, rodeado por cinco grandes sementes explosivas.


— Ambipom, use Swift, e Wormadam, use Razor Leaf! – Ambipom se equilibra com um dos braços no chão e começa a girar, fazendo suas caudas vibrarem e liberarem as estrelas douradas. Wormadam, também girando, dispara suas folhas cortantes, formando um escudo duplo onde as sementes explodem e se anulam. Empoleon tenta atravessar, mas é logo rechaçado.


— E aqueles Swift e Razor Leaf formam um tipo de escudo! Ao mesmo tempo, as estrelas estão se chocando e formando diferentes arco-íris, que estão fazendo Ambipom e Wormadam parecerem glamourosas! – sorri Marian, quando Ambipom e Wormadam fazem pose enquanto as estrelas espocavam à sua volta, sendo também cortadas pelas folhas, reduzindo mais os pontos de Kenny.


— Ela usou um Counter Shield duplo! – admira-se Ash.


— Breloom, use Seed Bomb mais uma vez! Empoleon, Metal Claw! – aponta Kenny.


— Loooom!/Eeeeempoleon! – Breloom lança as sementes mais uma vez, as quais Empoleon atinge com Metal Claw para acelerá-las, e as sementes são envolvidas por um brilho prateado que as fazem parecer estrelas cadentes, reduzindo os pontos de Dawn.


— Esse jogo nós conhecemos. – sorri Dawn – Wormadam, use Hidden Power, e Ambipom, use Double Hit!


— Wooooorm!/Ambiiiiipom! – Ambipom avança, enquanto Wormadam cria e lança as esferas de energia azul-gelo. Usando os golpes de cauda duplos, a macaca atinge não só o ataque da aliada, como também o do oponente, mandando os dois contra Empoleon e Breloom, que são bombardeados.


— Não! – preocupa-se Kenny, enquanto seus pontos abaixam a uma taxa perigosa.


— Esse movimento foi do Pingue-Pongue Pokémon. – sorri Brock.


— Continua assim, Dawn! – incentiva Ash.


— Breloom, Mach Punch, agora! – o cogumelo se recupera rapidamente, avançando e usando seu soco rápido, atingindo Ambipom na barriga e jogando-a pra trás – Empoleon, Flash Cannon!


— Eeeempoleon! – o pinguim-imperador dispara o canhão prateado, mirando em Wormadam.


— Wormadam, Psychic! – reage Dawn. Wormadam libera seu poder, paralisando a rajada de Empoleon antes que a atingisse – Rápido, Ambipom, use Focus Punch!


— Ambiiiiiipom! – Ambipom soca o poder para o alto, onde ele explode em uma linda luz que incide sobre todo o palco, impressionando o público.


— Tenho que resolver isso... – Kenny já estava suando – Empoleon, Hydro Cannon! Breloom, Energy Ball!


— Eeeeempoleon!/Breeeeloom! – ambos disparam seus ataques, que então se fundem e formam uma enorme bala de água envolta por raios verdes, com o núcleo da Energy Ball.


— Kenny agora lança um ataque de imenso poder! Uma bala gigante com poderes de Água e Grama! – exclama Marian, e os pontos de Dawn caem de novo.


— “Ele pretende usar a cobertura pra um ataque surpresa, mas não precisa se preocupar”. – pensa Dawn – Shadow Claw, Ambipom! E Wormadam, use Signal Beam!


— Wooooorm!/Ambiiiiii! – Ambipom avança com as duas mãos em suas caudas manifestando as garras sombrias, e Wormadam dispara o raio rosado, que é absorvido nas caudas de Ambipom e criam um efeito impressionante para elas – Ambiiiipooom! – Ambipom ataca o movimento combinado de Empoleon e Breloom, e mostrando grande força, o estilhaça completamente, fazendo o contraste de cores incidir maravilhosamente sobre o palco, quando finalmente o cronômetro soa.


— Acabou o tempo! – avisa Marian, e todos olham para o telão – E depois de uma batalha sensacional, quem passa para o terceiro round é... – todos observam os círculos de pontos, que não deixavam dúvidas – Dawn!


— Nós... nós vencemos... nós vencemos! – Dawn abre um sorriso enquanto o público aplaude efusivamente. Ambipom e Wormadam logo vem para abraçar a azulada – Ambipom, Wormadam, vocês são incríveis, devo isso a vocês!


— Wormwooorm./Ambipom, ambipom. – as duas sorriem, enquanto Empoleon e Breloom ficam cabisbaixos no campo, e Kenny vai consolá-los.


— Empoleon e Breloom, muito obrigado. – diz o castanho – Vocês foram ótimos. Estou muito orgulhoso de vocês.


— Empoo./Loom.


— A Dawn conseguiu! Ela venceu o Kenny! – sorri Ash, enquanto Pikachu e Piplup pulavam de felicidade.


— Os dois mostraram uma performance esplêndida, mas a Dawn conseguiu virar o jogo quando as coisas estavam começando a ficar ruins. – diz Brock, também sorrindo com satisfação. Na sala de espera, tanto Serena quanto Zoey estavam com sorrisos animados pela vitória da azulada.


— A mobilidade de Ambipom e os ataques à distância de Wormadam... Dawn conseguiu combinar esses aspectos perfeitamente. – Nando fala – Usando alguns dos movimentos de seu oponente, e provocando uma batalha.


— É, foi uma disputa muito intensa, miau. – concorda Sheila.


— Quem diria que a Ambipom tinha aprendido Shadow Claw, e ainda mais usá-lo daquela maneira? – Zoey fala.


— A Dawn faz muita rotação com seus Pokémon. – Serena fala – Ela queria todos preparados pro Grande Festival, e foi ensinando novos movimentos a eles ao longo do caminho.


— De fato, ela está surpreendendo. – eles se viram para Chaz, que se aproximava – De qualquer forma, ela ainda precisa de mais determinação se quiser chegar na final.


— Ah, mas isso eu garanto que ela tem. – Serena fala – Afinal...


— ... ela é outra de suas preciosas orientadas, certo? – Chaz adivinha o que Serena iria dizer – Reconheço que ela tem talento... mas acho que não é com isso que você deveria estar se preocupando agora, certo?


— É, eu sei bem o que quer dizer... – Serena estreita um pouco o olhar, sem deixar o sorriso morrer, pensando na batalha que viria contra Chaz em pouco tempo. Do mesmo modo, Zoey olha para Nando, também pensando na batalha que travaria contra o Menestrel Pokémon, mal escondendo a ansiedade em direção ao homem que a fez compreender muitas coisas que a fizeram expandir sua mente. Do outro lado, Jesselina apenas olhava de relance para tudo aquilo.


— “Desafiem-se à vontade, pois aquela taça tem meu nome escrito nela”. – pensa a Rocket, enquanto sorria imaginando sua próxima vitória.

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


As batalhas estão ficando ainda mais complicadas na segunda fase, mas Serena consegue mais uma grande vitória, e Dawn, após uma atuação espetacular de Wormadam e Ambipom, derrota Kenny, avançando para a terceira rodada, onde oponentes mais poderosos os aguardam. Fiquem ligados.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...