História Pokémon: The Adventure - Interativa - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Personagens Originais
Tags Gijinka, Guerra, Interativa, Magia, Pokémon, Pokemon Interativa
Visualizações 65
Palavras 661
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Orange, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demorei quase uns 2 meses...? Eu não tenho muita noção de tempo ou matemática Brasil do céu.
Peço perdão mesmo pela demora, porém agradeço a paciência e vou parar de enrolar aqui

Triste em descobrir que as fichas do Mitsuke, Vlad e Serenity foram excluídas pelo autor delas ;-;
(Foi foda fazer o cap sem elas mano sorte minha que lembrei boa parte das fichas)

Capítulo 5 - Mitsuke Kurayami "A Raposa Maldita"


Fanfic / Fanfiction Pokémon: The Adventure - Interativa - Capítulo 5 - Mitsuke Kurayami "A Raposa Maldita"

Demônios.

Foi o que se passou na mente do ruivo, estreitou os olhos azuis afiados e decidiu por se ocultar na penumbra da grande e bela mansão. Não era o momento de apreciar arquitetura milenar que sobreviveu por pouco as chamas infernais da cidade de Kawa, o coração de Rohan.

Seu ombro jorrava sangue, os pingos citrinos manchavam a madeira delicada da plataforma que Mitsuke havia acabado de subir. Seu corpo necessitava, acima de tudo, um descanso. Seus passos eram arrastados por conta dos golpes e feridas que ousava suportar, tudo por causa de um grupo que não tinha forças para se proteger. Se escorou em uma parede e deixou sua foice cair no chão levantando uma nuvem de cinzas causadas pelas chamas. 

Fechou os olhos por um momento, respirando fundo o ar seco, esse seria seu descanso até que outro soldado surgisse para dar um fim a sua vida, se perguntou como estavam aqueles garotos, poderiam eles terem chegado a tal 'Torre Celestial'?

Era tolice. Tolice em acreditar que Arceus faria algo por meros e sujos humanos.

Um suspiro fundo escapou por seus lábios secos e ele saltou para a esquerda caindo de bruços no chão de calcário do pátio. Uma gigantesca lança estava pregada no mesmo lugar que o jovem adulto repousava a poucos minutos.

Arregalou os olhos ao notar o erro fatal, havia esquecido sua foice ali. Se levantou e virou-se para ver seu agressor e um sorriso se formou em seu rosto ao ver a forma de um homem de cabelos ralos e platinados surgir em meio às sombras e permitir ser iluminado pela pouca e fraca luz da lua.

– Então é você... hoje em dia contratam qualquer inútil que vêem nas ruas, credo. – O ruivo provocou. Pode ouvir Vlad rosnar do outro lado do pátio.

Bom. Pensou Mitsuke, seu plano estava funcionando.

– Eu vou tirar esse sorrisinho arrogante da sua cara. – Saltou da plataforma e arregaçou as mangas de seu casaco negro.

– Estou morrendo de me... opa! – Desviou por pouco de um soco que lhe acertaria o nariz e recuou alguns metros ficando do lado de uma árvore.

– Por que recuou tanto? Ficou com medo de repente? – Vlad o subtenente do exército do General Fantasma provocou soltando uma risada de escárnio.

O ruivo agarrou por pouco sua foice e se pôs em posição de batalha.

O silêncio perdurou até o momento que outros três soldados surgiram, sendo possível escutar o bater do ferro de suas armaduras de ferro negro, gloriosas e resistentes. Entre eles uma garota baixa de pele roxa que não usava traje de batalha, era de se presumir que ela era do alto escalão já que mantinha uma mão levantada ordenando silenciosamente que os soldados não atacassem o inimigo. Mitsuke sentiu a dor de suas feridas, céus ele não poderia lutar com aquele cara no momento mesmo que quisesse. 

– Desistência... – A semideusa comentou entediada brincando com seus cabelos cor de cereja, ela direcionou os olhos verdes como esmeralda ao aliado que lutava a pouco tempo – Se eu fosse você Vlad, não o mataria, estaria fazendo um favor ao coitado, sofreu tanto...

– Como é? Não pense que pode mandar em mim só por ter um cargo maior! – Vlad gritou irritado com a adolescente.

– Ui, ui, ui, quanta raivinha. Foi só uma sugestão. – Valerie bufou e voltou a olhar para Mitsuke ou onde era para ele estar – Cacete, péssima hora para discutir, vocês dois... espera, mas que porra?! – Se virou aos subordinados que se encontravam desmaiados no chão. Vlad não pode conter a irritação e socou a pobre árvore com seu Hammer Arm que acabou se partindo.

– Desgraçada, se não tivesse se metido eu teria dado um fim nele.

– Estresse acumulado faz mal para saúde. – A tenente brincou girando sua faca de caça como se fosse uma profissional – Aquela luta só ia nos atrasar mesmo, temos que encontrar a orbe antes do amanhecer.

– Certo, certo. – Vlad bufou e tirou sua lança da parede – Aberrações primeiro.

– É damas, querido. – Corrigiu no mesmo tom de provocação.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...