História Por aquela promessa - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Força, Morte, Sangue, Tristeza
Visualizações 4
Palavras 400
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


O grande massacre dos caçadores foi um massacre feito por um anjo caído e um grande exercito de monstros para destruir todos os caçadores.
A batalha durou alguns anos, mas os caçadores acabaram perdendo.
Ainda não se sabe quantos sobreviveram ao massacre, mas provavelmente os que sobreviveram tiveram filhos ou são filhos de algum outro caçador, e se realmente algum deles sobreviveu, com certeza parou suas atividades como caçador.
Os caçadores devem tomar muito cuidado ao enfrentarem um anjo caído.

-eles são forte demais-

Capítulo 3 - Um dia normal demais


Após eu chegar em casa, fui direto para meu quarto, como eu sou um caçador eu não tenho mais pais, pois eles morreram no grande massacre dos caçadores, não faço ideia de como eles eram, já que não sobrou nenhuma foto deles, foram todas queimadas.

Mas enfim, nem em minha casa estou protegido, tenho que sempre estar alerta caso apareça algum monstro de repente.

Depois de chegar em casa eu guardei minha espada em meu quarto e fui para a cozinhar tomar um copo de água  e voltar para meu quarto, peguei roupas para poder me trocar após o banho que eu estava indo tomar.

Quando saí do banho e escovei meus dentes, fui para meu quarto dormir, minha cabeça estava doendo assim como meus braços, um caçador tem um fator regenerativo extremamente rápido, um osso quebrado, um órgão arrancado ou um membro retirado se regenera em questão de segundos, mas a dor do ferimento e muito mais duradoura, podendo durar por dias em casos mais graves.

Pois bem, depois daquela luta no beco eu tinha que descansar, então fui dormir. Quando o dia amanheceu me arrumei para ir a escola. Chegando na escola fui para minha sala e na verdade, eu nem sei por que eu estou falando tudo isso, já que esse foi um dia completamente normal, o que chega até a ser estranho.

Mas no final do meu período de aula, Mariane veio falar comigo, quando vi ela se aproximando pensei em andar mais rápido ou até correr, mas decidi falar com ela. Quando ela chegou em mim ela falou:
-Cara, o que aconteceu  ontem?
-Eu já falei pra você não falei? Ah, e aliais, eu tenho nome.
-Desculpa Hunter, mas o que você falou era sério? Aqueles bichos eram mesmo monstros de trevas?
-Sim, eu estava atrás deles a algum tempo, eles eram quem estavam raptando os alunos.
-E o que eles fizeram com os alunos?
-Mataram todos eles.
-Que horrível.
-Eu sei, e eles iam matar você e suas amigas se eu não estivesse lá.
-Obrigado Hunter, e foi mal por ter atrapalho você naquela hora.
-Não tem problema, pelo menos consegui pegar eles.
-É né, pelo menos isso.

Depois de conversarmos ela disse que estava indo, eu dei licença a ela e ela foi embora, não aconteceu muita coisa nesse dia então não tenho muito que falar, mas no dia seguinte aconteceram muitas coisas.
 


Notas Finais


Guia de personagem:
Nome:Mariane
Idade:15
Altura:1,57
Tipo sanguíneo: ''AB''
Habilidades:Aparentemente nenhuma
Arma principal:Aparentemente nenhuma


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...