História Por Dentro da Tela - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, ChiNoMimi, Kentin, Lysandre, Nathaniel, Personagens Originais, Rosalya
Tags Amor Doce
Visualizações 20
Palavras 717
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá amores! Como é que vão? Eu espero que estejam bem!😁

Boa leitura para vocês!!😉😉

Capítulo 11 - O plano está em ação!


Fanfic / Fanfiction Por Dentro da Tela - Capítulo 11 - O plano está em ação!

Hoje é o dia em que vou colocar meu plano em ação. Tenho certeza de que vou conseguir enganar o Nathaniel, só não sei como...

Podem me chamar de malvada ou de sem coração, mas se fossem vocês no meu lugar, aposto que vocês fariam o mesmo.

Antes de sair de casa, coloquei uma roupa, que eu sei que o Nathaniel vai gostar.

Enquanto eu andava à caminho da escola, eu treinava em minha mente táticas para fisgar o Nathaniel. Agora eu já estou na escola, sentada em um banco.

Acho que não vou ir atrás dele, se não, vai ficar muito na cara.

Quando eu encontrar com ele, posso agradecer por ter me salvado...

Não, isso nunca! Não mesmo!

Hum... o que eu faço então? O que eu posso fazer para que ele comesse a gostar de mim e não parecer na cara?

Eu

- Aah! Já sei!! - Grito em voz alta e com isso os alunos em volta me olham estranhando. - Estão olhando o que? Vão cuidar da vida de vocês!

Levanto com um pouco de raiva e vou ao encontro de Nathaniel. Assim que chego nos corredores, me escondo do lado dos armários. Vi Nathaniel no fim do corredor vindo na direção onde eu estou escondida.

Pronto! É gora. Vou aproveitar que ele está olhando para baixo.

Saio do meu esconderijo e começo a andar como se nada tivesse acontecido, assim que chego perto de Nathaniel, finjo esbarrar nele e depois me jogo no chão.

Eu

- Ai! - Acho que não sou uma boa atriz, mas mesmo assim Nathaniel parou para me ajudar. Só não entendi o fato dele estar com a mão no rosto tapando os olhos. - O que foi? - Olho para mim mesma caída no chão e percebo que estou de saia.

Eita! esqueci disso, Hahahaha!

Eu

- Ah, você já me viu de lingerie, lembra? Não sei para que essa mão no rosto...

Nathaniel ficou quieto por um tempo parecendo pensar.

Nathaniel

- Tá, mas você poderia carir de uma forma mais adequada?

Eu

- Não! Eu cai de saia, de SAIA! Não tem como cair de maneira adequada! Agora, você vai ficar ai com essa mão na cara ou vai me ajudar a levantar?

Nathaniel

- Você é muito folgada! Por que não levanta sozinha?

Eu

- Porque... - Eu não acredito que vou falar isso. - Porque eu preciso da sua ajuda...

Nathaniel

- Ah, agora você precisa? Engraçado!

Eu

- É, agora eu preciso...

Nathaniel

- Ok, vou te ajudar! - Fala tirando a mão do rosto. Mas, assim que abre os olhos me olha estranho.

Eu

- O que foi agora? - Falo ficando sem paciência.

Nathaniel

- Seu joelho está sangrando... - Diz apontando.

Eu

- Nossa... por que você me falou isso? Agora está doendo!

Isso é o que dá se jogar no chão de propósito, né Nayla? Eu sou muito burra.

Nathaniel

- Você só me dá trabalho!

Eu

- Quem? Eu? Eu sou uma santa pintada de ouro... - Digo com um sorriso de canto.

Nathaniel

- Ata... É mais o contrário!

Eu

- Você está me chamando de demônio na cara dura? Que maldade! - Finjo estar indignada com um biquinho.

Nathaniel

- Vou te ajudar agora e depois nunca mais! Vamos, vou levar você para fazer um curativo.

Ele me ajuda a levantar e me leva até a enfermeira onde a enfermeira não está.

Nathaniel

- Bom, deixa que eu limpo isso...

Eu

- Pode deixar que eu faço isso! Você já me ajudou de mais por hoje! - Olho para ele com um olhar agradecido.

Que fingida eu sou, hahahaha!

Nathaniel

- Eu já estou aqui mesmo, eu ajudo!

Eu

- Já que insiste... - Meu plano está melhor que a encomenda.

Ele começa a limpar meu machucado parecendo estar com medo de algo. Mas, continua focado no que está fazendo, e eu observo atentamente.

Depois de terminado ele coloca um band aid no meu joelho.

Nós saímos da enfrentaria juntos, mas algo parecia encomodar Nathaniel, e eu sei o que é. É o fato de eu não agradece-lo, quando ele me ajuda.

Se é para mim sair daqui, eu posso deixar meu orgulho de lado.

Eu

- Nathaniel?

Nathaniel

- Hum?

Eu

- Obrigada por ter me ajudado, não só por hoje, mas por aquele outro dia também...- Falar isso fere meu ego.

Nathaniel

- O que que você disse? - Pergunta colocando uma mão atrás da orelha.

Eu

- Eu não vou repetir! - Digo cruzando os braços.

Nathaniel

- Hahaha, de nada! Foi difícil agradecer?

Eu

- Foi, e chega de falar disso! - Falo com raiva.

Nathaniel

- Hahaha, ok!

E final mente vejo que meu plano vai dar certo.


Notas Finais


Hum... Vocês acham que esse plano da Nayla vai dar certo?
O que acham? Nathaniel e Nayla estão mais próximos?☺

Espero que tenham gostado! Até o próximos capítulo!

Beijinhos e Bye, Bye!😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...