História Por dentro do Sunny - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias One Piece
Personagens Boa Hancock, Brook, Buggy, Franky, Monkey D. Luffy, Nami, Nefertari Vivi, Nico Robin, Roronoa Zoro, Sabo, Sanji, Tony Tony Chopper, Trafalgar D. Water Law, Usopp
Tags One Piece
Visualizações 28
Palavras 0
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Orange, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pov's Nami


A Robin só pode tá me zoando, não sei como reagir a essa declaração só sei que estou tão molhada que não estou me aguentando. Ela está tão perto, vou beija-la pra ver se o que ela me disse é verdade mesmo, afinal ela é um mulherão da porra que chega a me dar inveja
Me aproximei devagar e beijei seus lábios, eles são tão macios que só estou me molhando cada vez mais
Ela começou a me beijar com vontade, era um beijo selvagem, e muito gostoso. Ela começou a apertar os meus peitos, eu já estava ofegante, fazia tempo que não me pegavam desse jeito. Ela usou seus poderes para uma mão me puxar pra cama, e deitou em cima de mim. Ficava esfregando o seu corpo no meu. Apertei a bunda dela e que bunda mais gostosa e durinha. Ela estava beijando o meu pescoço e sua mão foi deslizando pra dentro da minha calça, fazendo movimentos circulares no meu clitóris. Não me segurei e soltei alguns gemidos. Ela parou e tirou a minha blusa, e eu tirei a dela, nós estávamos sem sutiã pois estavamos no navio. Era por volta de 17:30.
Comecei a chupar aqueles peitões e ela deixou escapar um gemido, no final dei uma mordida. Ela tirou a minha calça e a minha calcinha utilizando os poderes, e eu fiz o mesmo com ela.
Em seguida ela meteu bem gostoso na minha ppk, que já estava encharcada. Comecei a gemer mais alto, sem me importar se os outros iriam escutar. E retribuí enfiando dois dedos na bucetinha dela. Ela estava muito molhada. Ela começou a gemer, e em seguida eu a beijei. Não sabia que ela tbm se atraía por mulheres. Na verdade ela até então não sabia de mim também, nem ninguém da tripulação. Ela abriu as minhas pernas e desceu até lá, quando botou a boca na minha bucetinha eu comecei a gemer muito alto. Tão alto que fiquei com medo de algum de nossos nakamas ouvir. Ela parecia ser bem experiente ela chupava muito gostoso. Passei a mão pelos cabelos dela, e ela usou seus poderes para apertar os meus peitos. Transar com um usuário do hana hana no mi era melhor do que eu imaginava. Não me aguentei e gozei na boquinha dela. Ela subiu e me beijou, pude sentir o meu gosto na sua boca. Então resolvi falar:
- Senta na minha cara vai
Ela foi e sentou, rebolou gostoso na minha boca e gemia quase tanto quanto eu estava há pouco, ela sempre foi mais reservada. Porém gozou mais rápido que eu.


Pov's Robin

A Nami aparentemente gostava da fruta, como eu já desconfiava. Porém não sabia se o efeito do viagra que pedi pro Sanji dar pra ela teria ajudado e ela não gostava de mim românticamente, e apenas quis fazer sexo casual. Para o Sanji isso n passava de uma trollagem, pois eu sabia muito bem que ele era gay e só pagava de pegador pervertido pra disfarçar.

- Nami, vc quer namorar comigo
- isso tudo é muito repentino robin-chan, vou pensar. Vamos ficar e ver se dá certo, te darei a resposta quando achar que é a hora.

Depois disso eu fiquei muito feliz, eu achava realmente que ia levar um fora, mas ela me deu uma chance. Eu dei um beijo demorado na nami, e ficamos ali nos olhando por um tempo.


Pov's Zoro

Terminei de malhar umas 21h, achei ter ouvido gemidos, mas deve ser coisa da minha cabeça, estava todo suado e fui pro alojamento masculino. Ussop estava no banho então resolvi esperar sentado na cama. Percebi que sanji estava ali, e ele estava chorando.
- Não precisa ficar triste porque elas não deram pra vc, tem muita buceta no mundo.

Confesso que fiquei com pena e resolvi consolar ele, por mais que ele fosse um merdinha.

- Eu não quero comer elas zoro , hic.

Ele estava visivelmente bêbado, tá bom que ele nunca conseguia mulher por mais que tentasse, mas também não era pra tanto.

- Ta bebaço vc, heim? Vê se dorme.

Ele levanta de sua cama e vai em minha direção. Em seguida senta do meu lado.

- Eu quero o seu pau

Após falar isso ele aperta o meu pinto, me olhando de um jeito sexy. Fiquei em choque, tanto pela ação inesperada quanto pelo fato de o meu pau ter ficado duro com isso.

Capítulo 2 - Revelações



Notas Finais


Foi mal, postei nas notas hdjdjfhdj. Ainda estou me acostumando com isso.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...