História Por nossos filhos - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Alícia Gusman, Marcelina Guerra, Paulo Guerra, Personagens Originais
Tags Oneshot, Paulicia
Visualizações 69
Palavras 2.647
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Meu primeiro tenha paciência cmg e me deem um desconto
Espero que gostem
😗❤❤😍

Capítulo 1 - Por nossos filhos....


Fanfic / Fanfiction Por nossos filhos - Capítulo 1 - Por nossos filhos....

Ally on

Hoje seria o melhor dia da minha vida, não ter mais que esconder nada e poder contar pra todos esse sonho que eu estou vivendo.

Xxx: bom dia amor - disse distribuindo beijos pelo meu rosto - ta na hora de acorda princesa temos coisas pra arrumar - disse fazendo carinho no meu rosto

Ally: Huum assim eu vou ficar mal acostumada mas é o melhor jeito de acordar - digo sentando na cama, e meu nervosismo volto - Paulo será que seus pais vão gostar de mim? - ele se sentou e me abraçou por trás

Paulo: claro que vai. Você é linda, gentil e não tem essas frescura que a maioria das meninas tem, calma meu anjo n precisa ficar nervosa - disse me beijando

Fazia quatro meses que nós estavamos namorando porém ninguém sabia. Então nos resolvemos que iríamos fazer uma almoço e contar pra nossa família. Alugamos uma chácara e sinceramente tava tudo tão lindo, depois que nós contarmos vamos ficar na chacara por uma semana. Tava tudo perfeito.

~~~~~~~~~~

Paulo: amor vamos arrumar - perguntou enquanto eu terminava de arrumar as coisas

Ally: pode ir que eu tenho que terminar aqui

Paulo: mor não tem nada pra arrumar aqui, vamos - disse me puxando

~~~~~~~~~~

Ally: to pronta - disse terminando de por o brinco

Paulo: você esta perfeita - disse vindo ate mim

Ally: você que está amor - digo arrumando a gravata dele

Silvestre(segurança): eles chegaram Seu Paulo

Paulo: só Paulo, pode deixar eles entrar; tá pronta? - eu realmente não estava, não mesmo mas não da pra voltar atrás e eu também não quero voltar

Ally: estou - ele apertou minha mão - e você?

Paulo: também estou. Te amo - me beijou, eu nunca vou encontar alguem melhor que esse menino

Ally: também te amo - sorri e ele retribuiu

Fomos ao encontro de todos.

Ally/ paulo: oii gente

Família Guerra/ Família Gusman: Oque eles estão fazendo aqui?

Paulo: família da ally e minha familia - disse apontando de um jeito engraçado - vem - eles caminhavam meio relutante ate a mesa, eu me encontrava ao lado de Paulo. Todos se sentaram. Contratamos a marina para nos ajudar a arrumar as coisa, eles veio e serviu a entrada.

Paulo: Vocês ja devem saber oque isso significa - as famílias se encaravam - Eu conheci a ally em uma festa com alguns amigos em comum e então começamos a conversar e fomos ficando próximos e depois mais e mais próximos mas ate ai nós só ficávamos mas eu tava realmente feliz - me olhou e sorriu e eu retribui - então resolvi que estava na hora de dar um passo maior e pedi ela em namoro e ela aceitou - todos se olhavam e isso tava estranho - eu fiquei feliz tão feliz que eu não podia nem acreditar

Marcelina: Vocês namoram? A quanto tempo? - perguntou com desdém

Paulo: Sim quatro meses. E hoje resolvemos contar nós queriamos ter certeza de que ia dar certo antes de falar mas acho que quatro meses da pra ter uma noção - entrelaçou nossas mãos

Roberto: Foi muito engraçado mas agora já deu de palhaçada; vamos embora paulo - oi? Como assim?

Paulo: perai pai, isso não é palhaçada eu tô falando sério. Eu amo a ally

Roberto: Não paulo você não ama. Eu não quero vocês dois juntos

Ricardo: E pela primeira vez depois de muito tempo eu vou ter que concordar com o Roberto. Essa palhaçada acaba agora Alicia - aquilo partiu meu coração.

Ally: Por quê? Alguém me explica oque esta acontecendo?

Luiza: Por quê Alicia? Você começa a namorar com o filho do nosso maior concorrente, do nosso maior inimigo e pergunta porquê?

Paulo: maoir concorrente?

Roberto: Gusman's Imobiliária - meu Deus

Ally: sério isso? - eu encarei todos eu não acredito no que esta acontecendo

Lilian: Vocês namoram à quatro meses e não sabiam disso a faça me o favor - me olha com nojo

Paulo: não falamos de famílias enquanto estamos juntos - entrou na minha frente. Eu estou acabada. Sai de lá com lágrimas nos ohos

Marina: Dona Alicia posso ajudar

Ally: pode sim, tire a mesa e guarde as coisa Por favor

Marina: mas não servimos o almoço

Ally: não vai precisar

Marina: mas e a comida e as coisa que vc pagou?

Ally: chame sua família e fiquei aqui pelo tempo combinado

Marina: eu não posso fazer isso

Ally: não é um pedido é uma ordem

Marina: não sei nem como te agradecer

Ally: não precisa, você merece - sai de lá e fui arrumar minha mala

------- 'paulo on' --------

Marcelina: Ah paulinho tem tantas garotas te querendo e você escolheu essa daí - eu não aguento mais essa menina

Paulo: sabe o que é Marcelina é que diferente de todos vocês eu escolhi ela por quem ela é não por causa do dinheiro dela, do pai dela, e da família dela. Eu gostava sem saber quem é a família dela e ela me escolheu do mesmo jeito e não é por causa de famílias que eu vá para de gostar dela. Nós queríamos contar que estavamos felizes para aqueles que sempre torceram pra nossa felicidade mas olha a ironia essas mesmas pessoas estragaram tudo por causa de uma rivalidadezinha. Se ela quiser continuar o nosso namoro eu vou continuar e foda-se a empresa mas se ela quiser terminar... eu não vou forçar ela a nada, mas fiquem sabendo que a culpa será de vocês; ela terminar comigo não vai mudar minha opinião sobre a empresa só vai me afastar de vocês

Roberto: muito bonitinho seu discurso paulo. Mas voce não vai fazer essas coisa porque você precisa de nós

Paulo: otimo vamos ver a resposta dela então - virei as costas e fui pro quarto atrás dela quando cheguei ela estava de costas fazendo a mala - eu preciso da sua resposta - ela não me respondeu - amor, fala comigo - era como se ela não estivesse ali - você vai embora? - eu estava em choque, incrédulo - me responde alicia, eu preciso de resposta - puxei o braço dela a virando pra mim e ela estava chorando me arrependi de ter falado daquele jeito

Ally: você quer que eu responda oque? - diz com os olhos vermelhos

Paulo: você quer terminar? - estava com medo dá resposta dela

Ally: você quer que eu fale pra você ficar comigo e contra seu pai? - eu estava chorando me doeu ouvir aquilo - contra a sua família? Você quer que eu fique contra a minha família? Foi bom enquanto durou paulo... eu amei cada minuto, eu te amo mas não posso te pedir isso - meu mundo desabou

------1 semana depois ------

Paulo: amor vamos terminar isso amanhã. To cansado e com fome - disse a abraçando por trás

Ally: também estou. Vamos comer fora?

Paulo: sim. Vem tomar banho - a puxei pra um beijo

Ally: é so banho - diz recuperando o ar - você esta cansado - se solta e vai pro banho

Paulo: quanto mais cansado melhor - disse indo atrás dela rindo

Ally: não, não outro dia - diz ja sem roupa - minha garota é uma tentação, um pedaço de mal caminho - que um balde? - pergunta rindo

Paulo: quero outra coisa que você não quer me dar - depois de tomar banho fomos jantar, chegamos e dormimos mas amanhã ela nao me escapa

Flashback on

Paulo: você quer terminar? - estava com medo dá resposta dela

Ally: você quer que eu fale pra você ficar comigo e contra seu pai? - eu estava chorando me doeu ouvir aquilo - contra a sua família? Você quer que eu fique contra a minha família? Foi bom enquanto durou paulo... eu amei cada minuto, eu te amo mas não posso te pedir isso - meu mundo desabou

Paulo: você me deixar não vai mudar nada. Nós vamos jogar essas quatro meses no lixo por causa de uma briga que não é nossa? Você vai mesmo desistir na primeira oportunidade, vai mesmo deixar eles achar que estão certos. Alicia eu te amo e não vou desistir de você tão fácil assim. Se você ainda quiser ir okay mas depois lembre que você escolheu assim, porquê eu estava disposto a lutar contra todos por nós - eu chorava feito criança e ela também. Eu virei para ir embora

Ally: Paulo eu te amo, e vou lutar junto com você - a única reação que eu tive foi virar e a abraçar muito

Paulo: Mas eai ta pronta pra ir falar sua escolha pra eles - eu sei que ela não estava mas ela precisava e eu estaria com ela

Ally: vamos - ela saiu na frente e eu logo atrás. Quando chegamos lá todos nós olharam

Roberto: e então, ja podemos ir embora e esquecer dessa palhaçada? - minha raiva subiu

Paulo: ela tem a escolha. A última palavra é dela - digo me referindo a alicia

Ricardo: Filha eu acredito em você, sei que fez a escolha certa

Ally: Sim eu fiz a escolha certa. Eu vou ficar com o paulo vocês querendo ou não

Luiza: Logico que você ia escolher errado; você tem que dar problema sempre neh, você nasceu pra estragar tudo - ouvir aquilo doeu em mim, eu queria protegar alicia mas eu não podia

Ally: escolher errado? Dar problema? Estragar tudo? Se você não queria filhos por que teve então?

Luiza: me arrependo muito disso pode ter certeza

1 ano depois

Ally: que palhaçada era aquela Paulo? - ela ta conseguido me tirar do sério

Paulo: ja deu alicia, ja deu - falei alterado

Ally: ja deu? Paulo voce ta achando oque?

Paulo: alicia eu estou cansado, ta bom. Eu trabalho, chega todo dia tarde e voce vem com essas discussões

Ally: eu sou a errada agora? Eu não faço nada neh? E quando você n esta cansado? Nunca tem tempo pra nós.

Paulo: alicia eu to cansado disso - falo mais calmo

Ally: disso oq?

Paulo: das brigas, discussões, tudo

Ally: paulo presta atenção no você esta dizendo - diz com lágrimas nos olhos

Paulo:eu queria fazer dar certo mas de uns tempos pra cá ta impossível. Não esta legal pra você nem pra mim. - ela chorava muito - vai ser melhor assim

Ally: todo casal briga. Você me pediu pra não desistir à um ano atrás pra desistir agora?

Paulo: à um ano atrás nós estavamos bem, não tinha essas brigas, provocações, ciúmes. Eu não queria que fosse assim mas acabou alicia

Ally: e.e.essa é sua pa.l.lavra final? - eu tenho certeza vai ser melhor

Paulo: sim - sai deixando ela lá

~~~~~~~~~

Paulo: tchau ally... Você foi importante pra mim - digo com lágrimas que insistiam em cair

Ally: tchau - falou cabisbaixa - foi maravilhoso em quanto durou.

~~~~~~~~~

-------autora on-------

Anos depois

“Cameron Dallas Guerra, você aceita Megan Collins Gusman como sua legitima esposa,
Promete ser fiel,
Amá-la e respeitá-la
Na alegria e na tristeza,
Na saúde e na doença,
Na riqueza e na pobreza,
Por todos os dias das suas vida
Até que a morte os separe?”

Cameron: sim - com um sorriso maior que o do curinga

Padre: e você Megan? - diz a encarando

Megan: sim -

Padre: então eu vos declaro marido e mulher. Pode beijar a noiva - eles se beijaram. Todos foram a loucura

---------ally on----------

Na festa

Eles forman um casal bonito e apesar dele ser filho do paulo eu dou o maior apoio do mundo pra eles.

Xxx: Eles formam um casal bonito neh?

Ally: ... sim, eles formam

Xxx: talvez eu tenha exagerado no passado com você - eu encarei - ta bom, eu exagerei muito.

Ally: muito é pouco. Mas isso é passado e hoje é o casamento da minha filha e eu não quero estragar nada

Marcelina: vocês formariam um casal bonito também. Pena que eu ajudei a estragar. Serio mesmo ally - eu a olhei - alicia me perdoa por tudo

Ally: Marcelina hoje eu nao quero falar sobre isso - sai e fui atrás da minha filha

Megan: mãe - falou sorrindo com olhos cheios de lágrimas - eu to tão feliz - eu a abracei - queria que ele estivesse aqui.

Ally: filha você esta linda. Esta tudo lindo. Ele esta orgulhoso por você tenho certeza.

Megan: e você mãe esta? - Cameron chegou

Ally: sim eu estou. Mas agora que eu perdi minha filha neh eu vou ter que arrumar algo pra fazer.

Cameron: aaah para sou o melhor genro que você ja teve - diz se achando

Ally: foi o único ate agora - falou brincando

Megan: mãee- diz rindo

Cameron: sou o primeiro e o último - diz abraçando Megan -

Paulo observava tudo de longe do junto com sua irmã e o namorado dela Gabriel. Eles resolveram caminharam ate os outros

Ally: Bom mesmo se magoar minha filha eu te mato

Cameron: calmaaa mas fala ai eu tenho que te chamar de mamãe ou sogrinha.

Ally: cê me respeita menino - diz rindo

Cameron: fala ai pai, tia, tio

Megan: oii

Marcelina: bem vinda a familia oficialmente kkkkk

Megan: neh hahaha

Gabriel: oi alicia - fala um pouco sem graça

Ally: oi - digo um pouquinho seca

Paulo: oi - diz olhando pra baixo

Ally: oi - digo seca

Cameron: q climão - todos o encara - acho q vocês dois deveriam conversar

Ally: não inventa Cameron

~~~~ 04:52 AM ~~~~~

Paulo on

Estava andando pela festa ate que vejo alicia saindo da festa. Eu não aguentei e fui atrás dela. Ela estava sentada no banco que tinha na frente de uma fonte

Paulo: oi - ela não queria falar comigo isso é obvio mas eu precisa ouvir aquela voz que era a minha favorita

Ally: oi - ela diz relutante - olha eu não to afim de conversar.

Paulo: sinto sua falta - caminho ate o banco e sento ao lado dela

Ally: você me mandou embora - ela respondia com poucas palavras

Paulo: me arrependi no segundo seguinte mas ja era tarde - a encaro

Ally: não, não era; agora é tarde - ela ia se levantar mas eu a segurei - me solta

Paulo: escuta oque eu tenho pra dizer - ela negou - me dá 20 minutos

Ally: 10 min

Paulo: 15min - fiquei esperando a resposta

Ally: já passou 1min vc tem 14min agora

Paulo: desculpa por tudo que eu fiz com você, por não ter tido paciência, por não entender que aquilo era só uma fase. Por ter estragado tudo - meus olhos marejaram

Ally: não adianta pedir desculpa agora, você esta alguns anos atrasado - ia se levantar de novo

Paulo: alicia eu ainda tenho 10min - ela se sentou - sério , olha a gente aqui - ela me encarou - sua filha é minha nora

Ally: justamente e você vai conseguir estragar tudo mais uma vez se não parar de querer consertar erros do passado

Paulo: você não entende que não adianta irmos contra o destino? Nossas famílias até ja se desculparam

Ally: lógico depois de estragar tudo pra eles tanto faz

Paulo: ally não vamos desperdiçar essa chance, de novo a vida está nós unindo... - ela estava chorando eu sei que estava certo

Ally: não vou estragar o casamento da minha filha

Megan: mãe para com isso; aceita logo, Não e você que diz que vai ficar sozinha? - nós olhamos para trás; e estava nossa família inteira.

Paulo: eai ally aceita namorar comigo denovo - a encarei

Cameron: ah pai para - diz rindo - você nao esta mais idade pra namorar, e vocês ja namoram, agora é casar neh - todos riram e concordaram

Paulo: tem razão - me ajoelhei - Quer casar comigo alicia?...Por nossos filhos - ela estava toda emocionada. Ela olhou para trás e todos concordaram

Ally: Aceito... por nossos filhos - a puxei para um beijo que eu esperava sentir denovo a anos - e velha e teu passado garoto - disse pro Cameron fazendo todos rirem

Cameron: mas e agora é mamãe ou sogrinha? - nos encaramos

Megan: também quero saber paulo

Paulo: vocês que sabem - ela concordou

Ela é minha novamente, minha morena e agora estaremos junto para sempre; pelo destino e por nossos filhos.


Notas Finais


Oq acharam
Comentem please


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...