História Por que Justo Você? - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Amor, Amor Adolescente, Colegial, Comedia Romantica, Família, Histórias Originais, Hot, Originais, Original, Romance
Visualizações 16
Palavras 1.045
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


VOLTEI!!! Não estava aguentando de ansiedade para postar, então aqui está!!!
Vejo vocês lá em baixo e:
Boa Leitura! *-*

Capítulo 16 - Problemas "Resolvidos".


"Anteriormente em 'Por que Justo Você'

Vou percebendo nossos rostos se aproximarem, já podendo sentir sua respiração próxima. Olho para sua boca e percebo o mesmo morder os lábios de uma forma extremamente sexy enquanto encara meus lábios de volta. Sinto meu peito se acelerar cada vez mais, juntamente com meus pelos arrepiados. Quase não me aguento, até ouvir a porta se abrir, me tirando dessa situação bizarra."

|Portland ~ casa dos Prescott. - 14:56.

Audrey: Jason, cheg... - nos olha no sofá e dá um sobressalto. - Ali? O que tá fazendo aqui?

Ali: eu vim ver você, mas como você não estava fiquei aqui esperando. - tento soar firme.

Audrey: ok... - me olha meio desconfiada. - eu fui ao mercado comprar uns doces que tava com vontade, vem, vamos subir para meu quarto. - a segui até as escadas.

Audrey: anda, pode falar. - me sento na cama enquanto ela fecha a porta.

Ali: falar o que?

Audrey: não se faça de sonsa, Alison. Pode ir contando o que ta rolando entre você e o Jason.

Ali: de novo essa história? Audrey, eu já falei que nós só nos beijamos. - ela continua com seu olhar queimando sobre mim. - duas vezes. - ela arregala os olhos.

Audrey: o quê? Vocês se beijaram outra vez? Por que não me contou?

Ali: eu ia te contar, tá bem... - me olha incrédula. - na verdade não ia, mas era justamente por essa reação que eu evitei.

Audrey: Ali, você precisa contar isso ao Scott.

Ali: como eu vou contar isso pra ele sendo que nem eu mesma sei o que tá acontecendo...Ou aconteceu.

Audrey: independente disso Ali, ele merece saber a verdade. Não gostaria que ele fizesse isso com você, não é?

Ali: não, claro que não... - fico pensativa. - não sei.

Audrey: Alison!

Ali: eu to confusa tá legal...Argh, mas que droga. Porque seu irmão tem que ser assim?! - enfio a cara no travesseiro.

Audrey: assim como?

Ali: não sei, daquele jeito dele. O que mais me irrita nisso é saber que estou agindo como uma adolescente perdida como naqueles filmes péssimos de clichê. - Audrey ri.

Audrey: amiga, você é uma das pessoas mais maduras que eu conheço, senão a mais madura. Você só precisa pensar melhor nisso e com calma. O que você quer...Ou quem você quer.

Ali: quem eu quero? Audrey, a possibilidade de eu ficar com o Jason nunca passou e nem vai passar pela minha cabeça. Eu só preciso descobrir o que me faz ficar atraída por ele e cortar isso de uma vez.

Audrey: tudo bem...Mas e o Scott?

Ali: o Scott vai ficar bem. Nós vamos ficar bem. Somos um quase casal perfeito lembra? Não é uma atraçãozinha boba que vai me fazer nós perdemos isso.

Audrey: se você diz...Espero que você esteja certa.

Ali: eu to. - eu acho que eu to.

Tiramos o resto do dia para falarmos de outra coisa sem ser garotos. Assistimos um filme e comemos também.

Quando já era quase noite, me despeço da Audrey e desço para ir embora, encontrando Dylan na sala jogandocom Jason e...O Scott.

Dylan: ai tá você. Vou só terminar essa partida e já vamos, ok?

Ali: relaxa, pode deixar que eu vou andando.

Dylan: já tá quase acabando, espera aí rapidinho. - concordo e me afasto, indo para a cozinha.

Scott: Hey. - cutuca minha cintura.

Ali: oi. - sorrio.

Scott: não sabia que estava aqui.

Ali: é, na verdade eu resolvi vir do nada.

Scott: entendi...Bom, já que está aqui... - se aproxima.

Ali: meu irmão está aqui do lado, melhor não. - me afasto lentamente.

Scott: relaxa, ele tá muito concentrado no jogo para pensar em outra coisa. - me puxa e me beija.

Tento me concentrar ao máximo no seu toque, tentando apreciar cada movimento que ele guia com a língua. Até que...

Jason: se o casal quer se pegar, vão para rua ou para um motel.

Scott: foi mal cara.

Jason: não, foi péssimo. E Alison, o Dylan tá chamando você lá na sala. Ou quer que eu avise que está ocupada?

Ali: não, err..Tchau. - me despeço de Scott e saio dali.

|Portland ~ casa da Alison. - 22:12 ~ Sexta-feira.

Audrey: que filme mais sinistro. - Scott faz sinal para que ela fique quieta e eu dou risada.

Estamos nós três vendo filme na minha casa, enquanto os garotos saíram para algum lugar que não sabemos onde.

Esses dois dias tem sido tranquilo, mal falei com o Jason depois do ocorrido na cozinha. Eu fico feliz por isso...Eu acho.

Scott: então, daqui uma semana vamos a tal boate, não é?

Ali: nem me lembre disso... - reviro os olhos.

Scott: não está afim de ir?

Ali: sinceramente, não muito. Estou indo pela Audrey.

Scott: bom, pelo menos terá algo para se distrair lá.

Ali: humm, sério? O que seria? - Scott me beija.

Audrey: então eu não posso falar, mas vocês dois podem ficar se pegando no sofá, não é? - nos separamos.

Ali: Audrey, assiste o filme. - dou risada.

Audrey: digo o mesmo para vocês dois. - se vira para a TV novamente, quando minha mãe entra pela porta do nada. Scott e eu nos afastamos um pouco.

Suzana: desculpem, finjam que eu não estou aqui. - passa direto para as escadas.

Terminamos de ver o filme e Scott se levanta.

Scott: acho melhor eu já indo. Bom, foi ótimo passar o tempo com vocês meninas.

Ali: ainda tá cedo, pode ficar mais se quiser.

Scott: não, melhor eu ir mesmo. Bom, até segunda. - me dá um selinho. - tchau Audrey. - se despede bagunçando o cabelo dela.

Ali: te levo até a porta. - fomos até lá e nos despedimos com um aceno por fim.

Audrey: acho que tudo voltou ao normal entre vocês.

Ali: pois é, acho que sim. - me jogo no sofá.

Audrey: desculpa perguntar, mas você já resolveu as coisas com em relação ao Jason?

Ali: na verdade não nos falamos desde que ele pegou eu e o Scott nos beijando na sua cozinha. E é bom que continue assim. - digo por fim. 

Subimos e fomos ao meu quarto para dormir. Amanhã será um lindo dia para fazer absolutamente nada.


Notas Finais


O que acharam? Gostaram? Espero que sim! Comentem suas opiniões, adoro ler todas! *-*
Bjo e até a próxima <3.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...