História Por que te amo? - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Nada Não
Visualizações 3
Palavras 751
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi Genteeeee!!!! Primeiro Capítulo quentinho pra ocêsssss!!! espero q gostem! Beijo :)

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Por que te amo? - Capítulo 1 - Capítulo 1

   Oi, como vocês já viram, eu me chamo Zoe. Moro numa casa muuuito grande, com meu irmão Adam, minha mãe Megan e o meu pai Charles. Minha mãe é jornalista e meu pai empresário. Então por isso ganhamos uma boa quantia de dinheiro. Isso é bom! Tenho 14 anos e meu irmão está na casa dos 16. Ele é o menino mais popular da minha escola, eu não me considero ser, mais os outros sempre dizem. Pra falar a verdade, eu nem ligo pra isso, acho uma bobagem! Ok... Minha história não é nada clichê, tenho é nojo, mais sem ofensas.

  Era segunda-feira, 6:50 da manhã... E eu como uma bela menina educada estava... DORMINDO! *suspiro* E isso aconteceu:

- Mana, acorda! Já são 6:50!! A gente vai se atrasar!!

  E nesse momento eu pulei da cama babando como... Ah, sei lá que bicho baba muito! Mais continuando: nesse momento eu virei a irmã do flash, deixei a tartaruga do meu irmão nos sonhos... Coitado! Eram 7:00, e lá estava eu plena como uma... ah, eu sou tão ruim nisso! Tanto faz! Chegamos na escola de carro, com painho, é claro né? Eu nem encostei o pé no chão, que já veio as pestes das barata, tudo encima do meu mano... Aí que dó! Uma das cobras do deserto me deu uma cotovelada na cabeça, e eu gritei:

- Aí minha moleira porra!!! Louca! Se eu morrer eu te matoo!

  É... Essa frase nada haver mesmo;-;... Nesse momento o crush apareceu e eu queria que naquele momento, eu pudesse morder a bochecha dele e babar ele todooo...

pena que eu não podia... O nome dele é Abner. Ele é lindo!! Mais a gente nunca se falou diretamente, mais eu o amo. Vocês tão pensando que é só eu que gosto dele? HAHAHAHA!!!! Tem 1 milhão de meninas que gostam dele. Inclusive, a menina mais metida e riquinha do colégio: A Molly... Affs! Ela é chata pra cacete poh! Eu não suporto mais esse piolho! Mais ok. O Abner chegou e pegou pelo meu braço e pelo do Adam.

- Vem, vamo pra sala. Lá não tem ninguém, agora andem rápido!

  E lá fomos nós!... Aquilo tava sendo um sonho pra mim... Aaah Abner!... Aaah sinaaal!!! Tocou bem na hora que a gente chegou na sala.

- Ow Zoe! Poh a gente nunca se falou direito... Tem medo de mim? Haha! Ele chegou me interrogando.

- Eu? Medo de você? Magina...

- Me desculpe, é porque eu te acho tão legal... Nunca falei assim contigo poh.

- É... Não tem problema, podemos começar a nos fa...

  E nessa hora, a verme miserável entrou na sala! Vocês já devem saber quem é: a Molly!!!

- Oi Abnerzinho! Tudo bem fofucho? E o que essa rata tá fazendo conversando com você?

- Porra Molly! Você é chata pra cacete, hein! Aff! Foi mal aí Zoe... Vou resolver uns baguí. Depois a gente se ver.

- T. tchau...

  E ele saiu com aquela garota... mais tudo bem. Conversei com o Adam e ele me disse que a namorada dele ia se mudar pra a nossa cidade! Fiquei feliz, pois ela é como uma irmã pra mim...

  A aula acabou, e o meu crush veio perto de mim:

- Desculpa por mais cedo... é porque a Molly é muito chata! Aqui meu número, chama lá.

- Tudo bem!

  Chamei ele, conversamos bastante:

 

                                                                      Oi Abner

Ah, oi Zoe! Td Bm?

                                                                  Tô bm e vc?

Ótimo! 

                                                                  Q bm! ^^

Er... entt... quer sair cmg hj?

                                                                Aceito ir

Aposto q ficou coradinha!! Hahaha

                                                           Nunca na vida!

 Aham sei!

 

                                            . . .

 

Aí como eu estava feliz!!!! Jesus!!!

                                  Abner ON

  Chamei ela pra sair porque decidi me declarar pra ela, não sei se ela sente o mesmo, mais, não custa tentar.

                                  Abner OFF

 

  Ele chegou na minha casa com dois skates... Isso! Dois skates! E eu não sabia andar de skate, mais...

- Oi Linda! Tá muito bonita!

- Valeu.

- Toma, de presente do nosso primeiro rolê juntos.

- Sério? Pow, obrigadaaaaa!!!

- Sabe?- E apontou para o skate.

- N- não...

- Sem problemas! Aqui estou eu para te ajudar.

  E ele me ajudou, até que eu peguei a manha! Uhuuuuul!!!! Tomamos sorvete, ele me ensinou uma manobras maneiras, comemos e até brincamos!

- Zoe. Quero te falar uma coisa...

- Pode falar, sou toda ouvidos.

- Eu tô...

   E a peste apareceu! Ela só pode fazer macumba véi!!! POXA!!

- Abnerzinhooo!! Com essa trouxa de novo? Tem muito que aprender...

 


Notas Finais


Acabooou!! Depois posto mais!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...