História Por que te amo?(paulicia) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Adriano Ramos, Alícia Gusman, Bibi Smith, Carmen Carrilho, Cirilo Rivera, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Diana Ayala, Firmino Gonçalves, Jaime Palillo, Jorge Cavalieri, Kokimoto Mishima, Laura Gianolli, Marcelina Guerra, Margarida Garcia, Maria Joaquina Medsen, Mário Ayala, Paulo Guerra, Personagens Originais, Rabito, Valéria Ferreira
Visualizações 331
Palavras 617
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Primeiro capítulo


Na manhã seguinte todos os adolescentes estavam no colégio mundial para irem ao acampamento. 

─ Estão todos aqui? ─ perguntou a diretora recebendo um sim desanimado causando estranhamento na mulher que apenas mandou todos entrarem no ônibus. 

─  Não, tudo bem. Sim a gente saiu agora... Não sua doida! Quem guarda veneno na bolsa Al? Ah você é retardado, beleza, tá tchau, beijos. ─ fala a Ferreira ao telefone enquanto sentava em um banco que não havia ninguém. 

─ Jorge ela mandou um beijo pra ti ─ gritou para o Cavalieri que estava ao lado da Medsen que apenas revirou os olhos ao ouvir a voz da ferreira. 

O restante do caminho foi tranquilo, a maioria conversava com seus colegas do lado, mexiam no celular, ou dormiam. 

Porém Jorge e Valéria estavam duplamente animados e triplamente nervosos ;animados em rever a amiga de tanto tempo e nervosos para ver a reação dela e de seus - nem tão queridos - quando se vissem após tanto tempo

... 

Ao chegar no acampamento tanto a Ferreira quando o Cavalieri sorriram e quando abriram a porta todos os adolescentes saíram. Alguns mais animados do que outro, obviamente. 

─ Bem vindos ao acampamento panapaná ─disse o senhor de idade ao lado das adolescentes ─ eu sou o senhor durval campos durmo de ponta cabeça e adoro dar informações inúteis sobre mim mesmo ─ falou causando algumas risadas nos adolescentes ─ Este é o meu sobrinho Alan ─ diz e as meninas soltam um suspiro enquanto os garotos reviram os olhos. 

Logo após essa apresentação uma garota de cabelo rosa chegou com um shorts jeans e uma blusa preta preta com um all star. 

─ Desculpa o atraso vovô ─ fala a garota colocando uma mecha de cabelo atrás da orelha então o homem sorriu. 

─ Tudo bem minha querida ─ fala o homem e ela sorriu se colocando ao lado do primo ─ essa é a minha neta, Alicia Gusman ─ fala e a garota deu um pequeno sorriso e acenou. 

─  Alicia?! ─ falaram todos juntos surpresos, menos a Ferreira e o Cavalieri, que aguardavam uma resposta

─ Oi galera ─ fala a Gusman olhando para cada um dos alunos da mundial parando o olhar nos dois amigos e sorrindo como se falasse está tudo bem

─ Alan distribua as... 

─ Não vô! Os meus amigos vão passar as férias no acampamento também. ─ avisou a Gusman e o idoso soltou um longo suspiro dando-se por vencido. 

─ Tudo bem Ally. ─ fala fazendo a sua neta sorrir ─ Alan você mostra o alojamento dos garotos enquanto você mostra o alojamento das meninas. Tudo bem? ─ perguntou e ambos concordaram.

Então o senhor Durval saiu com graça e a diretora Olívia enquanto Alan saiu com os garotos, deixando apenas Jorge para trás. 

─  Cavalinho ─ diz ela abraçando o loiro que riu dando um selar na sua bochecha. 

─ Tenho que ir no alojamento depois a gente conversa. Aliás quero saber o que ocorreu esse ano ─ fala para a garota que riu. 

─ Você não vai querer saber não ─ grita a Gusman causando uma gargalhada no garoto que já estava distante. 

Então a mesma virou-se para as garotas e abraçou a Ferreira de lado. 

─ Vamos? Ah já aviso que se alguém se perder vai ter que se achar sozinha porque eu não sou obrigada ─ diz a garota fazendo ambas arregalarem brevemente os olhos. ─ vamos ─ fala a garota indo na frente junto com a Ferreira então todas as garotas a seguiram cheias de bagagens junto de si. 

Por mais que não parecesse a Gusman ainda se lembrava de cada palavra que cada "amigo" falou para si. 



Notas Finais


C O M E N T E M!
Porque isso estimula os autores a continuarem ^^

Bom, quem já leu a fanfic e se lembra dela percebe as diversas mudanças.

Sobre a Alicia, eu me inspirei na fala dela em cima de um livro da segunda Guerra aonde ele falava que quem se perdesse em uma mina de sal ficaria lá e morreria lá pq os soldados não iriam atrás de nenhum judeu então não eram para eles se perderem, nem por bem, nem por mal... Pesado né? Kkkjns


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...