História Por que tem que ser você? - Capítulo 32


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Hermione Granger, Severo Snape
Tags Granger, Harry Potter, Hermione Granger, Hogwarts, Romance, Severo Snape, Severo/hermione, Sevmione, Snamione, Snanger, Snape
Visualizações 198
Palavras 1.029
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Magia, Romance e Novela
Avisos: Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Meus leitores e leitoras lindos ♥
Foram tantos comentários... tanta gente aflita que eu não me segurei e está ai mais um capítulo. ♥
Preparem seus coraçõezinhos ♥

Capítulo 32 - O acordo de Dumbledore


Fanfic / Fanfiction Por que tem que ser você? - Capítulo 32 - O acordo de Dumbledore


Hermione retornava ao salão comunal da grifinória enxugando seu rosto, acabando com os vestígios de que havia chorado.

- Prometo a mim mesma que... – Ela dizia determinada. - não vou mais chorar por ele.

- Hermione! – Harry assim que a avistou correu em sua direção.

- Harry!

- Ah Hermione, desculpe eu deveria ter pensado nisso antes, como eu pude me esquecer, mas agora podemos...

- Harry! Não estou entendendo nada. Do que está falando?

- As lembranças do Snape! Podemos mostrar a ele suas próprias lembranças e assim ele poderá ao menos lembrar o quanto você é importante para ele.
As teimosas lágrimas de Hermione voltaram a surgir em seus olhos.

- Droga! Acabei de quebrar minha promessa.

- Mione o que foi?
A resposta dela foi um abraço, forte e caloroso, o abraço de consolo que ela tanto precisava naquele momento.
Enquanto ainda estavam abraçados, ela disse em meio ao choro:

- Ele já se lembrou de tudo Harry.

- Então por que está assim?

- Ele se lembrou de tudo, principalmente da noiva, Emilly Clarke. Assim que recobrou a memória, foi o primeiro nome que mencionou e em seguida saiu à procura dela.


Severo andava  a passos largos e decidido a encontrar Emilly, ele estava trêmulo e nervoso.
Assim que encontrou uma sala vazia, resolveu entrar e trancar-se nela.

- Estou muito nervoso. – Ele dizia a si mesmo tentando se acalmar. - Não posso tomar atitude alguma agora. Irei me ocupar o dia todo planejando meu noivado, que foi destruído pela maldita Lestrange. – Severo esmurrou a mesa em sua frente ao pronunciar o nome de Bellatrix. Sua raiva era palpável. - Justo no momento mais importante de minha vida, aquela maldita aparece e estraga tudo.
O sonserino andava de um lado para o outro da sala, pensando em tudo o que acabara de lembrar.

- Mas ainda há tempo de tudo ser corrigido. E não vejo oportunidade melhor que hoje à noite, no baile. Será o momento perfeito para apresentar a todos Emilly Clarke.

 

- Mi! – Gina correu em direção a Hermione e Harry. - Finalmente te achei. Estava a sua proc... Por que está chorando? Harry o que fez a ela?

- Eu? – Harry assustou-se pela forma que sua futura esposa havia falado.

- Ah Gina, só você para me fazer rir em um momento desses. – Hermione dizia mostrando um fraco sorriso.

- Mi, eu pensei que você e o Snape iam se reconciliar depois de ontem.

- Ele recuperou a memória Gina.

- Ah, agora entendi. – Gina ficou entristecida.

- O que foi Gina? Não fique assim por mim, vai doer, mas vai passar.

- É que, não é só por isso.

- O que houve meu amor? – Harry a perguntou enquanto a abraçava.

- Eu estava te procurando Mi, até que em uma das salas, ouvi o professor Snape, ele parecia estar sozinho, mas...  – Gina ponderou se deveria continuar.

- Continue Gina! – Granger estava agitada e ansiosa.

- O ouvi dizer que hoje à noite em nosso baile... ele irá apresentar à todos Emilly Clarke. Provavelmente irá anunciar seu noivado, ato que foi impedido na noite em que Bellatrix invadiu Hogwarts.

- Me desculpem, mas não serei obrigada a ver isso. Eu não vou ao baile! – Assim que afirmou essas palavras, Hermione saiu irritada, em direção à sala da diretora.

- Mas... Mione! – Harry gritou, mas a grifinória já havia saído de seu campo de visão.

- Calma meu amor! -  A ruiva o impediu de segui-la. – Ela só precisa de um tempo para colocar as ideias no lugar.


Após passar pela gárgula e chegar à porta do gabinete da diretora, Hermione encontrou a sala aberta, entretanto vazia.

- Srta. Granger! Há quanto tempo não nos falamos não é?
Hermione deu meia volta entrando na sala direcionando-se ao quadro de Alvo Dumbledore.

- Ah professor Dumbledore, não sabe o quanto nos faz falta.

- A morte é algo que não podemos evitar não é mesmo? O momento de minha partida já havia chegado. – O ex-diretor retratado no quadro a observou por alguns instantes e a perguntou:

- O que a aflige?

- Nada senhor. Apenas queria falar com a diretora sobre a formatura.

- E creio eu que esteja ansiosa para esta noite.

- Na verdade, não. Vim exatamente pedir à diretora permissão para não comparecer à formatura.

- E perderá este momento tão importante de sua vida Hermione?

- Não me sentirei confortavelmente bem lá.
O bruxo mais velho retratado a encarou através dos oclinhos meia-lua e após um suspiro a propôs:

- O que acha de fazermos um acordo?

- E qual seria?

- Quero que compareça a essa festa, pelo menos por quinze minutos. Em seguida, poderá ir embora.

- E por que devo comparecer?

- Porque esta noite será muito importante para você minha cara, é um ciclo de sua vida que termina. Não deve perdê-lo por causa de desentendimentos. – Ele percebendo a surpresa dela continuou:

- Sim, eu sei tudo o que ocorre neste castelo, os outros quadros são fofoqueiros. – A grifinória riu para ele que em resposta deu-lhe uma piscadela.

- Está bem, irei em sua consideração. – Hermione dizia vencida ao quadro do ex-diretor. – Não ficarei mais que quinze minutos.

- Tenho a absoluta certeza de que não irá se arrepender Hermione. Hoje será uma grande noite. A noite que pode mudar sua vida!

- Com certeza mudará!  - Ela respondeu um pouco cabisbaixa certa de que a mudança não seria agradável.


Assim que Snape refletiu e se acalmou, ele saiu da sala, para preparar a grande noite. Ele caminhava pelo castelo, com um jeito misterioso e reflexivo.

- Severo! – Ele ouviu alguém o chamando e reconheceu de quem era a voz.

- Emilly!
Ao chegar a sua frente ela depositou um beijo em seus lábios e disse animada:

- Você não se esqueceu de que hoje você me deve uma data para nosso casamento não é?

- Não me esqueci, de forma alguma.

- E então? – Ela estava inquieta aguardando a resposta. - Quando?
Severo acariciou o rosto de Clarke e afirmou:

- Hoje à noite te direi... querida. No baile, tenho uma surpresa pra você. 

 


Notas Finais


Pessoal! O próximo capítulo será a noite tão esperada!
O baile de formatura! Muitas emoções estão reservadas para essa noite!
Aguardem ♥ ♥ ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...