1. Spirit Fanfics >
  2. Por que, todos me odeiam? >
  3. Capítulo 7

História Por que, todos me odeiam? - Capítulo 7


Escrita por: _SonLuis2

Notas do Autor


Oiii gente!
Isso mesmo, mais um capítulo da história!
Bom gente... Eu queria me desculpar com vocês por ter demorado tanto para postar um novo capítulo, eu acabei demorando porque eu estou andando ocupado de mais com a escola, por causa dela eu estou tempo pouquíssimo tempo para fazer outras e estou ficando extremamente cansado, tipo o final de semana que teve eu estava tão cansado que eu quase dormi o dia inteiro no sabado e domingo, então por favor me desculpe mesmo por estar demorando tanto para lançar capítulos novos.
Bom, espero que vocês gostem do capítulo.
Boa leitura!

Capítulo 7 - Capítulo 7


*Explosão*

???- ACORDE!

Izuku- Ah?! -Ele grita se levantando respirando pesadamente.

Ele começa a olhar envolta e vê que está em seu quarto.

Izuku- O que foi isso?

De repente o despertador dele começa a tocar, e ele se vira para desligar ele.

Izuku- O quê...?

605:459

Izuku- Que porcaria é essa? -Ele fala pegando o despertador.

Mas de repente o despertador começou a ficar quente e ele rapidamente soltou o despertador fazendo, ele cair no chão, e o despertador de repente começa a derreter o chão e cai no andar de baixo.

Izuku- O que tá acontecendo aqui? -Ele diz se levantando rapidamente e indo até à entrada do quarto.

Mas antes de ele sair, ele vê uma luz saindo da porta do banheiro dele e sangue escorrendo por ali.

Izuku- (pensamento) Mas que...?

Ele começa a se aproximar dali e tenta abrir a porta, mas mesmo ele fazendo força e usando seus poderes a porta não abre, até parecendo que tem uma barreira na frente da porta.

Izuku- Desisto, eu vejo isso depois. -Ele tenta abrir a porta do quarto, mas ele vê que ela também não estava abrindo, então ele fica com o punho gigante e bate na porta destruindo, ela.

Ele rapidamente sai do quarto, mas quando ele faz isso, ele vê grandes placas de ferro fechando as entradas do corredor e as portas dos outros quartos.

Izuku- Não tenho tempo para quebrar aquilo. -Ele diz desaparecendo dali.

Izuku- Ainda bem que eu deixei esse pentagrama na sala do Aizawa...

Ele rapidamente abre a porta da sala e sai dali e corre até a entrada dos dormitórios, mas quando ele chega ali, ele vê que todas as grandes janelas que sempre estavam abertas com a luz do sol entrando, estavam todas bloqueadas por placas de metais, incluindo a entrada do local.

Izuku- Legal, mais ainda para eu destruir...

Ele fica coberto de tintas aumentando de tamanho e ficando com os braços e punhos maiores, e avança na direção da entrada dos dormitórios e começa a bater nas portas, depois de alguns minutos as portas saem voando e fazendo erguer uma grande quantidade de poeira.

Izuku- Finalmente vou sair daqui, e onde está todo mundo? -ele diz andando para fora e voltando ao normal.

Mas quando ele saiu e passou por toda aquela poeira, ele ficou sem reação nenhuma.

Izuku- O-O q-quê...? -Ele diz olhando envolta.

A parte com uma pequena floresta da U.A estava em chamas, o prédio da U.A estava todo fechado com placas e painéis de metal, mas algumas partes do prédio estavam caindo e estavam em chamas.

Izuku- O que aconteceu aqui?!

Mas de repente um grande som de explosão acontece, e ele se teleporta até o terraço do dormitório para ver da onde isso veio.

Izuku- Da onde esse barulho veio?

Mas de repente o mesmo som acontece de novo e ele percebe que ele vinha da direção da cidade, mas ele vê que a cidade não estava ali, até que ele percebe que envolta de toda a U.A estava um campo de força gigante.

Izuku- Como vou sair disso aqui?

Ele fica por alguns minutos pensando até que ele se lembra de algo.

Izuku- O pentagrama que eu deixei embaixo daquele prédio, eu posso usar ele para sair daqui. -Ele diz sumindo dali.

De repente ele aparece dentro de uma sala, e começa a olhar ela.

Izuku- (Pensamento) parece que não tem nada aqui. -Ele diz andando para fora do local.

Mas quando ele chega do lado de fora, ele vê o céu inteiro preto e vermelho.

Izuku- Por que o céu está assim? Preciso ver melhor isso.

Ele faz aparecer no chão uma caveira e sobe nela, e começa a voar até subir muito alto.

Izuku- Não pode ser...

Ele vê toda a cidade em chamas com prédios e casas destruídas e com várias partes desabando e caindo.

Izuku- Mas que merda está acontecendo?!

Izuku- Eu apenas fui dormir, e hoje tudo está em caos, como isso é possível?!

Izuku- (Pensamento) Ficar aqui parado gritando não vai ajudar em nada, é melhor eu explorar a cidade.

Ele começa a voar pela cidade, observando todas as casas e milhares de outras construções destruídas e pegando fogo.

Mas de repente uma grande explosão acontece na frente dele, fazendo ele sair voando e cair em um prédio.

Izuku- Ah, o que aconteceu? -Ele fala se levantando.

Mas antes que ele faça qualquer coisa, algo atinge ele fazendo, ele atravessar o chão do prédio e voar em outro.

Izuku- Mas que droga?! Se tiver alguém aqui apareça! -Ele grita ficando em posição de luta.

Mas de novo algo acerta ele, dessa vez com mais força, fazendo ele atravessar vários andares do prédio e cair com tudo no meio da rua destruindo, ela, e ele também vê uma grande quantidade de fogo cercando, ele.

Izuku- D-Droga... O que é que seja que está me atingindo, realmente é forte.

De repente ele vê vários olhos de diferentes cores surgindo da escuridão das casas e prédios destruídos que estavam em volta dele.

Izuku- Se vocês querem lutar, está bem então! Podem vir! -Ele grita ficando com uma voz grossa, e com o corpo aumentando de tamanho e ficando coberto inteiro de tinta e ficando com garras nas mãos e vários ossos em chamas voando envolta dele.

E depois disso ele começa a correr na direção daqueles olhos, até que todos os olhos desaparecem, e um monte de seres vão voando na direção dele.

Izuku- (Pensamento) Isso são nomus?! Mas eles parecem diferentes... Eu não tenho tempo para pensar agora, eu preciso lutar!

 Ele rapidamente corta com suas garras alguns Nomus que estavam perto dele, e logo em seguida lança vários ossos em chamas neles perfurando vários deles.

Mas sem que ele perceba um Nomu atrás dele aumenta as unhas de tamanho e corta a região das costelas dele, e logo em seguida acerta um soco nele fazendo ele voar para o céu.

Izuku- Porcaria. -Ele diz começando a curar o local ferido. Pelo menos não foi tão ruim igual o golpe que eu tomei aquela vez.

Mas ele olha para baixo e vê vários Nomus voando na direção dele até que ele vê um perto de acertar ele.

Izuku- Droga! -Ele grita criando rapidamente uma caveira maior do que as normais na frente, para usar como escudo. Morra!

Ele transforma seu braço em uma foice e corta o Nomu ao meio.

Izuku- (Pensamento) Essa foi por pouco. Mas como eu criei essa caveira desse tamanho? Eu não havia feito algo assim antes ainda.

Mas sem ele perceber alguns Nomus aparecem do lado dele e predem seus braços e pernas e começam a puxar eles.

Izuku- (Pensamento) Eles estão tentando arrancar meus braços e minhas pernas!

Mas sem que ele perceba, ele ficou com o olho brilhando em azul, e grandes ossos apareceram ali furando todos aqueles Nomus destruindo, eles.

Izuku- Morram!

De repente uma caveira gigante aparece de novo, mas dessa vez ela estava completa e com a boca aberta.

Izuku- O quê?

E de repente um grande feixe azul sai dela atingindo todos aqueles Nomus e depois o feixe some, e quase todos os Nomus que estavam ali viraram nada.

Izuku- (Pensamento) Como eu fiz isso? Depois eu texto isso melhor, agora é melhor eu sair logo daqui.

Ele faz surgir asas de tintas em suas costas, e voa para longe dali.

Minutos depois

Ele continuava voando, até que ele chegou em uma floresta.

Izuku- O que é aquilo? -Ele começa a se aproximar mais dali. Uma casa no meio da floresta? Parece que não tem ninguém ali, acho que vou ficar ali um pouco.

Ele pousa na frente da casa, e volta a sua forma normal.

Ele abre a porta e vê a casa cheia de poeira e teias de aranha.

Izuku- Está bem suja a casa, mas não importa, ela já vai dar para eu ficar aqui por um tempo... Eu não posso voltar para a U.A ainda, eu preciso descobrir como tudo isso aconteceu, e onde está todo mundo? Não tem nenhuma pessoa em lugar nenhum, os heróis, os civis e os alunos, onde todos estão?!

Izuku- Eu estou pensando de mais, é melhor eu descansar um pouco. Agora é descobrir onde deve ter algum quarto, essa casa é muito grande.

Depois de alguns minutos procurando ele consegue encontrar o quarto principal da casa.

Izuku- Estranho, esse quarto não está cheio de poeira e sujo igual os outros.

Depois disso ele se deita, e acaba dormindo.

Horas depois

Uma grande tempestade estava acontecendo.

Izuku- Mas que droga, eu não consigo dormir! -Ele grita se levantando da cama. Eu vou achar de uma vez essa porta que não para de bater.

Ele começa a andar pela casa, até que ele vai nos fundos da casa e vê a porta de metal ali batendo, mas quando ele se aproxima para fechar ela, ele começa a ouvir muitos barulhos de trovões.

Izuku- Melhor eu ir deitar de uma vez.

Mas quando ele estava fechando a porta, um raio atinge, ele causando uma explosão, fazendo ele voar para longe e desmaiar.

Local: ???

Izuku- AH?! -Ele grita se levantando rapidamente.

Izuku- O-Onde eu estou? -Ele começa a olhar envolta. Aqui parece o meu quarto...

Ele se levanta da cama, e caminha até a janela da varanda e abre as cortinas, e quando ele faz isso ele vê o céu normal e todo o campo da U.A normal também.

Izuku- Tudo está... Normal...? -Ele diz olhando para tudo em sua volta.

Izuku- Tudo aquilo que eu vi foi apenas um sonho? Uma premonição? Ou será que isso é o... Futuro...?

Izuku- (Pensamento) Se isso realmente for o futuro... O que aconteceu para tudo aquilo acontecer? Quer saber, eu acho melhor eu ir andar um pouco.

Depois disso o Izuku se teletransporta para a entrada do dormitório e começa a andar.

Izuku- (Pensamento) Estou ficando melhor em usar esse poder de teleporte.

Ele continua andando até que ele passa pelo ginásio de treino e vê que as luzes estão acessas e escuta alguns barulhos lá dentro.

Izuku- Hm? Parece que alguém está ali treinando, porque não dar uma olhada.

Ele se aproxima da entrada e vê ali dentro, o All Might parado vendo alguém, e ele vê o Mirio ali treinando.

Izuku- (Pensamento) Entendi, ele deve estar apenas treinando para dominar o One For All.

Mirio- A-All M-Might s-sensei... E-eu preciso de u-uma pausa.

All Might- Certo meu jovem! Vá beber um pouco de água, você parece bem mal.

Mirio- C-Certo. -Ele fala caminhando para a entrada do local.

O Izuku rapidamente se cobre de tinta e se esconde nas sombras.

Izuku- (Pensamento) Estranho... O Mirio realmente parece bem ruim, melhor seguir ele.

O Izuku começa a seguir o Mirio, até que ele vê o Mirio entrando no banheiro e ligando umas das torneiras de água.

O Izuku entra ali e vê o Mirio parado olhando para a água caindo, até que ele de repente começou a cuspir sangue sem parar e quase cair no chão.

Izuku- (Pensamento) Mirio... O que aconteceu com você?

Mirio- Droga... De novo isso está acontecendo! Calma... Eu tenho que acalmar. Preciso continuar sorrindo e mostrar que eu sou forte e continuar treinando para dominar todo o poder do One For All. Mas por que isso está acontecendo comigo? Porque?!

Izuku- Mirio.

Mirio- Ah?! -Fala se preparando para lutar.

Izuku- Ei calma, é apenas eu o Izuku.

Mirio- Ah!? Izuku... Hehehe, como vai? -Ele diz sorrindo.

Mirio- (Pensamento) Será que ele viu algo?

Izuku- Se você estiver se perguntando se eu vi, sim, eu vi, e por causa disso eu te pergunto, o que está acontecendo e quando isso começou?

Mirio- ...

Izuku- Então...?

Mirio- Certo eu irei falar... Eu já estou indo a algumas semanas em médicos para saber o que está acontecendo comigo, mas nenhum deles descobriu o que pode ser... Então eu fui até a Recovery Girl, e ela descobriu que parece que eu estou ficando muito mais velho que o normal, como se eu estivesse tendo minha vida sugada...

Izuku- ... E quando isso começou?

Mirio- Desde que eu recebi o One For All...


Notas Finais


Bom gente, esse foi o capítulo.
Espero que vocês tenham gostado.
Dicas, estão gostam da história, querem falar algo? Basta comentar que eu irei responder!
Tenham todos uma boa tarde.
Tchau!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...