1. Spirit Fanfics >
  2. Por Trás Das Câmeras >
  3. Capítulo 8

História Por Trás Das Câmeras - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura!!

Capítulo 8 - Capítulo 8


Sofia Pov

Já fazia uma semana que eu e Dove estávamos namorando, e foi melhor semana da minha vida.

Passávamos os dias todos juntas, quando não era na minha casa era na dela, não podíamos estar mais felizes.

Todos já estavam sabendo e quase todos estavam felizes por nós, os que não gostaram foram Mitchell e Marcos, que é o assessor de Dove. Nossas redes sociais estavam infestadas de fãs que também estavam felizes por nós.

É maravilhoso ver que você pode sempre contar com o apoio deles, é reconfortante saber do carinho que sentem por você, que admiram seu trabalho.

Quando minha família soube que eu estava namorando uma menina ficaram um pouco surpresos mas falaram que já desconfiavam, principalmente minha irmã, o mesmo aconteceu com a família de Dove, ficaram surpresos por sua orientação mas aceitaram numa boa. Nos fizeram até marcar um churrasco entre nossas famílias para que se conheçam, segundo eles ia ser churrasco porque não queriam nada formal.

Flashback on

-Mãe, pai, posso falar com vocês? - Pergunto ao chegar na sala e encontrar os dois assistindo televisão

-Claro, sente aqui - Fala minha mãe apontando para um lugar vazio no sofá. Assim que sento meu pai vai logo desligando a televisão

-Pode falar - Fala meu pai com uma voz doce

-Olha, eu não sei como vocês vão reagir à isso mas antes de eu contar eu queria dizer que mesmo com tudo isso eu continuo sendo o a mesma pessoa que sempre fui. É... que... - Eu não conseguia terminar minha sentença.

Eu estava tremendo e algumas lágrimas já escorriam por minhas bochechas. Minha mãe logo trata de limpá-las

-Filha, calma, pare de chorar e nos conte o que houve - Pede minha mãe

-Mãe, pai, eu... eu estou namorando uma menina - Falo com medo da reação deles

-Era isso? - Pergunta meu pai e eu aceno com a cabeça, não conseguindo pronunciar nem um "a" - Filha, olhe pra mim - Pede e eu o obedeço - Não se preocupe com isso, não posso mentir, estou um pouco surpreso, mas também não posso falar que já não desconfiava. Não precisa se preocupar com o que vamos achar, sempre te aceitaremos como você é.

-Sério? que dizer, vocês não estão chateados ou decepcionados?

-O que? nunca - Minha mãe fala incrédula - Muito pelo contrário, você e sua irmã são nossos orgulhos e não vai ser sua orientação sexual que irá mudar isso. O que achou que íamos fazer? te renegar como filha? te expulsar?

Não disse nada apenas abaixei minha cabeça em um ato claro de que aquela era uma das hipóteses

-Meu Deus, filha, deixa eu te explicar uma coisa, existem muitos ex's na vida: ex's amigos, ex's namorados ou namoradas e ex's maridos ou esposas, mas nunca, nunca vão existir ex's pais ou mães - Diz meu pai enquanto fazia um carinho nas minhas costas

-Ou irmãs - Minha irmã aparece na sala - Não acredito que essa ideia tenha passado pela sua cabeça

Eu só sabia chorar, senti que estava retirando um peso das costas, o medo de ser rejeitada por meus próprios pais estava me deixando.

-Filha, pare de chorar - Diz minha mãe e eu a abraço forte enquanto chorava

-Meu amor, vamos sempre estar aqui pra você - Diz meu pai

-Nós te amamos Sof - Os três dizem juntos

Flashback off

Depois da quele dia, meus pais começaram à me cobrar o churrasco com a família de Dove e depois de saber que os pais dela faziam o mesmo resolvemos marcar para hoje, na mesma casa de praia na qual eu pedi minha loirinha em namoro.

Só de pensar nela já abro um sorriso idiota no rosto. Meu Deus, eu sou muito trouxa por essa mulher.

-Pensando em uma certa loira de olhos verdes? - Pergunta minha irmã

-Como sabe? - Pergunto voltando à realidade

-O sorriso de trouxa e os olhos brilhando te entragam irmãzinha

-Eu sou muito apaixonada nela, tudo nela, cada mínima parte

-Eu vejo isso, e também posso ver que é recíproco. Sofia, sério, só dela te ver aqueles olhos verdes já brilham, é muito lindo esse amor de vocês

-Você não poderia estar mais certa - Ouço uma voz atrás da gente, me viro e vejo os olhos que eu tanto amo - Realmente, eu sou muito trouxa por uma certa morena dos olhos castanhos - Abro um largo sorriso

-Amor - Falo a abraçando forte pela cintura enquanto ela rodeava seus braços por meus ombros, e vai puxando meu rosto de encontro ao seu, juntando nosso lábios em um beijo calmo e cheio de sentimentos - Te amo - Falo pela primeira vez, a primeira de nós duas a falar eu te amo, vejo seus olhos ganharem um brilho à mais

-Também te amo, muito - Fala me enchendo de selinhos - Amor, vem, quero te mostrar meus pais - Sai me puxando para dentro de casa

-Que Deus me ajude - Engulo em seco e continuo à seguindo

Ela me leva para dentro da casa, a tensão em meu corpo ficando cada vez maior. "E se eles não gostarem de mim?","E se eles não aprovarem nosso namoro?" Esse era alguns dos pensamentos que passavam em minha cabeça.

-Amor, fica calma, da pra sentir sua tensão daqui. Eles vão te adorar, fique calma.

Ela me leva em direção à sala nossos pais já estavam em uma conversa animada e nossas irmãs riam juntas, até parece que se conhecem à anos.

-Mãe, pai - Ela chama a atenção deles - Essa é Sofia Carson, minha namorada

Eles me lançam olhares carinhosos e quando eu ia estender a mão para sua mãe, ela logo me dá um abraço, daqueles que só à mãe sabe dar. Seu pai me estendeu a mão mas logo me deu um abraço.

-Sofia, posso falar com você? - Seu pai pergunta e logo o medo me consome - Calma, fica tranquila, só quero saber algumas coisas, coisa de pai

-Claro - Resondo com a voz trêmula, olho para Dove e ela está com um sorriso divertido no rosto. Sério que ela tá se divertindo com isso?

-Digo o mesmo, Dove, podemos conversar? - Pergunta meu pai e é a vez dela ficar tensa. Agora quem tem o sorriso divertido sou eu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...