1. Spirit Fanfics >
  2. Por trás dos bastidores >
  3. Amizade abalada

História Por trás dos bastidores - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gente, desculpe a demora. Tive uns problemas.
Aqui está mais um pra vcs.
Espero que gostem :)

Capítulo 3 - Amizade abalada


Finn narrando:

Era isso, eu definitivamente havia acabado com a noite. Resolvi ir embora, mas sei que Noah e Sadie perceberam porque vieram falar comigo antes de eu sair.

-Finn, o que houve a gente viu a Millie sair chorando. - Noah disse rapidamente.

-Espera, você está com uma cara péssima, ai não me diz que vocês brigaram de novo?- Sadie disse nervosa.

-Foi pior que isso. - contei a eles tudo.

-Não acredito nisso Finn, a Millie deve estar arrasada. - Sadie só me deixava mais nervoso do que eu estava – Noah me leva até o hotel que ela está hospedada? 

-Claro que levo, mas Finn tenta falar com ela amanhã... - Noah me diz.

Mas tenho uma ideia melhor...

Narração de Sadie:
Eu precisava ajudar Millie, Noah foi muito gentil em me trazer pra vê-la, como meu melhor amigo eu não esperava menos dele, toquei a campainha várias vezes até ela abrir a porta, estava com os olhos marejados e a maquiagem borrada, eu sabia que ela havia chorado. 

-Mills, eu sinto muito – ela me abraçou e eu abracei de volta. 

Millie era muito sensível e eu sabia que quando se tratava de Finn ela sofria ainda mais.

-Falei com Finn e ele está arrasado. - Sentei ao seu lado no pequeno sofá que havia no quarto.

-Ele fala as coisas como se eu não tivesse sentimento sabe... Queria poder simplesmente evitar ele por meses... 

-Não, não queria não Millie, você o ama. - dessa vez ela nem tentou negar, estava na cara que os sentimentos de amizade ali estavam muito mais fortes.

-Eu não posso Sadie, não posso...

-Claro que pode amiga, e eu sei que ele também te ama, ele só não sabe lidar com os sentimentos, são tantos anos juntos que seria estranho se fosse diferente.

-Queria que fosse fácil Sadie, mas não é... - ela deita a cabeça em meu colo.

Algum tempo depois da conversa, Millie acaba pegando no sono e meu celular toca, corro para atender.

-Noah?

-Como ela está? - ele se refere a Millie.

-Bem...Ela está magoada com ele, ela o ama Noah...

-Eu sei disso, Finn é um cabeça dura, agora está todo arrependido aqui.

-Espera vocês estão juntos?

-Ele quer ir ver Millie e não há quem o faça mudar de ideia.

-Noah, mas agora? - perguntei olhando a hora - São quase duas da manhã.

-Só pede pra ela vir até o salão do hotel por favor, pela nossa amizade? 

-Vocês estão aprontando algo não é? Diz para ele que espero que seja ótimo pra eu acordar ela e convencê-la a ir comigo.

Nesse momento ouço um barulho no celular 

-Sadie aqui é o Finn...

-Você não a merece Finn! - soltei chateada

-Eu sei, mas por favor, trás ela Sadie, trás ela pra mim... 

-É bom que seja incrível...- desliguei rapidamente e cutuquei Millie.

Ela bocejou acordando.

-Mills, preciso que venha comigo agora.

-Aconteceu algo Sadie?

-Aconteceu, só vem comigo.

Millie me observou por um segundo e veio comigo ainda desconfiada,  tentei ajeitar o cabelo dela no caminho enquanto ela me fazia mil perguntas do por quê. 
-Calma estamos quase lá... - eu disse chegando ao salão do hotel com ela.

Ela paralisou ao ver as pequenas luzes penduradas no teto, haviam muitas rosas coloridas espalhadas pelo chão. Eu sorri ao ver Noah vindo em nossa direção, uma música baixa começou a tocar.

-Desculpe Mills, mas vocês ainda precisam conversar. - ele disse segurando minha mão.

-Desculpe amiga – eu disse vendo Finn se aproximar e Millie me fuzilar com os olhos. Saí com Noah o mais rapidamente deixando os dois sozinhos no salão.

Millie narrando:

Sadie e Noah me pagam, eu tinha que imaginar que era algo assim. Finn se aproximou com a gravata torta, e uma cara de cachorro arrependido.

-Podemos conversar? - ele me olhava suplicante.

Naquele momento não conseguia ver o Finn meu amigo bobo do set de filmagens, não via mais um personagem, ele estava genuinamente bonito. Algo dentro de mim havia sido despertado, eu só queria beijá-lo. Não seria como se nunca tivessemos feito isso antes afinal somos um casal na série. Mas eu ainda estava chateada pela atitude dele.

-Eu não sei Finn...- eu olhei ao redor – Pra que tudo isso?

-Pra que? Pra você Millie, eu fiz tudo isso pra você.

-Você sabe que poderia falar comigo a qualquer momento, não precisava disso.

-Por que você ainda quer ficar brigando? Millie eu só quero me desculpar. - ele segurou minha mão, e com a outra mão puxou minha cintura para si.

-Finn...

-Dança comigo essa noite. - Ele estava tão sério, me fez ficar sem fala. - Era pra ter sido assim lá na Premiere.

Fechei os olhos e deixei me levar pelo momento, a música que tocava era tão linda, Finn estava tão perto. Sentir seu toque me fazia sentir segura, como se eu pertencesse ali, aquele lugar. 

-Eu não sei porque estamos assim Finn. - Resolvi ser sincera com ele, recostei a cabeça em seu ombro.

-Eu ando sendo um idiota com você , mas é só porque quero te proteger.

-Sei que não gosta do Jacob e eu jamais teria feito algo pra te machucar, ou provocar. - eu respondi rapidamente com medo dele duvidar disso.

-Eu não confio nele, me desculpa ter sido grosso com você. - Me afastei dele o suficiente para olha-lo nos olhos.

-Não gosto mais quando você me afasta de você, não é só pelo modo como fala. - Finn fez carinho em meu rosto com uma das mãos que antes estava em minha cintura.

-Eu odeio te fazer sofrer Mills, principalmente por mim, me sinto um peso pra você.

Percebi que ele havia sido sincero quanto a isso, foi então que parei de dançar. E ficamos parados nos encarando.

-Você nunca mais diga isso Finn, você não sabe o quanto é impor...- tentei continuar, mas fim me interrompeu quando colocou os lábios nos meus.

No começo foi um beijo calmo, ele estava esperando uma reação minha talvez, mas só consegui corresponder.

Resolvi me afastar rapidamente, empurrando Finn. Tenho certeza de que ele se arrependeria depois. 

-Mills... Eu...

- Tudo bem Finn! Eu entendo que seja por causa da série. Não precisa se desculpar..

Finn estava estranho, não sei o que deu em mim pra sair falando tanto daquele jeito. Não demorou muito pra nós afastamos . Ele deve ter se arrependido com certeza. Parabéns mesmo Millie.


-Finn tá tudo bem...

Antes que ele pudesse falar Noah e Sadie apareceram rindo com uma bandeja de doces na mão 

-Finalmente meu casal é real? -Noah disse rindo.

Sadie desfez o sorriso ao me ver nervosa. Não conseguiria ficar aqui mais um minuto vendo Finn desse jeito. Senti meus olhos marejarem e sai rapidamente em direção ao elevador.

Mas quando ele abriu tive uma surpresa.

Finn

Que idiota eu fui. Como pude fazer isso com a Millie? O que eu sinto por ela é tão grande que chega a dar medo. Ela merece alguém melhor . Noah e Sadie chegaram em uma péssima hora. No momento que fui explicar pra Millie que o beijo não tinha nada a ver com a série. Mas a reação dela me fez recuar.

-Finn vai atrás dela! - Sadie disse nervosa.

- Eu vou - respondi decidido indo atrás de Millie.

Ela estava em frente ao elevador esperando este abrir. Cheguei mais perto e foi qua do ouvi uma voz conhecida.

-Ayla?

A loira estava em frente à Millie.

-Oii Finnie... Millstar! Que saudade.

Ela correu pra abraçar Millie que correspondeu o abraço da amiga.

-A festa já acabou? O Noah me disse que...

-Hey Ayla, você se atrasou. Trouxe o violão? - Sadie perguntou se aproximando de nós. 

Millie estava forçando um sorriso, mas eu sabia que ela estava chateada. Eu a conheço.

-Mills, podemos conversar? - perguntei aumentando o tom de voz pra ela ouvir.
Problema foi que todos ouviram.

- É melhor não Finn, estou com dor de cabeça. Vou subir galera. Foi ótimo te ver Ayla.

Ela entrou no elevador e apertou o botão nos deixando ali.

Sadie

Eu sabia que não ia dar certo conheço Millie e sei que ela quando coloca algo na cabeça não há quem a faça mudar. Finn foi direto na ação, mas demorou pra explicar o porquê do beijo. E ela logo tratou de colocar as palavras na boca do garoto. Eu gosto muito da minha amiga, mas tem horas que a insegurança dela fala mais alto. Eu e Noah estávamos dando nosso melhor pra ajudar os dois. Que pena que não estava dando certo. Finn sofre de ansiedade, chegou a ter grandes crises no passado e ele se atrapalha todo quando o assunto é sentimento. 

-Hey Noah. Você acha que eles vão se entender?- sussurrei 

-Se até eu desculpei o finn, Sadie a Millie vai também relaxa. Ela só esta nervosa. - ele disse confiante. Observando ela fechar o elevador.

Não sei porque eu não tive tanta certeza disso.

- Finnie você está bem? - Ayla estava muito confusa. - O que ela tem? 

-Desculpe Ayla, é que esses dois resolveram brigar de última hora. - Eu disse a ela me aproximando.

Finn simplesmente foi embora cabisbaixo e Noah resolveu o acompanhar.

-Caramba Sadie não sabia que era isso. Longa história?

- Eu te conto tudo no caminho, você vai dormir no hotel com a gente essa noite certo? 

-Certo. 

Ayla era legal, ela fazia parte da banda de Finn a calpurnia. Ela toca guitarra como ninguém. Simplesmente arrasa. Contei a ela resumidamente a história toda no caminho para o quarto de mills. Ela ficou chocada, mas prometeu guardar segredo. Ao entrarmos Millie já estava de pijama deitada no sofá próximo a janela do quarto.

-Hey Millie eu e Ayla vamos fazer um bolo, que tal? 

- Obrigada meninas, estou muito cansada essa noite. Mas fiquem a vontade.
Ayla olhou pra mim e resolvi deixar quieto. No outro dia cedo...

- Mills já acordou? Bom dia. - levantei rapidamente percebendo que ela estava praticamente pronta pra alguma entrevista.

- Bom dia Sadie, estou de saída já. Tenho alguns compromissos. Mas fiquem a vontade. Eu realmente preciso fazer o check out. 

Percebi que ela estava chateada por ontem. Ayla tinha acabado de acordar também e ficamos em silêncio enquanto Millie saia.
Talvez o melhor era evitar o assunto por enquanto.

Narrador

Millie estava mal pela situação que aconteceu a pouco entre ela e Finn. Apesar dos sentimentos confusos dentro de si eles eram muito amigos. Acabou inventando uma desculpa para não ter que dividir com Sadie aquilo que estava sentindo. Ainda mais perto de Ayla, que apesar de ser muito legal com ela tinha uma quedinha por seu colega de banda.
Ela se sentia frustrada e chateada com tudo. Aquele beijo significa o que afinal? Sua mente não parava de pensar em Finn, quando o barulho de seu celular a interrompe de seus pensamentos:

Mensagem de Finn

"Hey Mills a gente precisa conversar, por favor me ligue."

O coração da garota estava em dúvida. Mas Millie não queria ligar. Não saberia o que lhe dizer. Poucos minutos depois outra mensagem de Whatsapp.

"Vai mesmo fingir que nada aconteceu Millie?" - Finn.

A garota sentiu -se mal, mas sabia que era melhor assim. Ela não queria estragar a amizade apenas. Finn nunca a viu como mais que uma amiga. E mesmo que algo dentro dela começasse a surgir ela sabia que ele só estava confuso. Finn era assim. Sempre se confundia com os sentimentos.
Mais mensagens chegaram, mas ela decidiu ignorar. Afinal eles teriam tempo de conversar quando se vissem na festa do Golden Globe. De repente uma mensagem no grupo de stranger things. 
~st group~ 

Noah*

Galera que tal um after aqui em casa amanhã a noite?

Caleb*

Demorou eu levo uns DVDs, a gente não faz nada assim há meses, mas agora nas férias super dá.

Sadie*

Por mim tudo bem gente, mas oh a Ayla vai também tá. Ela tá aqui em casa vai passar o fim de semana.

Gaten*

Cara fala pra ela levar violão, eu adoro ela :)

Sadie*
:) uuui

Caleb*
Hahaha tranquilo por mim

Noah*

Agora falta a Mills e o Finn, cadê vcs?

Gaten*

Haha. Tinha que ser o nosso casal Mileven.

Finn*

Se a Millie estiver de acordo por mim tá ok.


Millie ficou pensativa, enquanto isso pq amigos estavam impacientes...

~st group~

Noah*

Millie?

*Sadie*

Parece que vc decide girl

Gaten*

Pq eu tô sentindo climão? :$

Millie*

Não tem clima nenhum Gaten, estava ocupada só... pode ser Noah!


Sadie* 

:) uhuuul
Nos vemos amanhã pessoal.

Noah*

As 7 horas aqui em casa. :)


Millie estava aflita, então resolveu ir andar no shopping mais próximo, precisava se distrair nem que fosse por apenas uma hora. Porque logo as pessoas começariam a pedir autógrafos por ela ser famosa. Caminhando tranquila até uma voz conhecida se aproximar.

- Millie! 

Era a voz de Jacob. Que ótimo. Uma distração era tudo que ela precisava. Infelizmente Jacob era a pessoa, mas nesse momento não importava.

-Jacob, oi.

- Oi. Nossa que surpresa te ver hoje. Estava mesmo pensando em você. 

Argh. Sério?

- Ah é mesmo? Bom estou aqui

- Vamos tomar um sorvete? Tem uma sorveteria incrível aqui! 

-Sabe o que é Jacob...Eu 

-Nada disso hoje o seu amiguinho super protetor de stranger things não está aqui, não aceito não como resposta.
 

- Vamos então:)

Millie sorriu e foi até a sorveteria com Jacob, o garoto seria bem bonito se não fosse tão cheio de si e chato.
A garota sentiu um arrepio que não sabia explicar porque aconteceu. Apenas sentiu que passado alguns minutos era hora de dar adeus a Jacob. Se Finn não gostava desse garoto Millie sentia que não deveria ficar muito perto dele. Então ela se despediu amigavelmente e seguiu em direção a sua casa. Chegando lá Paige sua irmã mais velha era a única em casa. 

- Mills chegou cedo hoje. Não tinha nada marcado com Sadie?

- Hoje não Paige. - a garota parecia preocupada.

-Ela pediu pra você ligar pra ela, achei que você tinha se esquecido de algum compromisso. Parecia importante. 

- Ok, vou ligar. Obrigada.

Millie subiu para seu quarto cabisbaixa. Abriu seu whats e viu do que se tratava.
Sadie havia mandado tantas mensagens que Millie tinha que abrir.

"Mills vc viu que postaram uma foto sua com Jacob no shopping?"

Droga. Millie não havia visto. Mas sabia do risco. 


Millie narrando

- Alô, Sadie? - Eu sabia que eu estava ferrada.

-Mills até que enfim atendeu...Tava preocupada com você.

- Eu não tinha visto a foto. Que ódio desses paparazzi. - Eu estava bufando de raiva.

- É sério que você saiu com ele Millie, justo o Jacob?

- Sadie eu estava no shopping, não encontrei ele propositalmente. E também que raiva disso. O que o garoto fez pra ser odiado por vocês ?

- Esquece só toma cuidado tá, eu aposto que o Finn viu a foto. E desculpa por ter armado pra vocês conversarem a intenção era vocês ficarem bem. E não pior. 

- Eu sei disso. Me desculpa também eu só não estou conseguindo definir meus sentimentos. Mas nós vemos amanhã na casa do Noah.

- Tudo bem. Se cuide. Até amanhã Mills.

Assim que Sadie desligou Millie viu uma mensagem no visor.

"Parece que não sou mais importante que Jacob Sartorius pra você. Esqueça tudo"

Finn.

Millie se sentiu mal, a última pessoa que pensava estar magoando era Finn. E como ela não queria magoar ele! Ela tentou ligar para seu amigo. Pois sabia que ele deveria estar chateado com ela.
Que ótimo, era tudo que ela menos precisava agora.


Notas Finais


Eita treta...
O que acham do Jacob?
Mta água pra rolar ainda...
Comentem...! Bjos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...