1. Spirit Fanfics >
  2. Por você ! >
  3. Momentos únicos !

História Por você ! - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Momentos únicos !


Sakura acordará lentamente e ao esfregar os olhos se deparou com uma figura sorridente em sua frente, a fazendo ir para trás assustada e o ver ficar chateado .

- Caramba, sou eu, por que o susto ? - disse Sasuke cruzando os braços e a vendo se encolher mais no canto, porém se aproximou para olha-la de perto e ver aquele cabelo bagunçado e aquelas roupas horríveis de ontem, ela precisava de um banho urgente .- você está horrível !

- Sasuke, não é um sonho ?

- Não, sou bem real e bem zangado, você está um caco, sério, melhor dar um jeito nisso, essa não é minha Sakura, cadê suas roupas boas e vê se lava esse cabelo ! - disse irritado a vendo se levantar rapidamente e sair dali correndo, indo para a rua, sem entender nada, apenas a seguiu e falava com ela .

- Isso é mesmo loucura, não era mentira, você voltou mesmo, mas que merda, eu estou louca só o que faltava ! - disse Sakura a passos rápidos pela rua, estava descalça e o fantasma do seu namorado atrás de si e achando ruim com ela .

- Sakura volta para a casa agora, vai tomar um banho sua porca, sério tá nojenta, não me ignora Haruno, olha que eu te dou umas palmadas, anda logo, volta e toma um banho ! - disse em gritos a vendo olhar para trás e correr mais ainda, dando tapas na cabeça e arregalando os olhos o vendo atravessar uma lixeira sem derruba-la .

- Mas que merda é essa ! - Gritou, chamando a atenção de algumas pessoas que passavam e não viam Sasuke ali, era apenas ela.

- Está tudo bem querida ? - perguntou uma idosa que toco seu ombro e logo Sakura a encarou surpresa, olhando para Sasuke e novamente para a idosa.

- Está sim, só o fantasma do meu namorado que resolveu voltar, mas está tudo bem .........

- Volta para a casa agora ! 

- Aí meu pai ele está falando comigo mesmo ! - disse inconformada, claro que falou com ele na noite passada, mas ainda achou ser delírio, porém ele estava ali gesticulando que daria palmadas nela se não voltasse .

- Ei, não me ignora, eu sei que está me ouvindo, Haruno volta agora ! 

- Eu preciso.......- Sakura correu ainda mais, atravessando a rua, Sasuke a seguiu e já com raiva olhava em volta procurando alguém favorável para ele e achou com sucesso, um garoto de cabelo loiro comprido e olhos azuis escuros, serviria, então entrou, sentindo um choque e um tremor, mas logo estava adaptado, olhou em direção onde Sakura ia e logo correu, conseguindo a alcançar e a pegar no colo .

- Quem é você, me solta ! - disse se debatendo e olhando para os lados para pedir ajuda, mas logo o rapaz bufou e saiu dali com ela, trincando os dentes de raiva .

- Fica quieta sua.....- Sasuke parou e gritou, chamando a atenção de mais pessoas e Sakura arreglar os olhos ao ver o mesmo a olhar com muita raiva.

- Sasuke ?! - perguntou e olhiu nós olhos do mesmo, vendo ambos ficarem pretos como de seu Sasuke e ele suspirar ao olhar as enormes olheiras em sua rosada e a cara de cansaço .

- Vamos agora tudo bem, fica quieta ! - andou e atravessou a rua sem solta-la, até chegarem a quela coisa que era a casa da Haruno .

#####################

- Ei para, eu posso fazer isso sozinha, me solta ! - disse empurrando o rapaz para fora do pequeno banheiro mas ele começar a tirar sua roupa e ligar o chuveiro, a colocando em seu ombro como um saco de batatas e ficar sem paciência .

- Sua porca, fedida, não confio em você para um banho completo, melhor ficar parada se não te amarro .- disse a colocando no chão e tirando as últimas peças de roupa a deixando completamente nua .

Sasuke então tirou sua roupa e ficou apenas de cueca, vendo Sakura ficar virada para a parede do banheiro e deixando a água cair em seu corpo, estava tremendo, mas não era para tanto, tinha um cara loiro e desconhecido aí a olhando, que dizia ser Sasuke, era estranho demais .

- Eu posso fazer isso sozinha, você ficar me olhando é estranho ! - foi direta e ele apenas ignorou e pegou o shampoo que estava cheio ainda, era para estar no final, lembra quando ela tinha comprado .

- Chega, só me deixe cuidar de você .- Então foi até os cabelos já molhados e começou a esfregar, ela estava mesmo acabada, muito magra e cabelos seco e sem vida, estava mesmo com depressão, tinha certeza, ela cheirava a bebida barata, era horrível vê-la daquele jeito, sabia que a mesma estava com medo, mas tinha que cuidar dela, era sua culpa .

- Está machucando ! - disse Sakura fracamente e Sasuke respirou fundo, nisso que dava não lavar o cabelo direito, várias feridas, então com isso, Sasuke colocou mais força ao esfregar a fazendo segurar seus braços e reclamar de dor .

- Bem feito, quem mandou ser uma garota relaxada ! - disse pegando mais shampoo e esfregando mais, mas logo a ouvindo chorar .

- Desculpa, me desculpa, eu nunca quis isso, eu só queria ficar com o meu Sasuke, do que adianta ser linda se quem eu quero que veja não está aqui ! - Sakura se abaixou e Sasuke em seguida, pegando os fios e tirando o sabão, ouvindo o choro sufocante que também o fez chorar .

- Olhe para mim Haruno, eu estou aqui, você não está louca, eu voltei para ficar com você, de um jeito diferente mas foi por você, então olha para mim, eu não quero te ver desse jeito .- o mesmo já chorava também e logo a abraçou por trás a apertando .- Me desculpe, eu nunca quis te deixar, isso é tão injusto, eu te amo tanto, não sabe como eu te amo, então por favor, você precisa melhorar agora, quero te ver feliz e não chorado .

- É você mesmo ? - disse Sakura em uma voz baixa e ele sorrir e a virar com tudo, ambos já molhados e Sasuke apenas a olhando nos olhos com gentileza.

- Sim, sou eu mesmo, sei que estou meio loiro agora, mas sou eu, então melhora essa cara e me deixe cuidar de você.

- Prova ! - disse séria e sasuke ficar emburrado e bufar .

- Que confiança em, ok ! - pensou e sorriu ao pensar em algo .- antes do acidente prometemos que nunca iríamos a um lugar sem o outro, onde fossemos, um levaria o outro, nossa música preferida é Pompeii, Bastille, foi quando eu te vi pela primeira vez naquela festa, toda formosa e uma gata devo dizer, eu até fiquei nervoso e errei algumas palavras, mas você riu e não ligou muito, eu ia te dar esse anel no dia do acidente....- apontou para a pequena jóia no dedo da garota e antes que dissesse algo, Sakura entrelaçou seus braços em seu pescoço e o beijou, mas era algo urgente, algo que precisava .- Acho que te convenci Haruno ! 

Sasuke riu e Sakura o olhou, tocando seu rosto delicadamente .

- Só você me chama de Haruno, Sasuke, isso é mesmo incrível, mas estranho .

- Eu sei, falar nisso, falta algumas coisas ainda ! - disse se afastando dela e logo voltar com uma escova de dentes e uma pasta e a rosada arregalar os olhos .

- O que ?! 

- Sério, gosto ruim de cachaça, abre essa boca logo ! - Sakura se sentiu insultada ele era direto e nada delicado, mas logo segurar em seu rosto e esfolando seus dentes com a escova cheia de pasta .

- Aaaaaaaaah, para tá doendo .

- Claro, deve estar cheio de cárie, que raiva de você, sério e depois do banho vamos procurar um lugar melhor, essa caixa de papelão é uma bosta, não é lugar para você viver ! 

- Mas não hmmmmmm !- sasuke a cortou jogando água em sua boca e a fazendo jogar fora a água em seguida, indo para o condicionador e passando mecha por mecha do cabelo, pegando um pente velho que havia ali e desembaraçando devagar, mas estava impossível, porém com mais esforço e ignorando os gritos de Sakura e os quase tombos quando puxava com tudo o pente .

- Eu juro, quando tudo isso acabar eu vou te fazer comprar roupas novas, vai ser a garota mais linda denovo .

- Mas eu não quero ! 

- Não vou sair com a minha noiva assim ! - ao dizer noiva Sakura olhou para o anel, ele ia a pedir em casamento, então o vendo se esforçar por ela, não podia ignorar.

- Noiva ?! 

- Sim, vamos sair, quero fazer o que pretendia, mas não nesse corpo, então vamos comprar algo e depois quero te encontrar no restaurante que íamos antes, entendeu ? 

- Sasuke, eu não sei se....

- Quieta, eu morri mas sou um cara apaixonado por uma garota e faria de tudo por ela, eu quero te dar isso, por favor Sakura ! - disse desligando o chuveiro em seguida e a enrolando na tolha .

####################

Logo na cidade Sasuke segurava na mão da rosada, que vestia a única roupa bia que tinha, um vestido azul escuro que ele havia comprado para a formatura dela na faculdade .

Mas lá estavam eles, em frente a uma loja imensa e logo entrando, Sakura o parou e o mesmo não entendeu .

- Como vai pagar, não tenho dinheiro ! - disse Sakura e Sasuke entendeu, então pensou, logo um número veio a sua cabeça e ao pegar a carteira do rapaz de nome Deidara, quem estava usado, ele tinha um cartão de crédito, então sorriu, ele era um fantasma, Deidara não se queixaria de quem gastou seu limite.

- Relaxa, vem ! - Sasuke a levou a uma área feminina e pegou uma bolsa, o bom de possuir alguém era que você tinha as informações da pessoa também, como a senha do cartão .

Sasuke apenas foi enchendo a bolsa de compras, uma roupa atrás da outra e Sakura tentando para-lo, dizendo não ser certo gastar o dinheiro de outra pessoa, mas o mesmo não se importou e continuou pegando sapatos e até roupas íntimas .

- Sasuke !

- Deidara o que faz aqui ? - disse uma mulher de cabelos pretos e olhos castanhos, Sasuke a olhou e a viu sorrir.

- Eh, bem, fazendo compras ! 

- Quem é essa, sua amiga ? - disse comprimentando Sakura e Sasuke logo pegando em sua mão e saindo dali e ignorando a mulher .- Ei, garoto estranho, achei que ele era gay, sabia que era fingimento, tá na cara que ele está com ela, ok, é fofo .- disse o deixando em paz .

Sasuke respirou fundo e ao ouvir aquilo olhou para Sakura que segurava a risada .

- Ele é gay, que cruel ! - disse Sakura se lembrando do beijo e Sasuke a encarando sem ânimo.

- Bom, se ele é gay, sinto muito, pois eu estou com um atraso de um ano e não quero esperar ! - disse olhando Sakura da cabeça aos pés e jogando um sorriso sexy, mexendo as duas sobrancelhas a vendo se afastar e se esconder atrás de um casaco para que o mesmo não olhasse seu corpo .

- Não vai rolar. - disse se negando e Sasuke se aproximando, se era para faze-la feliz, teria que tentar de tudo, talvez tirá-la da seca ajudaria, então a agarrou pela cintura a beijando no meio da loja, deixando olhares curiosos observarem .- hmmmmmm.

- Sshhh, uma coisa que deve saber, sou eu e não o dono do corpo, sou eu o seu Sasuke ! - disse em um sussurro, acariciando suas costas a vendo se arrepiar, mas logo esconder seu rosto em seu peito .

- Eu não sei o que fazer, é você, mas, eu não sei como reagir, você derrepente apareceu ontem, algo que não deveria acontecer ! - o olhou e Sasuke se sentiu meio deslocado, ela o queria e quando voltava, achava impossível .

- Só aceite que sou eu, se quiser pode colocar uma venda e deixa que eu a faça feliz novamente, for por isso que voltei, não posso te deixar assim !

- Mas você vai embora ? - disse Sakura um pouco aflita e se afastando, vendo Sasuke ficar quieto.- Não, claro que não, não faz sentido você voltar para me deixar feliz e ir embora, isso faria tudo piorar, então claro que vai ficar não é ?! - sorriu e Sasuke retribuiu, confirmando com a cabeça .

- Claro, seria besteira voltar para te deixar alegre e ir embora, ficaria triste novamente não é ?!

- Sim ! - ficou séria e Sasuke a abraçou.

- Eu não vou te deixar, eu prometi, não vou a lugar algum sem você !

Longe dali Kakashi observava e logo pode ver Sasuke em uma versão loira olhar para ele e arregalar os olhos, vendo ao lado dele uma mulher loira e Kakashi fazer um sinal de silêncio para o Uchiha que saiu dali com sua amada .

- Voltou ?

- Não sai por nenhum momento, eles são perfeitos juntos ! - disse Tsunade .

- Concordo, mas ainda não entendi, um atrás do outro, que curioso ! 

- Quando se tem uma conclusão na vida, não há nada que mude isso! 

- Hmmm, entendi agora, são raras essas situações ! 

- Mas vai ser um abalo em tanto Kakashi ! 

- Com certeza ! 


Continua ..........





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...